Corrija problemas relacionados com os anúncios de pesquisa dinâmicos

O estado da segmentação de anúncios dinâmica permite saber se as suas segmentações são elegíveis para publicação ou não. Se as suas segmentações de anúncios dinâmicas não estão a ser publicadas, pode utilizar o estado para determinar a natureza do problema. 

Estes estados estão listados na secção "Segmentações de anúncios dinâmicas" do menu Página do Google Ads. Este artigo explica o significado dos diferentes estados e como resolver os problemas que os causam.

Tipos de estado dos anúncios de pesquisa dinâmicos

Seguem-se os diferentes tipos de estado:
 

Tipo de estado Exemplos
Estados controlados por si

Campanha em pausa

Removido

Estados relacionados com o processamento do sistema Pendente
Estados que requerem uma alteração efetuada por si Abaixo do lance de primeira página 
O destino não funciona
Não foram encontradas páginas de destino correspondentes
Nenhuma consulta correspondente
Todas as páginas estão bloqueadas
O destino não é rastreável
Destino não correspondente
Não foram gerados títulos
Estados influenciados por outros fatores Segmentação sobreposta

 

Significado dos estados e como proceder em relação aos mesmos

O estado da segmentação de anúncios dinâmica indica se a segmentação é elegível para publicar anúncios para clientes. Em geral, a segmentação encontra-se num de três estados possíveis:

  • A apresentar anúncios
  • Sem apresentar anúncios, porque colocou em pausa ou removeu uma palavra-chave, um grupo de anúncios ou uma campanha
  • Sem apresentar anúncios, porque existe um problema com a segmentação, com o Website ou com a configuração

Seguem-se os diferentes tipos de estados da segmentação de anúncios dinâmica, o respetivo significado e como deve proceder em relação aos mesmos:

Abaixo do lance de primeira página 

A segmentação de anúncios dinâmica não está a obter um bom desempenho porque o respetivo lance é demasiado baixo para apresentar anúncios na primeira página de resultados da pesquisa de forma consistente.

Passos seguintes: tire partido dos Lances inteligentes com anúncios de pesquisa dinâmicos para beneficiar de "lances no momento do leilão". Saiba mais acerca dos Lances inteligentes.

Elegível: pendente

Demora até 24 horas depois de configurar o seu primeiro grupo de anúncios dinâmicos para este começar a publicar anúncios.
Este estado também indica se a conta não é elegível para publicação (por exemplo, se a faturação não estiver configurada) ou se a configuração do grupo de anúncios dinâmicos não foi concluída. 
Passos seguintes: reveja a conta e o grupo de anúncios dinâmicos para confirmar se estão configurados corretamente e são elegíveis para publicação. Depois de confirmar, aguarde 24 horas.

Elegível (com limitações): não foram encontradas páginas de destino correspondentes

Tal significa que o Google Ads não está a encontrar quaisquer páginas elegíveis que correspondam à segmentação de anúncios dinâmica. Existem diversos motivos pelos quais tal pode acontecer, incluindo problemas no modo de configuração da segmentação, definições de campanha incompatíveis ou as páginas não serem rastreáveis.
Passos seguintes: verifique a sua configuração e segmentações. Algumas coisas a procurar:
  • Certifique-se de que a segmentação de anúncios dinâmica está correta e corresponde às páginas segmentadas. Por exemplo, se a segmentação de anúncios dinâmica for uma segmentação "URL contém", confirme que os URLs segmentados contêm o texto na segmentação e se a segmentação está escrita corretamente. 
  • Certifique-se de que as definições de domínio e de idioma da campanha estão corretas e correspondem. Por exemplo, uma segmentação de anúncios dinâmica não consegue publicar anúncios se todas as suas páginas Web estiverem em francês, mas o idioma segmentado nas definições dos anúncios de pesquisa dinâmicos for o alemão. 
  • O seu Website bloqueia os motores de rastreio do Google, impedindo a indexação de URLs? Por exemplo, se o seu Website utilizar o ficheiro robots.txt para impedir que o Googlebot rastreie as suas páginas, a segmentação pode não ser elegível para publicação. Se o seu Website estiver a bloquear o Googlebot mas não o AdsBot, pode utilizar a segmentação de feed de páginas, uma vez que também utiliza os motores de rastreio do AdsBot. Veja as soluções de estado na secção "Reprovado: não é rastreável" abaixo para obter mais informações.

Raramente apresentado: nenhuma consulta correspondente

Este estado significa que o Google Ads não consegue identificar pesquisas para publicação de anúncios nas páginas segmentadas. Os anúncios de pesquisa dinâmicos funcionam bem com páginas Web que possuem texto relevante e estão bem otimizadas para motores de rastreio de páginas Web.  Os anúncios de pesquisa dinâmicos podem ter dificuldade em identificar consultas para publicação em formatos, como PDFs ou páginas Web, com muitas imagens e pouco texto.

Passos seguintes: seguem-se algumas sugestões para otimizar a sua página Web para os anúncios de pesquisa dinâmicos.

  • Certifique-se de que as pessoas conseguem perceber rapidamente o tema da página. Assim, ajuda os motores de rastreio de páginas Web a identificar o que está na sua página e facilita a navegação dos utilizadores pelo Website. 
  • Divida as categorias quando relevante.  Assim, melhora a navegação dos utilizadores e permite que os anúncios de pesquisa dinâmicos gerem categorias para segmentação.
  • Mencione todo o conteúdo relevante nas suas páginas. Tal melhora a navegação do utilizador e ajuda a obter mais tráfego em cada categoria.

Pode saber mais acerca de como tornar o seu Website acessível aos nossos motores de rastreio no Manual de Iniciação à Otimização do Motor de Pesquisa

Elegível (com limitações): segmentação sobreposta


A segmentação pode não ser publicada, ou possuir tráfego limitado, devido a uma segmentação sobreposta. Quando várias segmentações são elegíveis para corresponder a uma consulta, os anúncios de pesquisa dinâmicos preferem publicar a página de destino mais relevante para a consulta de pesquisa do utilizador.
Passos seguintes: não é necessária qualquer ação. Se pretende que uma página Web corresponda a uma segmentação específica, utilize segmentações de anúncios negativas para controlar as páginas de destino às quais correspondem cada segmentação de anúncio. 

Elegível (limitado): todas as páginas estão bloqueadas

Nenhum URL segmentado é elegível para publicação, porque os URLs estão bloqueados por segmentações de anúncios dinâmicas negativas.
Por exemplo, se adicionar uma exclusão PAGE_CONTENT para "esgotado", mas "esgotado" estiver no texto de todas as páginas Web, tal impede que as segmentações de anúncios dinâmicas publiquem anúncios.
Passos seguintes: reveja as suas segmentações de anúncios dinâmicas negativas para ver se alguma delas se sobrepõe às segmentações. Pode consultar a coluna "Cobertura de Website" para ver a percentagem de páginas abrangidas por uma segmentação de anúncios dinâmica negativa. 

Raramente apresentado: não foram gerados títulos

Os anúncios de pesquisa dinâmicos geram títulos para os seus criativos, dinamicamente. Em alguns casos, os anúncios de pesquisa dinâmicos não conseguem realizar esta ação. Tal pode ocorrer porque os títulos da sua página Web são muito curtos ou o texto não é claro. 
Passos seguintes: reveja os títulos das páginas Web e verifique se são claros e descritivos. Os títulos de páginas Web têm a influência mais importante no título gerado. 
Consulte estas sugestões para permitir que o Google utilize a sua página Web mais facilmente para gerar títulos de anúncios de pesquisa dinâmicos.

Estados disponíveis para segmentações de anúncios dinâmicas URL é igual a

A segmentação de anúncios dinâmica "URL é igual a" permite-lhe segmentar um URL de cada vez. Saiba mais acerca de URL é igual a

Reprovado: o destino não funciona

O URL da segmentação URL_EQUALS é inválido. 
Passos seguintes: verifique o URL para garantir que este é válido e passível de carregamento num navegador. Saiba mais acerca dos requisitos do URL de destino

Reprovado: o destino não é rastreável

Os anúncios de pesquisa dinâmicos dependem dos motores de rastreio de páginas Web do Google para recolher dados do Website e gerar o título e as segmentações do mesmo. Se não for possível rastrear a página Web que está a segmentar com URL_EQUALS, não é possível utilizar as páginas Web com anúncios de pesquisa dinâmicos. Saiba mais acerca de problemas comuns ao rastrear produtos.
Passos seguintes: o Googlebot e o AdsBot fornecem ao Google Ads as informações utilizadas pelos anúncios de pesquisa dinâmicos. O webmaster pode garantir que as suas páginas Web não estão a bloquear estes motores de rastreio e pode igualmente melhorar as informações disponíveis para utilização pelos mesmos ao seguir as recomendações do Manual de Iniciação à Otimização do Motor de Pesquisa.

Reprovado: destino não correspondente

A segmentação URL_EQUALS não permite redirecionamentos de vários domínios. Por exemplo, se o seu URL example.com redireciona para exemple.jp, esse URL não está qualificado para anúncios de pesquisa dinâmicos. 
Passos seguintes: certifique-se de que está a segmentar o URL final depois de todos os redirecionamentos com segmentações de anúncios dinâmicas URL_EQUALS
Por exemplo, se pretender publicar um anúncio em https://example.com/home.html, introduza exatamente essa sequência de texto na segmentação de anúncios dinâmica e coloque quaisquer informações de acompanhamento na secção de parâmetros de acompanhamento dos criativos ou das definições.

Estados do feed de páginas dos anúncios de pesquisa dinâmicos

Para ver os estados do feed de páginas:

  1. Clique no ícone de ferramentas .
  2. Clique em Dados da empresa.
  3. Clique no feed para o qual pretende ver os estados.
  4. As informações são apresentadas na coluna "Estado".

Seguem-se os diferentes tipos de estado de entrada do feed de páginas, o respetivo significado e o modo de proceder em relação aos mesmos:

Aprovado

Os URLs de feed de páginas são elegíveis para publicação com uma segmentação de anúncios dinâmica.

Passos seguintes: siga as instruções aqui para selecionar a origem de segmentação na campanha que contém o seu grupo de anúncios dinâmicos. Isto permitirá que segmente URLs do seu feed de páginas com uma segmentação de anúncios dinâmica.

Aprovado (com limitações)

O URL direciona para uma página Web diferente da especificada. O URL de redirecionamento está dentro do mesmo domínio, pelo que é elegível para publicação.

Passos seguintes: os URLs que redirecionam dentro do mesmo domínio são elegíveis para publicação. No entanto, deve certificar-se de que está a segmentar a página na qual pretende publicar anúncios.

Reveja o URL do feed de páginas e certifique-se de que está a segmentar o URL final depois de todos os redirecionamentos. O URL de redirecionamento deve ser visível se colocar o cursor do rato sobre o estado.

Deve também certificar-se de que colocou quaisquer informações de acompanhamento na secção de parâmetros de acompanhamento dos anúncios ou das definições.

Reprovado: destino sem correspondência

Os anúncios de pesquisa dinâmicos não permitem redirecionamentos de vários domínios. Por exemplo, se o URL do feed de páginas for example.com, mas o URL redirecionar para example1.com, o URL não é elegível para publicação.
Passos seguintes: certifique-se de que o URL final possui o mesmo domínio que o URL especificado no feed de páginas.

Reprovado: o destino não funciona

O URL segmentado é inválido. 
Passos seguintes: verifique o URL para garantir que este é válido e passível de carregamento num navegador. Saiba mais acerca dos requisitos do URL de destino

Reprovado: URL duplicado

Se existirem URLs idênticos num feed de página, apenas o URL adicionado mais recentemente ao feed é elegível para publicação. Todos os outros URLs duplicados serão marcados como "Reprovado". 
Passos seguintes: reveja o URL duplicado aprovado e certifique-se de que as etiquetas corretas estão associadas ao mesmo.  
Deve também remover os URLs duplicados reprovados para facilitar a gestão do feed. 

Reprovado: não rastreável

Os anúncios de pesquisa dinâmicos dependem dos motores de rastreio de páginas Web do Google para recolher dados do Website e gerar o título e as segmentações do mesmo. Se não for possível rastrear a página Web, esta não irá funcionar com anúncios de pesquisa dinâmicos. Saiba mais acerca de problemas comuns ao rastrear produtos.
Passos seguintes: o Googlebot e o AdsBot fornecem ao Google Ads as informações utilizadas pelos anúncios de pesquisa dinâmicos. O webmaster pode garantir que as suas páginas Web não estão a bloquear estes motores de rastreio e pode igualmente melhorar as informações disponíveis para utilização pelos mesmos ao seguir as recomendações do Manual de Iniciação à Otimização do Motor de Pesquisa.

Em revisão

Habitualmente, pode demorar até 24 horas para rastrear todas as páginas de um feed de páginas depois de o criar ou modificar. Pode demorar mais tempo se um feed de páginas for muito grande.
Passos seguintes: este estado é apresentado se modificar o feed de páginas ao adicionar um URL, editar um URL ou editar etiquetas personalizadas. A maioria dos URLs deve ser rastreada no prazo de 24 horas depois de efetuar uma alteração ao feed. 
Se não estiver a impedir o Google Ads de rastrear o seu conteúdo, pode estar a limitar rastreios eficientes. Esta situação é especialmente provável se tiver carregado ou editado um grande número de entradas do feed de páginas de uma só vez. Pode verificar e ajustar a taxa de rastreio na Search Console.
Se o seu Website não tiver capacidade de rastreio suficiente, pode demorar significativamente mais tempo a concluir o rastreio de todas as páginas do feed de páginas.

 

Links relacionados

A informação foi útil?
Como podemos melhorá-la?

Precisa de mais ajuda?

Inicie sessão para obter opções de apoio técnico adicionais e resolver rapidamente o seu problema.