Diferenças entre o Google Ads e dados de terceiros

Os anunciantes muitas vezes reparam que existem dois tipos de diferenças entre os dados das respetivas contas do Google Ads e dos respetivos registos do servidor Web ou do software de acompanhamento de terceiros. Um tipo ocorre quando as estatísticas do Google Ads apresentam mais cliques a nível geral do que os seus registos ou do que o relatório de acompanhamento de software. O outro tipo ocorre quando a sua conta do Google Ads apresenta menos cliques a nível geral.

Mesmo que estas discrepâncias possam ser significativas e, por vezes, surpreendentes, não indicam necessariamente que tenha ocorrido algum tipo de atividade inválida com os seus anúncios. Analisaremos algumas razões comuns para estas discrepâncias e faremos sugestões para o(a) ajudar a acompanhar os cliques de forma mais exata.

Razões que podem levar a conta do Google Ads a mostrar mais cliques a nível geral

Detetámos que a maior parte das discrepâncias entre as suas estatísticas do Google Ads e os registos Web ou o software de acompanhamento de terceiros ocorre devido ao facto de os métodos de acompanhamento de terceiros não conseguirem detetar todos os cliques que os seus anúncios recebem. Há várias razões para que tal aconteça:

  • Repetir cliques: os clientes poderão clicar várias vezes no anúncio durante, por exemplo, o processo de comparação de preços ou quando realizam pesquisas. O seu software de acompanhamento de terceiros poderá não contabilizar estas visitas repetidas ao seu site. No entanto, desde que os padrões relativos a cliques não correspondam a um perfil de atividade abusiva ou inválida, serão contabilizados nas estatísticas da sua conta do Google Ads.
  • Estatísticas da Rede Google: a Google apresenta anúncios numa rede em expansão de produtos e sites de pesquisa e de conteúdo. Normalmente, o software de acompanhamento da Web não consegue reconhecer cliques a partir de sites da Rede Google como estando afiliados à Google. Estes cliques estão normalmente identificados apenas com o nome de sites de terceiros.
  • Limitações de navegador: existem limitações relacionadas com a capacidade do software de acompanhamento de terceiros em acompanhar visitas a Websites com cabeçalhos referenciadores. A maior parte dos navegadores de Internet mais recentes passa automaticamente num cabeçalho referenciador quando um cliente clica no anúncio e acede ao seu Website. Contudo, alguns clientes desativam esta funcionalidade nos seus navegadores. Além disso, alguns proxies e firewalls empresariais eliminam os cabeçalhos referenciadores.
  • JavaScript não ativado: se o seu software de acompanhamento de terceiros utilizar cookies para registar cabeçalhos referenciadores, os cliques de anúncios que ocorrerem num navegador sem o JavaScript ativado não serão acompanhados. A sua conta do Google Ads, por outro lado, registará cliques que ocorram em navegadores com ou sem o JavaScript ativado.
  • Redirecionamentos: pode incluir redirecionamentos no seu URL final, desde que o redirecionamento partilhe um domínio com o seu URL de visualização. Efetue a gestão do acompanhamento de terceiros nas opções de URL.

Razões pelas quais a sua conta do Google Ads pode mostrar menos cliques a nível geral

Ocasionalmente, a sua conta do Google Ads pode mostrar menos cliques do que os seus registos Web. Eis algumas explicações para esta discrepância:

  • Cliques filtrados: a tecnologia de proteção de cliques da Google pode ter filtrado automaticamente os cliques que determinámos serem inválidos e impedido que fossem cobrados à sua conta. Pode consultar os dados sobre os cliques inválidos que são automaticamente filtrados da sua conta ou de campanhas específicas.
  • }Repetir visitas{/0: depois de clicar no seu anúncio, um cliente pode visitar outro link no seu Website e, em seguida, clicar no botão para retroceder do navegador. O cliente pode também adicionar a página de destino aos marcadores e voltar mais tarde ao seu Website diretamente através deste marcador. Em ambos os casos, a página de destino será atualizadagada e o software de acompanhamento de terceiros poderá contabilizar esses cliques como adicionais.

Aumente o rigor do acompanhamento com o Google Analytics

Para acompanhar o tráfego dos seus anúncios com mais rigor, recomendamos a utilização do Google Analytics, uma ferramenta de acompanhamento completa e gratuita. Os anunciantes que criarem uma conta do Google Analytics ativam automaticamente uma funcionalidade útil designada por "etiquetagem automática". A etiquetagem automática anexa um identificador único ao URL final de um anúncio sempre que este é clicado, o que torna muito mais fácil distinguir cliques de anúncios reais de comportamentos enganadores, como as atualizações de página. A Google cobra uma vez, no máximo, por cada etiqueta única (se for determinado que o clique é válido).

A informação foi útil?
Como podemos melhorá-la?

Precisa de mais ajuda?

Inicie sessão para obter opções de apoio técnico adicionais e resolver rapidamente o seu problema.