Rentabilização durante conflitos do Content ID

Os vídeos podem ganhar dinheiro durante um conflito do Content ID se o criador do vídeo e o requerente do Content ID pretenderem rentabilizar o vídeo. Pode contestar uma reivindicação do Content ID em qualquer altura. Se contestar uma reivindicação no prazo de 5 dias, retemos a receita do vídeo a partir do primeiro dia em que reivindicação foi colocada. Se contestar uma reivindicação do Content ID 5 dias após a data da reivindicação original, começamos a reter a receita a partir da data em que o conflito é apresentado.

Ao longo do processo de conflito, retemos a receita em separado e, assim que o conflito estiver resolvido, a receita é paga à entidade adequada.

Em cada fase do processo de conflito do Content ID, existem várias ações que podem ser realizadas por si ou pelo requerente. Clique em cada fase abaixo para saber mais acerca do que acontece à receita no decorrer de cada ação possível.

Apresente um conflito do Content ID

Após a realização de uma reivindicação do Content ID no seu vídeo, tem duas opções para responder. 

  • Não fazer nada e permitir que a reivindicação permaneça no vídeo: após 5 dias, qualquer receita retida será atribuída ao requerente. 
  • Contestar nos primeiros 5 dias da reivindicação: os anúncios continuam a ser apresentados. Retemos também toda a receita obtida pelo vídeo enquanto o requerente revê o seu conflito.
  • Contestar nos primeiros 5 dias após a realização de uma reivindicação: retemos a receita a partir da data em que o conflito é apresentado.
Mais informações acerca do processo de conflito do Content ID

Ao contestar uma reivindicação do Content ID, o requerente é notificado e tem 30 dias para responder. Durante este processo, continuamos a apresentar anúncios e retemos toda a receita obtida pelo vídeo.

O requerente tem algumas opções para responder ao seu conflito:

  • Retirar a reivindicação: se o requerente concordar com o seu conflito, pode optar por retirar a reivindicação. Desde que não existam outras reivindicações no seu vídeo, atribuímos-lhe a receita ganha durante o conflito. 
  • Manter a reivindicação: se o requerente julgar que a reivindicação ainda é válida, pode optar por a manter. Se considerar que foi erradamente mantida, pode recorrer desta decisão.
  • Enviar um pedido de remoção por violação de direitos de autor: o requerente pode enviar um pedido de remoção do seu vídeo do YouTube, o que significa que recebe uma advertência por violação de direitos de autor na sua conta.
Apresente um recurso do Content ID

Se o requerente optar por manter a reivindicação depois do seu conflito, tem algumas opções. Pode:

  • Não fazer nada e permitir que a reivindicação permaneça no vídeo: após 5 dias, qualquer receita retida será atribuída ao requerente.
  • Apresentar um recurso nos primeiros 5 dias após a manutenção da reivindicação: os anúncios continuam a ser apresentados. Retemos também toda a receita obtida pelo vídeo enquanto o requerente revê o seu recurso.
  • Apresentar um recurso 5 dias após a manutenção da reivindicação: retemos a receita a partir da data em que o recurso foi apresentado.

Mais informações acerca do processo de recurso do Content ID

Ao apresentar um recurso de uma reivindicação do Content ID, o requerente é notificado e tem 30 dias para responder. Durante este processo, continuamos a apresentar anúncios e retemos toda a receita obtida pelo vídeo. 
O requerente tem algumas opções para responder ao seu recurso:
  • Retirar a reivindicação: se o requerente concordar com o seu recurso, pode optar por retirar a reivindicação. Desde que não existam outras reivindicações no seu vídeo, atribuímos-lhe a receita ganha durante o conflito. 
  • Agendar um pedido de remoção para o seu vídeo: se o requerente enviar um pedido de remoção adiada por violação de direitos de autor, pode cancelar o recurso no prazo de 7 dias. Isto impede a remoção e mantém a reivindicação ativa no seu vídeo. Durante estes 7 dias, continuamos a apresentar anúncios e retemos toda a receita obtida pelo vídeo.
  • Enviar um pedido de remoção por violação de direitos de autor: se o requerente julgar que a reivindicação ainda é válida, pode enviar um pedido de remoção do seu vídeo do YouTube por violação de direitos de autor. Esta ação resulta numa advertência por violação de direitos de autor na sua conta.

Se o requerente rejeitar o seu recurso e enviar um pedido de remoção do seu vídeo por violação de direitos de autor, pode apresentar uma contranotificação. As contranotificações também podem ser apresentadas em qualquer altura.

Se apresentar uma contranotificação no prazo de 5 dias após receber um pedido de remoção, a receita continua a ser retida até que todo o processo de reivindicação esteja resolvido. Saiba mais acerca do processo de contranotificação.

Receita durante conflitos no YouTube Analytics

Se existir uma reivindicação do Content ID ativa no seu vídeo e a contestar ou recorrer, os dados de receita do vídeo não aparecerão no YouTube Analytics. Se a reivindicação for retirada, os dados de receita durante o período de tempo do conflito serão adicionados mais tarde ao YouTube Analytics. Estes dados devem aparecer entre os dias 10 e 20 do mês seguinte.

Por exemplo, suponhamos que contestou uma reivindicação do Content ID a 12 de julho e o conflito foi resolvido a seu favor a 6 de agosto. Veria os dados de receita para o período de 12 de julho a 6 de agosto aparecerem no Analytics entre os dias 10 e 20 de setembro.

Se tiver acesso aos Relatórios transferíveis no Gestor de conteúdos, encontrará esta informação no relatório de ajuste.
 
Pode optar por não rentabilizar o seu vídeo enquanto se encontra em conflito, ao desativar a rentabilização na página Vìdeos do YouTube Studio.

Obtenha mais ajuda com o Content ID

A informação foi útil?
Como podemos melhorá-la?