Como medida de saúde preventiva para os nossos especialistas do apoio técnico por chat, este serviço estará indisponível. Se necessitar de ajuda com a sua conta do Google Ad Manager, ainda pode contactar o apoio técnico através do menu Contacte-nos abaixo. Lamentamos qualquer inconveniente que esta situação lhe possa causar e agradecemos a sua paciência durante este período. Esta mensagem será atualizada à medida que a situação mudar.

Políticas do Programa do Gestor de anúncios e do Ad Exchange

Definições da personalização de anúncios nas etiquetas de anúncio do publicador Google

Ao abrigo da Política de Consentimento de Utilizadores da UE atualizada da Google, tem de efetuar divulgações aos seus utilizadores no Espaço Económico Europeu (EEE) e no Reino Unido e obter o respetivo consentimento para o uso de cookies ou de outro tipo de armazenamento local, quando tal for obrigatório por lei, e para a recolha, partilha e utilização de dados pessoais para a personalização de anúncios. Esta política reflete os requisitos da Diretiva de Privacidade Eletrónica e do Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados (RGPD) da UE.

Todas as definições de personalização de anúncios por pedido que configurar são aplicadas a nível global e não apenas aos utilizadores no EEE e no Reino Unido. Se adicionar parâmetros por pedido a um pedido de um utilizador não pertencente ao EEE ou ao Reino Unido, é devolvido um anúncio não personalizado.

Definições da personalização de anúncios para páginas que utilizam etiquetas da GPT e do AdSense

Solicitar anúncios

Por predefinição, os pedidos de anúncios para a Google publicam anúncios personalizados, com a seleção de anúncios baseada no conteúdo da página Web e no histórico do utilizador individual que visita a página. A Google também suporta a publicação de anúncios não personalizados. Saber mais acerca dos anúncios personalizados e não personalizados

Se cumpriu os requisitos da nossa Política de Consentimento e pretende publicar anúncios não personalizados para todos os utilizadores localizados no Espaço Económico Europeu e no Reino Unido que visitem o seu site, não é necessário efetuar alterações à etiquetagem dos anúncios. Pode ativar a publicação de anúncios não personalizados no Google Ad Manager ou nas IUs do AdSense.

Se pretender publicar anúncios personalizados para alguns utilizadores e anúncios não personalizados para outros utilizadores, as etiquetas de anúncio assíncronas da GPT e do AdSense/Ad Exchange oferecem aos publicadores uma forma de acionar a publicação de anúncios não personalizados por página. Isto pode ser útil se pretender que todos ou alguns dos seus utilizadores possam escolher entre anúncios personalizados e não personalizados.

Apesar de estes anúncios não utilizarem cookies para a personalização de anúncios, utilizam cookies que permitem o limite de frequência, os relatórios de anúncios agregados e o combate a fraudes e abusos. Como tal, é obrigatório obter consentimento para utilizar cookies para esses efeitos por parte dos utilizadores em países nos quais se aplicam as disposições de cookies da Diretiva de Privacidade Eletrónica. Saber mais acerca dos anúncios não personalizados

Para a etiqueta da GPT:

Utilize o método: googletag.pubads().setRequestNonPersonalizedAds(1)

A chamada setCookieOptions() não se aplica ao RGPD.

Para a etiqueta do anúncio assíncrona do AdSense e do Ad Exchange:

Defina o valor: (adsbygoogle=window.adsbygoogle||[]).requestNonPersonalizedAds=1

Estes métodos acionam pedidos de anúncios não personalizados para pedidos de anúncios Google subsequentes na página, emitidos pelas seguintes etiquetas de anúncios suportadas: as etiquetas de anúncios assíncronas (adsbygoogle.js) da GPT, do AdSense ou do Ad Exchange e o SDK para IMA. Confirme se uma etiqueta do anúncio está a solicitar anúncios não personalizados ao localizar o pedido de anúncio nas ferramentas do programador do seu navegador e ao procurar o parâmetro &npa=1.

Chamar setRequestNonPersonalizedAds(0) ou definir requestNonPersonalizedAds=0 reativa a personalização. Se uma página tiver vários tipos de etiquetas de anúncios Google (por exemplo, uma etiqueta da GPT e uma etiqueta assíncrona do AdSense/Ad Exchange), pode ser impossível prever qual irá ser executada primeiro. Assim, é mais seguro utilizar o controlo de anúncios não personalizados para cada tipo de etiqueta.

Colocar em pausa pedidos de anúncios

As etiquetas assíncronas da GPT e do AdSense/Ad Exchange suportam técnicas para carregar a sua página, mas aguardam um sinal explícito antes de começarem a emitir pedidos de anúncios. Isto pode ser útil se precisar de esperar que o utilizador interaja com uma IU de pedido de consentimento antes de emitir pedidos de anúncios.

Ao utilizar a GPT: é possível atrasar pedidos de anúncios se utilizar o modo assíncrono.

  • Utilize a função disableInitialLoad() para impedir que a etiqueta envie pedidos de anúncios no carregamento de página inicial. Tem de o fazer antes de acionar quaisquer pedidos de anúncios com display().
  • Configure os espaços de anúncio com chamadas para googletag.cmd.push(...) como habitualmente.
  • Depois de o utilizador selecionar uma opção de consentimento, chame setRequestNonPersonalizedAds(1) se necessário.
  • Utilize a função refresh() para retomar o envio de pedidos de anúncios.
  • Se não chamar refresh(), não são apresentados anúncios. Não é possível atrasar pedidos se utilizar enableSyncRendering().

Ao utilizar código do anúncio assíncrono do AdSense ou do Ad Exchange:

  • Utilize (adsbygoogle=window.adsbygoogle||[]).pauseAdRequests=1 para impedir que a etiqueta envie pedidos de anúncio. Tem de o fazer antes de acionar quaisquer pedidos de anúncios com adsbygoogle.push(...).
  • Configure os espaços de anúncio com chamadas para adsbygoogle.push(...) como habitualmente.
  • Depois de o utilizador selecionar uma opção de consentimento, defina requestNonPersonalizedAds=1 se necessário.
  • Utilize (adsbygoogle=window.adsbygoogle||[]).pauseAdRequests=0 para retomar o envio de pedidos de anúncio.
  • Se não definir pauseAdRequests=0, não são apresentados anúncios.

Esta técnica bloqueia o envio de pedidos de anúncios, mas não impede que vários scripts sejam carregados. Embora seja possível ler os cookies existentes em domínios da Google, não são definidos novos cookies. Os dados associados a cookies existentes não vão ser utilizados para medição ou publicação de anúncios.

Se a sua solução de gestão de consentimento oferecer uma forma de diferir scripts de carregamento até o utilizador exercer a sua escolha, outra opção é diferir o carregamento de gpt.js e de adsbygoogle.js. Outros tipos de etiquetas de anúncios Google não suportam a colocação em pausa de pedidos de anúncio. Tem de evitar carregá-las até ter tudo pronto para solicitar anúncios personalizados ou não personalizados.

Definições da personalização de anúncios para páginas AMP

Os pedidos de anúncios de páginas AMP oferecem as mesmas definições de personalização de anúncios das páginas não AMP anteriormente descritas: os publicadores podem optar por publicar anúncios não personalizados para todos os utilizadores localizados no Espaço Económico Europeu (EEE) e no Reino Unido ou publicar de forma seletiva anúncios personalizados/não personalizados mediante consentimento. Seguem-se instruções sobre como configurar cada cenário para páginas AMP que solicitam anúncios com <amp-ad type=”doubleclick”> ou <amp-ad type=”adsense”>.

Publicação de anúncios não personalizados para todos os utilizadores no EEE e no Reino Unido

Se as etiquetas do anúncio AMP não utilizarem o Real Time Config (RTC), pode simplesmente ativar a publicação de anúncios não personalizados no Google Ad Manager ou nas IUs do AdSense e não será necessário efetuar quaisquer alterações adicionais às suas páginas AMP.

Se as etiquetas do anúncio AMP utilizarem o Real Time Config (RTC), a sua página pode ser configurada para evitar o envio de pedidos do RTC para os utilizadores que vão receber anúncios não personalizados (ou seja, os utilizadores no EEE e no Reino Unido). Seguem-se os componentes e as configurações (amp-geo e amp-consent) necessários para o fazer. 


<!-- First we need to set up the amp-geo extension. We define a group: `eea` which includes all European Economic Area countries. You will need to keep this list up-to-date as membership in the EEA may change over time. -->
<amp-geo layout="nodisplay">
  <script type="application/json"
    {
      "ISOCountryGroups": {
        "eea": [ "at", "be", "bg", "cy", "cz", "de", "dk", "ee", "es", "fi", "fr",
        "gb", "gr", "hr", "hu", "ie", "is", "it", "li", "lt", "lu", "lv", "mt", "nl",
        "no", "pl", "pt", "ro", "se", "si", "sk"]
      }
    }
  </script>
</amp-geo>

<!-- Next we need to set up a consent component for end users in EEA countries. We'll later configure it to be auto-rejected, so it doesn't actually prompt for consent. This halts RTC callouts and signals Ad Manager/AdSense to serve non-personalized ads. -->
<amp-consent layout="nodisplay" id="consent-element">
  <script type="application/json">
    {
      "consents": {
        "my_consent": {
          "promptIfUnknownForGeoGroup": "eea"
        }
      }
    }
  </script>
</amp-consent>

Tem de adicionar o atributo data-block-on-consent a todos os componentes amp-ad existentes na página, conforme indicado abaixo:

<!-- Finally we set up the ad tag, directing it to automatically reject consent -->
<amp-ad data-block-on-consent="_auto_reject"
    width=320 height=50
    type="doubleclick"
    data-slot="/4119129/mobile_ad_banner">
</amp-ad>

Publicação de anúncios personalizados/não personalizados mediante consentimento

Uma vez que as AMP não permitem JavaScript personalizado, os pedidos de anúncios personalizados ou não personalizados baseiam-se na configuração de um componente amp-consent e nos atributos data-block-on-consent e data-npa-on-unknown-consent. Partindo do princípio de que configurou um componente amp-consent e o associou a todas as etiquetas <amp-ad> da página através de data-block-on-consent:

  • Se o utilizador respondeu afirmativamente ao componente amp-consent (o utilizador aceita o pedido de consentimento), os pedidos de anúncios serão efetuados normalmente.
  • Se o utilizador respondeu negativamente ao componente amp-consent (o utilizador rejeita o pedido de consentimento), serão solicitados anúncios não personalizados.
  • Se a resposta do utilizador ao amp-consent for desconhecida (o utilizador ignora o pedido de consentimento)
    • Por predefinição, não são enviados quaisquer pedidos de anúncios.
    • Se data-npa-on-unknown-consent estiver definido como true, serão solicitados anúncios personalizados.
  • Se configurar um componente amp-geo de forma a que o consentimento não seja aplicável com base na localização geográfica do utilizador, os pedidos são enviados normalmente.

Se as suas etiquetas <amp-ad> não utilizarem o componente data-block-on-consent ou se o componente amp-consent não tiver sido configurado corretamente, os pedidos são enviados normalmente.

Segue-se o exemplo de uma configuração que solicita o consentimento a todos os utilizadores no EEE, com o comportamento resultante, conforme descrito acima:

<!-- First we need to set up the amp-geo extension. We define a group: `eea` which includes all European Economic Area countries. You will need to keep this list up-to-date as membership in the EEA may change over time. -->
<amp-geo layout="nodisplay">
  <script type="application/json">
    {
      "ISOCountryGroups": {
        "eea": [ "at", "be", "bg", "cy", "cz", "de", "dk", "ee", "es", "fi", "fr",
        "gb", "gr", "hr", "hu", "ie", "is", "it", "li", "lt", "lu", "lv", "mt", "nl",
        "no", "pl", "pt", "ro", "se", "si", "sk"]
      }
    }
  </script>
</amp-geo>
 
<!-- Next we need to setup the consent for users in the “eea” country group -->
<amp-consent layout="nodisplay" id="consent-element">
  <script type="application/json">
    {
      "consents": {
        "my_consent": {
          "promptIfUnknownForGeoGroup": "eea",
          "promptUI": "myConsentFlow"
        }
      }
    }
  </script> 
</amp-consent>
 

<!-- Finally we set up the ad tag, directing it to wait for consent when necessary -->
<amp-ad data-block-on-consent
    width=320 height=50
    type="doubleclick"
    data-slot="/4119129/mobile_ad_banner">
</amp-ad>
 

Tenha em atenção que existem outras formas de solicitar consentimento aos utilizadores de forma seletiva, nomeadamente a configuração da página para enviar um pedido CORS POST para um ponto final configurado através de checkConsentHref. Poderá obter mais informações ao ler a documentação amp-consent.

Definições da personalização de anúncios para outras etiquetas

Etiquetas de passback da GPT

Se estiver a utilizar etiquetas de passback da GPT, pode marcar um pedido de anúncio como não personalizado ao incluir o seguinte na chamada da API:

googletag.pubads().setRequestNonPersonalizedAds(int options);

Defina o parâmetro options para o valor inteiro 1 de modo a marcar o pedido de anúncio como anúncio não personalizado (NPA) e defina o mesmo parâmetro para 0 relativamente a pedidos de anúncios elegíveis para anúncios personalizados.

Em caso de omissão desta definição, assume-se a permissão de anúncios personalizados como predefinição.

Exemplo:

<script src="https://securepubads.g.doubleclick.net/tag/js/gpt.js">
googletag.pubads().setRequestNonPersonalizedAds(1);
googletag.pubads().definePassback("123456/ad/unit", [100,200])
    .display();
</script>

Pedido sem marca

Se estiver a utilizar Pedidos sem marca, pode marcar um pedido de anúncio como não personalizado ao adicionar o parâmetro npa=[int] diretamente ao URL do pedido da etiqueta. Recomendamos que especifique o parâmetro no início da etiqueta para evitar qualquer risco de truncagem. Especifique npa=1 para marcar o pedido de anúncio como não personalizado. Em caso de omissão do parâmetro, assumem-se os anúncios personalizados como predefinição. Por exemplo:

https://securepubads.g.doubleclick.net/gampad/ad?iu=/12345/adunit&sz=728x90&npa=1&c=12345

AdSense para pesquisa

Por predefinição, os pedidos de anúncios para a Google publicam anúncios personalizados, com a seleção de anúncios baseada na consulta de pesquisa do utilizador e no histórico do utilizador individual que efetua a pesquisa. A Google também suporta a publicação de anúncios não personalizados. Saber mais acerca dos anúncios personalizados e não personalizados

Se pretender publicar anúncios personalizados para alguns utilizadores e anúncios não personalizados para outros utilizadores, as etiquetas do AdSense para pesquisa oferecem aos publicadores uma forma de acionar a publicação de anúncios não personalizados por página. Isto pode ser útil se pretender que todos ou alguns dos seus utilizadores possam escolher entre anúncios personalizados e não personalizados. 

Para a etiqueta do anúncio para a Web dos Anúncios com pesquisa personalizada, adicione o seguinte a pageOptions na etiqueta dos Anúncios com pesquisa personalizada:
personalizedAds: false,


Para a etiqueta do AdMob: 
builder.setAdvancedOptionValue("personalizedAds", "false");


Para a etiqueta do iOS: 
[request setAdvancedOptionValue:@"false" forKey:@"personalizedAds"];

Estes métodos vão acionar pedidos de anúncios não personalizados para esse pedido específico. Este é um parâmetro sem estado. Se o parâmetro não for definido em pedidos subsequentes para o utilizador em questão, o comportamento é revertido para o comportamento predefinido, ou seja, solicitar anúncios personalizados.

SDK de anúncios para dispositivos móveis da Google

Consulte o site para programadores de apps (SDK do GMA para iOS e/ou SDK do GMA para Android) para obter mais informações sobre o SDK de anúncios para dispositivos móveis da Google.

SDK para Anúncios Multimédia Interativos da Google (para vídeo)

Nos pedidos de vídeo, pode indicar que pretende que a Google trate o seu conteúdo de vídeo como não personalizado quando anexa o parâmetro npa=1 à etiqueta do anúncio. Pode fazê-lo com uma etiqueta de vídeo principal criada manualmente ou com qualquer dos SDKs para IMA específicos da plataforma (SDK para IMA HTML5, SDK para IMA iOS, SDK para IMA Android e SDK para IMA Google).

Se o seu leitor de vídeo utiliza a funcionalidade Inserção de anúncios dinâmicos do DFP, também pode incluir o parâmetro npa=1 com um vídeo a pedido (VOD) ou um pedido de stream em direto para transmitir o parâmetro a qualquer pedido de anúncio incluído (SDK para DAI HTML5, SDK para DAI Cast, SDK para DAI iOS, SDK para DAI Android, SDK para DAI Roku e SDK para DAI tvOS).

Etiquetas de anúncios do publicador Google antigas

Outros tipos de etiquetas de anúncios Google (por exemplo, as etiquetas do GAM, as etiquetas do GUT e as etiquetas síncronas do AdSense ou do Ad Exchange (show_ads.js) antigas) não suportam a emissão de pedidos de anúncios não personalizados. Tem de evitar o carregamento das mesmas até estar pronto para solicitar anúncios personalizados. Em alternativa, pode considerar mais fácil manter a conformidade com a Política de Consentimento de Utilizadores da UE através da migração para uma das etiquetas com suporte total de funcionalidades para anúncios personalizados e não personalizados e colocar os pedidos em pausa para obter eventuais consentimentos necessários.

A informação foi útil?
Como podemos melhorá-la?

Precisa de mais ajuda?

Inicie sessão para obter opções de apoio técnico adicionais e resolver rapidamente o seu problema.

true
Notas de lançamento

Leia acerca das mais recentes funcionalidades do Ad Manager e das atualizações do Centro de Ajuda.

Ver as novidades

Pesquisa
Limpar pesquisa
Fechar pesquisa
Google Apps
Menu principal
Pesquisar no Centro de ajuda
true
148
false