Diretrizes de conteúdo adequado para publicidade

 

Se faz parte do Programa de parceiros do YouTube, pode rentabilizar os vídeos com anúncios. Este artigo procura ajudá-lo a compreender que vídeos individuais no seu canal são adequados para publicidade. As nossas políticas aplicam-se a todas as partes do seu conteúdo (vídeo ou stream em direto, miniatura, título, descrição e etiquetas). Saiba mais sobre as nossas práticas recomendadas 

Os nossos sistemas nem sempre acertam, mas pode pedir uma revisão humana das decisões tomadas pelos nossos sistemas automatizados. 

Nota: todo o conteúdo carregado para o YouTube deve cumprir as regras da comunidade. Se o seu conteúdo violar as regras da comunidade, pode ser removido do YouTube. Se detetar conteúdo em violação, pode denunciá-lo aqui.

Tenha em atenção que o contexto é muito importante. O conteúdo artístico, como os vídeos de música, pode incluir elementos como linguagem imprópria, referências ao uso de drogas leves e temas sexuais não explícitos, e ser adequado para publicidade.

Linguagem imprópria

O conteúdo de vídeo que contenha utilizações frequentes de linguagem obscena ou vulgar durante o vídeo pode não ser adequado para publicidade. A utilização ocasional de linguagem obscena (como em vídeos de música) não significa obrigatoriamente que o vídeo não é adequado para publicidade.

Exemplos (não exaustivos)

Categoria Nenhum anúncio ou anúncios limitados  
Linguagem imprópria
  • Linguagem obscena forte no título ou na imagem da miniatura inclui erros ortográficos com a intenção de censurar esta linguagem (como "Isto é uma m3rda!")
  • Linguagem obscena forte (como a palavra começada por f) utilizada na parte inicial do vídeo 

Violência

O conteúdo cujo ponto central seja sangue, violência ou lesões, quando apresentado sem outro contexto, não é adequado para publicidade. Se mostrar conteúdo violento num contexto noticioso, educativo, artístico ou documental, esse contexto adicional é relevante. Por exemplo, se um vídeo fornecer notícias fiáveis sobre um evento violento num contexto jornalístico, pode ser elegível para rentabilização. Geralmente, a violência no decurso normal de um vídeo de videojogo é aceitável para publicidade, mas as montagens em que a violência gratuita é o ponto central não o são.

Exemplos (não exaustivos)

Categoria Nenhum anúncio ou anúncios limitados  
Conteúdo que contenha imagens ou relatos macabros, explícitos ou repugnantes
  • Sangue, vísceras, sanguinolência, fluidos sexuais, resíduos de origem humana ou animal e fotos de cenas de crimes
Conteúdo que represente atos de violência
  • Relatos ou imagens de tiroteios, explosões ou bombardeamentos, vídeos de execuções, atos violentos cometidos contra animais
  • Conteúdo que represente crueldade ou violência gratuita contra animais, como lutas de galos, touradas ou lutas de cães 
  • Vídeos que contenham violência explícita no contexto de conflitos físicos, manifestações públicas ou brutalidade policial
  • Filmagens não editadas de vítimas de guerra com representações explícitas de ferimentos ou morte
  • Violência gratuita contra crianças, mesmo que apenas dramatizada ou fictícia
  • Vídeos de caçadas com enfoque na violência física, morte ou sofrimento de animais

Conteúdo para adultos

Conteúdo para adultos
Conteúdo que inclua temas altamente sexualizados não é adequado para publicidade, com exceções limitadas para vídeos não explícitos de educação sexual e vídeos de música. Não é suficiente indicar que a sua intenção é humorística, e tal conteúdo pode continuar a não ser adequado para publicidade.

Exemplos (não exaustivos)

Categoria Nenhum anúncio ou anúncios limitados  
Conteúdo sexualmente explícito
  • Atos sexuais explícitos ou simulações destinadas a excitar
  • Texto ou áudio sexualmente explícito, inclusive conversas explícitas sobre sexo
  • Conteúdo que possa ser interpretado como promoção de um ato sexual em troca de qualquer compensação
  • Filmagens não editadas de cenas de acasalamento entre animais
Nudez
  • Pessoas ou representações de pessoas a mostrar órgãos sexuais, como órgãos genitais, mamilos ou nádegas visíveis
  • Conteúdo focado em órgãos sexuais desfocados ou censurados
  • Arte corporal focada na nudez ou em partes íntimas do corpo
Conteúdo com conotação sexual
  • Conteúdo com atos sexuais implícitos
  • Conteúdo que represente fetiches em ação ou conversas sobre fetiches
  • Conteúdo sobre escândalos sexuais ou divulgação de fotos ou vídeos íntimos privados
  • Conteúdo relacionado com a indústria do sexo, inclusive entretenimento relacionado com sexo
  • Conteúdo que aborde experiências sexuais íntimas, como masturbação, relações sexuais ou outros atos sexuais
  • Conteúdo com brinquedos sexuais, dispositivos sexuais ou outros produtos destinados a melhorar a atividade sexual
  • Conteúdo que forneça aconselhamento sobre o desempenho sexual ou relate histórias relacionadas com o desempenho

Conteúdo chocante

O conteúdo que possa incomodar, repugnar ou chocar os visitantes pode não ser adequado para publicidade. A presença de elementos chocantes sem censura não significa obrigatoriamente que o vídeo não seja adequado para publicidade, mas o contexto é relevante.

Exemplos (não exaustivos)

Categoria Nenhum anúncio ou anúncios limitados  
Partes, fluidos e resíduos corporais
  • De origem humana ou animal 
  • Vídeos que contenham representações repugnantes, macabras e gráficas de sangue, órgãos e tecido
  • Conteúdo que represente resíduos corporais
Procedimentos médicos e cosméticos
  • Procedimentos médicos invasivos, inclusive cirurgia cosmética
  • Rebentar borbulhas ou remoção de unhas dos pés encravadas
  • Procedimentos de implantes na pele
  • Cirurgia de bifurcação da língua
Acidentes e lesões
  • Colisões entre humanos, animais ou veículos que provoquem lesões visíveis
  • Acidentes desportivos não intencionais que causem incómodo devido ao impacto nocivo visível
  • Vídeos de compilações de acidentes
Preparação e ingestão de animais
  • Ingestão sensacionalista de animais
  • Preparação explícita de animais, inclusive esfolamento
  • Mau manuseamento explícito de animais

Atos nocivos ou perigosos

O conteúdo que promova atos nocivos ou perigosos, que resultem em danos físicos, emocionais ou psicológicos graves, não é adequado para publicidade. 

Exemplos (não exaustivos) 

Categoria Nenhum anúncio ou anúncios limitados  
Partidas, desafios e manobras impróprios
  • Partidas relacionadas com suicídio, morte, terrorismo (como partidas com bombas falsas para assustar) ou ameaças com armas de fogo e outras armas letais
  • Atos sexualmente indesejados, como beijos forçados, apalpões ou abuso sexual
  • Mostra danos ou dificuldades físicas, mas que não são o ponto central do vídeo. Esta diretriz aplica-se a atos realizados em ambientes não profissionais e não controlados
  • Conteúdo que provoque problemas emocionais prolongados em menores
Conteúdo que ameace ou tenha a finalidade de prejudicar, física ou mentalmente, a própria pessoa ou terceiros
  • Ameaçar alguém com danos reais
  • Apelar ao ataque a outra pessoa
Infligir danos a si próprio ou a outros, ou sofrer danos provocados por outros
  • Conteúdo relacionado com suicídio, distúrbios alimentares, bullying, assédio, violência doméstica ou outras formas de abuso e automutilação
  • Conteúdo que promova a utilização de armas para infligir danos a outros
  • Conteúdo relacionado com canibalismo
Atos perigosos que não devem ser imitados
  • Conteúdo que mostre o consumo de substâncias em quantidades que resultem numa reação tóxica
  • Compilações de falhas que incluam danos e ferimentos explícitos
  • Fazer surf no metropolitano
  • Subir a telhados
  • Outro conteúdo baseado em desafios, que, se replicado, pode resultar em danos (como o desafio do fogo, o desafio kiki e o desafio Bird Box)
Promover ou defender declarações ou práticas médicas ou de saúde prejudiciais
  • Movimentos antivacinação ou de negação da SIDA
  • Tratamentos não médicos que prometam curar doenças incuráveis
  • Conteúdo que insinue que situações clínicas graves não existem ou são um embuste elaborado

Conteúdo de incitação ao ódio

O conteúdo que incite ao ódio, promova a discriminação, rebaixe ou humilhe uma pessoa ou um grupo de pessoas com base no seguinte não é adequado para publicidade:

  • Raça
  • Etnia ou origem étnica
  • Nacionalidade
  • Religião
  • Deficiência
  • Idade
  • Estatuto de ex-combatente
  • Orientação sexual
  • Identidade de género
  • Qualquer outra caraterística associada a discriminação ou marginalização sistémica 

O conteúdo satírico ou cómico pode estar isento. Não é suficiente indicar que a sua intenção é humorística, e tal conteúdo pode continuar a não ser adequado para publicidade.

Exemplos (não exaustivos) 

Categoria Nenhum anúncio ou anúncios limitados  
Conteúdo que incite ao ódio, promova a discriminação, rebaixe ou humilhe
  • Conteúdo que promova, glorifique ou apoie violência contra outras pessoas
  • Conteúdo que incentive outras pessoas a acreditarem que uma pessoa ou um grupo é desumano, inferior ou passível de ser alvo de ódio
  • Conteúdo que promova grupos de ódio ou artigos relacionados com grupos de ódio
Promoção do terrorismo e do extremismo violento
  • Conteúdo produzido por ou em apoio a grupos terroristas
  • Conteúdo que promova atos terroristas, incluindo recrutamento 
  • Conteúdo que celebre ataques terroristas

Incendiário e humilhante

O conteúdo gratuitamente incendiário, provocante ou humilhante pode não ser adequado para publicidade. 

Exemplos (não exaustivos) 

Categoria Nenhum anúncio ou anúncios limitados  
Conteúdo incendiário e humilhante
  • Conteúdo focado em humilhar ou insultar uma pessoa ou um grupo
Conteúdo que assedia, intimida ou persegue um indivíduo ou um grupo de indivíduos
  • Conteúdo que seleciona uma pessoa para ser vítima de abuso ou assédio
  • Conteúdo que sugere que um evento trágico não aconteceu, que as vítimas ou as suas famílias são atores ou cúmplices num encobrimento do evento
  • Ataques pessoais maliciosos, calúnias e difamação

Conteúdo relacionado com drogas, sejam para fins recreativos ou não

Conteúdo que promova ou inclua o seguinte não é adequado para publicidade:

  • Venda de drogas ilegais, drogas ou substâncias regulamentadas, ou outros produtos perigosos 
  • Uso de drogas ilegais, drogas ou substâncias regulamentadas, ou outros produtos perigosos 
  • Abuso de drogas ilegais, drogas ou substâncias regulamentadas, ou outros produtos perigosos

Os vídeos que refiram drogas ou substâncias perigosas para fins educativos, documentais ou artísticos (como vídeos de música) são geralmente adequados para publicidade, desde que a utilização de drogas ou o abuso de substâncias não seja explícito ou glorificado.

Exemplos (não exaustivos)

Categoria Nenhum anúncio ou anúncios limitados  
Promoção de substâncias que alteram o estado mental para fins recreativos ou que provocam "pedradas"
  • Cocaína, metanfetamina, heroína, marijuana, substitutos da cocaína, mefedrona, "pedradas legais", sais de banho
Promoção de drogas ou serviços comercializados que promovem o uso de drogas recreativas
  • Cachimbos, bongos, "coffee shops" para consumo de canábis
Promoção de conteúdo institucional acerca da produção, compra ou uso de drogas recreativas
  • Troca de sugestões ou recomendações sobre uso de drogas

Conteúdo relacionado com tabaco

O conteúdo que promova o tabaco e os produtos relacionados com o tabaco não é adequado para publicidade.

Exemplos (não exaustivos)

Categoria Nenhum anúncio ou anúncios limitados  
Promoção do tabaco
  • Cigarros, charutos, tabaco de mascar
Promoção de produtos relacionados com o tabaco
  • Cachimbos, mortalhas, vaporizadores
Promoção de produtos concebidos para simular o fumo de tabaco
  • Cigarros de ervas, cigarros eletrónicos

Conteúdo relacionado com armas de fogo

O conteúdo focado na venda, na montagem, no abuso ou na utilização indevida de armas de fogo não é adequado para publicidade.

Exemplos (não exaustivos) 

Categoria Nenhum anúncio ou anúncios limitados  
Promoção da venda de armas de fogo
  • Venda de uma arma de fogo
  • Venda de uma peça ou um componente relacionado com uma arma de fogo que é essencial ou melhora a funcionalidade da arma de fogo, incluindo: 
    • Peças de armas 80% acabadas 
    • Munições
    • Carregadores
    • Silenciadores
    • Cintos de munições
    • Coronhas
    • Kits de conversão
    • Punhos para armas
    • Miras telescópicas 
    • Miras
  • Conteúdo promocional para lojas de armas
  • Fabricantes ou códigos de desconto para lojas de armas
Instruções sobre a montagem de quaisquer armas de fogo, incluindo peças e componentes das mesmas
  • Instruções para produzir armas de fogo, guias, software ou equipamento para impressão 3D de armas e peças de armas
Abuso ou utilização indevida de uma arma de fogo
  • Conteúdo em que as armas de fogo são descarregadas em ambientes inseguros

Questões controversas e eventos sensíveis

"Questões controversas" refere-se a tópicos que podem ser perturbadores para os nossos utilizadores e que estão frequentemente relacionados com tragédias humanas. 

Um evento sensível é, normalmente, um evento inesperado no qual se tenha registado a perda de vidas, geralmente, resultante de um ataque malicioso previamente planeado. Os eventos sensíveis podem fazer com que o público reaja de forma lamentosa ou, por vezes, de forma extrema e agressiva. Um evento deve ser relativamente recente para ser considerado um evento sensível. O contexto é importante. Por exemplo, o conteúdo que fornecer notícias fiáveis sobre uma questão sensível ou vídeos documentais sobre um evento histórico pode ser elegível para rentabilização. 

Esta política aplica-se, mesmo que o conteúdo seja puramente de comentário ou não contenha imagens explícitas. 

Exemplos (não exaustivos) 

Categoria Nenhum anúncio ou anúncios limitados  
Questões controversas
  • Abuso de menores
  • Pedofilia
  • Casamento infantil
  • Abusos sexuais
  • Assédio sexual
  • Automutilação
  • Suicídio
  • Transtornos alimentares
  • Violência doméstica
  • Interrupção voluntária da gravidez
  • Bullying
Acontecimentos sensíveis
  • Atrocidades que resultam na perda de vidas humanas, como tiroteios em massa 
  • Conflitos armados 
  • Morte
  • Eventos trágicos 
  • Atos terroristas

Temas para adultos em conteúdo familiar

O conteúdo que aparente ser apropriado para um público geral, mas contenha temas para adultos não é adequado para publicidade. Esta regra aplica-se, mesmo que o conteúdo seja produzido para fins humorísticos ou satíricos. 

Exemplos (não exaustivos) 

Categoria Nenhum anúncio ou anúncios limitados  
Temas para adultos em conteúdo familiar

Conteúdo produzido para parecer adequado para um público geral, mas que contém temas para adultos, incluindo:

  • Sexo
  • Violência
  • Linguagem vulgar
  • Outras representações de crianças ou personagens infantis populares que são inadequadas para um público geral
     

 

Todos os vídeos carregados para o YouTube têm de estar em conformidade com os Termos de Utilização e as regras da comunidade do YouTube. Para poder rentabilizar os vídeos com anúncios, tem de seguir as Políticas de Rentabilização do YouTube e as Políticas do Programa do Google AdSense

A informação foi útil?
Como podemos melhorá-la?