Preenchimento automático

Quando você digita na caixa de pesquisa no Google, o preenchimento automático ajuda a encontrar informações rapidamente, apresentando pesquisas semelhantes ao que você está digitando. Por exemplo, quando você começa a digitar são paulo, é possível escolher pesquisas para outras consultas relacionadas a São Paulo.

Por que é útil?

  • Descansar os dedos. Você pode escolher suas pesquisas previstas, o que agiliza a localização de informações e exige menos digitação. 

  • Detectar um erro. Você quis dizer: Melbourne Austrália? Comece a pesquisar melborn e o algoritmo do Google apresentará grafias mais comuns para o que você está tentando encontrar.

  • Repetir uma pesquisa favorita. Se você estiver conectado à Conta do Google e tiver o Histórico da Web ativado, pode escolher a partir de consultas previstas com base em pesquisas que realizou anteriormente. 

  • Encontre outras informações úteis. O preenchimento automático também funciona para clima local, status de voo, fusos horários locais, códigos de área, rastreamento de pacotes, determinadas respostas, definições, cálculos, além de conversões de moeda e de unidades.

Como o preenchimento automático funciona

Posso desativar o preenchimento automático?

Não. O preenchimento automático é integrado à Pesquisa do Google e foi projetado para tornar a busca mais rápida e fácil.

De onde vêm as previsões

Enquanto você digita, o preenchimento automático prevê e exibe consultas que podem ser selecionadas. As consultas de pesquisa que você vê como parte do preenchimento automático são um reflexo da atividade de pesquisa de usuários e do conteúdo das páginas da Web indexadas pelo Google. Além dessas consultas, você também pode ver sugestões de:

  • Pesquisas anteriores relevantes (se estiver conectado e tiver o Histórico da Web ativado
  • Perfis do Google+ que correspondem ao nome de uma pessoa que você está procurando

Além dos perfis do Google+ que podem aparecer, todas as consultas previstas mostradas na lista suspensa foram digitadas anteriormente por usuários do Google ou aparecem na Web.

Previsões para as últimas palavras da pesquisa

Para determinadas consultas, o Google mostrará previsões separadas só para as últimas palavras. Abaixo da palavra que você digita na caixa de pesquisa, aparecerá uma lista suspensa menor que contém previsões baseadas apenas nas últimas palavras de sua consulta. Cada previsão mostrada na lista suspensa já foi digitada anteriormente pelos usuários do Google ou aparece na Web, mas a combinação do seu texto principal com o preenchimento sugerido pode ser única.

Perguntas frequentes

O Google monitora os resultados do preechimento automático?

As previsões do preenchimento automático são determinadas por algoritmo, com base em uma série de fatores (incluindo a popularidade dos termos de pesquisa), sem qualquer intervenção humana. Assim como a Web, as consultas de pesquisa apresentadas podem incluir frases e termos bobos, estranhos ou surpreendentes. Embora sempre nos esforcemos para refletir a diversidade de conteúdo na Web (alguns são bons, outros censuráveis), também aplicamos um conjunto restrito de políticas de remoção para coisas como pornografia, violência, incitação ao ódio e termos que são usados ​​com frequência para encontrar conteúdo que viola direitos autorais.

Por que nenhuma previsão é exibida?

Se nenhuma pesquisa prevista aparecer para uma palavra ou tópico específico, isso pode estar acontecendo por uma das seguintes razões:

  • O termo de pesquisa não é popular o bastante. As consultas não populares têm menos probabilidade de serem úteis no preenchimento automático.

  • O termo de pesquisa é muito recente. Às vezes, pode levar alguns dias ou semanas para que termos de pesquisa que se tornaram populares recentemente apareçam de forma consistente.

  • O termo de pesquisa viola nossas Políticas de preenchimento automático. Buscamos sempre oferecer consultas de pesquisa relevantes, mas optamos por excluir um pequeno grupo de consultas relacionadas a pornografia, violência, incitação ao ódio e violação de direitos autorais.

  • O termo de pesquisa foi confundido com uma violação da política. Pode haver ocasiões em que, de acordo com nossas políticas, excluímos uma consulta em um idioma e, no entanto, essa mesma consulta não apresenta problemas em outro idioma. Por exemplo, podemos inadvertidamente excluir uma palavra composta porque ela inclui a tradução de uma palavra inadequada de outro idioma.

Se o preenchimento automático definitivamente não estiver aparecendo para suas consultas, tente limpar seu cache e os cookies.