Relatórios de usuário: segurança

Ver as configurações das contas dos seus usuários e a exposição a riscos

Por ser administrador da sua organização, você pode usar um relatório de segurança para monitorar a exposição dos usuários ao comprometimento de dados. Em Relatórios de usuário, o Relatório de segurança oferece uma visão abrangente de como as pessoas compartilham e acessam os dados e se elas adotam as precauções adequadas. Por exemplo, você pode ver quem instala apps externos, compartilha vários arquivos, pula a verificação em duas etapas e usa chaves de segurança.

Etapa 1: abrir o Relatório de segurança

  1. Faça login no Google Admin Console.

    Faça login com sua conta de administrador (não termina em @gmail.com).

  2. Na página inicial do Admin Console, acesse Relatóriose depoisRelatórios de usuárioe depoisSegurança.

Etapa 2: analisar os dados

O Relatório de segurança usa os dados do usuário mostrados a seguir.

Observação: dependendo da sua edição do Google Workspace, talvez você não tenha acesso a alguns dos relatórios de atividades.

Abrir tudo   |   Fechar tudo

Geral
Coluna do relatório Descrição
Apps externos

Mostra o número de apps de terceiros autorizados a acessar os dados do usuário.

Observação: veja os nomes dos apps de cada usuário e como revogar o acesso de apps externos em Ver as configurações de segurança e revogar o acesso do usuário.

Inscrição na verificação em duas etapas

Lista se um usuário está inscrito na verificação em duas etapas.

Observação: esses dados podem levar até 48 horas para serem exibidos. Para ver em tempo real o status da verificação em duas etapas de cada usuário, consulte Ver as configurações de segurança e revogar o acesso do usuário.

Aplicação da verificação em duas etapas Lista se um usuário precisa se inscrever na verificação em duas etapas.
Compliance com tamanho da senha Mostra se o usuário obedece ou não às exigências de tamanho de senha. Veja como configurar os requisitos de senha em Aplicar e monitorar os requisitos de senha dos usuários.
Nível de segurança da senha Determina se o usuário tem uma senha forte ou fraca com base nos requisitos de senha definidos por um administrador. Veja como configurar os requisitos de senha em Aplicar e monitorar os requisitos de senha dos usuários.
Status da conta do usuário

Mostra o status da conta do usuário (Ativo, Bloqueado ou Suspenso).

  • Um usuário bloqueado violou os Termos de Serviço. Nosso sistema suspende automaticamente o usuário e o marca como Abusivo. Para mais informações, entre em contato com o suporte.
  • Um usuário suspenso tem uma conta desativada temporariamente por um administrador. Por ser administrador, você pode suspender uma conta de usuário sem excluir o perfil do domínio ou as informações associadas, como documentos e apresentações. Os usuários suspensos só poderão fazer login depois que forem restaurados por um administrador.

Observação: o status de conta de usuário Ativa inclui usuários excluídos de forma reversível.

Status do administrador Acesso administrativo do usuário (Superadministrador, Administrador ou Nenhum)
Acesso a apps menos seguros Determina se o usuário pode bloquear ou permitir o acesso de apps menos seguros às próprias contas (Permitido ou Negado).
Chaves de segurança registradas Mostra o número total de chaves de segurança inscritas pelos usuários deste domínio.
Gmail
Coluna do relatório Descrição
Gmail (POP) – Última vez que foi usado A última vez que o usuário utilizou um servidor de e-mail POP para acessar o Gmail.
Gmail (IMAP) – Última vez que foi usado A última vez que o usuário utilizou um servidor de e-mail IMAP para acessar o Gmail.
Gmail (Web) – Última vez que foi usado A última vez que o usuário utilizou o Gmail baseado na Web. Esse carimbo de data/hora não é sincronizado com o carimbo de data/hora Último login.
Drive

As novas definições de métricas incluem as “adições”. A diferença em relação às métricas anteriores é que agora as métricas contam as ocorrências de eventos de “adição”. Os eventos desse tipo incluem ações como criar um arquivo, fazer upload, retirar da lixeira ou transferir propriedade. Essa atividade aparece no relatório com qualquer estado final do item. A ocorrência de vários eventos desse tipo no mesmo arquivo não aumenta a contagem. O relatório reflete apenas a alteração diária no total.

Coluna do relatório Descrição
Compartilhamentos com a visibilidade Externo Mostra o número de eventos de compartilhamento externo de arquivos realizados pelo usuário.
Compartilhamentos com a visibilidade Interno Mostra o número de eventos de compartilhamento interno de arquivos realizados pelo usuário.
Público Mostra o número de eventos de compartilhamento de arquivos realizados por usuários no domínio disponibilizados publicamente.
Todos com o link Mostra o número de eventos de compartilhamento de arquivos realizados por usuários no domínio disponíveis para qualquer pessoa com o link.
Compartilhamentos com a visibilidade Qualquer pessoa no domínio com o link Mostra o número de eventos de compartilhamento de arquivos realizados por usuários no domínio que compartilharam com qualquer pessoa no domínio com o link.
Compartilhamentos com a visibilidade Qualquer pessoa no domínio Mostra o número de eventos de compartilhamento de arquivos realizados por usuários no domínio que estão visíveis para qualquer pessoa no domínio.
Fora do domínio Mostra o número de eventos de compartilhamento de arquivos realizados por usuários no domínio que compartilharam explicitamente com indivíduos ou grupos fora do domínio.
Compartilhamentos no domínio Mostra o número de eventos de compartilhamento de arquivos realizados por usuários no domínio que compartilharam explicitamente com um usuário ou grupo no domínio.
Compartilhamentos com a visibilidade Particular Mostra o número de arquivos do Drive não compartilhados.

 

Observação: todas as métricas das atividades acima capturam a alteração diária no número dos respectivos campos.

Etapa 3: personalizar os dados no relatório

  1. Abra seu relatório conforme descrito acima.
  2. Clique em Configurações "".
  3. (Opcional) Para adicionar colunas ao gráfico, ao lado de Adicionar nova coluna, clique na seta para baixo "" e selecione as opções na lista.
  4. (Opcional) Para remover um item do gráfico, clique em Remover "" ao lado do item.
  5. (Opcional) Para reorganizar as colunas, arraste e solte um item em uma nova posição.
  6. Clique em Salvar.

Etapa 4: filtrar dados e exportar o relatório

Filtrar por usuário ou atividade

Você pode restringir o relatório para mostrar usuários ou eventos específicos. Por exemplo, é possível criar um filtro para encontrar todos os usuários que estejam usando a verificação em duas etapas ou criar um filtro para listar pessoas que compartilham vários links externos.

  1. Abra seu relatório conforme descrito na Etapa 1 acima.
  2. Na parte superior do relatório, clique em Adicionar um filtro.
  3. Clique em um dos filtros da lista, digite os critérios e clique em Aplicar.

Filtrar por unidade organizacional

Você pode filtrar por unidade organizacional para comparar as estatísticas das organizações filhas em um domínio.

  1. Abra seu relatório conforme descrito acima.
  2. Na parte superior do relatório, clique em Unidade organizacionale depoisselecione uma unidade na lista.
  3. Clique em Aplicar.

Só é possível filtrar a hierarquia da organização atual, mesmo ao pesquisar dados mais antigos. Os dados anteriores a 20 de dezembro de 2018 não aparecem nos resultados filtrados.

Filtrar por grupo

Também é possível filtrar os dados no seu relatório por grupo. Você precisa autorizar um grupo para ele aparecer no filtro:

  1. Abra seu relatório conforme descrito acima.
  2. Na parte superior do relatório, clique em Filtro de grupo.
  3. Clique em Autorizar grupos.
    A página "Autorizar grupos" é exibida.
  4. Clique em Adicionar grupos.
  5. Escolha uma opção na lista de grupos ou digite o texto para pesquisar o nome do grupo.
  6. Clique em Adicionar para adicionar grupos específicos à lista.
  7. Clique em Salvar.
    Observação: depois que você autoriza um grupo, as mudanças podem levar até 24 horas para serem propagadas.
  8. Se você quiser personalizar os dados do seu relatório, retorne ao relatório e clique em Filtro de grupo para filtrar por grupo.

Mostrar dados de uma determinada data

Selecione Visualizar por data e use o seletor de datas para mostrar dados de uma data específica ou selecione Mais recentes e veja os dados mais recentes de cada app. Várias métricas mostram dados dos últimos seis meses, mas algumas cobrem um período mais curto.

Exportar os dados do seu relatório

Você pode exportar os dados do seu relatório para um arquivo do Planilhas Google ou fazer o download desse arquivo no formato CSV.

  1. Abra seu relatório conforme descrito na Etapa 1 acima.
  2. (Opcional) Altere os dados que serão incluídos na exportação conforme descrito na Etapa 3 acima.
  3. No relatório, clique em Fazer download "".
  4. Selecione as colunas que serão incluídas e o formato do relatório.
  5. Clique em Fazer download.

Você pode exportar até 210.000 células. O número máximo de linhas depende do número de colunas selecionado.

Quando os dados que estou vendo foram disponibilizados?

Você não verá todos os dados até o dia de hoje. Em vez disso, abaixo do título do gráfico, você verá a data mais recente dos dados da coluna. A tabela abaixo do gráfico mostra os dados de um dia da data mais recente.

Às vezes, ao lado do nome de uma coluna, há um asterisco "*". O asterisco indica que os dados nessa coluna específica talvez estejam desatualizados em relação aos das outras colunas.

Veja mais detalhes sobre a data de disponibilização dos dados e o tempo de retenção em Períodos de atraso e retenção de dados.

Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?

Precisa de mais ajuda?

Faça login e veja mais opções de suporte para resolver o problema rapidamente.

Pesquisa
Limpar pesquisa
Fechar pesquisa
Google Apps
Menu principal
Pesquisar na Central de Ajuda
true
73010
false