Como o Google Ads acompanha conversões no site

Neste artigo, você encontrará mais informações sobre como o Google avalia as interações das pessoas com seus anúncios antes de uma conversão, incluindo algumas diretrizes para contabilizar conversões em qualquer navegador.

Quando as pessoas interagem com seus anúncios (clicando em um anúncio de texto ou visualizando um anúncio em vídeo), o Google Ads armazena cookies que contêm informações sobre a interação. Se algum desses usuários gerar uma conversão no seu site, a tag de acompanhamento instalada lerá esse cookie e o enviará de volta para o Google Ads com as informações da conversão. Em alguns casos, os cookies usados para armazenar detalhes sobre as interações com o anúncio não estão disponíveis devido a fatores como as configurações do navegador. Nessas situações, o Google Ads oferece os métodos a seguir para você acompanhar as conversões de cliques com mais precisão.

Antes de começar

Para conseguir o maior grau de precisão, é necessário usar uma tag em todo o site (veja abaixo as opções para implementá-la). Antes da implementação, siga estas instruções:

  • Ative a codificação automática em todas as suas contas do Google Ads.
  • Se você usa algum serviço de acompanhamento de cliques nos seus URLs de rastreamento, ou redirecionamentos do servidor no site, verifique se eles enviam o identificador de cliques do Google (GCLID, na sigla em inglês) às suas páginas de destino.
  • Não dispare as tags a partir de um iframe (por exemplo, em outra tag de acompanhamento, como o Floodlight).
  • Assista ao vídeo a seguir para aprender como implementar corretamente tags diferentes e usar tagging em todo o site para avaliar seu desempenho no Google Ads:

 

Ative as legendas do YouTube para vê-las no seu idioma. Clique no ícone "Configurações" na parte inferior do player de vídeo, selecione "Legendas" e escolha seu idioma.

Opções de acompanhamento de conversões

Considere as seguintes opções para implementar uma tag em todo o site e criar novos cookies no seu domínio, que armazenarão informações sobre o clique no anúncio que direcionou alguém para o site:

Opção 1: acompanhar as conversões com a tag de acompanhamento atualizada do Google Ads

Para garantir que o Google Ads possa avaliar suas conversões, independentemente do navegador usado pelo visitante do site, é recomendável usar a tag de acompanhamento de conversões atualizada do Google Ads. Ela é composta por uma tag global do site e um snippet de evento. Ela cria novos cookies no seu domínio, que armazenam informações sobre o clique no anúncio que direcionou as pessoas para o seu site. Os cookies recebem essas informações sobre os cliques por meio de um parâmetro GCLID incluído na tag de acompanhamento de conversões.

Para que a nova tag de acompanhamento de conversões funcione, siga as instruções na seção Antes de começar.

Os snippets de código da nova tag de acompanhamento de conversões são oferecidos quando você configura o acompanhamento para seu site na nova experiência do Google Ads.

Como desativar

Se você não quiser que a tag global do site defina cookies primários no domínio do seu site, adicione a parte destacada abaixo ao comando config da tag global do seu site:

 gtag('config', 'AW-123456789', {'conversion_linker': false}); 

Isso não é recomendável porque reduz a precisão da contagem de conversões.

Opção 2: usar o Gerenciador de tags do Google com a nova tag do Vinculador de conversões

O Gerenciador de tags do Google permite implementar e atualizar as tags do seu site de modo fácil e rápido, sem ter que alterar o código das páginas. Siga estas etapas para que as tags de acompanhamento de conversões do Google Ads recebam as informações necessárias sobre os cliques no anúncio:

  1. Se você ainda não fez isso, configure e instale o Gerenciador de tags do Google.
  2. No seu contêiner do Gerenciador, clique para adicionar uma Nova tag.
  3. Clique em Configuração da tag e selecione o tipo de tag Vinculador de conversões.
  4. Clique em Acionamento e selecione um acionador que permita disparar a tag em Todas as páginas.

A tag do Vinculador de conversões realiza duas tarefas automaticamente: ela detecta as informações sobre o clique no anúncio que direcionou o usuário para o seu site nos URLs das páginas de destino e armazena essas informações nos novos cookies do seu domínio.

Saiba como começar a usar o Gerenciador de tags do Google, caso você não tenha experiência com ele.

Opção 3: usar o Google Analytics

Se a tag do Google Analytics já estiver instalada no seu site, siga estas etapas para garantir que a tag de acompanhamento de conversões do Google Ads continue contabilizando as conversões com precisão. Se você seguir as instruções na seção Antes de começar, o GCLID do clique no anúncio será armazenado em um cookie do Google Analytics, no domínio do seu site. Se você configurou as contas e usou as tags corretamente, a tag de acompanhamento de conversões do Google Ads poderá usar o GCLID do cookie do Google Analytics. 

Para usar esse método de acompanhamento de conversões no site, siga as instruções na seção "Antes de começar" observando estas diretrizes adicionais:

Se você seguir essas etapas, o GCLID do cookie do Google Analytics será lido automaticamente. Se não quiser que o Google Analytics armazene o GCLID nesse cookie, siga as instruções na seção Como desativar exibida abaixo.

O cookie do Google Analytics só armazena o GCLID do último clique. Se você tiver várias contas do Google Ads que direcionam tráfego para seu site e não usar o acompanhamento de conversões de várias contas, poderá observar um número mais baixo de conversões.

Como desativar

Se você não quiser usar o cookie do Google Analytics para armazenar o GCLID, siga estas instruções para atualizar sua tag do Google Analytics. Isso não é recomendável porque reduz a precisão da contagem de conversões.

Acompanhamento de conversões em vários domínios

Se você quiser avaliar as atividades de diversos domínios (por exemplo, quando o domínio da página de destino for diferente do domínio de conversão), ative o acompanhamento de vários domínios adicionando o seguinte texto ao código do site (este código é apenas um exemplo e não funcionará no seu site):

    gtag('set', 'linker', {
   'domains': ['landing-destination.com', 'conversion-destination.com']
   });

Saiba mais sobre como avaliar a jornada do cliente em vários domínios.

Casos em que o Google Ads não acompanha todas as conversões

Se você não implementar uma das soluções anteriores, a capacidade de contabilizar conversões será limitada. Mesmo que você use uma das opções acima, ainda haverá momentos em que as conversões não poderão ser contadas. Por exemplo, quando um usuário não faz login nos serviços do Google, visualiza um anúncio em vídeo no aplicativo do YouTube para dispositivos móveis e depois conclui uma conversão no navegador do smartphone. Nesses casos, o Google incluirá conversões estimadas na coluna "Conversões" dos seus relatórios. Elas são criadas usando dados anônimos e agregados de usuários que já fizeram login nos serviços do Google.

Impacto nos lances

Recomendamos que você monitore os relatórios de conversão nos próximos meses e considere a possibilidade de fazer as alterações necessárias nos seus lances. Se você estiver usando as estratégias de Lances inteligentes CPA desejado ou ROAS desejado e observar uma redução do tráfego, ajuste as metas durante esse período para compensar pelas conversões não acompanhadas. Se você configura os lances manualmente, ao avaliar o desempenho e ajustar os lances, é possível que algumas conversões não sejam acompanhadas.

Tagging em todo o site e a tag de remarketing legada

Você pode usar uma das opções acima para garantir que o Google Ads avalie todas as conversões, independentemente do navegador usado pelo visitante do site. Para corrigir possíveis problemas de tagging, a tag de remarketing legada do Google Ads ainda define novos cookies no domínio que armazenam informações sobre os cliques no anúncio que levaram as pessoas ao seu site. Os cookies recebem essas informações sobre os cliques por meio de um parâmetro GCLID (identificador de clique do Google) incluído na tag de acompanhamento de conversões.

Para que esse método funcione, siga as instruções na seção "Antes de começar" acima e implante a tag de remarketing em todas as páginas do seu site.

Como desativar

Se você não quiser que a tag de remarketing defina cookies primários no domínio do seu site, adicione a seguinte linha à configuração dela antes de carregar a tag de script:

var google_conversion_linker = false;

Se você estiver usando conversion_async.js, adicione a parte destacada abaixo à chamada google_trackConversion:

window.google_trackConversion( { google_conversion_linker : false } );

Isso não é recomendável porque reduz a precisão da contagem de conversões.

Como informar os visitantes do seu site sobre a coleta de dados

Como sempre, é necessário oferecer aos usuários informações claras e abrangentes sobre os dados que você coleta nos seus sites e solicitar o consentimento deles para fazer essa coleta, conforme os requisitos legais.

Se você não tiver implementado uma das opções acima e tiver a tag de remarketing legada no seu site, ela definirá novos cookies no domínio que armazenam informações sobre os cliques no anúncio que levaram as pessoas ao seu site. Para mais informações ou para ver instruções sobre como desativá-las, confira a Central de Ajuda sobre as tags de remarketing.

Este artigo foi útil para você?
Como podemos melhorá-lo?