Importe conversões de chamadas telefónicas

Se grande parte da sua atividade empresarial for feita por telefone, convém ter acesso a uma forma de medir quando os anúncios originam chamadas telefónicas e quando essas chamadas telefónicas originam vendas e outras ações rentáveis dos clientes. A importação de conversões de chamadas telefónicas para o Google Ads permite-lhe acompanhar o modo como os seus anúncios originam as chamadas mais importantes.

Este artigo mostra como configurar a importação de conversões de chamadas e como começar a importá-las para a sua conta. Para mais informações sobre o funcionamento da importação de conversões de chamadas, consulte o nosso artigo Acerca de como importar conversões de chamadas.

Antes de começar

Para utilizar este tipo de acompanhamento de conversões, tem de conseguir efetuar as ações seguintes:

  • Receber chamadas num país elegível: este tipo de acompanhamento de conversões requer números de reencaminhamento da Google, que estão disponíveis atualmente nestes países. Contudo, embora os números de reencaminhamento da Google estejam disponíveis na Índia e no Japão, a importação de conversões de chamadas não está disponível nesses países.
  • Ter anúncios com extensões de chamada ou apenas de chamadas: pode configurar o seu anúncio com extensões de chamada ou apenas de chamadas antes ou depois de configurar a ação de conversão. Os requisitos são diferentes consoante a intenção de acompanhar chamadas diretamente a partir dos anúncios, de um número no Website ou ambos. Certifique-se de que cumpre os requisitos para os tipos de conversão de chamadas a incluir na sua importação:
    • Chamadas provenientes de anúncios: necessita de, no mínimo, um anúncio com extensões de chamada ou apenas de chamadas com um número de reencaminhamento da Google.
    • Chamadas provenientes do seu Website: necessita de, no mínimo, uma extensão de chamada aplicada à campanha que pretende acompanhar.
  • Ter um sistema para acompanhar informações das chamadas: para importar conversões de chamadas telefónicas, tem de acompanhar os detalhes das chamadas, como o número de telefone do autor da chamada e a hora de início da chamada (consulte todos os detalhes que irá acompanhar aqui), e acompanhar quando as chamadas originam conversões, como vendas. O acompanhamento pode ter melhores resultados se utilizar um sistema de gestão das relações com clientes (CRM). Se tal não for possível para a sua empresa, recomendamos que consulte os outros tipos de conversão de chamadas oferecidos pelo Google Ads.

Pode igualmente utilizar a API do Google Ads (API do AdWords) para obter mais flexibilidade na associação de chamadas a conversões.

Instruções

Clique nos links abaixo para obter instruções sobre como configurar a importação de conversões de chamadas telefónicas. Tenha em atenção que, em alguns casos, existem instruções diferentes consoante a intenção de acompanhar chamadas provenientes de anúncios ou chamadas provenientes de um número de telefone no Website. Siga as instruções para todos os tipos de chamada telefónica a incluir na sua importação.

Passo 1: crie uma ação de conversão no Google Ads

  1. Inicie sessão na sua conta do Google Ads.
  2. Clique no ícone de ferramentas no canto superior direito da conta.
  3. Em "Medição", clique em Conversões.
  4. Clique no botão mais .
  5. Clique em Importar.
  6. Em "Selecione o que pretende importar:", escolha "Outras origens de dados ou CRMs" e, em seguida, "Acompanhar conversões a partir de chamadas".
  7. Clique em Continuar.
  8. Conclua as definições da nova ação de conversão e tenha em atenção o seguinte:
    1. Quando introduz um nome para a conversão, é importante lembrar-se da ortografia exata do nome. Tem de introduzir este nome mais tarde, quando carregar as informações das conversões de chamadas.
    2. A definição Incluir em "Conversões" está selecionada por predefinição. Desselecione-a se não pretender incluir dados para esta ação de conversão na coluna de relatórios "Conversões". No entanto, mesmo que desselecione esta definição, os dados continuam a ser incluídos na coluna "Todas as conversões".

      É recomendável utilizar esta definição se utilizar uma estratégia de lance automático a fim de otimizar em função das conversões e não pretender incluir esta ação de conversão específica na sua estratégia de lance. Saiba mais acerca da definição Incluir em "Conversões".

    3. Se tiver outras ações de conversão que acompanham as mesmas chamadas (por exemplo, se já tiver uma ação de conversão para acompanhar chamadas provenientes de anúncios e planear acompanhar as mesmas chamadas com a ação de conversão para importar conversões de chamadas), só deve incluir uma destas ações de conversão na coluna "Conversões". A inclusão de ambas resulta na contabilização de 2 conversões para cada chamada e, se otimizar os lances para conversões, na licitação de 2 conversões para cada chamada.

      Recomendamos que selecione a definição Incluir em "Conversões" para a ação de conversão para importar conversões de chamadas e que desselecione a definição das outras ações de conversão que acompanham as mesmas chamadas.

  9. Clique em Criar e continuar.
  10. Escolha uma das seguintes opções:
    • Se apenas pretender acompanhar chamadas provenientes de um número nos seus anúncios, clique em Concluído para concluir a criação da ação de conversão. Pode ignorar os passos seguintes.
    • Se pretender acompanhar chamadas provenientes de um número de telefone no seu Website, siga o passo 2: configure a etiqueta de acompanhamento de conversões.

Passo 2: configure a etiqueta de acompanhamento de conversões (apenas para chamadas provenientes de Websites)

Se pretender acompanhar chamadas provenientes de um número de telefone no seu Website, siga os passos abaixo. Se apenas pretender acompanhar chamadas provenientes de um número nos seus anúncios, pode ignorar este passo.

Para configurar o acompanhamento de conversões, tem de adicionar dois fragmentos de código ao seu Website: a etiqueta global do site e um fragmento de telefone.

A etiqueta global do site adiciona visitantes do Website às listas de remarketing "Todos os visitantes" (se configurou o remarketing) e define novos cookies no domínio, que vão armazenar informações acerca do clique num anúncio que direcionou um utilizador para o seu site. Tenha em atenção que a etiqueta de acompanhamento de conversões do Google Ads vai poder utilizar estas informações acerca dos cliques para atribuir uma conversão às suas campanhas do Google Ads. Certifique-se de que está a fornecer aos utilizadores informações claras e completas sobre a recolha de dados e a obter consentimento quando tal é obrigatório por lei.

Tem de instalar a etiqueta global do site em todas as páginas do seu Website, mas só precisa de uma etiqueta global do site para cada conta do Google Ads.

O fragmento de telefone substitui um número de telefone presente no Website por um número de reencaminhamento da Google. Instale este fragmento nas páginas do site onde o número de telefone aparece.

  1. Em "Etiqueta global do site", selecione a opção que melhor descreve a sua situação e siga as instruções para instalar a etiqueta:
    • Não instalei a etiqueta global do site no meu Website: escolha esta opção se for a primeira vez que configura a etiqueta para uma ação de conversão na conta e se não instalou a etiqueta global do site a partir de outro produto Google. Esta opção apresenta a etiqueta global do site completa. Para instalar a etiqueta, copie o código da etiqueta e cole-o entre as etiquetas <head></head> de todas as páginas do Website.

      Segue-se um exemplo de uma etiqueta global do site, em que "CONVERSION_ID" representa o ID de conversão que é exclusivo da sua conta do Google Ads:

      <script async src="https://www.googletagmanager.com/gtag/js?id=AW-CONVERSION_ID"></script>
      <script>

        window.dataLayer = window.dataLayer || [];
        function gtag(){dataLayer.push(arguments);}
        gtag('js', new Date());
        gtag('config', 'AW-CONVERSION_ID');


      </script>
    • Instalei a etiqueta global do site no meu Website a partir de outro produto Google (exemplo: Google Analytics) ou a partir de outra conta do Google Ads: se esta opção se aplicar a si, não tem de voltar a adicionar a etiqueta global do site ao Website. Contudo, para que o acompanhamento de conversões funcione nesta conta, tem de adicionar o comando config (o fragmento de código que contém o seu ID de conversão) a todas as instâncias da etiqueta global do site. Esta opção apresenta esse comando, em que "AW-CONVERSION_ID" representa o ID de conversão da conta:

      gtag('config', 'AW-CONVERSION_ID');

      Adicione o comando config a todas as instâncias da etiqueta global do site no Website, imediatamente acima da etiqueta de fim </script>. 

      Segue-se um exemplo de uma etiqueta global do site configurada para o Google Analytics e para o Google Ads, com o comando config para a conta do Google Ads realçado:

      <script async src="https://www.googletagmanager.com/gtag/js?id=GA-_TRACKING_ID">

      </script>

      <script>

        window.dataLayer = window.dataLayer || [];

        function gtag(){dataLayer.push(arguments);}

        gtag('js', new Date());

        gtag('config', 'GA_TRACKING_ID');

        gtag('config', 'AW-CONVERSION_ID');

      </script>

    • Já instalei a etiqueta global do site no meu Website quando criei outra ação de conversão nesta conta do Google Ads: se esta opção se aplicar a si, não tem de voltar a adicionar a etiqueta global do site ao Website. Certifique-se apenas de que a etiqueta global do site é apresentada em todas as páginas do seu site e que o comando config em todas as ocorrências da etiqueta contém o ID de conversão da conta. Irá ver o ID de conversão quando selecionar esta opção.

  2. (Opcional) Modifique a etiqueta global do site com base nas suas preferências:

    • Se não pretender que a etiqueta global do site adicione visitantes do Website às suas listas de remarketing, adicione a parte realçada abaixo ao comando config da etiqueta global do site:

      gtag('config', 'AW-CONVERSION_ID', {'send_page_view': false});

    • Se não pretender que a etiqueta global do site defina cookies originais no domínio do seu site, adicione a parte realçada abaixo ao comando config da etiqueta global do site:

      gtag('config', 'AW-CONVERSION_ID', {'conversion_linker': false});

      Não recomendamos que o faça, pois irá originar uma medição de conversões menos exata.

  3. Copie a etiqueta global do site e siga as instruções para a adicionar ao seu Website.

  4. Junto a "Fragmento de telefone", selecione uma das seguintes opções:

    • Introduza o seu número de telefone conforme apresentado no Website. Introduza o número de telefone cujas chamadas recebidas pretende acompanhar. Certifique-se de que introduz exatamente os mesmos dígitos que constam no Website. Por exemplo, se o número no Website incluir um código do país, introduza aqui o código. Se o número no Website não incluir um código do país, não introduza aqui o código. Em seguida, clique em Criar fragmento. (Tenha em atenção que esta opção não funciona se pretender acompanhar vários números de telefone no Website.)

      Exemplo: indica o número no Website como 1-650-555-5555. Deve introduzir o número como 351-555-555-555. Se introduzir 555-555-555 ou 555-555, o Google Ads não consegue detetar corretamente o número nem acompanhar as conversões.

    • Não introduza um número. Tem de editar manualmente o código do Website. Se selecionar esta opção, depois de instalar a etiqueta tem de seguir as instruções abaixo para editar o código do Website manualmente. Esta opção é mais avançada e só é recomendada se estiver familiarizado com a utilização de JavaScript. Deve utilizar esta opção se pretender acompanhar chamadas para vários números de telefone no Website.

  5. Em "Instalar o fragmento de telefone", verá agora o código do fragmento de telefone com base na opção que selecionou. Copie o fragmento para o adicionar ao Website agora ou clique em Transferir fragmento para o adicionar mais tarde. 

  6. Abra o HTML da página onde o número de telefone aparece no seu Website.

  7. Coloque o fragmento de telefone entre as etiquetas head (<head></head>) da página, imediatamente a seguir à etiqueta global do site.

  8. Guarde as alterações à sua página Web.

  9. Clique em Seguinte.

  10. Clique em Concluído.

Exemplo


Seguem-se alguns exemplos de HTML antes e depois de adicionar a etiqueta de acompanhamento de conversões:

Exemplo de HTML antes do código de acompanhamento de conversões (apenas um exemplo, não utilize no código do seu Website).

<html>
<head>
<title>Ficheiro HTML de exemplo</title>
</head>
<body>
Isto é o corpo da sua página Web.
</body>
</html>

Exemplo de HTML após o código de acompanhamento de conversões (apenas um exemplo, não utilize no código do seu Website).

<html>
<head>
<title>Ficheiro HTML de exemplo</title>

<!-- Etiqueta global do site (gtag.js) - Google Ads: AW-CONVERSION_ID -->
<script async src="https://www.googletagmanager.com/gtag/js?id=AW-CONVERSION_ID"></script>
<script>
  window.dataLayer = window.dataLayer || [];
  function gtag(){dataLayer.push(arguments);}
  gtag('js', new Date());
  gtag('config', 'AW-CONVERSION_ID');
</script>

<script>
  gtag('config', 'AW-CONVERSION_ID/CONVERSION_LABEL', {
    'phone_conversion_number': '1-650-555-5555'
  });
</script>


</head>
<body>
Isto é o corpo da sua página Web.
</body>

Passo 3: adicione código para substituir o seu número por um número de reencaminhamento da Google (apenas para chamadas provenientes de Websites)

Se pretender acompanhar chamadas provenientes de um número de telefone no seu Website, siga estas instruções para editar o código da etiqueta. Caso contrário, pode ignorar este passo.

Passo 4: prepare os seus dados para importação

Se todas as horas de início da chamada e as datas/horas da conversão estiverem no mesmo fuso horário, defina o fuso horário uma vez na linha "Parameters".

  1. Transfira o nosso modelo de carregamento de conversões de chamadas (transferência: Excel, CSV ou Google Sheets). Também pode seguir os passos abaixo para transferir um modelo. Se pretender que o Google Ads importe automaticamente as suas conversões de forma regular (veja o Passo 5: importe as suas conversões), tem de utilizar o Google Sheets ou armazenar o ficheiro online com HTTPS ou SFTP.
    Se alguma das conversões que importar ocorrer no espaço de 24 horas do clique, o Google Ads pode não ser capaz de a registar ainda. Como prática recomendada, carregue dados que correspondam a um dia extra com cada importação. O Google Ads não contabilizará conversões duplicadas.
    1. Inicie sessão na sua conta do Google Ads.
    2. Clique no ícone de ferramentas no canto superior direito da conta.
    3. Em "Medição", clique em Conversões.
    4. No menu à esquerda, clique em Carregamentos.
    5. Clique no botão mais .
    6. Clique em Ver modelos.
    7. Localize os modelos para conversões de chamadas telefónicas e, em seguida, selecione um formato de modelo para transferir.
  2. Escolha como introduzir o fuso horário no ficheiro:
     Se todas as datas/horas da conversão estiverem no mesmo fuso horário, defina o fuso horário uma vez na linha "Parameters". Se as suas datas/horas da conversão estiverem em fusos horários diferentes, adicione o fuso horário a cada data/hora da conversão na coluna "Conversion Time". Veja as instruções e a tabela em "Call start time" no passo 4 abaixo. Se não introduzir um fuso horário na linha "Parameters", elimine-a. Em alternativa, pode introduzir um fuso horário tanto na linha "Parameters" como em "Conversion Time". O valor de "Conversion Time" é utilizado primeiro e, se alguma das conversões não tiver fuso horário, é utilizado o valor de "Parameters".
  3. Utilize um dos seguintes formatos para introduzir o fuso horário:
    • Se as horas de início da chamada e as datas/horas da conversão estiverem em fusos horários diferentes, adicione o fuso horário a cada hora de início da chamada e data/hora da conversão na coluna "Conversion Time". Veja as instruções e a tabela em "Call start time" no passo 4 abaixo. Se não introduzir um fuso horário na linha "Parameters", elimine-a.
    • Em alternativa, pode introduzir um fuso horário tanto na linha "Parameters" como em "Call Start Time" e em "Conversion Time". O fuso horário disponível nas colunas é utilizado em primeiro lugar. Se não existir qualquer fuso horário nas colunas, é utilizado o valor de "Parameters".
    • Introduza o ID do fuso horário constante nesta lista. Este método é recomendado para evitar erros durante as transições da hora de verão.
    • Introduza a diferença em relação a GMT através da indicação + ou - seguida da diferença horária com 4 dígitos. (Por exemplo, a diferença de Nova Iorque é de -0500 e a de Berlim é de +0100). Se utiliza a Hora do Meridiano de Greenwich, introduza +0000.
  4. Em seguida, adicione uma nova linha para cada conversão e preencha as colunas da seguinte forma:
    • Caller's phone number: o número de telefone tem de estar listado num dos seguintes formatos suportados:
      Formato Exemplos
      Um sinal +, seguido pelo código do país e o número (formato E.164) +16505551234
      +4408001690409
      Um sinal +, seguido por um indicativo e um número de telefone dos Estados Unidos +6505551234
      Um sinal +, seguido por um código do país e um número internacional. O código do país pode ter até 3 carateres e o número até 14 carateres, incluindo números, traços e espaços. +64 0800-726230

       

    • Call start time: a hora a que a chamada começou. Pode adicionar um fuso horário à hora de início da chamada com um dos últimos 4 formatos listados. Substitua "+z" pela diferença em relação a GMT através da indicação + ou - seguida da diferença horária com 4 dígitos. (Por exemplo, a diferença de Nova Iorque é de -0500 e a de Berlim é de +0100). Em alternativa, substitua "zzzz" pelo ID do fuso horário constante nesta lista. Segue-se uma lista dos formatos de data suportados:
      Formato Exemplos
      MM/dd/aaaa hh:mm:ss aa "08/14/2015 5:01:54 PM"
      MMM dd,aaaa hh:mm:ss aa "Ago 14, 2015 5:01:54 PM"
      MM/dd/aaaa HH:mm:ss "08/14/2015 17:01:54"
      aaaa-MM-dd HH:mm:ss "2015-08-14 13:00:00"
      aaaa-MM-ddTHH:mm:ss "2015-08-14T13:00:00"
      aaaa-MM-dd HH:mm:ss+z "2012-08-14 13:00:00+0500"
      aaaa-MM-ddTHH:mm:ss+z "2012-08-14T13:00:00-0100"
      aaaa-MM-dd HH:mm:ss zzzz "2012-08-14 13:00:00 America/Los_Angeles"
      aaaa-MM-ddTHH:mm:ss zzzz

      "2012-08-14T13:00:00 America/Los_Angeles"

    • Conversion name: o nome da ação de conversão para a qual pretende importar esta conversão. É importante utilizar exatamente a mesma ortografia e letras maiúsculas que utilizou ao criar esta ação de conversão na sua conta do Google Ads.
    • Conversion time (opcional): a data e a hora em que a conversão ocorreu. Veja os formatos aceitáveis em "Call Start Time" acima.
    • Conversion value (opcional): um número que representa o valor que coloca na conversão. Pode refletir um valor em moeda ou pode optar simplesmente por introduzir valores relativos de 0 a 10 (não são aceites números negativos). Se deixar este campo em branco, o Google Ads aplica automaticamente o "valor de conversão" definido quando criou a ação de conversão. Se incluir um valor aqui, vai substituir o valor definido quando criou a sua ação de conversão.
      • Conversion currency (opcional): a moeda na qual é fornecido o seu valor de conversão. Deve utilizar este campo se comunicar valores de conversão em mais do que uma moeda ou se tiver várias contas faturadas em diversas moedas.

        Códigos de moeda

        País Nome da moeda Código de moeda
        Argentina Peso argentino ARS
        Austrália Dólar australiano AUD
        Áustria Euro EUR
        Bélgica Euro EUR
        Brasil Real BRL
        Canadá Dólar canadiano CAD
        Chile Peso chileno CLP
        Colômbia Peso colombiano COP
        República Checa Coroa checa CZK
        Dinamarca Coroa dinamarquesa DKK
        Finlândia Euro EUR
        França Euro
        Franco francês
        EUR
        FRF
        Alemanha Euro EUR
        Grécia Euro EUR
        Guame Dólar americano USD
        Índia Rúpia indiana INR
        Indonésia Rúpia indonésia IDR
        Irlanda Euro EUR
        Itália Euro EUR
        Japão Iene JPY
        Jersey Libra esterlina britânica GBP
        Mauritânia Ouguiya mauritana MRU
        México Peso mexicano MXN
        Holanda Euro EUR
        Nova Zelândia Dólar neozelandês NZD
        Nigéria Naira nigeriana NGN
        Noruega Coroa norueguesa NOK
        Filipinas Peso filipino PHP
        Polónia Zlóti polaco PLN
        Porto Rico Dólar americano USD
        Reunião Euro EUR
        Roménia Leu romeno
        Novo leu romeno
        ROL
        RON
        Rússia Rublo russo RUB
        Singapura Dólar singapurense SGD
        África do Sul Rande sul-africano ZAR
        Espanha Euro EUR
        Suécia Coroa sueca SEK
        Suíça Francos suíços CHF
        Tailândia Baht tailandês THB
        Turquia Lira turca
        Nova lira turca
        TRL
        TRY
        Ucrânia Hryvnia ucraniana UAH
        Reino Unido Libra esterlina britânica
        Euro
        GBP
        EUR
        Estados Unidos da América Dólar americano USD
        Vietname Dong vietnamita VND

         

Não é possível remover as conversões importadas após a importação, por isso, certifique-se de que os dados que introduz estão corretos.

Passo 5: importe as suas conversões

Para importar as conversões offline para o Google Ads, tem de carregar o ficheiro de conversões para a conta do Google Ads ou para a conta de gestor (MCC). (Tenha em atenção que não é possível remover as conversões depois de importadas.) Pode carregar um ficheiro uma vez ou criar um agendamento para carregar regularmente um ficheiro que mantenha online. Siga as instruções de carregamento único ou de carregamento agendado abaixo, dependendo de como pretender importar as suas conversões.
Aguarde pelo menos 4 horas após a criação da ação de conversão para carregar a primeira importação.

Como fazer um carregamento único das conversões

  1. Inicie sessão na sua conta do Google Ads.
  2. Clique no ícone de ferramentas no canto superior direito da conta.
  3. Em "Medição", clique em Conversões.
  4. No menu à esquerda, clique em Carregamentos.
  5. Clique no botão mais .
  6. Clique no menu pendente Origem e selecione a origem do ficheiro. Pode carregar um ficheiro a partir do computador ou do Google Sheets ou pode transferi-lo através de HTTPS ou SFTP.
  7. Com base na origem que selecionou, escolha uma das opções abaixo:
    • Se selecionou "Carregar um ficheiro" ou "Google Sheets", clique em Escolher ficheiro para localizar e selecionar o ficheiro que contém as informações das conversões offline.
    • Se selecionou HTTPS ou SFTP, introduza o URL do ficheiro e o nome de utilizador e a palavra-passe de acesso ao ficheiro. Nota: se selecionar SFTP e for apresentado um erro "Ficheiro não encontrado", experimente colocar duas barras oblíquas ("//") entre o caminho e o nome de ficheiro. Por exemplo: SFTP://sftp.mysite.com/conversions//conv.csv)
  8. Para importar o conteúdo de um ficheiro sem pré-visualizar os resultados do carregamento, clique em Aplicar e ignore os passos restantes. Para pré-visualizar os resultados do carregamento, clique em Pré-visualizar. A pré-visualização do ficheiro realça o número de conversões que vão ser importadas para a sua conta. A pré-visualização também inclui quaisquer erros presentes no ficheiro. Pode corrigir os erros e voltar a carregar o ficheiro ou pode ignorar os erros.
    • Quando a pré-visualização estiver pronta, clique em Detalhes para ver algum conteúdo do ficheiro. Os erros são apresentados primeiro.
    • Para ver todo o conteúdo do ficheiro, clique em Mais.
    • Para concluir a importação das conversões do ficheiro, clique em Aplicar ficheiro. Uma barra de progresso na parte inferior da página irá notificá-lo quando a importação das conversões no ficheiro terminar. Clique em Detalhes na barra de progresso para ver todas as conversões que foram importadas.

Pode ver ficheiros que carregou, mas não aplicou, bem como ficheiros que carregou e aplicou. Saiba mais acerca de como ver os ficheiros carregados.

Como carregar as conversões com base numa programação

O Google Ads pode importar automaticamente as conversões de forma regular. Tem de criar um ficheiro com as suas conversões no Google Sheets ou armazenar o ficheiro online com HTTPS ou SFTP. Para programar carregamentos de ficheiros, siga estes passos:

  1. Inicie sessão na sua conta do Google Ads.
  2. Clique no ícone de ferramentas  no canto superior direito da conta.
  3. Em "Medição", clique em Conversões.
  4. No menu à esquerda, clique em Carregamentos.
  5. Clique em Programações na parte superior da página.
  6. Clique no botão mais .
  7. Clique no menu pendente Origem e selecione a origem do ficheiro. Pode carregar um ficheiro a partir do Google Sheets ou transferi-lo através de HTTPS ou SFTP.
  8. Com base na origem que selecionou, escolha uma das opções abaixo:
    • Se selecionou "Google Sheets", clique em Escolher ficheiro para localizar e selecionar o ficheiro que contém as informações das conversões offline.
    • Se selecionou HTTPS ou SFTP, introduza o URL do ficheiro e o nome de utilizador e a palavra-passe de acesso ao ficheiro. Nota: se selecionar SFTP e for apresentado um erro "Ficheiro não encontrado", experimente colocar duas barras oblíquas ("//") entre o caminho e o nome de ficheiro. Por exemplo: SFTP://sftp.mysite.com/conversions//conv.csv)
  9. Clique no menu pendente Frequência e selecione a frequência de importação do ficheiro que pretende.
  10. Clique no menu pendente Hora e selecione quando é que o ficheiro será importado.
  11. Clique em Guardar e pré-visualizar. A pré-visualização indica se a programação é ou não guardada com êxito. Pode não ser possível guardar uma programação se o Google Ads não conseguir aceder à origem do ficheiro devido a um nome de utilizador ou palavra-passe incorreto ou se o ficheiro não estiver formatado corretamente.
  12. Clique em OK para regressar à página Programações. A página Programações apresenta todos os carregamentos programados.

    Nota

    Se existir um problema com o carregamento programado, será apresentado um alerta na sua conta e receberá um email. Terá de verificar o seu ficheiro online para corrigir o problema.
  13. Para alterar o carregamento programado, clique em Opções na coluna "Ações" e escolha uma das opções abaixo:
    • Clique em Editar para alterar as definições de um carregamento programado.
    • Clique em Colocar em pausa para parar os carregamentos programados de um ficheiro.
    • Clique em Retomar se os carregamentos programados de um ficheiro estavam em pausa e pretender retomar os mesmos.
    • Clique em Remover se já não precisar de carregar as conversões no ficheiro.

Não pode alterar as opções de carregamento programado se a sua conta do Google Ads tiver acesso só de leitura.

Como ver os ficheiros carregados

Assim que o ficheiro das conversões for carregado, irá ver uma nova entrada para esse ficheiro na página Carregamentos. Tenha em atenção que o carregamento e a aplicação de um ficheiro podem demorar vários minutos.

  1. Inicie sessão na sua conta do Google Ads.
  2. Clique no ícone de ferramentas  no canto superior direito da conta.
  3. Em "Medição", clique em Conversões.
  4. No menu à esquerda, clique em Carregamentos.
  5. Se pré-visualizou ficheiros, mas não os aplicou, irá vê-los na tabela "Ações pendentes". Na coluna "Ações", clique em Aplicar para importar as conversões no ficheiro ou em Rejeitar para remover o ficheiro carregado. Se o Google Ads conseguiu gerar uma pré-visualização do ficheiro, verá o link Transferir resultados que lhe permite transferir o ficheiro que carregou.
  6. Abaixo da tabela "Ações pendentes", verá uma lista dos ficheiros que carregou e aplicou. Verifique as seguintes colunas para obter mais informações acerca dos ficheiros.
    • A coluna "Estado" permite-lhe ver rapidamente se as conversões no ficheiro foram importadas com êxito.
    • A coluna "Resultados" fornece mais detalhes acerca do estado da importação. Se a importação do ficheiro falhar, esta coluna apresenta um motivo para a falha.
    • A coluna "Ações" fornece os seguintes links:
      • Transferir resultados: transfira uma cópia do ficheiro carregado. Este link aparece quando todas as conversões no ficheiro são importadas com êxito.
      • Transferir tudo: transfira uma cópia do ficheiro carregado, incluindo as conversões que não foram importadas.
      • Transferir erros: transfira uma folha de cálculo que lista as conversões do ficheiro que não foram importadas, juntamente com as mensagens de erro.
      • Quando seleciona qualquer dos três links acima, o ficheiro transferido inclui uma coluna "Resultados" que confirma a importação com êxito de uma conversão ou que explica o motivo da falha na importação da mesma. Estes links são removidos 30 a 60 dias após o carregamento inicial.

Como corrigir erros

Para corrigir problemas que possa encontrar depois de importar conversões de chamadas telefónicas, consulte este artigo.

A informação foi útil?
Como podemos melhorá-la?

Precisa de mais ajuda?

Inicie sessão para obter opções de apoio técnico adicionais e resolver rapidamente o seu problema.