IAB Transparency and Consent Framework v2 e Google Analytics

O Transparency & Consent Framework (TCF) do IAB é um framework técnico de padrão aberto que possibilita que sites, anunciantes e agências de publicidade obtenham, registrem e atualizem o consentimento dos consumidores em páginas da Web. O Google Analytics integra-se ao TCF versão 2 para controlar os Recursos de publicidade para clientes que usam a gtag.js ou o Gerenciador de tags do Google.

Implementação

Os clientes podem ativar o suporte ao TCF definindo a seguinte propriedade window como true:

window['gtag_enable_tcf_support'] = true

Essa propriedade window precisa ser definida antes da realização de qualquer chamada para a gtag(). Além disso, é necessário configurá-la em todas as páginas onde você quer ativar o suporte ao TCF. Se a propriedade não for configurada ou for definida como false, o suporte ao TCF não será ativado.

Finalidades

Uma "finalidade" no contexto do TCF é uma intenção definida para o processamento de dados. As tags do Google Analytics implementadas pelo Gerenciador de tags do Google ou pela gtag.js com o suporte ao TCF ativado processarão as solicitações que tiverem a string de consentimento das seguintes maneiras:

Finalidade Descrição Impacto no Google Analytics quando a finalidade for negada
1 Armazenar e/ou acessar informações em um dispositivo Os cookies relacionados à publicidade não serão criados nem usados pelo Google Analytics. Os recursos dos Indicadores do Google, como relatórios de remarketing, informações demográficas e interesses, não registrarão dados de usuários que não fornecerem o consentimento.
3 Criar um perfil de anúncios personalizados Os hits enviados ao Google Analytics serão marcados com um parâmetro npa=1.

Os eventos marcados com "npa=1" não são qualificados para a personalização de anúncios nem usados para avaliar o público-alvo de remarketing. Os usuários já adicionados às listas de público-alvo não são afetados.
7 Avaliar o desempenho dos anúncios allow_google_signals será definido como "false".

Os cookies relacionados à publicidade não serão usados pelo Google Analytics. Os recursos dos Indicadores do Google, como relatórios de remarketing, informações demográficas e interesses, não registrarão dados de usuários que não fornecerem o consentimento.
9 Aplicar a pesquisa de mercado para gerar insights sobre público-alvo allow_google_signals será definido como "false".

Igual à finalidade 7.
10 Desenvolver e melhorar produtos allow_google_signals será definido como "false".

Igual à finalidade 7.

Observação: o Gerenciador de tags do Google e a tag global do site só aceitam strings da TCF implementadas corretamente de acordo com as políticas e especificações técnicas da TCF e que obedecem à Política de consentimento para usuários da União Europeia do Google. Se a CMP não responder em até 500 milissegundos, ou se o status "error", "stub" ou "loading" for exibido, a tag continuará no modo restrito:

  • A gravação e a leitura dos cookies de conversão próprios e de terceiros no Google Ads serão restringidas.
  • Os Recursos de publicidade do Google Analytics são integrados ao IAB TCF v2 e vão tratar essas solicitações como se todas as finalidades delas tivessem sido negadas. Os efeitos disso estão descritos na tabela acima.
  • Os recursos de remarketing serão desativados.

Como resolver mensagens de erro

Se a CMP não responder em até 500 milissegundos, ou se o status "error", "stub" ou "loading" for exibido, a tag continuará no modo restrito. Para corrigir isso, faça o seguinte:

Se você invocar manualmente a função para disparar uma tag de conversão:

  • Verifique se a resposta para getTCData TCData.eventStatus = 'tcloaded' OU 'cmpuishown' + 'useractioncomplete' foi enviada dentro de 500 milissegundos. Isso indica que a CMP está pronta para oferecer ao usuário a opção de consentimento.

Se você não invocar manualmente a função para enviar uma tag de conversão:

  • Trabalhe com sua CMP para garantir que ela implemente o suporte para getTCData and return TCData.eventStatus = 'tcloaded' OU 'cmpuishown' + 'useractioncomplete', se quiser indicar que o consentimento do usuário já pode ser usado via API dentro de 500 milissegundos.
Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?