Aplicar configurações avançadas

Se você tiver a edição gratuita legada do G Suite, faça upgrade para o G Suite Basic para usar este recurso. 

Como administrador, você pode aplicar políticas avançadas de segurança, inclusive criptografia. Também é possível controlar como os usuários sincronizam os dados corporativos e se eles podem acessar outros serviços do Google nos dispositivos móveis.

Antes de começar

Para usar estas configurações, você precisa configurar o gerenciamento avançado de dispositivos móveis. Veja mais informações em Configurar o gerenciamento avançado de dispositivos móveis. Para aplicar as configurações, os usuários do Android precisam fazer o download do app Google Apps Device Policy no dispositivo. Os usuários do Apple® iOS® precisam fazer o download de um perfil do Device Policy.

Encontrar as configurações

  1. Faça login no Google Admin Console.

    Faça login com sua conta de administrador (não termina em @gmail.com).

  2. Na página inicial do Admin Console, acesse Dispositivos.

    Se a opção "Dispositivos" não aparecer na página inicial, clique em Mais controles na parte inferior da tela.

  3. À esquerda, clique em Configurações avançadas
  4. Selecione uma categoria.
  5. (Opcional) À esquerda, selecione a organização à qual você quer aplicar as configurações.
  6. Encontre a configuração que você quer alterar. Para detalhes sobre cada configuração, consulte Saber mais sobre as configurações.
  7. Após fazer uma alteração, clique em Salvar.

As configurações geralmente entram em vigor em minutos, mas é possível que leve até 24 horas para que elas sejam aplicadas a todos.

Saber mais sobre as configurações

Abrir tudo   |   Fechar tudo

Segurança

Dispositivos comprometidos

Impede que um dispositivo Android ou iOS acesse dados corporativos quando há indícios de que ele está comprometido ou tenha sido desbloqueado por jailbreak.

  • Se algo indicar que um dispositivo Android está comprometido, marque a caixa Bloquear dispositivos Android comprometidos. Por exemplo, um dispositivo está comprometido quando tem acesso root, um processo que remove as restrições no dispositivo.
  • Se algo indicar que um dispositivo Android está com jailbreak, que é um processo que remove as restrições, marque a caixa Bloquear dispositivos iOS com jailbreak. Quando você marca esta opção, os usuários do iOS recebem uma solicitação para instalar o app Google Apps Device Policy caso ele ainda não esteja instalado no dispositivo. (Compatível com o iOS Sync somente nos dispositivos que usam o G Suite).
Compliance com CTS

Bloqueia dispositivos Android que não são compatíveis com o Compatibility Test Suite (CTS). Para detalhes, consulte Compatibility Test Suite.

Criptografia

Compatível com dispositivos Android 3.0 Honeycomb e posteriores que usam o Android Sync e com dispositivos iOS que usam o iOS Sync ou o Google Sync. Para outros dispositivos e aplicativos de terceiros, entre em contato com o fabricante do dispositivo ou com o desenvolvedor do app.

Criptografa dados para que eles só sejam lidos quando o dispositivo for desbloqueado. A criptografia adiciona proteção em caso de perda ou roubo de um dispositivo. O desbloqueio do dispositivo descriptografa os dados. Para mais informações sobre a criptografia dos dados, consulte Criptografar dados.

Câmera

Permite que os usuários utilizem a câmera do dispositivo. Essa configuração pode ser feita nos dispositivos iOS, Android 4.0 Ice Cream Sandwich e posteriores e Microsoft® Windows Phone®

Google Sync (somente para o G Suite)

Lista de permissões de IPs

Permite que os usuários só acessem o e-mail, as agendas e os contatos do G Suite nos dispositivos móveis por meio dos endereços IP que você listar.

Na caixa Lista de permissões de IP do Google Sync, adicione os endereços IP (máscaras) dos quais o usuário pode acessar o e-mail, as agendas e os contatos do G Suite. Para adicionar mais de um endereço IP, digite um intervalo de IPs na notação CIDR ou separe cada endereço IP com uma vírgula.

Essa configuração fica desativada por padrão. Ative-a apenas se a organização precisar. Geralmente, essa configuração é necessária em organizações que precisam usar um proxy Microsoft® Exchange ActiveSync® para restringir o modo como os usuários acessam os dados de trabalho nos dispositivos móveis. Essas organizações talvez precisem rotear as conexões do ActiveSync por meio de servidores de gerenciamento de dispositivos separados (servidores proxy).

Enviar mensagens de e-mail excluídas para a lixeira

Envia os e-mails excluídos dos usuários para a lixeira automaticamente. Use essa configuração se sua política de retenção de e-mails exigir a exclusão dos e-mails. Quando a caixa está desmarcada, as mensagens excluídas são arquivadas.

Sincronizar em roaming

Permite que os dispositivos Android e iOS façam a sincronização automaticamente quando estiverem em roaming. A sincronização automática pode aumentar o custo dos dados. 

Quando você desmarca a caixa Ativar a sincronização automática em roaming, os usuários ainda podem sincronizar os dispositivos manualmente em roaming.

Outros serviços do Google

Aplicativos particulares do Google Play

Permite que os usuários do Android acessem e publiquem aplicativos particulares no Google Play.

  • Para que os usuários acessem os aplicativos particulares que você distribui, marque a caixa Permitir que os usuários acessem os aplicativos particulares do Google Play
  • Para que os usuários criem e atualizem aplicativos Android para uso interno e os distribuam para os usuários no domínio, marque a caixa Permitir que os usuários publiquem e atualizem os aplicativos particulares do Google Play.

Para mais informações sobre aplicativos particulares, consulte Gerenciar aplicativos particulares do Google Play.

Google Now

Compatível com dispositivos que usam o Apple iOS e o Android 4.1 Jelly Bean ou superior.

Controla se os usuários podem utilizar o Google Assistente com a conta corporativa no dispositivo deles. Saiba mais sobre o Google Assistente

Google Glass

Permite que os usuários sincronizem o Google Glass com a conta do G Suite. Você pode configurar uma conta por dispositivo.

Para restaurar a configuração original de todas as unidades do Google Glass na organização selecionada, desmarque a caixa Permitir o Google Glass. Só desmarque essa caixa depois de confirmar que ninguém na organização selecionada usa o Google Glass. Isso pode apagar todos os dados do usuário, como fotos e vídeos, do dispositivo Google Glass.

O Google Apps Device Policy não está disponível no Google Apps. Se um usuário perder o dispositivo, ele poderá excluí-lo permanentemente pelo site do Google Glass.

Tópicos relacionados

Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?