Ativar os recursos de remarketing e de relatórios de publicidade no Google Analytics

Se você ativar os Indicadores do Google, os controles para ativar os recursos de remarketing e de relatórios de publicidade serão substituídos pelo controle dos Indicadores do Google.

Veja neste artigo como configurar o Google Analytics para criar públicos de remarketing e compartilhá-los com suas contas de publicidade. Por exemplo, você pode criar um público-alvo de usuários que deixaram itens nos carrinhos, mas não concluíram a compra, e compartilhá-lo com o Google Ads para reengajar esses usuários usando anúncios de acompanhamento.

Saiba mais sobre os públicos-alvo de remarketing no Google Analytics

Neste artigo:

Pré-requisitos

Se você quiser usar o remarketing e as listas de remarketing para anúncios de pesquisa com o Google Analytics, siga estas instruções:

 

Limites

Lembre-se de que há um limite de 2.000 públicos-alvo de remarketing por conta do Google Analytics.

A dimensão segmentos no mercado não está disponível para os públicos-alvo de remarketing.

A métrica Dias desde a última visita não está disponível para públicos de remarketing.

 

Ativar os recursos de remarketing e de relatórios de publicidade em uma propriedade da Web

Ao ativar o remarketing para uma propriedade da Web, você pode criar públicos-alvo de remarketing usando seus dados do Google Analytics e compartilhá-los com suas contas de publicidade vinculadas (por exemplo, Google Ads e Display & Video 360) e com o Google Optimize.

Quando você habilita os Recursos de relatórios de publicidade em uma propriedade da Web, o Google Analytics coleta as informações usuais, além de cookies de publicidade do Google, quando disponíveis.

É possível ativar os recursos de remarketing e de relatórios de publicidade em uma propriedade da Web usando um dos seguintes métodos:

Modificar suas configurações de propriedade

Esse método se aplica apenas às propriedades da Web e às páginas em que você usa a gtag.js, analytics.js ou inclusão de tag AMP.

Modificar suas configurações de propriedade é também a única forma de usar a tag do Google Analytics para criar listas de remarketing para anúncios de pesquisa.

Quando você altera suas configurações de propriedade e ativa a compatibilidade com remarketing e/ou coleta de dados para os Recursos de publicidade, o tráfego de todas as suas páginas fica sujeito a esse tipo de coleta de dados. Se você quiser implementar esses recursos apenas em algumas partes do seu site, modifique o código de acompanhamento de cada página relevante e mantenha essas configurações de propriedade desativadas.

Para atualizar suas configurações de propriedade, faça o seguinte:

  1. Faça login na sua conta do Google Analytics.
  2. Clique em Administrador e navegue até a propriedade em que você quer ativar esses recursos.
  3. Na coluna Propriedade, clique em Informações de acompanhamento e em Coleta de dados.
  4. Em Coleta de dados para Recursos de publicidade:
    • Para ativar o remarketing, defina Remarketing e Recursos de relatórios de publicidade como ATIVADO.
    • Se quiser usar apenas os Recursos de relatórios de publicidade, defina somente essa opção como ATIVADO.

Se você tiver ativado o recursos de remarketing e de relatórios de publicidade anteriormente por meio da atualização do seu código de acompanhamento, poderá implementar essas configurações de propriedade sem o risco de causar conflitos. Isso se aplica ao remarketing somente na Rede de Display do Google.

Lembre-se de que esse método só funciona para ativar os recursos relacionados aos usuários do seu site. Se você quiser ativar as funcionalidades relacionadas aos usuários do seu app, precisará atualizar seu código de acompanhamento de aplicativos de acordo com os métodos descritos para Android e iOS.

Se você não quiser coletar os dados dos Recursos de publicidade, defina essas duas opções como DESATIVADO e não configure a coleta para o código de acompanhamento.

Também é possível ativar os Indicadores do Google para melhorar o remarketing e os relatórios. Nesse caso, esses controles substituirão os Recursos de relatórios de remarketing e publicidade.

 

Alternativa: modificar seu código de acompanhamento

O método preferencial para ativar o recursos de remarketing e de relatórios de publicidade é modificar suas configurações de propriedade conforme descrito acima. Porém, também é possível fazer isso modificando o código de acompanhamento.

Se você pretende ativar as listas de remarketing para anúncios de pesquisa, é necessário usar as configurações de propriedade mostradas acima.

Se você optar por habilitar o remarketing na Rede de Display e os Recursos de relatórios de publicidade atualizando seu código de acompanhamento, basta alterar uma linha nele, conforme descrito nas seções a seguir. Essa modificação não afeta as personalizações feitas por você anteriormente no código.

Se você quiser desativar manualmente os recursos dos Relatórios de publicidade, modifique seu código de acompanhamento conforme descrito nas seções relevantes abaixo.

Caso queira ativá-los para o Universal Analytics, insira a linha em negrito no código existente, entre os comandos create e send, como neste exemplo:

<script>
(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){
(i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o),
m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m)
})(window,document,'script','//www.google-analytics.com/analytics.js','ga');
ga('create', 'UA-XXXXXX-XX', 'example.com');

ga('require', 'displayfeatures');
ga('send', 'pageview');
</script>
Para reverter a alteração, remova a linha ga('require', 'displayfeatures');

Se você quiser modificar o plug-in displayfeatures e as configurações de propriedade para desativar os Recursos de relatórios de publicidade, adicione
ga('set', 'allowAdFeatures', false); //to re-enable, set allowAdFeatures to true
após o comando create e antes do envio do hit.

Se você usa o Gerenciador de tags do Google, siga estas instruções para editar a tag do Google Analytics.

Caso ainda use o código de acompanhamento da ga.js, veja nesta página instruções sobre como modificá-lo.

 

Alternativa: selecione a opção "Usar o código de acompanhamento existente" ao criar a campanha de remarketing do Google Ads

Se sua conta estiver vinculada a uma conta do Google Analytics ao criar uma campanha de remarketing no Google Ads, você poderá usar o código de acompanhamento já presente no site em vez de gerar uma tag de remarketing no Google Ads. Se você usar essa opção, o remarketing será ativado automaticamente no Google Analytics. Saiba mais sobre como criar campanhas de remarketing no Google Ads.

 

Ativar/desativar os Recursos de relatórios de remarketing e publicidade em um app

Quando você habilita esses recursos em um app, o Google Analytics coleta as informações armazenadas normalmente, além daquelas associadas aos códigos de publicidade para dispositivos móveis.

Para ativar/desativar esses recursos, modifique o código de acompanhamento do Google Analytics incluso no código do app. Os exemplos a seguir mostram como alterar esse código em apps para Android e iOS.

Alteração no código de acompanhamento de apps para Android

Para ativar esses recursos no Android, modifique seu código de acompanhamento do Google Analytics para coletar o código de publicidade. Chame o método enableAdvertisingIdCollection no rastreador para o qual você quer ativar os recursos. Por exemplo:

// Get tracker.
Tracker t = ((AnalyticsSampleApp) getActivity().getApplication()).getTracker(
TrackerName.APP_TRACKER);

// Ative os recursos de Display.
t.enableAdvertisingIdCollection(true); // Para desativar os recursos de Display, defina esse valor como "false".

Saiba mais sobre a compatibilidade da Publicidade em Display no Android

Alteração no código de acompanhamento de apps para iOS

Se você quiser ativar esses recursos no iOS, colete o IDFA (identificador de publicidade). Para habilitar a coleta do IDFA, vincule as bibliotecas libAdIdAccess.a e AdSupport.framework ao seu aplicativo e defina allowIDFACollection como YES em cada rastreador que coletará o identificador. Por exemplo:

// Assumes a tracker has already been initialized with a property ID, otherwise
// getDefaultTracker returns nil.
id tracker = [[GAI sharedInstance] defaultTracker];

// Ative a coleta do IDFA.
tracker.allowIDFACollection = YES; // Para desativar os recursos de Display, defina esse valor como NO.

 

Se você usa o Gerenciador de tags do Google, siga estas instruções para editar a tag do Google Analytics.

 

Recursos relacionados

Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?