Controlos de privacidade no Google Analytics

Os proprietários de sites e/ou apps que utilizam o Google Analytics e o Google Analytics para Firebase (também conhecidos como "clientes") podem ver neste artigo um recurso útil, sobretudo se forem empresas abrangidas pelo Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados do Espaço Económico Europeu (RGPD) ou outros regulamentos semelhantes.

Para mais informações, consulte Salvaguardar os seus dados.

  Neste artigo:

Desative a recolha de dados do Analytics (app)

Pode desativar de forma programática a recolha de dados a partir de apps Android e iOS que usam o

Saiba mais acerca dos dados recolhidos pelo Google Analytics e Google Analytics para Firebase.

Desative a recolha de dados do Analytics (Web)

Pode desativar de forma programática a recolha de dados a partir das 

  • Propriedades do Google Analytics 4 com gtag.js (instruções)

  • Propriedades do Universal Analytics com gtag.js (instruções)

  • Propriedades do Universal Analytics com analytics.js (instruções)

  • Propriedades do Universal Analytics com ga.js (instruções)

Os utilizadores do seu Website também podem recusar a recolha de dados através da Extensão do navegador para desativar o Google Analytics.

Desative a recolha de dados detalhados do dispositivo e da localização

Tem a opção de ativar/desativar a recolha de dados detalhados do dispositivo e da localização por região. O Analytics recolhe estes dados por predefinição. Se desativar a recolha destes dados, o Analytics não recolhe os seguintes dados:

  • Cidade
  • Latitude (da cidade)
  • Longitude (da cidade)
  • Versão secundária do navegador
  • String do agente do utilizador no navegador
  • Marca do dispositivo
  • Modelo do dispositivo
  • Nome do dispositivo
  • Versão secundária do sistema operativo
  • Versão secundária da plataforma
  • Resolução de ecrã

Se editar as definições e desativar a recolha para uma região, o Analytics mantém todos os dados do histórico recolhidos, mas não são recolhidos dados adicionais a partir do momento da alteração.

Saiba mais

Se desativar a recolha de dados detalhados do dispositivo e da localização para uma região, o volume de conversões modeladas fica significativamente reduzido para essa região. A modelagem de conversões e os relatórios a jusante nas contas do Google Ads e Search Ads 360 associadas também são afetados.

Oculte endereços de email e parâmetros de consulta de URL definidos pelo utilizador

Pode configurar as suas streams de dados da Web para fazer a ocultação do texto do lado do cliente de endereços de email e parâmetros de consulta de URL definidos pelo utilizador.

Saiba mais sobre a ocultação de dados.

Desative a recolha de dados dos Google signals

Quando ativa os Google signals, tem a opção de ativar ou desativar a recolha desses sinais por região. Se editar as definições dos Google signals e desativar a recolha para uma região, o Analytics mantém todos os dados do histórico recolhidos, mas não são recolhidos dados adicionais a partir do momento da alteração. Se desativar a recolha de dados dos Google signals, não vai ter acesso a relatórios multiplataforma, listas de remarketing com base em dados do Analytics, funcionalidades de relatórios de publicidade ou dados demográficos e de interesses.

Saiba mais

Se desativar os Google signals, o remarketing fica indisponível para as regiões afetadas. Além disso, o volume de modelagem entre dispositivos e de CAVE (conversão através de visualização envolvida) fica significativamente reduzido para regiões desativadas. A modelagem de conversões e os relatórios a jusante nas contas do Google Ads associadas também são afetados.

Desative funcionalidades de publicidade (app)

Pode desativar de forma programática a recolha de dados para funcionalidades de publicidade de apps Android e iOS que usam:

Saiba mais acerca dos dados recolhidos pelo Google Analytics e Google Analytics para Firebase.

Desative funcionalidades de publicidade (Web)

Pode desativar de forma programática a recolha de dados para funcionalidades de publicidade de:

  • Propriedades do Google Analytics 4 com gtag.js (instruções)
  • Propriedades do Universal Analytics com gtag.js (instruções)
  • Propriedades do Universal Analytics com analytics.js (instruções)

Desative a personalização de publicidade (app)

Pode desativar de forma programática a personalização de publicidade para dados de apps Android e iOS que usam o SDK do Google Analytics para Firebase (instruções).

Saiba mais acerca dos dados recolhidos pelo Google Analytics e Google Analytics para Firebase.

Desative a personalização de publicidade (Web)

Pode desativar de forma programática a personalização de publicidade para dados de:

  • Propriedades do Google Analytics 4 com gtag.js (instruções)
  • Propriedades do Universal Analytics com gtag.js (instruções)
  • Propriedades do Universal Analytics com analytics.js (instruções)

Máscara de IP

A ocultação de IP está disponível no Google Analytics para a Web e para apps. Saiba como funciona a ocultação de IP.

Propriedades do Universal Analytics

Pode ocultar os endereços IP para propriedades do Universal Analytics usando o

Propriedades do Google Analytics 4

No Google Analytics 4, a ocultação de IPs não é necessária, uma vez que os endereços IP não são registados nem armazenados.

Defina o período de retenção dos dados do Analytics que recolher

Pode definir o período de retenção para os dados que recolher 

Acesso a dados ao nível do utilizador e portabilidade

Para propriedades do Universal Analytics, pode extrair informações de eventos para qualquer identificador de utilizador através do relatório Explorador de utilizadores ou da API User Activity. Estas funcionalidades permitem analisar e exportar dados ao nível do evento referentes a um identificador de utilizador único. Além disso, os clientes do 360 podem integrar o BigQuery para criarem uma exportação completa de todos os dados de eventos associados aos respetivos utilizadores num único repositório consultável.

Para propriedades do Google Analytics 4, existe a mesma funcionalidade nas Explorações. Pode extrair informações de eventos para qualquer identificador de utilizador através do relatório Explorador de utilizadores ou do relatório de atividade do utilizador. Estas funcionalidades permitem analisar e exportar dados ao nível do evento referentes a um identificador de utilizador único. Também pode usar o relatório de atividade do utilizador para eliminar registos de utilizadores individuais. Além disso, pode integrar o BigQuery para criar uma exportação completa de todos os dados de eventos associados aos utilizadores num único repositório consultável.

Elimine os dados do utilizador final armazenados num dispositivo móvel

O SDK do Google Analytics para Firebase permite-lhe adicionar controlos à sua app para que os utilizadores possam eliminar os dados do Analytics armazenados localmente nos respetivos dispositivos móveis e repor o ID de instância da app no processo. Saiba mais acerca de como usar resetAnalyticsData no Android e no iOS.

O SDK também lhe permite controlar se são ou não recolhidos dados do Analytics a partir da app num dispositivo específico. Saiba mais acerca de como usar setAnalyticsCollectionEnabled no Android e iOS.

Elimine os dados do utilizador final armazenados nos servidores do Analytics

Pode usar a API Google Analytics para cumprir os pedidos de eliminação de dados dos utilizadores dos servidores do Analytics por app e por dispositivo. Saiba mais acerca da API User Deletion.

Permita/desative a personalização de anúncios para uma propriedade

Pode controlar se os dados recolhidos de utilizadores finais para uma propriedade podem ser usados para a personalização de anúncios através da definição avançada de permitir a personalização de anúncios.

Use o SDK do Google Analytics para Firebase para iOS para registar a atribuição com a SKAdNetwork

A menos que os programadores de apps recusem a utilização através de um sinalizador de configuração estática (instruções), o SDK do Google Analytics para Firebase (GA4F) para iOS chamará automaticamente, após a primeira abertura, a API registerAppForAdNetworkAttribution da SKAdNetwork da Apple, que dá informações de validação da instalação de apps às redes de publicidade registadas na Apple.

A API SKAdNetwork foi atualizada para o iOS 14, e a atribuição da instalação de apps dependerá mais da mesma devido às novas funcionalidades de privacidade e segurança da Apple anunciadas na WWDC de 2020. Estas agora requerem que os programadores de apps obtenham consentimento através de um pop-up de divulgação de privacidade antes de utilizar o identificador para anunciantes (IDFA) para monitorizar utilizadores do iOS.

A informação foi útil?

Como podemos melhorá-la?
true
Escolha o seu percurso de aprendizagem

Visite google.com/analytics/learn, um novo recurso para ajudar a tirar o máximo partido do Google Analytics 4. O novo Website inclui vídeos, artigos e fluxos guiados, além de fornecer links para o Discord, o blogue, o canal do YouTube e o repositório do GitHub do Google Analytics.

Comece a aprender hoje!

Pesquisa
Limpar pesquisa
Fechar pesquisa
Google Apps
Menu principal
8074364222340602296
true
Pesquisar no Centro de ajuda
true
true
true
true
true
69256