O G Suite agora se chama Google Workspace: tudo o que sua empresa precisa para realizar tarefas.

Implantar o Universal Analytics com o Gerenciador de tags

Observação: este artigo se refere ao Universal Analytics. Se você estiver usando a próxima geração do Google Analytics, consulte a documentação do Google Analytics 4.

Create a Google Analytics Page View Tag with Google Tag Manager

Para configurar uma nova tag do Universal Analytics, faça o seguinte:

  1. Na tela Visão geral do espaço de trabalho, selecione Nova tag. Em qualquer lugar do seu contêiner, clique em Tags > Nova. A tela de definição de uma nova tag será exibida.
  2. Clique em Configuração da tag e selecione Universal Analytics.
  3. Selecione o Tipo de acompanhamento desejado. Por exemplo, use "Visualização de página" em um site para medir quais páginas os usuários visitam. Use "Evento" para medir uma interação específica, como clicar em uma promoção.
  4. Selecione ou crie uma nova variável de configurações do Google Analytics:
    • Para reutilizar uma variável de configurações já configurada, faça o seguinte:
      1. Selecione a variável desejada no menu. O ID do Google Analytics e todas as outras configurações dessa variável serão aplicados à sua tag.
    • Para definir uma nova variável de configurações do Google Analytics, siga estas etapas:
      1. Selecione Nova variável…
      2. Na tela Configuração da variável, insira seu ID do Google Analytics.
      3. Domínio do cookie: se você não tem outras tags do Google Analytics implantadas no site por meio do analytics.js ou do Gerenciador de tags, deixe o valor definido como automático. Se você tem outras tags desse tipo configuradas no seu site ou no Gerenciador de tags, confirme se o valor de "Domínio do cookie" é o mesmo.
      4. Clique em Mais configurações e defina os campos de outros ajustes relevantes, como campos, dimensões e métricas personalizados, grupos de conteúdo, recursos de publicidade em display e de comércio eletrônico avançado ou medição de vários domínios.
      5. Clique em Salvar.
      6. Você precisará renomear a variável se ainda não tiver feito isso. É possível aceitar a configuração padrão ou inserir o nome que preferir. Clique em Salvar para concluir a configuração da tag.
  5. Se necessário, configure sua tag para desativar dinamicamente os Recursos de publicidade ou a personalização de publicidade.
  6. Clique em Acionamento e escolha um acionador para disparar a tag. Você pode selecionar um acionador existente ou clicar no ícone + para definir um novo.

Implementações de tag

Veja alguns exemplos das possíveis configurações de tag do Google Analytics que podem ser definidas no Gerenciador de tags:

  • Atividade básica da página da Web: essa é a implementação mais comum do Google Analytics. Defina o Tipo de acompanhamento como Visualização de página e, na seção Acionamento, selecione um acionador que será disparado em todas as páginas.
  • Medir os eventos: use o Gerenciador de tags para configurar e implantar tags do Google Analytics que avaliarão eventos específicos, como cliques em links ou botões de uma página da Web. Saiba mais.
  • Medir a atividade em vários domínios: use o Gerenciador de tags para entender as atividades dos usuários em diferentes domínios. Saiba mais.
  • Comércio eletrônico: avalie o uso do comércio eletrônico.
  • Remarketing dinâmico: implemente o remarketing dinâmico com o Google Analytics para exibir anúncios aos usuários com produtos e serviços que eles já visualizaram.

Configurações de tags do Universal Analytics

É possível usar o Gerenciador de tags do Google para configurar tags do Google Analytics com a mesma funcionalidade que a maioria das implementações de código manual. No momento, os plug-ins personalizados do Universal Analytics não são compatíveis com o Gerenciador de tags do Google. As definições são encontradas na variável de configurações do Google Analytics ou podem ser ajustadas no nível da tag em Ativar configurações de modificação nessa tag > Mais configurações:

Campos a serem definidos: use o botão + Adicionar campo para criar pares de nome/valor de campo.

Dimensões personalizadas: use o botão + Adicionar dimensão personalizada para incluir dimensões personalizadas. Informe um valor de índice e dimensão para cada entrada. Saiba mais sobre como usar dimensões personalizadas.

Métricas personalizadas: use o botão + Adicionar métrica personalizada para incluir métricas personalizadas. Informe um valor de índice e métrica para cada entrada. Saiba mais sobre o uso de métricas personalizadas.

Grupos de conteúdo: use o botão + Adicionar grupo de conteúdo personalizado para incluir grupos de conteúdo personalizados. Informe um índice e um grupo de conteúdo para cada entrada. Saiba mais sobre como usar esses grupos.

Ativar recursos de publicidade em display: habilita o plugin displayfeatures para recursos como relatórios de informações demográficas e de interesses, remarketing e integração com o Google Marketing Platform. Você também precisa definir as configurações correspondentes na interface do Google Analytics. A ativação desse recurso nas tags é opcional. Para modificar esse campo e as configurações de propriedade com o objetivo de desativar os Recursos de relatórios de publicidade, em Campos a serem definidos, adicione o campo allowAdFeatures e atribua a ele o valor false. Conheça os Recursos de publicidade em display e como eles afetam sua Política de Privacidade.

Comércio eletrônico avançado: envie dados que medem as interações relacionadas ao comércio eletrônico. Por exemplo, quando os clientes adicionaram itens aos pedidos, iniciaram o processo de pagamento e concluíram uma compra. Você pode usar o comércio eletrônico avançado para identificar segmentos de clientes que ficam de fora do funil de comércio eletrônico. Saiba mais

Acompanhamento de vários domínios: avalie diferentes domínios de nível superior como uma entidade única para combinar os dados de vários domínios nos mesmos relatórios do Google Analytics. Saiba mais sobre a medição de vários domínios. As opções adicionais incluem:

  • Vincular domínios automaticamente: insira uma lista de domínios separados por vírgula para compartilhar de forma automática um ID do cliente em vários domínios.
  • Usar o hash como delimitador: use uma cerquilha (#) em vez de um ponto de interrogação (?) para anexar valores de cookies a URLs. Defina como verdadeiro, falso ou uma variável do Gerenciador de tags que retorna verdadeiro ou falso.
  • Incrementar formulários: adiciona informações de medição à ação do formulário. Defina como verdadeiro, falso ou uma variável do Gerenciador de tags que retorna verdadeiro ou falso.

Configuração avançada: esses controles ampliam funcionalidades e devem ser usados apenas por usuários experientes.

  • Nome da função global: renomeie a função global usada pela tag do Universal Analytics. Saiba mais.
  • Usar versão de depuração: o Google Analytics inclui uma versão de depuração da biblioteca do analytics.js que registra mensagens detalhadas no Console JavaScript. Defina como verdadeiro, falso ou uma variável do Gerenciador de tags que retorna verdadeiro ou falso. Saiba mais
  • Ativar a Atribuição melhorada de link: essa opção aumenta a precisão do seu relatório de Análise de Página. Quando uma página contém vários links para o mesmo URL, ele adiciona um código de elemento exclusivo a cada link. Defina como verdadeiro, falso ou uma variável do Gerenciador de tags que retorna verdadeiro ou falso. Saiba mais
  • Definir nome do rastreador: o uso de rastreadores nomeados não é recomendado no Gerenciador de tags. Saiba mais
Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?
Pesquisa
Limpar pesquisa
Fechar pesquisa
Google Apps
Menu principal
Pesquisar na Central de Ajuda
true
102259
false