Segurança e proteção

Se você acredita que um participante do Google Avaliações do Consumidor viola uma das políticas abaixo, preencha o formulário para denúncia de violação do Google Avaliações do Consumidor para que possamos investigar o caso.

Segurança do usuário

Esta é uma política abrangente, desenvolvida para ajudar a proteger os usuários contra anúncios, websites e empresas que pareçam falsos ou enganosos de modo geral e/ou que violem nossos Termos de Serviço do Google Avaliações do Consumidor.

O Google requer que os participantes do Google Avaliações do Consumidor forneçam informações claras a respeito dos negócios e dos produtos promovidos. O Google também exige que os comerciantes definam expectativas realistas sobre o que seus produtos podem fazer pelos usuários.

A orientação para os participantes do Google Avaliações do Consumidor inclui não fazer afirmações enganosas:

  • Promova ofertas com afirmações realistas, aceitáveis e razoáveis. Por exemplo, não promova programas do tipo "ganhe dinheiro rápido".
  • Forneça aos usuários informações precisas sobre os riscos associados ao seu produto ou serviço.
  • Inclua exonerações de responsabilidade relevantes e fáceis de encontrar quando depoimentos e endossos implicam em resultados comuns.
  • Forneça aos usuários informações precisas sobre os riscos associados à oferta. Por exemplo, se um site promove produtos de cuidados com a saúde, os efeitos colaterais e os riscos associados ao produto, se houver, precisam ser claramente divulgados.
  • Promova modelos de negócios aceitáveis.
  • Deixe claro para os usuários o que sua empresa faz e como ela funciona.
  • Verifique se seus sites exibem todos os avisos de exoneração de responsabilidade ou anúncios relevantes exigidos pela legislação local. Por exemplo, determinados tipos de provedores de serviços financeiros precisam incluir um texto específico de acordo com regulamentos governamentais.
  • Promova com transparência e precisão.
  • Forneça dados de contato precisos aos usuários.
  • Inclua links para credenciamento/endossos de terceiros quando a afiliação está implícita. Por exemplo, se um website afirma ser filiado a uma agência governamental, é preciso incluir um link que confirme essa filiação. O uso de "gov" ou "governo" no URL de visualização e/ou o uso de emblemas do governo pode implicar a afiliação a uma agência governamental e devem ser verificados.

Como a publicidade on-line, a legislação e os regulamentos locais estão em constante evolução, não podemos fornecer uma lista completa com os tipos de sites que violam esta política. Tenha em mente que os princípios orientadores da política são a promoção de uma publicidade transparente, precisa e honesta.

Malware

O Google Avaliações do Consumidor não autoriza a participação de sites infectados com malware ou a venda de softwares maliciosos.

O termo "malware", proveniente do termo em inglês "malicious software" (software malicioso), refere-se a qualquer software desenvolvido especificamente para prejudicar o computador ou o software que ele estiver executando. O malware pode roubar informações confidenciais, como números de cartão de crédito ou senhas, ou até mesmo enviar e-mails falsos usando a conta de e-mail de um usuário, geralmente sem o conhecimento dele.

Um malware pode ser instalado no computador de diversas maneiras, com ou sem o conhecimento do usuário. Geralmente, a instalação ocorre quando alguém acessa um website contaminado ou faz o download de um software aparentemente inofensivo da Internet. Os malwares incluem, mas não se limitam a, vírus, worms, spyware e cavalos de Troia.

Talvez você não esteja ciente de que seu site contém ou está distribuindo malwares aos usuários que o acessam. Isso ocorre porque o malware pode ser adquirido por meio do download de modelos para seu site ou em códigos instalados para vários aplicativos dele. Entre os sintomas comuns da infecção por malware estão: redirecionamentos indesejados de URL, anúncios pop-up, alteração nos resultados da pesquisa do Google, adição de barras de pesquisa laterais ou barras de ferramentas indesejadas ao navegador e baixa velocidade do computador.

Produtos retirados do mercado

O Google Avaliações do Consumidor não permite a promoção de itens que tenham sido objeto de recall pelo fabricante ou por qualquer agência governamental, como a Comissão de Segurança de Produtos de Consumo dos EUA (CPSC, na sigla em inglês).

Materiais perigosos

O Google Avaliações do Consumidor permite a promoção ou a venda de bens de consumo que contenham materiais perigosos. Um bem de consumo é definido como um item embalado para venda no varejo e para uso doméstico ou cuidados pessoais. Os comerciantes são responsáveis por cumprir a legislação aplicável e, se for o caso, precisam incluir uma descrição clara da natureza perigosa do produto.

Alguns exemplos de produtos aceitáveis incluem removedor de unha à base de acetona, lâmpadas fluorescentes, baterias automotivas e spray de cabelo aerossol. Pesticidas de uso doméstico são aceitáveis se forem registrados pela Agência de Proteção Ambiental (EPA, na sigla em inglês) ou por uma agência equivalente em cada país e rotulados para atender aos requisitos dessas agências, incluindo instruções de uso, listas de ingredientes e precauções de segurança.

O Google não permite a promoção ou a venda de materiais perigosos ou danosos. Material perigoso é definido como qualquer item ou substância capaz de apresentar riscos excessivos à saúde, segurança ou propriedade durante o transporte. Os produtos não permitidos incluem:

  • produtos explosivos, inflamáveis ou combustíveis, como pólvora, gasolina, latas de aerossol (gases comprimidos) e líquidos criogênicos pressurizados;
  • substâncias tóxicas ou venenosas, tais como pesticidas restritos pela EPA, pilhas que contenham mercúrio e cianeto;
  • produtos perigosos radioativos, corrosivos e outros, como material contaminado por radiação, ácido clorídrico, monocloreto de iodo e clorato de potássio.

Técnicas de spam

O Google Avaliações do Consumidor não permite técnicas de spam que impactam negativamente a experiência do usuário. Essas técnicas podem incluir:

  • Técnicas de spam de anúncio: exploração de sistemas de publicidade on-line, como o Google Ads, para ganho financeiro.
  • Técnicas de marketing de massa: distribuição de spam para um grande público.
  • Violações às diretrizes para webmasters: promoção de websites que violam nossas Diretrizes para webmasters.

Exemplos de conteúdo proibido incluem programas que recompensem usuários por clicar em anúncios ou ofertas, realizar pesquisas, navegar em websites ou ler e-mails ou programas de cliques automatizados em anúncios.

Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?