Primeiros passos para publicar apps empresariais

Introdução

Os desenvolvedores empresariais têm várias estratégias para implantar apps. Determinar qual é a melhor para seu app depende de vários fatores, como o público-alvo e o papel de quem o desenvolve. Este artigo descreve as estratégias de publicação de apps empresariais no Google Play, dependendo desses fatores.

Publicar apps no mercado comercial

Se você tiver desenvolvido um app para uma gama variada de clientes, publique-o no Google Play. O Google Play conecta você a bilhões de usuários diariamente e apresenta os apps na melhor plataforma de descoberta e distribuição.

 

Para dar os primeiros passos com o Google Play, você precisa de uma conta de desenvolvedor. Cada desenvolvedor responsável por publicar apps, seja para testes Beta internos, seja no mercado público, precisa de uma conta para usar o Google Play Console. Sua organização pode atribuir vários níveis de acesso aos desenvolvedores no Google Play Console e a um ou mais apps específicos publicados na sua organização. Quando estiver tudo pronto, use o Google Play não somente para publicar e divulgar os apps, mas também para monitorar os indicadores principais de desempenho, interagir com as avaliações dos usuários e muito mais. Vários treinamentos estão disponíveis para ajudar você a começar.

É importante observar que os desenvolvedores precisam estar cientes do que podem e não podem fazer ao criar apps. O Google quer proporcionar uma experiência segura e confiável para todos, e nossas políticas são projetadas para oferecer apps e jogos com segurança para bilhões de pessoas no mundo inteiro. Os apps criados para empresas estão sujeitos às mesmas regras que todos os outros apps do Google Play. Sugerimos que você se informe sobre as atualizações mais recentes na Central de políticas para desenvolvedores.

Por fim, se você usa gráficos ou textos de marcas registradas, como o nome ou o logotipo de uma empresa, ou se usa propriedade intelectual licenciada ou protegida por direitos autorais, notifique o Google de que você tem permissão antes de publicar o app. Caso contrário, isso poderá ser interpretado como uma violação da política do Google Play, mesmo que o material seja da marca da sua própria empresa. Você não gostaria que um desenvolvedor sem relação com sua organização usasse as marcas registradas dela. Portanto, precisamos confirmar se uma conta de desenvolvedor tem essas permissões.

Publicar apps personalizados para clientes empresariais

Às vezes, será necessário publicar um app para um grupo específico de empresas. Nesse caso, os desenvolvedores têm as duas opções a seguir:

  1. Publicar o app diretamente usando o ID da organização do Google Play gerenciado da empresa
  2. Enviar o binário do aplicativo (APK) para que a empresa o publique para os funcionários

A primeira opção é a mais adequada para muitos desenvolvedores. Com esse método, é possível controlar a cadência do lançamento e garantir que a versão mais recente do app esteja sempre disponível para as organizações.

Para usar esse método, trabalhe com o cliente para ativar o Google Play gerenciado na empresa pelo sistema de gerenciamento de mobilidade empresarial. Em seguida, confirme se o cliente forneceu o ID da organização ao desenvolvedor terceirizado. Por fim, os desenvolvedores podem usar o Google Play Console para segmentar os apps aos clientes empresariais.

Em alguns casos, os clientes podem precisar de um controle mais detalhado sobre quais versões de um app chegam aos usuários finais. Para isso, os desenvolvedores podem criar faixas de teste fechado que correspondam a versões individuais de um app e direcioná-las para IDs de organização específicos do Google Play gerenciado. Ao segmentar faixas fechadas individuais para cada organização, o departamento de TI pode adotar versões específicas do app de um desenvolvedor em um ritmo particular de lançamento. Isso proporciona mais flexibilidade aos lançamentos, mas requer colaboração entre desenvolvedores e administradores de TI. Essa opção talvez não esteja disponível para todos os EMM.

Como alternativa, as empresas podem usar o binário e publicá-lo na própria organização. O método sugerido para isso é o uso do Google Play gerenciado. Outros métodos podem estar disponíveis, mas não têm apoio oficial do Google. Se você permitir que organizações publiquem as próprias cópias de um APK, é importante observar que o nome do pacote de um app precisa ser globalmente exclusivo em todo o Google Play, não apenas em uma organização do Google Play gerenciado. Se um nome de pacote já tiver sido reivindicado, compile o app novamente com outro nome.

Em ambos os casos, os desenvolvedores podem otimizar os fluxos de trabalho de publicação ao realizarem a integração à API Google Play Custom Publishing. Essa API permite o gerenciamento programático da página "Detalhes do app", dos APKs e muito mais. A API Google Play Custom Publishing já foi integrada a ferramentas de implantação e lançamento muito utilizadas, como o Fastlane, e pode ser facilmente integrada a ferramentas personalizadas.

Publicar apps internos para funcionários

As empresas podem desenvolver apps particulares e disponibilizá-los aos funcionários. Existem várias opções de como fazer isso, inclusive as seguintes:

  1. As empresas podem usar o Google Play Console para publicar apps particulares.
  2. Elas podem publicar apps particulares diretamente pelo sistema de gerenciamento de mobilidade empresarial se o fornecedor oferecer integração com o Google Play.
  3. As empresas podem usar a API Custom Publishing para publicar apps particulares.

Apps particulares passam por um processo de verificação simplificado em comparação a apps públicos e personalizados. Os apps particulares precisam ser criados e usados por uma empresa específica. O Google oferece aos desenvolvedores empresariais maior flexibilidade no uso de recursos restritos, como funcionalidades de localização ou telefonia, de modo a permitir um conjunto mais amplo de fluxos de trabalho especializados.

Compatibilidade com testes Beta internos e externos

Talvez você desenvolva um app comercial para milhares de clientes, talvez desenvolva um app particular para uma empresa específica. De qualquer forma, em algum momento será necessário testá-lo. Para oferecer suporte aos testes, o Google Play é compatível com faixas, que permitem disponibilizar versões iniciais de um app aos usuários de teste. Ao desenvolver um app, é possível disponibilizar uma faixa de teste padrão (por exemplo, Canary, Alfa e Beta) e publicar essas faixas para os clientes. Também é possível disponibilizar versões específicas para teste conforme descrito acima. Todos os tipos de desenvolvedor têm compatibilidade com apps de teste.

Isso foi útil?

Como podemos melhorá-lo?
Pesquisa
Limpar pesquisa
Fechar pesquisa
Google Apps
Menu principal
8087688553122113460
true
Pesquisar na Central de Ajuda
true
true
true
true
true
108584