Adicionar uma conta

Crie contas adicionais para organizar ou separar dados.

As instruções a seguir são referentes à adição de um novo nível de conta a uma conta existente do Google Analytics.

Ao criar uma conta, você também cria automaticamente uma propriedade e uma vista da propriedade para essa conta. Esses níveis formam a estrutura no Google Analytics que permite que você colete e analise dados. Consulte os links em Recursos relacionados (abaixo) para mais informações.

A criação de uma conta é apenas a primeira ação que você precisa realizar no Google Analytics. Leia as informações em Próximas etapas (abaixo) quando você puder avançar para a próxima parte do processo.

Não conhecia o Google Analytics? Saiba como se inscrever e começar a usar o Google Analytics.

Adicionar uma conta à sua conta do Google Analytics

Você precisa editar a permissão para usar este recurso.

Para criar um novo nível de conta em uma conta existente do Google Analytics:

  1. Faça login na sua conta do Google Analytics.
  2. Clique em Administrador na barra de menus na parte superior de qualquer página.
  3. Na coluna CONTA, selecione Criar nova conta na lista suspensa.
  4. Clique em Website ou Aplicativo para dispositivos móveis.
  5. Na seção chamada Configuração da sua conta, insira o Nome da conta.

    Use um nome específico e descritivo. Assim, é possível saber a finalidade dessa conta ao ver seu nome na lista de contas.

  6. Na seção chamada Configuração da sua propriedade, insira o Website ou o Nome do aplicativo.

    Se você planeja acompanhar mais de uma propriedade na sua conta, use um nome bem específico e descritivo. Para aplicativos, inclua o número da edição ou versão. Com isso, você mantém suas propriedades de aplicativos organizadas na sua conta.

  7. (Somente na Web) Insira o URL do website.

    Não é possível criar uma propriedade se o URL não estiver formatado corretamente.

    Clique para expandir e ver como formatar corretamente seu nome de domínio.
    Selecione o padrão do protocolo (http:// ou https://). Insira o nome do domínio, sem caracteres após o nome, inclusive uma barra à direita (www.example.com, e não www.example.com/). A maioria dos hosts de domínio suporta somente caracteres UTF-8 no URL. Convém usar caracteres UTF-8 ou punycode para símbolos e caracteres que não sejam UTF-8 (inclusive caracteres cirílicos) no nome do domínio. Encontre na Web um conversor punycode para ajuda com essa questão.
  8. Selecione uma Categoria do setor.
  9. Selecione o Fuso horário do relatório.

    Ele é usado como o dia-limite para seus relatórios, independentemente da origem dos dados.

    Clique para expandir e saber mais sobre como funciona a configuração Fuso horário do relatório.
    • A configuração do fuso horário influencia apenas o modo como os dados aparecem nos seus relatórios, não a forma como você coleta os dados. Por exemplo, se você escolher Estados Unidos, horário do Pacífico, o início e o fim de cada dia serão calculados com base no horário do Pacífico, independentemente de a origem das visitas ser Nova York, Londres ou Moscou.
    • Se sua conta do Google Analytics estiver vinculada a uma conta do Google AdWords, o fuso horário será configurado automaticamente para a preferência definida no Google AdWords, e você não verá essa opção. Isso garante relatórios precisos das campanhas do Google AdWords.
    • A alteração do fuso horário só afeta dados posteriores, não sendo aplicada retroativamente. Você poderá notar um ponto estável ou um pico nos dados do seu relatório, caso tenha atualizado a configuração de horário depois de já ter usado a propriedade. Seus relatórios também poderão continuar usando o fuso horário antigo por um curto período, após a atualização dessa configuração.
  10. Na seção Configurações de compartilhamento de dados, selecione as configurações desejadas. Saiba mais sobre as configurações de compartilhamento de dados.
  11. Clique em Receber código de acompanhamento.

Próximas etapas

A criação de uma conta é apenas a primeira etapa que você precisa seguir no Google Analytics. É necessário configurar seu código de acompanhamento para coletar e enviar dados para sua conta. Também é altamente recomendável configurar e personalizar as visualizações de relatório.

Configurar o código de acompanhamento

Há diferentes versões do código de acompanhamento. Use o código certo para seu ambiente.

  • Conteúdo da Web: veja como configurar o código de acompanhamento da Web. Qualquer pessoa familiarizada com HTML pode concluir essa etapa, mas os desenvolvedores devem consultar nosso Guia de desenvolvedores para mais detalhes.
  • Aplicativos para dispositivos móveis: faça o download do SDK adequado para você, e use nossos guias de desenvolvedores para Android e iOS para saber como integrar o SDK ao seu aplicativo. Você pode fazer o download dos SDKs na página Informações de acompanhamento na propriedade da sua conta ou nos Guias para desenvolvedores.
  • Outros dispositivos digitais: para coletar dados de dispositivos digitais como quiosques de informações, consoles de jogos ou aparelhos, use o Protocolo de avaliação. Apenas desenvolvedores experientes devem configurar o Protocolo de avaliação.

Personalize seu código de acompanhamento

Depois de concluir a configuração básica, é possível personalizar seu código de acompanhamento para coletar dados que não são acompanhados automaticamente. Recomendamos configurar o Acompanhamento de eventos, com o qual é possível acompanhar interações, como cliques em vídeos e botões, e o Acompanhamento de comércio eletrônico, com o qual você pode integrar quaisquer dados de produtos ou vendas aos seus outros dados.

Configure e personalize as vistas da propriedade dos seus relatórios

Uma vista da propriedade é a lente pela qual você visualiza seus dados. A vista da propriedade é parte da conta do Google Analytics que contém relatórios e que você pode personalizar com filtros.

Uma vista da propriedade é criada automaticamente para cada propriedade. No entanto, recomendamos que você crie vistas duplicadas para garantir acesso aos dados brutos que coleta. Além disso, você pode conseguir dados mais acionáveis quando configurar os recursos de relatórios adicionais, como Metas e Segmentos.

Recursos relacionados

Saiba mais sobre os elementos estruturais em uma conta do Google Analytics mencionados neste artigo: