Notificação

O G Suite agora se chama Google Workspace: tudo o que sua empresa precisa para realizar tarefas.

[UA] E-commerce do Universal Analytics

Use o Gerenciador de tags para implementar as tags de e-commerce do Google Analytics.
Observação: este artigo é sobre o e-commerce do Universal Analytics. O Google Analytics 4 é o futuro do Google Analytics. É recomendável implementar e enviar eventos de e-commerce do GA4 para aproveitar todos os recursos do Google Analytics. Para saber como implementar a medição de e-commerce com o Google Analytics 4, leia a documentação para desenvolvedores. Se quiser aprender a mover a implementação do e-commerce do UA para o GA4, consulte o novo guia de migração do e-commerce do GA4.

Existem dois tipos principais de métodos de implementação do e-commerce no Universal Analytics: padrão e avançado.

Com os relatórios de e-commerce padrão, é possível medir as transações e analisar as atividades de compra no seu site ou app. Você encontra informações sobre o produto e a transação, o valor médio do pedido, a taxa de conversão de e-commerce e o tempo até a compra, além de outros dados.

O e-commerce avançado traz mais funcionalidade aos relatórios de e-commerce padrão. Ele é disponibilizado quando os clientes adicionam itens ao carrinho de compras, iniciam o processo de pagamento e concluem uma compra. Você também pode usar o e-commerce avançado para identificar segmentos de clientes que ficam de fora do funil de compra.

Estas instruções descrevem como usar o Gerenciador de tags do Google para implementar as tags de e-commerce do Universal Analytics.

E-commerce padrão

Para configurar uma tag de e-commerce padrão do Universal Analytics, siga estas etapas:

  1. Faça login na sua conta do Google Analytics e ative o e-commerce da visualização.
  2. Crie uma tag do Universal Analytics e escolha Transação no Tipo de acompanhamento.
  3. Configure a tag com os campos obrigatórios.
  4. Adicione o objeto dataLayer() à página da transação para coletar e transmitir as variáveis necessárias. As variáveis do dataLayer() precisam estar preenchidas no código antes de a tag ser acionada.
  5. Crie um acionador para disparar a tag na página de confirmação da transação.

Todas as informações sobre a transação precisam ser transmitidas pela camada de dados, com os nomes das variáveis mostrados abaixo:

Dados da transação

Nome da variável Descrição Tipo
transactionId (obrigatório) Identificador exclusivo da transação string
transactionAffiliation (opcional) Parceiro ou loja string
transactionTotal (obrigatório) Valor total da transação numérico
transactionShipping (opcional) O custo do frete para a transação numérico
transactionTax (opcional) O valor do imposto da transação numérico
transactionProducts (opcional) Lista de itens comprados na transação matriz de objetos de produto

Dados do produto

Nome da variável Descrição Tipo
name (obrigatório) Nome do produto string
SKU (obrigatório) SKU do produto string
category (opcional) Categoria do produto string
price (obrigatório) Preço unitário numérico
quantity (obrigatório) Número de itens numérico

Coloque esse código acima do snippet de contêiner para que a camada de dados esteja pronta quando o Gerenciador de tags disparar a tag do Google Analytics.

Se não for possível colocar os dados de e-commerce acima do snippet de contêiner do Gerenciador de tags, siga uma destas soluções:

  • Configure o disparo da tag com base em um evento personalizado mais abaixo na página (por exemplo, combinando os dados e o envio do evento, conforme descrito na documentação do desenvolvedor).
  • Defina o tipo do acionador como DOM pronto.

Saiba mais sobre o e-commerce no Google Analytics.

E-commerce avançado

Existem dois métodos para implementar o e-commerce avançado com o Gerenciador de tags:

  • Camada de dados: o método preferido. Use seu código para enviar os dados de e-commerce à camada de dados.
  • Variável JavaScript personalizada: crie uma variável JavaScript personalizada no Gerenciador de tags. Ela precisa retornar um objeto com as informações que você enviaria para a camada de dados.

Independentemente do método escolhido, conheça o e-commerce avançado no Google Analytics antes de usar o Gerenciador de tags para implementar as tags de e-commerce avançado. Talvez seja necessário pedir ajuda para um desenvolvedor implementar a camada de dados.

Importante: é possível usar vários tipos específicos de informações na hora de implementar o e-commerce avançado. Consulte a documentação para desenvolvedores e confira uma lista completa dos tipos de dados que são permitidos.

Implementação da camada de dados

  1. No seu código, adicione as informações de e-commerce a um objeto da camada de dados chamado ecommerce. Veja detalhes sobre a implementação de uma camada de dados na documentação do desenvolvedor do Gerenciador de tags.
  2. No Gerenciador de tags, crie uma tag do Universal Analytics com as seguintes configurações adicionais:
    • Defina o Tipo de acompanhamento como Visualização de página ou Evento.
    • Na Variável de configurações do Google Analytics, em Mais configurações e E-commerce, defina Ativar recursos do e-commerce avançado como Verdadeiro.
    • Selecione Usar camada de dados.

Implementação da variável JavaScript personalizada

  1. Crie uma variável JavaScript personalizada. Ela precisa retornar um objeto que contenha o objeto de e-commerce.
    Nessa variável, utilize a mesma sintaxe que seria usada para enviar esses dados para a camada de dados.
  2. No Gerenciador de tags, crie uma tag do Universal Analytics com as seguintes configurações adicionais:
    • Defina o Tipo de acompanhamento como Visualização de página ou Evento.
    • Na Variável de configurações do Google Analytics, em Mais configurações e Publicidade, defina Ativar recursos do e-commerce avançado como Verdadeiro.
    • Selecione Usar camada de dados.

Recursos relacionados

Isso foi útil?

Como podemos melhorá-lo?
Pesquisa
Limpar pesquisa
Fechar pesquisa
Google Apps
Menu principal
16051585029068345360
true
Pesquisar na Central de Ajuda
true
true
true
true
true
102259