Perguntas frequentes sobre pesquisa e descoberta e geração de receita

Neste artigo, você verá como nossos sistemas de pesquisa e descoberta funcionam. Sabemos que as recomendações são importantes para você e que nossos sistemas ajudam os espectadores a encontrar seu conteúdo. Aqui, ajudaremos você a entender o que nossos sistemas analisam e também a desmistificar alguns mitos.

Objetivos dos nossos sistemas

As recomendações enviadas pelos sistemas do YouTube têm dois objetivos significativos:

  1. Ajudar os espectadores a encontrar os vídeos que querem assistir
  2. Aumentar o engajamento e a satisfação do espectador em longo prazo

Em outras palavras, nosso objetivo é encontrar o vídeo certo para o espectador certo e na hora certa. Para alcançar isso, seguimos o público.

O que nossos sistemas analisam

Para ajudar a melhorar as recomendações, nossos sistemas analisam alguns critérios. Alguns conferem o conteúdo que você criou, outros conferem o envolvimento do público.

Para o conteúdo criado, nossos sistemas analisam:

  • Conteúdo em vídeo
  • Miniatura
  • Título
  • Descrição
  • Tags

Em seguida, analisamos o nível de engajamento e a satisfação do público com seu conteúdo. Isso inclui:

  • Visualizações
  • Tempo de exibição
  • Porcentagem do vídeo assistido
  • Curtidas
  • Marcações "Não gostei"
  • Comentários
  • Feedback do espectador

Consiga uma análise muito mais profunda sobre o funcionamento dos nossos sistemas nesta aula da Escola de Criadores de Conteúdo.

Perguntas frequentes

Preciso estar no Programa de Parcerias do YouTube para meu canal ou vídeos serem recomendados?

Não. Nossas recomendações e sistemas de pesquisa e descoberta não analisam o status de geração de receita de um vídeo.

Serei menos recomendado se meu último vídeo não gerar muita receita?
Não. Nossas recomendações e sistemas de pesquisa e descoberta não analisam o status de geração de receita de um vídeo.

As recomendações são personalizadas para cada espectador e consideram os hábitos de visualização preferenciais deles. Se o público assiste e interage com seu vídeo, as chances de serem recomendados são maiores.

Se meus vídeos anteriores tiveram a geração de receita desativada por análise manual, esse cancelamento da monetização significa que meus vídeos futuros não serão tão sugeridos?

Não. Nossas recomendações e sistemas de pesquisa e descoberta não analisam o status de geração de receita de um vídeo. Nossos sistemas de recomendações avaliam cada vídeo por seu próprio mérito e se concentram no desempenho de cada um com o público. O mais importante é o desempenho do seu vídeo com o público. Como não consideramos a geração de receita, seu status ou histórico de monetização não afeta as recomendações.

Se a geração de receita do meu vídeo tiver sido desativada, meu tempo de exibição (visualizações) diminuirá? Ou ele não será recomendado?

Nossos sistemas de pesquisa e recomendação não sabem que vídeos geram ou não receita. Temos uma visão em longo prazo e nos concentramos em recomendar vídeos que os espectadores consideram satisfatórios, independentemente da monetização. Para conferir como isso funciona, basta desativar a monetização de um vídeo. Assim, você perceberá que não há nenhum impacto no tráfego.

Veja o que acontece quando um vídeo tem conteúdo violento, ofensas ou linguagem obscena em excesso:

  • Há maior probabilidade de cancelamento de geração de receita porque não é apropriado para todos os anunciantes.
  • Há uma grande chance de que ele não seja mais recomendado por não ser apropriado.

Neste exemplo, não é o cancelamento da geração de receita que diminui a recomendação do vídeo, mas a violência, o racismo e a linguagem obscena.

Saiba mais neste vídeo e nas dicas de otimização para descoberta.

Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?