Acerca do editor de relatórios

O editor de relatórios é uma ferramenta que lhe permite interagir com os seus dados de desempenho através de tabelas e gráficos multidimensionais. Com o editor de relatórios, pode criar estes gráficos e tabelas diretamente no Google Ads e explorar de forma exaustiva os seus dados sem ter de os transferir. Pode guardar os seus gráficos e tabelas para os partilhar com outras pessoas ou incorporá-los nos seus painéis de controlo.

Este artigo aborda os componentes do editor de relatórios e a respetiva finalidade. Depois de se familiarizar com estas informações, saiba como criar relatórios personalizados com o editor de relatórios.

Com o editor de relatórios, pode criar perguntas de relatórios em linguagem natural. Por exemplo, escreva "show me top campaigns by clicks" e o editor de relatórios cria um relatório com base na sua consulta.

Vantagens

  • Interface de arrastar e largar simples: permite-lhe criar e processar rapidamente tabelas e gráficos multidimensionais, o que reduz a necessidade de transferir os seus dados para os analisar de forma mais aprofundada.
  • Análise de vários segmentos: permite-lhe processar os seus dados com um maior nível de detalhe nas tabelas e nos gráficos.
  • Gráficos personalizados: permitem-lhe visualizar rapidamente os padrões e as tendências nos seus dados.
  • Filtragem e ordenação avançadas: permitem-lhe filtrar métricas segmentadas (por exemplo, cliques provenientes de dispositivos móveis) e ordená-las por várias colunas.

Conhecer o editor de relatórios

Agora, a maioria dos utilizadores apenas utiliza a nova experiência do Google Ads para gerir as respetivas contas. Se ainda estiver a utilizar a experiência anterior do AdWords, escolha Anterior abaixo. Saiba mais

Para utilizar o editor de relatórios de forma eficaz, deve conhecer o que o constitui.

Antes de começar

Abra o editor de relatórios para visualizar melhor os componentes que o constituem:

  1. Inicie sessão na sua conta do Google Ads.
  2. Clique no ícone de relatórios no canto superior direito da sua conta e, em seguida, selecione Relatórios.
  3. Clique no botão mais no canto superior esquerdo da página e, em seguida, selecione qualquer tabela ou tipo de gráfico.

Componentes do editor de relatórios

  • Mosaicos: localizados na barra lateral no lado esquerdo da página, os mosaicos são dimensões e métricas que arrasta para a tela de forma a criar o seu relatório. As métricas são medidas quantitativas acerca dos seus dados, como os cliques, as impressões e as conversões. As dimensões descrevem caraterísticas qualitativas dos seus dados, como o dispositivo, o grupo de anúncios ou a localização.
  • Barra lateral: esta área no lado esquerdo da página contém mosaicos. Arraste os mosaicos para a tela para criar relatórios.
  • Tela: a área grande a cinzento no meio da página é a tela. É o local para onde arrastará os mosaicos de forma a criar relatórios. Na tela, é possível filtrar os dados do relatório por data ou por um conjunto de opções de filtragem, como o estado da campanha ou do grupo de anúncios.
  • Prateleira: a área acima da tela que mostra os mosaicos adicionados ao seu relatório. A prateleira apenas é apresentada quando tiver arrastado um mosaico para a tela.

Filtros do editor de relatórios

A aplicação de um filtro ao relatório oculta dados que não pretende ver. Para voltar a ver os dados ocultos, basta remover o filtro. 

Existem dois tipos de filtro:

  • Os filtros de relatório refinam o conjunto de dados utilizado para criar as tabelas ou os gráficos. Estes filtros não são afetados pelos mosaicos arrastados para a tela nem pelo tipo de tabela ou gráfico que está a utilizar atualmente para ver os seus dados. Utilize filtros de relatório quando pretender explorar um determinado subconjunto dos seus dados. Por exemplo, pode utilizar um filtro de relatório para ver todas as suas campanhas que contêm a palavra "marca" ou para se centrar no tráfego proveniente de dispositivos móveis.
  • Os filtros de tabela podem ser aplicados a colunas específicas na sua tabela para filtrarem e excluírem linhas que não cumpram os critérios especificados. Se a coluna que estiver a ser filtrada for removida da tabela, o filtro também será removido. Utilize filtros de tabela quando pretender que a sua tabela se centre num determinado conjunto de linhas. Por exemplo, pode utilizar um filtro de tabela para ocultar todas as linhas em que o número de impressões é inferior a 500. Se tencionar converter a tabela em gráfico, tenha em atenção que nem todos os filtros de tabela podem ser transferidos para o gráfico.

Exemplo

Suponhamos que pretende ver todas as palavras-chave das suas campanhas que tenham vários cliques provenientes de dispositivos móveis. Primeiro, cria uma tabela que mostre as palavras-chave e os cliques. Em seguida, aplica um filtro de relatório que restringe o conjunto de dados a dispositivos móveis. Agora, a sua tabela mostra os cliques provenientes de dispositivos móveis relativos às suas palavras-chave. Contudo, apercebe-se de que existem várias palavras-chave que não têm cliques provenientes de dispositivos móveis e que estão a causar ruído visual. Assim, acede ao cabeçalho da coluna e aplica um filtro de tabela que mostra apenas as linhas com mais de 0 cliques.

Saiba como aplicar e remover filtros.

Este artigo foi útil?
Como podemos melhorá-la?
Nova Anterior