Públicos-alvo

Este artigo faz parte da versão beta da propriedade de aplicações + Web.

Estas funcionalidades serão implementadas gradualmente ao longo das próximas semanas.

Os públicos-alvo permitem segmentar os seus utilizadores de todas as formas que sejam importantes para a sua empresa. Pode segmentar por dimensões, métricas e eventos de modo a incluir praticamente qualquer subconjunto de utilizadores.

À medida que o Analytics obtém novos dados acerca dos utilizadores, os públicos-alvo atribuídos são reavaliados para garantir que continuam a cumprir os critérios de públicos-alvo. Se os dados mais recentes indicarem que já não cumprem os critérios, são removidos desses públicos-alvo.

Se associar a sua conta do Analytics ao Google Ads, os públicos-alvo ficam disponíveis na Biblioteca partilhada no Google Ads e pode utilizá-los nas suas campanhas publicitárias. Pode fazer remarketing para utilizadores existentes ou anteriores e pode criar Públicos-alvo Semelhantes para fazer uma prospeção de novos utilizadores.

As listas de utilizadores no Ads que correspondem aos seus públicos-alvo são pré-preenchidas com até 30 dias de dados, quando esses dados estão disponíveis.

Neste artigo:

Tabela de gestão

A tabela lista os seus públicos-alvo: tanto os predefinidos como aqueles que personalizou. Os seguintes públicos-alvo são predefinidos:

  • Todos os utilizadores: utilizadores que já iniciaram a sua aplicação.
  • Compradores: utilizadores que fizeram uma compra na aplicação ou uma compra de comércio eletrónico.

Clique num público-alvo na tabela para ver um relatório detalhado do mesmo. Clique em action menu à direita para duplicar, editar, eliminar ou aplicar o público-alvo ao painel de controlo.

As métricas do utilizador deste relatório contabilizam os utilizadores que estiveram ativos no intervalo de datas que está a utilizar para o relatório em questão.

Necessita da autorização para Editar para a propriedade na qual pretende criar o público-alvo.

Existe um limite de 100 públicos-alvo por propriedade.

Pode publicar um público-alvo para um número ilimitado de destinos.

Pode publicar um máximo de 100 públicos-alvo no Analytics.

Crie um público-alvo

Se optou por utilizar o novo construtor de públicos-alvo, siga as instruções abaixo.

Para criar um público-alvo, deve selecionar critérios que façam referência à plataforma e à propriedade, bem como a qualquer das propriedades e dos eventos do utilizador (juntamente com qualquer dos respetivos parâmetros) recolhidos pela aplicação. Uma vez criado, um público-alvo acumula utilizadores que cumprem os critérios especificados a partir desse momento.

Quando se cria um público-alvo que é exportado para o Google Ads, o Analytics adiciona todos os utilizadores que cumpriram os critérios do público-alvo durante os últimos 30 dias (partindo do princípio de que existem, pelo menos, 30 dias de dados).

Pode criar até 50 públicos-alvo por projeto.

À medida que define o seu público-alvo, o cartão Resumo é atualizado com o número de utilizadores que cumpriram os seus critérios durante os últimos 30 dias, para que tenha uma ideia da dimensão potencial do público-alvo.

Para criar um público-alvo:

  1. No Analytics, navegue para a aplicação.
  2. Clique em Públicos-alvo.
  3. Tem três opções para criar um público-alvo:

Crie um novo público-alvo

  1. Clique em NOVO PÚBLICO-ALVO.
  2. Introduza o nome e a descrição para o público-alvo. Esse nome e descrição permitem identificar o público-alvo na tabela de gestão.
  3. Clique em Adicionar grupo de condições para adicionar utilizadores que cumpram as condições com base nas dimensões, métricas e eventos. Por exemplo: Idade pertence a 18-24, 25-34.
    • Defina o âmbito da condição. Utilize o menu na parte superior direita para escolher uma opção:
      • Em todas as sessões: todas as condições têm de ser cumpridas durante o período de interação do utilizador.
      • Dentro da mesma sessão: todas as condições têm de ser cumpridas dentro da mesma sessão (saiba mais acerca do modo como as sessões são calculadas).
      • Dentro do mesmo evento: todas as condições têm de ser cumpridas num único evento.
    • As condições suportam a avaliação estática e dinâmica de dimensões. Selecione Em qualquer altura para incluir utilizadores se estes cumprirem a condição (avaliação estática). Se não selecionar esta opção, a avaliação dos utilizadores para um público-alvo é dinâmica: os utilizadores são adicionados a um público-alvo quando cumprem as condições e, em seguida, são removidos quando deixam de as cumprir.
    • As condições suportam métricas com períodos de tempo. Por exemplo: in_app_purchase event_count > 5 em qualquer período de 7 dias
    • Selecione a opção em qualquer período de N dia(s) para utilizar uma contagem com períodos de tempo vs. uma contagem com duração total.
    • Adicione as condições OU ou E conforme necessário.
  4. Clique em Adicionar sequência para adicionar utilizadores que cumpram as condições ocorridas numa determinada ordem e, opcionalmente, dentro de um determinado período de tempo. Por exemplo: passo 1: first_open, passo 2: in_app_purchase.
    • Defina o âmbito da sequência: Em todas as sessões, Dentro da mesma sessão, Herdar (herdar âmbito da condição).
    • Defina Restrição temporal como ATIVADO e defina o período de tempo no qual a sequência completa tem de ocorrer (por exemplo, 30 minutos).
    • Defina o âmbito do Passo 1: Herdar (herdar âmbito da condição), Dentro do mesmo evento, Em todas as sessões.
    • Configure a condição para o passo 1.
    • Clique em Adicionar passo para cada passo adicional que pretenda incluir na sequência.
      • Selecione a opção é seguido indiretamente por caso o passo adicional possa ocorrer em qualquer altura após o passo anterior.
      • Selecione a opção é seguido diretamente por caso o passo adicional tenha de ocorrer imediatamente após o passo anterior.
      • Selecione a opção Num intervalo de para definir o período de tempo máximo entre passos.
      • Defina o âmbito do passo.
  5. Clique em ADICIONAR GRUPO DE EXCLUSÃO para criar uma condição que exclua utilizadores específicos.

    Selecione a opção Excluir temporariamente Utilizadores quando para excluir utilizadores do público-alvo durante os períodos nos quais cumprem a condição.

    Selecione a opção Excluir permanentemente Utilizadores quando para excluir utilizadores do público-alvo se alguma vez cumpriram a condição.

    Em primeiro lugar, os utilizadores são avaliados por condições de INCLUSÃO e, em seguida, por condições de EXCLUSÃO. Se cumprirem as condições de EXCLUSÃO, não são adicionados ao público-alvo.
  6. Duração do registo de membro: introduza o número de dias que os utilizadores permanecem no público-alvo (1 a 540).

    Selecione a opção Definir como o limite máximo para utilizar a duração máxima em sistemas que permitem mais de 540 dias (por exemplo, Google Analytics, Firebase Cloud Messaging).

    Sempre que um utilizador tiver um comportamento que cumpra os critérios para inclusão no público-alvo, a duração do registo de membro desse utilizador é reposta para o valor total desta opção.
  7. Clique em Guardar para guardar as suas condições e criar o público-alvo.

Utilize um modelo

Os modelos de público-alvo correspondem a públicos-alvo configurados parcialmente que já identifiquem um conjunto de dimensões e/ou métricas, as quais formam a base de públicos-alvo com aplicabilidade abrangente para empresas baseadas em aplicações e na Web.

Por exemplo, o modelo Dados demográficos inclui as dimensões Idade, Sexo, Idioma, IDs de interesses e Localização, as quais pode utilizar para definir um público-alvo em particular no qual tenha interesse. Através da utilização deste modelo fornece os operadores e os valores das dimensões que definem o público-alvo pretendido. Por exemplo:

  • Idade corresponde exatamente a 18-24
  • Sexo corresponde exatamente a feminino
  • etc.

Depois de concluir a definição do público-alvo, introduza um nome e clique em Guardar.

Selecione um público-alvo sugerido

O Analytics fornece vários públicos-alvo totalmente configurados que pode utilizar tal como estão ou modificar, se necessário.

Por exemplo, o público-alvo Utilizadores que concluíram uma transação é definido da seguinte forma:

  • Incluir Utilizadores quando Transações > 0

Pode utilizar o público-alvo tal como está, adicionar condições ou sequências, ou alterar a duração do registo de membro, conforme necessário.

Utilize o nome predefinido ou introduza um novo nome e, em seguida, clique em Guardar.

Instruções para o construtor de públicos-alvo anterior
A versão 5.2.0 da estrutura do Firebase Analytics é necessária para utilizar o conjunto completo de capacidades do público-alvo no iOS.

Para criar um novo público-alvo:

  1. No Analytics, navegue para a aplicação.
  2. Clique em Públicos-alvo.
  3. Clique em NOVO PÚBLICO-ALVO.
  4. Introduza o nome e a descrição para o público-alvo. Este nome e descrição permitirão identificar o público-alvo na tabela de gestão.
  5. Clique em Selecionar stream, evento ou propriedade do utilizador para escolher os dados nos quais o público-alvo se baseia. As opções disponíveis são as seguintes:
    • Plataforma: Web, Android ou iOS
    • Stream: a aplicação específica da qual está a recolher dados (por exemplo, myAndroidApp)
    • Evento: os eventos acionados na sua aplicação
    • Propriedade do utilizador: qualquer uma das propriedades do utilizador que definiu
    • Origem: a origem do tráfego para a sua aplicação
    • Meio: o meio pelo qual o tráfego chegou da origem (por exemplo, pesquisa orgânica, CPC)
    • Campanha: a campanha responsável pelo tráfego
  6. Crie uma ou mais condições que definam quem deve ser incluído neste público-alvo.

    As condições suportam métricas com períodos de tempo. Por exemplo: in_app_purchase Contagem superior a 5 em qualquer período de 7 dias

    Selecione a opção em qualquer período de N dia(s) para utilizar uma contagem com períodos de tempo vs. uma contagem cumulativa.

    Se o seu público-alvo se basear nas propriedades do utilizador, pode selecionar Em qualquer altura para incluir um utilizador se a condição tiver sido sempre verdadeira para esse utilizador. Caso contrário, o utilizador só será incluído se a condição for verdadeira no momento.

    Combine várias condições com OU ou E.
  7. Clique em ADICIONAR GRUPO DE EXCLUSÃO para criar uma condição que exclua utilizadores específicos.
     
    Em primeiro lugar, os utilizadores são avaliados por condições de INCLUSÃO e, em seguida, por condições de EXCLUSÃO. Se cumprirem as condições de EXCLUSÃO, não são adicionados ao público-alvo.
  8. Duração do registo de membro: introduza o número de dias que os utilizadores permanecem no público-alvo (1 a 540).

    Selecione a opção Definir como o limite máximo para utilizar a duração máxima em sistemas que permitem mais de 540 dias (por exemplo, Google Analytics, Firebase Cloud Messaging).

    Sempre que um utilizador tiver um comportamento que cumpra os critérios para inclusão no público-alvo, a duração do registo de membro desse utilizador é reposta para o valor total desta opção.
  9. Clique em Criar para guardar as suas condições e criar o público-alvo.

Um público-alvo acumula utilizadores que cumprem os critérios especificados a partir desse momento de criação em virtude dos eventos que os respetivos dispositivos registam. Quando definir novos públicos-alvo, o preenchimento das listas pode demorar algum tempo. Antes de segmentar um público-alvo no Cloud Messaging ou na Remote Config, não se esqueça de verificar o número de utilizadores no seu público-alvo para ver se cumpre as expetativas.

Tenha em atenção que a dimensão do público é geralmente diferente da dimensão da lista de remarketing. Normalmente, deve-se ao facto de os IDs de acompanhamento não poderem ser enviados para as listas de remarketing do Google Ads enquanto as contas do Google Ads não forem associadas.

Recurso relacionado

Transferir o guia interativo "Linking analytics and ads"

A informação foi útil?
Como podemos melhorá-la?