Acerca das definições de pagamento no Google Ads

 

No cumprimento dos regulamentos do Banco Central da Índia (RBI, Reserve Bank of India), os pagamentos automáticos estão temporariamente indisponíveis para novas contas do Google Ads até informação em contrário.

Saiba mais acerca das alterações temporárias aos pagamentos automáticos na Índia

As definições de pagamento determinam quando paga pelos seus anúncios. O Google Ads tem três definições de pagamento principais disponíveis no seu país: pagamentos automáticos, pagamentos manuais e faturação mensal.

  • Pagamentos automáticos: após a apresentação dos anúncios, o Google Ads utiliza o método de pagamento do anunciante para efetuar a cobrança automática.

  • Pagamentos manuais: o anunciante efetua um pagamento antes da apresentação dos seus anúncios. Em seguida, à medida que os seus anúncios são apresentados e acumula custos, o crédito do seu pagamento diminui. Quando o montante do pagamento se esgotar, os anúncios deixam de ser apresentados.

  • Faturação mensal: a Google concede-lhe uma linha de crédito para os custos com publicidade. Acumula custos e recebe uma fatura mensalmente.

A definição de pagamento disponível para a sua conta vai depender da moeda e do país de faturação da conta. Tenha em atenção que, em alguns casos, determinadas definições de pagamento podem estar indisponíveis temporariamente enquanto o Google Ads revê a elegibilidade da sua conta para as utilizar.

Este artigo explica estas definições de pagamento e mostra como funcionam. Para saber mais acerca dos métodos de pagamento, ou seja, o que utiliza para efetuar o pagamento, consulte o artigo Adicione um novo método de pagamento no Google Ads.

Pagamentos automáticos
Os pagamentos automáticos não estão disponíveis para contas da China ou da Rússia. Se não vir esta opção na sua conta, selecione os pagamentos manuais em alternativa.

Os pagamentos automáticos são uma definição de pagamento no Google Ads. Ao utilizar esta definição, acumula primeiro os custos com publicidade e, em seguida, esses custos são cobrados automaticamente no seu método de pagamento principal.

Para começar, fornece as suas informações de faturação uma vez e os pagamentos são automaticamente processados para que não tenha de se preocupar com os anúncios deixarem de ser apresentados se falhar um pagamento.

Momento da cobrança

Com a definição de pagamentos automáticos, cobramos os custos com publicidade todos os meses na mesma data da última cobrança automática ou sempre que a sua conta atingir um valor predeterminado, conhecido como o limite de pagamento, conforme o que ocorrer primeiro.

Cenário A: o seu pagamento é acionado no final do ciclo de faturação de 30 dias.

Cenário B: o pagamento é acionado quando alcança o limite de pagamento. Durante o mês seguinte, o limite de pagamento aumenta.

 

Como funciona o limite de pagamento

O seu limite de pagamento é inicialmente definido com um determinado valor. Sempre que a sua conta atingir o limite antes da próxima data de pagamento automático, este aumenta até ao limite mais elevado. Os limites variam consoante a conta, o país e a moeda, pelo que deve verificar na sua conta qual é o limite atual. Tenha em atenção que o valor faturado poderá ser ligeiramente superior ao limite, se a sua conta acumular custos rapidamente. Tenha em atenção: se o seu pagamento anterior foi efetuado a 29, 30 ou 31 do mês, o pagamento automático do mês seguinte pode ocorrer mais cedo para ter em conta os meses mais curtos (por exemplo, um ano bissexto).

Exemplo

Suponhamos que começa a utilizar a sua conta do Google Ads a 31 de agosto e que o seu limite inicial é de 50 €. Se acumular 49 € em custos até 30 de setembro, a cobrança será efetuada nessa data e o limite continuará a ser de 50 € no próximo ciclo de faturação mensal.

Se nunca exceder o seu limite, as próximas cobranças automáticas irão ocorrer no dia 30 de cada mês até fevereiro, que tem menos dias e cuja cobrança será efetuada a 28 (ou a 29 de fevereiro num ano bissexto). A data do próximo pagamento automático não deve sofrer alteração.

Payment at day 30

No entanto, se acumular 50 € em custos antes da próxima data de cobrança automática:

  • A cobrança é efetuada imediatamente.
  • O seu limite aumentará para o valor de limite seguinte, por exemplo, 200 €.
  • É iniciado de imediato um novo ciclo de faturação mensal.

Payment at Threshold

Exemplo

Suponhamos que um anunciante, António, abre uma conta do Google Ads com um limite de 50 € e começa a acumular custos no dia 1 de outubro. Veja como a cobrança será efetuada e como o seu limite será alterado:

  • A 5 de outubro, o António atinge o seu limite de pagamento inicial de 50 €. Nesse momento, cobramos os custos acumulados (que poderão ser ligeiramente superiores ao limite de pagamento se os custos tiverem sido acumulados rapidamente). O limite de pagamento do António é aumentado para 200 €. É iniciado um novo ciclo de faturação mensal.
  • A 23 de outubro, o António atinge o seu novo limite de pagamento de 200 €, o que aciona a cobrança dos custos acumulados por parte do Google Ads. A Google aumenta novamente o limite de pagamento para 350 € e inicia um novo ciclo de faturação mensal.
  • A 20 de novembro, o António acumula mais de 350 € em cobranças. A Google efetua a cobrança e aumenta o limite de pagamento para 500 €.
  • A próxima cobrança ao António terá início a 20 de dezembro, que corresponde à mesma data da última cobrança automática. Se tivesse acumulado 500 € em custos com publicidade antes de 20 de dezembro, uma cobrança automática teria sido iniciada mais cedo.

Encontre o seu limite de pagamento

Para saber qual é o seu limite de pagamento, siga estes passos:

  1. Inicie sessão na sua conta do Google Ads em https://ads.google.com.
  2. Clique no ícone de ferramentas Google Ads | ferramentas [ícone] e, em "Faturação", escolha Resumo.
  3. O seu limite de pagamento encontra-se na secção "O seu saldo", sob a barra de progresso.

Não será avisado por email nem notificado quando o seu limite de pagamento aumentar, pelo que deve consultar este local para saber qual é o seu limite atual.

Se pretender cobranças menos frequentes ou em incrementos maiores, veja como alterar a frequência de cobrança.

Sugestões

  • Pode efetuar um pagamento manual mesmo que esteja a utilizar a definição de pagamentos automáticos. O dinheiro é utilizado para cliques futuros e reduz o valor da próxima cobrança automática. Tenha em atenção que, ao efetuar um pagamento manual, pode alterar a data do próximo pagamento automático.
  • Se pretender reduzir os custos cobrados através do seu método de pagamento principal, efetue um pagamento manual com outro método de pagamento.
  • Para evitar que os seus anúncios deixem de ser apresentados devido a um pagamento recusado, recomendamos vivamente a configuração de um método de pagamento alternativo. Se o seu método de pagamento principal não funcionar por algum motivo, efetuamos a cobrança no seu cartão de crédito alternativo para garantir que os anúncios continuam a ser apresentados.
Pagamentos manuais
A definição de pagamentos manuais não está disponível para novas contas nos países listados. Se não conseguir visualizar esta opção ao inscrever-se, selecione a definição de pagamentos automáticos para concluir a criação da conta. A sua conta não pode ser alterada para pagamentos manuais nos seguintes países.

Países
  • América do Norte
    • Canadá
    • Estados Unidos
  • América do Sul
    • Chile
  • África
    • África do Sul
  • Europa
    • Áustria
    • Bélgica
    • Chéquia
    • Dinamarca
    • Finlândia
    • França
    • Alemanha
    • Grécia
    • Irlanda
    • Itália
    • Luxemburgo
    • Países Baixos
    • Noruega
    • Portugal
    • Polónia
    • Espanha
    • Suécia
    • Suíça
    • Reino Unido
  • Médio Oriente
    • Israel
    • Arábia Saudita
    • Emirados Árabes Unidos
  • Ásia-Pacífico
    • Austrália
    • Hong Kong
    • Japão
    • Malásia
    • Nova Zelândia
    • Singapura

Os pagamentos manuais são uma definição de pagamento no Google Ads que lhe permite efetuar pagamentos antes da apresentação dos seus anúncios. Eis como funciona:

  1. Efetue um pagamento no Google Ads.
  2. Os seus anúncios são apresentados quase imediatamente após recebermos o pagamento.
  3. Os custos acumulados por si são deduzidos do seu pagamento.

Desde que tenha dinheiro na conta para pagar os seus anúncios, estes continuam a ser apresentados. No entanto, não se esqueça de adicionar fundos à sua conta! Para ajudar, enviamos-lhe um email quando restar pouco dinheiro na sua conta (o valor de cerca de uma semana do seu orçamento) e novamente quando o seu saldo chegar a zero.

Faturação mensal

Uma definição de pagamento em que a Google lhe concede uma linha de crédito para os seus custos com publicidade. Pode pagar através de cheque, transferência bancária ou outro método de pagamento, consoante a sua localização.

Pode ser elegível para utilizar a definição de pagamento por faturação mensal se a sua empresa cumprir determinados requisitos. Estes incluem, mas não se limitam a:

  • Estar registada como empresa há, pelo menos, um ano.

  • Ter uma conta do Google Ads ativa e em conformidade há, pelo menos, um ano.

  • Tiver gasto um mínimo de 5000 $ por mês (este valor pode variar conforme o país) durante 3 dos últimos 12 meses.

Se cumprir estes requisitos iniciais e pretender candidatar-se à faturação mensal, contacte-nos.

As definições de pagamento determinam quando paga pelos seus anúncios. O Google Ads tem duas definições de pagamento disponíveis no seu país: pagamentos manuais e faturação mensal.

  • Pagamentos manuais: o anunciante efetua um pagamento antes da apresentação dos seus anúncios. Em seguida, à medida que os seus anúncios são apresentados e acumula custos, o crédito do seu pagamento diminui. Quando o montante do pagamento se esgotar, os anúncios deixam de ser apresentados.

  • Faturação mensal: a Google concede-lhe uma linha de crédito para os custos com publicidade. Acumula custos e recebe uma fatura mensalmente.

A definição de pagamento disponível para a sua conta vai depender da moeda e do país de faturação da conta. Tenha em atenção que, em alguns casos, determinadas definições de pagamento podem estar indisponíveis temporariamente enquanto o Google Ads revê a elegibilidade da sua conta para as utilizar.

Este artigo explica estas definições de pagamento e mostra como funcionam. Para saber mais acerca dos métodos de pagamento, ou seja, o que utiliza para efetuar o pagamento, consulte o artigo Adicione um novo método de pagamento no Google Ads.

Pagamentos manuais
A definição de pagamentos manuais não está disponível para novas contas nos países listados. Se não conseguir visualizar esta opção ao inscrever-se, selecione a definição de pagamentos automáticos para concluir a criação da conta. A sua conta não pode ser alterada para pagamentos manuais nos seguintes países.

Países
  • América do Norte
    • Canadá
    • Estados Unidos
  • América do Sul
    • Chile
  • África
    • África do Sul
  • Europa
    • Áustria
    • Bélgica
    • Chéquia
    • Dinamarca
    • Finlândia
    • França
    • Alemanha
    • Grécia
    • Irlanda
    • Itália
    • Luxemburgo
    • Países Baixos
    • Noruega
    • Portugal
    • Polónia
    • Espanha
    • Suécia
    • Suíça
    • Reino Unido
  • Médio Oriente
    • Israel
    • Arábia Saudita
    • Emirados Árabes Unidos
  • Ásia-Pacífico
    • Austrália
    • Hong Kong
    • Japão
    • Malásia
    • Nova Zelândia
    • Singapura

Os pagamentos manuais são uma definição de pagamento no Google Ads que lhe permite efetuar pagamentos antes da apresentação dos seus anúncios. Eis como funciona:

  1. Efetue um pagamento no Google Ads.
  2. Os seus anúncios são apresentados quase imediatamente após recebermos o pagamento.
  3. Os custos acumulados por si são deduzidos do seu pagamento.

Desde que tenha dinheiro na conta para pagar os seus anúncios, estes continuam a ser apresentados. No entanto, não se esqueça de adicionar fundos à sua conta! Para ajudar, enviamos-lhe um email quando restar pouco dinheiro na sua conta (o valor de cerca de uma semana do seu orçamento) e novamente quando o seu saldo chegar a zero.

Faturação mensal

Uma definição de pagamento em que a Google lhe concede uma linha de crédito para os seus custos com publicidade. Pode pagar através de cheque, transferência bancária ou outro método de pagamento, consoante a sua localização.

Pode ser elegível para utilizar a definição de pagamento por faturação mensal se a sua empresa cumprir determinados requisitos. Estes incluem, mas não se limitam a:

  • Estar registada como empresa há, pelo menos, um ano.

  • Ter uma conta do Google Ads ativa e em conformidade há, pelo menos, um ano.

  • Tiver gasto um mínimo de 5000 $ por mês (este valor pode variar conforme o país) durante 3 dos últimos 12 meses.

Se cumprir estes requisitos iniciais e pretender candidatar-se à faturação mensal, contacte-nos.

As definições de pagamento determinam quando paga pelos seus anúncios. O Google Ads tem duas definições de pagamento disponíveis no seu país: pagamentos automáticos e faturação mensal.

  • Pagamentos automáticos: após a apresentação dos anúncios, o Google Ads utiliza o método de pagamento do anunciante para efetuar a cobrança automática.

  • Faturação mensal: a Google concede-lhe uma linha de crédito para os custos com publicidade. Acumula custos e recebe uma fatura mensalmente.

A definição de pagamento disponível para a sua conta vai depender da moeda e do país de faturação da conta. Tenha em atenção que, em alguns casos, determinadas definições de pagamento podem estar indisponíveis temporariamente enquanto o Google Ads revê a elegibilidade da sua conta para as utilizar.

Este artigo explica estas definições de pagamento e mostra como funcionam. Para saber mais acerca dos métodos de pagamento, ou seja, o que utiliza para efetuar o pagamento, consulte o artigo Adicione um novo método de pagamento no Google Ads.

Pagamentos automáticos
Os pagamentos automáticos não estão disponíveis para contas da China ou da Rússia. Se não vir esta opção na sua conta, selecione os pagamentos manuais em alternativa.

Os pagamentos automáticos são uma definição de pagamento no Google Ads. Ao utilizar esta definição, acumula primeiro os custos com publicidade e, em seguida, esses custos são cobrados automaticamente no seu método de pagamento principal.

Para começar, fornece as suas informações de faturação uma vez e os pagamentos são automaticamente processados para que não tenha de se preocupar com os anúncios deixarem de ser apresentados se falhar um pagamento.

Momento da cobrança

Com a definição de pagamentos automáticos, cobramos os custos com publicidade todos os meses na mesma data da última cobrança automática ou sempre que a sua conta atingir um valor predeterminado, conhecido como o limite de pagamento, conforme o que ocorrer primeiro.

Como funciona o limite de pagamento

O seu limite de pagamento é inicialmente definido com um determinado valor. Sempre que a sua conta atingir o limite antes da próxima data de pagamento automático, este aumenta até ao limite mais elevado. Os limites variam consoante a conta, o país e a moeda, pelo que deve verificar na sua conta qual é o limite atual. Tenha em atenção que o valor faturado poderá ser ligeiramente superior ao limite, se a sua conta acumular custos rapidamente. Tenha em atenção: se o seu pagamento anterior foi efetuado a 29, 30 ou 31 do mês, o pagamento automático do mês seguinte pode ocorrer mais cedo para ter em conta os meses mais curtos (por exemplo, um ano bissexto).

Exemplo

Suponhamos que começa a utilizar a sua conta do Google Ads a 31 de agosto e que o seu limite inicial é de 50 €. Se acumular 49 € em custos até 30 de setembro, a cobrança será efetuada nessa data e o limite continuará a ser de 50 € no próximo ciclo de faturação mensal.

Se nunca exceder o seu limite, as próximas cobranças automáticas irão ocorrer no dia 30 de cada mês até fevereiro, que tem menos dias e cuja cobrança será efetuada a 28 (ou a 29 de fevereiro num ano bissexto). A data do próximo pagamento automático não deve sofrer alteração.

Payment at day 30

No entanto, se acumular 50 € em custos antes da próxima data de cobrança automática:

  • A cobrança é efetuada imediatamente.
  • O seu limite aumentará para o valor de limite seguinte, por exemplo, 200 €.
  • É iniciado de imediato um novo ciclo de faturação mensal.

Payment at Threshold

Exemplo

Suponhamos que um anunciante, António, abre uma conta do Google Ads com um limite de 50 € e começa a acumular custos no dia 1 de outubro. Veja como a cobrança será efetuada e como o seu limite será alterado:

  • A 5 de outubro, o António atinge o seu limite de pagamento inicial de 50 €. Nesse momento, cobramos os custos acumulados (que poderão ser ligeiramente superiores ao limite de pagamento se os custos tiverem sido acumulados rapidamente). O limite de pagamento do António é aumentado para 200 €. É iniciado um novo ciclo de faturação mensal.
  • A 23 de outubro, o António atinge o seu novo limite de pagamento de 200 €, o que aciona a cobrança dos custos acumulados por parte do Google Ads. A Google aumenta novamente o limite de pagamento para 350 € e inicia um novo ciclo de faturação mensal.
  • A 20 de novembro, o António acumula mais de 350 € em cobranças. A Google efetua a cobrança e aumenta o limite de pagamento para 500 €.
  • A próxima cobrança ao António terá início a 20 de dezembro, que corresponde à mesma data da última cobrança automática. Se tivesse acumulado 500 € em custos com publicidade antes de 20 de dezembro, uma cobrança automática teria sido iniciada mais cedo.

Encontre o seu limite de pagamento

Para saber qual é o seu limite de pagamento, siga estes passos:

  1. Inicie sessão na sua conta do Google Ads em https://ads.google.com.
  2. Clique no ícone de ferramentas Google Ads | ferramentas [ícone] e, em "Faturação", escolha Resumo.
  3. O seu limite de pagamento encontra-se na secção "O seu saldo", sob a barra de progresso.

Não será avisado por email nem notificado quando o seu limite de pagamento aumentar, pelo que deve consultar este local para saber qual é o seu limite atual.

Se pretender cobranças menos frequentes ou em incrementos maiores, veja como alterar a frequência de cobrança.

Sugestões

  • Pode efetuar um pagamento manual mesmo que esteja a utilizar a definição de pagamentos automáticos. O dinheiro é utilizado para cliques futuros e reduz o valor da próxima cobrança automática. Tenha em atenção que, ao efetuar um pagamento manual, pode alterar a data do próximo pagamento automático.
  • Se pretender reduzir os custos cobrados através do seu método de pagamento principal, efetue um pagamento manual com outro método de pagamento.
  • Para evitar que os seus anúncios deixem de ser apresentados devido a um pagamento recusado, recomendamos vivamente a configuração de um método de pagamento alternativo. Se o seu método de pagamento principal não funcionar por algum motivo, efetuamos a cobrança no seu cartão de crédito alternativo para garantir que os anúncios continuam a ser apresentados.
Faturação mensal

Uma definição de pagamento em que a Google lhe concede uma linha de crédito para os seus custos com publicidade. Pode pagar através de cheque, transferência bancária ou outro método de pagamento, consoante a sua localização.

Pode ser elegível para utilizar a definição de pagamento por faturação mensal se a sua empresa cumprir determinados requisitos. Estes incluem, mas não se limitam a:

  • Estar registada como empresa há, pelo menos, um ano.

  • Ter uma conta do Google Ads ativa e em conformidade há, pelo menos, um ano.

  • Tiver gasto um mínimo de 5000 $ por mês (este valor pode variar conforme o país) durante 3 dos últimos 12 meses.

Se cumprir estes requisitos iniciais e pretender candidatar-se à faturação mensal, contacte-nos.

As definições de pagamento determinam quando paga pelos seus anúncios. O Google Ads tem duas definições de pagamento disponíveis no seu país: pagamentos automáticos e pagamentos manuais.

  • Pagamentos automáticos: após a apresentação dos anúncios, o Google Ads utiliza o método de pagamento do anunciante para efetuar a cobrança automática.

  • Pagamentos manuais: o anunciante efetua um pagamento antes da apresentação dos seus anúncios. Em seguida, à medida que os seus anúncios são apresentados e acumula custos, o crédito do seu pagamento diminui. Quando o montante do pagamento se esgotar, os anúncios deixam de ser apresentados.

A definição de pagamento disponível para a sua conta vai depender da moeda e do país de faturação da conta. Tenha em atenção que, em alguns casos, determinadas definições de pagamento podem estar indisponíveis temporariamente enquanto o Google Ads revê a elegibilidade da sua conta para as utilizar.

Este artigo explica estas definições de pagamento e mostra como funcionam. Para saber mais acerca dos métodos de pagamento, ou seja, o que utiliza para efetuar o pagamento, consulte o artigo Adicione um novo método de pagamento no Google Ads.

Pagamentos automáticos
Os pagamentos automáticos não estão disponíveis para contas da China ou da Rússia. Se não vir esta opção na sua conta, selecione os pagamentos manuais em alternativa.

Os pagamentos automáticos são uma definição de pagamento no Google Ads. Ao utilizar esta definição, acumula primeiro os custos com publicidade e, em seguida, esses custos são cobrados automaticamente no seu método de pagamento principal.

Para começar, fornece as suas informações de faturação uma vez e os pagamentos são automaticamente processados para que não tenha de se preocupar com os anúncios deixarem de ser apresentados se falhar um pagamento.

Momento da cobrança

Com a definição de pagamentos automáticos, cobramos os custos com publicidade todos os meses na mesma data da última cobrança automática ou sempre que a sua conta atingir um valor predeterminado, conhecido como o limite de pagamento, conforme o que ocorrer primeiro.

Como funciona o limite de pagamento

O seu limite de pagamento é inicialmente definido com um determinado valor. Sempre que a sua conta atingir o limite antes da próxima data de pagamento automático, este aumenta até ao limite mais elevado. Os limites variam consoante a conta, o país e a moeda, pelo que deve verificar na sua conta qual é o limite atual. Tenha em atenção que o valor faturado poderá ser ligeiramente superior ao limite, se a sua conta acumular custos rapidamente. Tenha em atenção: se o seu pagamento anterior foi efetuado a 29, 30 ou 31 do mês, o pagamento automático do mês seguinte pode ocorrer mais cedo para ter em conta os meses mais curtos (por exemplo, um ano bissexto).

Exemplo

Suponhamos que começa a utilizar a sua conta do Google Ads a 31 de agosto e que o seu limite inicial é de 50 €. Se acumular 49 € em custos até 30 de setembro, a cobrança será efetuada nessa data e o limite continuará a ser de 50 € no próximo ciclo de faturação mensal.

Se nunca exceder o seu limite, as próximas cobranças automáticas irão ocorrer no dia 30 de cada mês até fevereiro, que tem menos dias e cuja cobrança será efetuada a 28 (ou a 29 de fevereiro num ano bissexto). A data do próximo pagamento automático não deve sofrer alteração.

Payment at day 30

No entanto, se acumular 50 € em custos antes da próxima data de cobrança automática:

  • A cobrança é efetuada imediatamente.
  • O seu limite aumentará para o valor de limite seguinte, por exemplo, 200 €.
  • É iniciado de imediato um novo ciclo de faturação mensal.

Payment at Threshold

Exemplo

Suponhamos que um anunciante chamado António abre uma conta do Google Ads com um limite de 50 € e começa a acumular custos no dia 1 de outubro. Veja como a cobrança será efetuada e como o seu limite será alterado:

  • A 5 de outubro, o António atinge o seu limite de pagamento inicial de 50 €. Nesse momento, cobramos os custos acumulados (que poderão ser ligeiramente superiores ao limite de pagamento se os custos tiverem sido acumulados rapidamente). O limite de pagamento do António é aumentado para 200 €. É iniciado um novo ciclo de faturação mensal.
  • A 23 de outubro, o António atinge o seu novo limite de pagamento de 200 €, o que aciona a cobrança dos custos acumulados por parte do Google Ads. A Google aumenta novamente o limite de pagamento para 350 € e inicia um novo ciclo de faturação mensal.
  • A 20 de novembro, o António acumula mais de 350 € em cobranças. A Google efetua a cobrança e aumenta o limite de pagamento para 500 €.
  • A próxima cobrança ao António terá início a 20 de dezembro, que corresponde à mesma data da última cobrança automática. Se tivesse acumulado 500 € em custos com publicidade antes de 20 de dezembro, uma cobrança automática teria sido iniciada mais cedo.

Encontre o seu limite de pagamento

Para saber qual é o seu limite de pagamento, siga estes passos:

  1. Inicie sessão na sua conta do Google Ads em https://ads.google.com.
  2. Clique no ícone de ferramentas Google Ads | ferramentas [ícone] e, em "Faturação", escolha Resumo.
  3. O seu limite de pagamento encontra-se na secção "O seu saldo", sob a barra de progresso.

Não será avisado por email nem notificado quando o seu limite de pagamento aumentar, pelo que deve consultar este local para saber qual é o seu limite atual.

Se pretender cobranças menos frequentes ou em incrementos maiores, veja como alterar a frequência de cobrança.

Sugestões

  • Pode efetuar um pagamento manual mesmo que esteja a utilizar a definição de pagamentos automáticos. O dinheiro é utilizado para cliques futuros e reduz o valor da próxima cobrança automática. Tenha em atenção que, ao efetuar um pagamento manual, pode alterar a data do próximo pagamento automático.
  • Se pretender reduzir os custos cobrados através do seu método de pagamento principal, efetue um pagamento manual com outro método de pagamento.
  • Para evitar que os seus anúncios deixem de ser apresentados devido a um pagamento recusado, recomendamos vivamente a configuração de um método de pagamento alternativo. Se o seu método de pagamento principal não funcionar por algum motivo, efetuamos a cobrança no seu cartão de crédito alternativo para garantir que os anúncios continuam a ser apresentados.
Pagamentos manuais
A definição de pagamentos manuais não está disponível para novas contas nos países listados. Se não conseguir visualizar esta opção ao inscrever-se, selecione a definição de pagamentos automáticos para concluir a criação da conta. A sua conta não pode ser alterada para pagamentos manuais nos seguintes países.

Países
  • América do Norte
    • Canadá
    • Estados Unidos
  • América do Sul
    • Chile
  • África
    • África do Sul
  • Europa
    • Áustria
    • Bélgica
    • Chéquia
    • Dinamarca
    • Finlândia
    • França
    • Alemanha
    • Grécia
    • Irlanda
    • Itália
    • Luxemburgo
    • Países Baixos
    • Noruega
    • Portugal
    • Polónia
    • Espanha
    • Suécia
    • Suíça
    • Reino Unido
  • Médio Oriente
    • Israel
    • Arábia Saudita
    • Emirados Árabes Unidos
  • Ásia-Pacífico
    • Austrália
    • Hong Kong
    • Japão
    • Malásia
    • Nova Zelândia
    • Singapura

Os pagamentos manuais são uma definição de pagamento no Google Ads que lhe permite efetuar pagamentos antes da apresentação dos seus anúncios. Eis como funciona:

  1. Efetue um pagamento no Google Ads.
  2. Os seus anúncios são apresentados quase imediatamente após recebermos o pagamento.
  3. Os custos acumulados por si são deduzidos do seu pagamento.

Desde que tenha dinheiro na conta para pagar os seus anúncios, estes continuam a ser apresentados. No entanto, não se esqueça de adicionar fundos à sua conta! Para ajudar, enviamos-lhe um email quando restar pouco dinheiro na sua conta (o valor de cerca de uma semana do seu orçamento) e novamente quando o seu saldo chegar a zero.

Com o Google Ads, a cobrança é efetuada automaticamente após a apresentação dos seus anúncios (pagamentos automáticos) ou pode efetuar pagamentos antes da apresentação dos anúncios (pagamentos manuais). Deve efetuar esta escolha quando criar a sua conta e, depois, não poderá alterar esta definição.

Pagamentos automáticos

Os pagamentos automáticos são uma definição de pagamento no Google Ads. Ao utilizar esta definição, acumula primeiro os custos com publicidade e, em seguida, esses custos são cobrados automaticamente no seu método de pagamento principal.

Para começar, fornece as suas informações de faturação uma vez e os pagamentos são automaticamente processados para que não tenha de se preocupar com os anúncios deixarem de ser apresentados se falhar um pagamento.

Momento da cobrança

Com a definição de pagamentos automáticos, cobramos os custos com publicidade todos os meses na mesma data da última cobrança automática ou sempre que a sua conta atingir um valor predeterminado, conhecido como o limite de pagamento, conforme o que ocorrer primeiro.

Como funciona o limite de pagamento

O seu limite de pagamento é inicialmente definido com um determinado valor. Sempre que a sua conta atingir o limite antes da próxima data de pagamento automático, este aumenta até ao limite mais elevado. Os limites variam consoante a conta, o país e a moeda, pelo que deve verificar na sua conta qual é o limite atual. Tenha em atenção que o valor faturado poderá ser ligeiramente superior ao limite, se a sua conta acumular custos rapidamente. Tenha em atenção: se o seu pagamento anterior foi efetuado a 29, 30 ou 31 do mês, o pagamento automático do mês seguinte pode ocorrer mais cedo para ter em conta os meses mais curtos (por exemplo, um ano bissexto).

Exemplo

Suponhamos que começa a utilizar a sua conta do Google Ads a 31 de agosto e que o seu limite inicial é de 50 €. Se acumular 49 € em custos até 30 de setembro, a cobrança será efetuada nessa data e o limite continuará a ser de 50 € no próximo ciclo de faturação mensal.

Se nunca exceder o seu limite, as próximas cobranças automáticas irão ocorrer no dia 30 de cada mês até fevereiro, que tem menos dias e cuja cobrança será efetuada a 28 (ou a 29 de fevereiro num ano bissexto). A data do próximo pagamento automático não deve sofrer alteração.

Payment at day 30

No entanto, se acumular 50 € em custos antes da próxima data de cobrança automática:

  • A cobrança é efetuada imediatamente.
  • O seu limite aumentará para o valor de limite seguinte, por exemplo, 200 €.
  • É iniciado de imediato um novo ciclo de faturação mensal.

Payment at Threshold

Exemplo

Suponhamos que um anunciante chamado António abre uma conta do Google Ads com um limite de 50 € e começa a acumular custos no dia 1 de outubro. Veja como a cobrança será efetuada e como o seu limite será alterado:

  • A 5 de outubro, o António atinge o seu limite de pagamento inicial de 50 €. Nesse momento, cobramos os custos acumulados (que poderão ser ligeiramente superiores ao limite de pagamento se os custos tiverem sido acumulados rapidamente). O limite de pagamento do António é aumentado para 200 €. É iniciado um novo ciclo de faturação mensal.
  • A 23 de outubro, o António atinge o seu novo limite de pagamento de 200 €, o que aciona a cobrança dos custos acumulados por parte do Google Ads. A Google aumenta novamente o limite de pagamento para 350 € e inicia um novo ciclo de faturação mensal.
  • A 20 de novembro, o António acumula mais de 350 € em cobranças. A Google efetua a cobrança e aumenta o limite de pagamento para 500 €.
  • A próxima cobrança ao António terá início a 20 de dezembro, que corresponde à mesma data da última cobrança automática. Se tivesse acumulado 500 € em custos com publicidade antes de 20 de dezembro, uma cobrança automática teria sido iniciada mais cedo.

Encontre o seu limite de pagamento

Para saber qual é o seu limite de pagamento, siga estes passos:

  1. Inicie sessão na sua conta do Google Ads.
  2. Clique no ícone de ferramentas Google Ads | ferramentas [ícone] e, em "Faturação", escolha Resumo.
  3. O seu limite de pagamento encontra-se na secção "O seu saldo", sob a barra de progresso.

Não vai receber qualquer aviso ou notificação por email quando o seu limite aumentar, pelo que deve consultar este local para saber qual é o seu limite atual.

Se pretender cobranças menos frequentes ou em incrementos maiores, veja como alterar a frequência de cobrança.

Sugestões

  • Pode efetuar um pagamento manual mesmo que esteja a utilizar a definição de pagamentos automáticos. O dinheiro é utilizado para cliques futuros e reduz o valor da próxima cobrança automática. Tenha em atenção que, ao efetuar um pagamento manual, pode alterar a data do próximo pagamento automático.
  • Se pretender reduzir os custos cobrados através do seu método de pagamento principal, efetue um pagamento manual com outro método de pagamento.
  • Para evitar que os seus anúncios deixem de ser apresentados devido a um pagamento recusado, recomendamos vivamente a configuração de um método de pagamento alternativo. Se o seu método de pagamento principal não funcionar por algum motivo, efetuamos a cobrança no seu cartão de crédito alternativo para garantir que os anúncios continuam a ser apresentados.
Pagamentos manuais

Os pagamentos manuais são uma definição de pagamento no Google Ads que lhe permite efetuar pagamentos antes da apresentação dos seus anúncios. Eis como funciona:

  1. Efetue um pagamento no Google Ads.
  2. Os seus anúncios são apresentados quase imediatamente após recebermos o pagamento.
  3. Os custos acumulados por si são deduzidos do seu pagamento.

Desde que tenha dinheiro na conta para pagar os seus anúncios, estes continuam a ser apresentados. No entanto, não se esqueça de adicionar fundos à sua conta! Para ajudar, enviamos-lhe um email quando restar pouco dinheiro na sua conta (o valor de cerca de uma semana do seu orçamento) e novamente quando o seu saldo chegar a zero.

Faturação mensal

Uma definição de pagamento em que a Google lhe concede uma linha de crédito para os seus custos com publicidade. Pode pagar através de cheque, transferência bancária ou outro método de pagamento, consoante a sua localização.

Pode ser elegível para utilizar a definição de pagamento por faturação mensal se a sua empresa cumprir determinados requisitos. Estes incluem, mas não se limitam a:

  • Estar registada como empresa há, pelo menos, um ano.

  • Ter uma conta do Google Ads ativa e em conformidade há, pelo menos, um ano.

  • Tiver gasto um mínimo de 5000 $ por mês (este valor pode variar conforme o país) durante 3 dos últimos 12 meses.

Se cumprir estes requisitos iniciais e pretender candidatar-se à faturação mensal, contacte-nos.

A informação foi útil?
Como podemos melhorá-la?

Precisa de mais ajuda?

Inicie sessão para obter opções de apoio técnico adicionais e resolver rapidamente o seu problema.

Pesquisa
Limpar pesquisa
Fechar pesquisa
Google Apps
Menu principal
Pesquisar no Centro de ajuda
true
73067
false