Políticas contra spam, práticas enganosas e golpes

A segurança dos criadores de conteúdo, espectadores e parceiros é a nossa maior prioridade, e contamos com cada um de vocês para proteger essa comunidade tão especial e animada. É importante que você conheça nossas diretrizes da comunidade e entenda o papel que elas exercem na responsabilidade conjunta de manter o YouTube seguro. Reserve um tempo para ler com atenção as políticas abaixo. Você também pode acessar esta página para conferir uma lista completa das diretrizes.

No YouTube, não permitimos spam, golpes ou outras práticas enganosas que possam prejudicar a comunidade da plataforma. Também não permitimos conteúdo que tenha como objetivo principal induzir os usuários a sair do YouTube e acessar outro site.

Se você encontrar conteúdo que viola esta política, envie uma denúncia. Acesse este link para ver instruções sobre como fazer isso. Se você quiser denunciar vários vídeos ou comentários, é possível denunciar o canal.

Como essas políticas afetam você

Se você envia conteúdo

Não poste conteúdo no YouTube se ele se encaixa em uma das descrições abaixo.

  • Spam de vídeo: conteúdo repetitivo, não direcionado ou postado de forma excessiva e que realiza alguma das seguintes ações:
    • Promete determinado conteúdo, mas direciona os espectadores do vídeo para fora do site.
    • Recebe cliques, visualizações ou tráfego do YouTube prometendo aos espectadores que eles ganharão dinheiro rapidamente.
    • Direciona o público para sites que espalham malware e/ou tentam coletar informações pessoais ou outros sites prejudiciais aos usuários.
  • Miniaturas ou metadados enganosos: uso do título, das miniaturas, da descrição ou de tags para induzir os usuários a acreditar que o conteúdo é algo diferente do que realmente é.
  • Mídia manipulada: conteúdo que foi editado ou adulterado para enganar os usuários (além de clipes fora de contexto) e que possa apresentar sérios riscos de danos significativos.
  • Golpes: conteúdo que oferece brindes em dinheiro, esquemas de enriquecimento rápido ou de pirâmide (envio de dinheiro sem um produto tangível em uma estrutura de pirâmide).
  • Supressão de eleitores: conteúdo que tem como objetivo fornecer informações incorretas sobre o horário, local, meios ou requisitos de qualificação para votação ou alegações falsas que podem desestimular a participação.
  • Impedimento de participação em um censo: conteúdo com o objetivo de desinformar, oferecendo informações incorretas sobre o horário, os meios ou os requisitos de qualificação dos participantes para o censo ou uma contagem oficial. 

  • Qualificação de candidatos: conteúdo que propaga declarações falsas sobre os requisitos técnicos de qualificação de candidatos políticos e representantes do governo eleitos para ocupar um cargo público. Os requisitos de qualificação considerados têm como base a lei nacional aplicável e incluem idade, cidadania e status de saúde.
  • Incitar a interferência em processos democráticos: conteúdo que encoraja outras pessoas a interferir em processos democráticos como obstruir ou interromper procedimentos de votação.
  • Distribuição de material roubado por hackers: conteúdo com informações roubadas, que, caso divulgadas, podem interferir nos processos democráticos como eleições e censos.
  • Spam de incentivo: conteúdo que vende métricas de envolvimento, como visualizações, marcações "Gostei", comentários ou qualquer outra métrica no YouTube. Isso também inclui conteúdo com o único propósito de aumentar o número de inscritos, visualizações ou outras métricas, como a prática de se inscrever no canal de outros criadores de conteúdo apenas para que também se inscrevam no seu. Essa prática é conhecida como "sub4sub" (subscription for subscription em inglês).
  • Spam de comentários: comentários com o objetivo único de coletar informações pessoais dos espectadores, induzir os usuários a sair do YouTube ou realizar qualquer uma das ações proibidas mencionadas acima.
  • Comentários repetidos: postagem de grandes quantidades de comentários idênticos, não direcionados ou repetitivos.
  • Abuso de transmissão ao vivo: transmissões ao vivo feitas com o conteúdo de outra pessoa e que não são corrigidas depois de vários alertas sobre um possível abuso. As transmissões ao vivo devem ser monitoradas de maneira ativa pelo proprietário do canal e os problemas em potencial devem ser corrigidos em tempo hábil.

A política é válida para vídeos, descrições, comentários, transmissões ao vivo e qualquer outro produto ou recurso do YouTube. Esta não é uma lista completa.

Observação: você pode incentivar seus espectadores a se inscrever, marcar vídeos com "Gostei", compartilhar o conteúdo ou fazer comentários.

Exemplos

Veja alguns exemplos de conteúdo não permitido no YouTube.

  • Dizer aos usuários que eles podem votar por meio de métodos inválidos, como enviar mensagens de texto para um número específico. 
  • Informar falsos requisitos de qualificação para votar, como dizer que somente eleitores com mais de 50 anos podem votar em uma determinada eleição.
  • Informar aos espectadores a data incorreta de uma eleição intencionalmente.

Mais exemplos

Vídeo de spam

Os tipos de conteúdo a seguir não são permitidos no YouTube. Esta não é uma lista completa.

  • Prometer aos usuários que eles assistirão algo, mas fazer com que saiam do site para isso. 
  • Postar o mesmo conteúdo repetidamente em um ou mais canais.
  • Enviar conteúdo copiado de outros criadores de conteúdo.
  • Induzir os espectadores a instalar malware ou direcionar os usuários para sites que possam comprometer a privacidade deles.
  • Gerar conteúdo de maneira automática para postar rapidamente por meio de computadores, sem considerar a qualidade dele ou a experiência do espectador.
  • Prometer aos espectadores benefícios em dinheiro, produtos, softwares ou jogos em troca da instalação de um software, download de um app ou realização de outras ações.
  • Publicar conteúdo afiliado em excesso em contas dedicadas.

Miniaturas ou metadados enganosos 

Os tipos de conteúdo a seguir não são permitidos no YouTube. Esta não é uma lista completa.
  • Inserir um número excessivo de tags na descrição do vídeo ("tag stuffing") em vez de adicioná-las durante o envio.
  • Usar uma miniatura com a foto de uma celebridade que não tem nada a ver com o conteúdo. 
  • Usar o título, a miniatura, a descrição ou as tags para induzir os usuários a acreditar que o conteúdo é algo diferente do que realmente é, principalmente quando há sério risco de danos significativos.

Mídia manipulada

Os tipos de conteúdo a seguir não são permitidos no YouTube. Esta não é uma lista completa.
  • Legendas de vídeos com traduções incorretas que estimulam tensões geopolíticas e criam sérios riscos de danos significativos.
  • Vídeos que foram editados (além de clipes fora do contexto) com o objetivo de fazer parecer que um representante político morreu.  
  • Conteúdo em vídeo que foi editado (além de clipes fora do contexto) para inventar eventos, criando sérios riscos de danos significativos. 
  • Atribuir incorretamente a uma eleição recente um vídeo de 10 anos atrás que mostra fraude em uma urna. 

Supressão de eleitores e impedimento de participação no censo

Os tipos de conteúdo a seguir não são permitidos no YouTube. Esta não é uma lista completa.
  • Dizer aos usuários que eles podem votar por meio de métodos inválidos, como enviar mensagens de texto para um número específico.
  • Informar falsos requisitos de qualificação para votar, como dizer que somente eleitores com mais de 50 anos podem votar em uma determinada eleição.
  • Informar uma data incorreta de votação aos usuários.
  • Oferecer instruções erradas sobre como participar do censo.
  • Alegar que a afiliação do eleitor a um partido político fica visível em um envelope de votação pelo correio.
  • Alegar incorretamente que o voto de pessoas sem cidadania no país determinou o resultado das eleições passadas.  

Requisitos para candidatura

Os tipos de conteúdo a seguir não são permitidos no YouTube. Esta não é uma lista completa.
  • Declarações de que um candidato ou representante político eleito não está qualificado para a posição com base em informações falsas sobre a idade exigida para ocupar esse tipo de cargo no país em questão.   
  • Declarações de que um candidato ou representante político eleito não está qualificado para a posição com base em informações falsas sobre os requisitos do status de cidadania necessários para ocupar esse tipo de cargo no país em questão.   
  • Declarações de que um candidato ou representante político eleito não está qualificado para a posição com base em informações falsas de que ele faleceu, não tem idade suficiente ou não cumpre os requisitos de qualificação.

Incitar a interferência em processos democráticos

Os tipos de conteúdo a seguir não são permitidos no YouTube. Esta não é uma lista completa.

  • Pedir que os espectadores façam uma fila longa de votação para dificultar o voto de outras pessoas.
  • Pedir que os espectadores invadam sites do governo para atrasar os resultados de uma eleição. 

Distribuir materiais roubados por hackers

Os tipos de conteúdo a seguir não são permitidos no YouTube. Esta não é uma lista completa.

  • Vídeos com informações sobre um candidato político roubadas por hackers e compartilhadas com o objetivo de interferir em uma eleição. 

Golpes

Os tipos de conteúdo a seguir não são permitidos no YouTube. Esta não é uma lista completa.
  • Fazer promessas exageradas, como afirmar que os espectadores podem enriquecer rapidamente ou que um tratamento milagroso pode curar doenças crônicas como o câncer.
  • Promover prêmios em dinheiro ou outros esquemas de pirâmide. 
  • Contas dedicadas a esquemas de prêmios em dinheiro. 
  • Vídeos com promessas como "Você ganhará 50 mil reais amanhã se fizer isso!" 

Spam de incentivo

Os tipos de conteúdo a seguir não são permitidos no YouTube. Esta não é uma lista completa.
  • Vídeos com o objetivo de incentivar os usuários a se inscreverem. 
  • Vídeos para troca de inscritos ("Subs 4 Subs").
  • Vídeos que oferecem a venda de marcações "Gostei". 
  • Um vídeo que oferece ceder o canal para o inscrito de número 100.000, sem qualquer outro conteúdo. 

Spam de comentários 

Os tipos de conteúdo a seguir não são permitidos no YouTube. Esta não é uma lista completa.
  • Comentários sobre pesquisas ou brindes que promovem esquemas de pirâmide.
  • Links de indicação de pagamento por clique nos comentários.
  • Comentários que falsamente oferecem conteúdo de vídeo completo, como filmes, programas de TV ou shows.
  • Postagem de links de sites de phishing ou com malware nos comentários, como "uau acabei de ganhar  M∪ito dinheiro aqui! - [sitedephishing].com".
  • Comentários com links de lojas falsificadas. 
  • Mensagens como "E ai galera, confira meu canal/vídeo aqui!!" quando o canal/vídeo não tem nada a ver com o vídeo em que foi postado. 
  • Postagem de um mesmo comentário repetidamente com o link do seu canal. 

Abuso de transmissões ao vivo.

Os tipos de conteúdo a seguir não são permitidos no YouTube. Esta não é uma lista completa.
  • Usar seu smartphone para transmitir um programa de televisão.
  • Usar software de terceiros para transmitir músicas de um álbum.

Esses são apenas exemplos. Não publique conteúdo se acreditar que ele pode violar esta política. 

O que acontece se o conteúdo violar esta política?

Nesse caso, ele será removido e você receberá uma notificação no seu e-mail. Se essa for sua primeira violação das nossas diretrizes da comunidade, seu canal receberá apenas um alerta sem penalidades. Caso contrário, emitiremos um aviso. Se você receber três penalidades desse tipo, seu canal será encerrado. Saiba mais sobre esse sistema.

 Acesse a Escola de Criadores de Conteúdo para mais informações

Você prefere conhecer esta política por meio de vídeos e testes? Confira nosso curso da Escola de Criadores de Conteúdo.

Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?