Pesquisa
Limpar pesquisa
Fechar pesquisa
Google Apps
Menu principal

Verifique seu filtro

Economize tempo e proteja seus dados testando filtros antes de aplicá-los a uma vista da propriedade.

A verificação do filtro permite visualizar os efeitos de um filtro no tráfego de entrada antes do filtro ser realmente criado. Há uma série de razões pelas quais é útil verificar seus filtros:

  • Leva algum tempo (até 24 horas) para os efeitos de filtro ficarem visíveis nos seus dados. A verificação do filtro permite que você veja os possíveis efeitos do seu filtro no momento presente.
  • Os efeitos do filtro são permanentes: os dados filtrados não podem ser restaurados ao seu estado original, sem filtro. A verificação do filtro pode ajudar você a detectar erros ou problemas antes de salvar o filtro e possivelmente afetar dados reais de formas indesejáveis.
  • A verificação do filtro deixa o uso de variações dos seus filtros muito mais prático do que sem o recurso de verificação.

Por essas razões, é uma boa ideia verificar sempre um filtro antes de salvá-lo.

Como funciona a verificação do filtro

A verificação do filtro funciona aplicando o novo filtro não salvo a uma amostra de sete dias dos dados reais da visualização selecionada. Em seguida, ela compara os resultados do novo filtro com a amostra de dados original, para produzir uma lista de linhas alteradas. Isso é semelhante à maneira como funciona o recurso Comparar arquivos de um editor de texto ou o programa diff da linha de comando.

A verificação do filtro exibe as linhas alteradas em uma tabela de visualização, contendo as colunas Antes do filtro aplicado e Depois do filtro aplicado. A coluna Antes do filtro aplicado exibe as linhas de dados originais que foram alteradas pelo filtro proposto, se esse filtro já estivesse em vigor na semana passada. A coluna Depois do filtro aplicado mostra como essas mesmas linhas ficariam com o novo filtro aplicado. A diferença entre as colunas antes e depois é o efeito que seu novo filtro teria tido se tivesse entrado em vigor sete dias atrás. É como ter sua própria máquina do tempo do Google Analytics.

A imagem abaixo mostra um exemplo de uma tabela de visualização. O filtro usado exclui cliques onde o campo "Nome do host" contém "adwords.google.com". A tabela "antes" (marcada como item 1) mostra as linhas nos seus dados antes de o filtro ser aplicado. A tabela "depois" (marcada como item 2 na imagem) mostra as linhas que seriam removidas pelo filtro.

Screenshot of filter verification preview table showing before and after columns for a filter excluding hostname contains adwords.google.com. Before table shows 2 rows affected by the filter. After table contains no rows, showing the filter would exclude those rows.
Imagem: Tabela de visualização da verificação do filtro

Às vezes, os dados da amostra inicial não terão nenhuma linha que corresponda aos critérios do filtro. Neste caso, você não verá uma tabela de visualização. Em vez disso, você terá a opção de ajustar seu filtro (talvez não estivesse configurado corretamente) ou aplicar o filtro atual a um conjunto maior de linhas de amostra. Quando você seleciona essa opção, o Google Analytics executa a mesma consulta de exemplo de antes, mas aumenta o número de linhas retornadas.

E se eu ainda não vir uma tabela visualização?

Se o Google Analytics ainda não conseguir encontrar nenhuma linha que seria afetada pelo filtro proposto, é possível que a visualização atual simplesmente não colete os dados que estão sendo alvo do filtro proposto. Avalie a possibilidade de trabalhar de uma visualização diferente ou examinar os outros filtros que podem estar em vigor para a visualização atual para ver se eles estão causando o problema.

Veja um exemplo de como funciona a verificação do filtro

Exemplo de verificação do filtro

Digamos que, atualmente, você está coletando acessos para três nomes de host: support.mycompany.com, sales.mycompany.com e ads.mycompany.com. Você quer criar uma visualização que só mostra acessos para seu domínio de suporte. Assim, você cria uma nova visualização e definir um filtro personalizado que inclui o campo nome do host correspondente ao padrão de filtro support\.mycompany\.com.

Para verificar esse filtro, o Google Analytics calcula uma taxa de amostragem e seleciona um conjunto básico de linhas de dados reais para essa visualização, voltando sete dias. Os dados resultantes podem ter esta aparência:

 

Dados amostrados
Nome do host Sessões Exibições de página
service.mycompany.com 337 1011
support.mycompany.com 3707 35.722
sales.mycompany.com 148.280 1.357.773
...    

 

Em seguida, o Google Analytics aplica o novo filtro que você está criando aos dados amostrados originais e observa quais linhas seriam alteradas por esse filtro. Este é o conjunto de linhas Antes do filtro aplicado. Apenas os registros que teriam sido incluídos, excluídos ou alterados pelo novo filtro aparecem na visualização antes.

O conjunto de linhas Depois do filtro aplicado mostra o que o filtro realmente teria feito nas linhas afetadas (ou seja, teria incluído, excluído ou alterado essas linhas).

Neste exemplo, estamos filtrando support\.mycompany\.com. A coluna Antes do filtro aplicado contém todas as linhas onde o nome do host contém o domínio (nesse caso, há apenas uma). A coluna Depois do filtro aplicado mostra os resultados da aplicação do filtro de inclusão a todos os dados de exemplo: isso inclui apenas a única linha correspondente.

 

Antes da aplicação do filtro
Nome do host Sessões Exibições de página
support.mycompany.com 3707 35.722
Depois da aplicação do filtro
Nome do host Sessões Exibições de página
support.mycompany.com 3707 35.722

Para verificar um filtro:

Mesmo com a verificação do filtro, nós INCENTIVAMOS você a aplicar novos filtros a uma visualização de teste antes de atribuí-los às suas visualizações reais.
  1. Siga as etapas descritas em Criar/gerenciar filtros de visualização para criar seu filtro e aplicá-lo a uma vista de propriedade.
  2. Antes de salvar o filtro, clique no link Verificar este filtro.
  3. Se necessário, faça refinamentos no seu filtro e clique no link Verificar novamente até que os dados de amostra "depois" apareçam do jeito que você espera.
  4. Se seu filtro não retornar nenhum resultado e exibir a mensagem,
    "Esse filtro não teria alterado seus dados."
    
    modifique seu filtro ou clique em Verificar usando um conjunto maior de dados.
  5. Quando estiver satisfeito com o filtro, clique no botão Salvar para salvar o filtro.

Limitações

  • Como a verificação do filtro usa uma amostragem calculada dos seus dados, os resultados não podem ser considerados exatos em todos os casos. Você deve sempre manter uma vista da propriedade não filtrada dos seus dados como backup.
  • Devido a restrições de privacidade, não é possível verificar filtros usando campos com base em dados geográficos.
  • Não é possível verificar filtros avançados.
Este artigo foi útil para você?
Como podemos melhorá-lo?