Relatório de experiência na página

Este relatório apresenta um resumo da experiência do usuário que visita seu site. O Google avalia as métricas de experiência na página de URLs individuais no seu site e as usa como indicador de classificação para o URL nos resultados da Pesquisa Google em dispositivos móveis. Saiba mais sobre a experiência na página no Google.

Abrir o relatório de experiência na página

No momento, o relatório de experiência na página está limitado a URLs para dispositivos móveis.

Sobre a experiência na página

A experiência na página é avaliada por URL. Atualmente, a avaliação é feita somente em um navegador móvel. Isso significa que a avaliação só é considerada para usuários em dispositivos móveis e apenas as pesquisas de dispositivos móveis são afetadas. A avaliação e o relatório foram desenvolvidos para ajudar os sites a criar páginas que proporcionam uma melhor experiência do usuário para os visitantes.

Leia as perguntas frequentes sobre a experiência na página.

A experiência na página na Pesquisa Google é avaliada com base nos seguintes critérios:

  • Principais métricas da Web
    As Principais métricas da Web testam a velocidade e a estabilidade da experiência de carregamento da página para os usuários. O relatório de Principais métricas da Web fornece uma classificação "Boa", "Melhorias necessárias" ou "Insatisfatória" para cada página. Para se qualificar para o status de boa experiência, a classificação da página nas Principais métricas da Web precisa ser "Boa". Há um atraso de alguns dias na importação de dados do relatório de Principais métricas da Web para o relatório de experiência na página. Assim a classificação de um URL no relatório de experiência na página pode exibir um pouco de atraso em relação ao relatório de Principais métricas da Web. Abra o relatório de Principais métricas da Web para dispositivos móveis.
  • Usabilidade em dispositivos móveis
    Um URL com erros de usabilidade em dispositivos móveis não se qualifica para o status "Bom" no relatório de experiência na página. Abra o relatório de usabilidade em dispositivos móveis.
  • Problemas de segurança
    Os problemas de segurança de um site desqualificam todos os URLs para o status de boa experiência na página. Abra o relatório de problemas de segurança.
  • Uso de HTTPS
    Uma página precisa ser exibida por HTTPS para se qualificar para o status de boa experiência. O relatório de experiência na página não considera esse critério ao calcular o status do URL, apenas exibe um aviso sobre o uso de HTTPS para todo o site. Se o site tiver uma porcentagem relativamente alta de URLs HTTP, você verá o aviso Reprovado no relatório de experiência na página. Ainda não há um relatório que mostra detalhes sobre HTTP e HTTPS no site, mas veja algumas dicas sobre como localizar suas páginas HTTP e um guia que descreve por que o HTTPS é importante e como implementá-lo no site.
  • Experiência do anúncio
    A experiência do anúncio avalia se um site usa técnicas de publicidade que distraem, interrompem ou não são adequadas para uma boa experiência do usuário. A avaliação da experiência do anúncio afeta um site inteiro, não uma única página. Se um site for sinalizado como uma experiência do anúncio negativa, todas as páginas dele serão consideradas uma experiência negativa. A experiência do anúncio não é testada em muitos sites: se o site não foi testado, ele é válido para a experiência do anúncio.
    No momento, o relatório de experiência na página não tem acesso ao status da experiência do anúncio em um site, mas você mesmo pode verificar o status do site:
    1. Se você tiver uma propriedade de prefixo de URL do Search Console, ou seja, o nome da propriedade começa com http ou https no seletor de propriedade do Search Console: abra o Relatório de experiências do anúncio para dispositivos móveis.
    2. Se você tiver uma propriedade do domínio (identificada como propriedade do domínio no seletor de propriedade do Search Console e o nome da propriedade não começar com http:// ou https://), será necessário criar uma propriedade de prefixo de URL equivalente no Search Console e abrir o Relatório de experiências do anúncio para dispositivos móveis para essa propriedade. Isso ocorre porque as propriedades do domínio não são compatíveis com o Relatório de experiências do anúncio.
    3. Escolha sua propriedade na lista do Relatório de experiências do anúncio para ver o status. Se o status da sua experiência do anúncio for Não revisado, ele será considerado bom no relatório de experiência na página.
    4. O status da experiência do anúncio raramente muda. Por isso, não é necessário verificá-lo com frequência.

Sobre o gráfico

O gráfico mostra os seguintes dados:

  • URLs adequados: é a porcentagem de URLs para dispositivos móveis com o status "Bom" na última data medida no gráfico. Isso significa que um URL tem um status "Bom" no relatório de Principais métricas da Web e não apresenta problemas no relatório de usabilidade em dispositivos móveis. Os problemas de segurança, o HTTPS e a experiência do anúncio não estão incluídos nessa avaliação. Saiba mais sobre os relatórios de status.
  • Total de impressões de URLs adequados: é o número de impressões geradas por URLs adequados durante o período exibido pelo gráfico. Os dados mais recentes de impressões podem atrasar a contagem diária de URLs adequados devido às diferentes frequências do processamento de dados.
  • Valores diários do gráfico: é a porcentagem de URLs adequados em um dia específico. Os URLs considerados "Bons" seguem os mesmos critérios descritos acima para URLs adequados.

⚠︎Considerações importantes sobre os dados:

  • Se o site tiver problemas críticos (problemas de segurança, HTTPS ou experiência do anúncio), o número de URLs exibidos como Bons não será preciso. Isso ocorre porque o gráfico e seus totais não consideram problemas críticos, que mudam o status Bom dos URLs afetados para Ruim. Nesse caso, o gráfico ficará esmaecido para indicar que a contagem exata de URLs adequados ou inadequados é incerta. No entanto, os URLs exibidos como "Bons" ainda têm status "Bom" no relatório de Principais métricas da Web (ou não estão disponíveis nesse relatório) e não apresentam problemas no relatório de usabilidade em dispositivos móveis.
  • Há um atraso na importação de dados do relatório de usabilidade em dispositivos móveis e do relatório de Principais métricas da Web para o relatório de experiência na página. Portanto, a avaliação de um URL específico no relatório de experiência na página pode estar um pouco mais atrasada do que as avaliações desse URL nos relatórios de origem.

Atrasos

Os dados do relatório de experiência na página se baseiam na avaliação de dados de várias outras origens e relatórios, como o relatório de Principais métricas da Web, o relatório de usabilidade em dispositivos móveis etc. Essas avaliações secundárias ocorrem em diferentes programações de horários. Portanto, o estado atual e em tempo real de qualquer URL pode ser diferente do que aparece no relatório. Por isso, analise as tendências nos dados (há melhorias ou não?) e a avaliação geral (a maioria das páginas é boa ou não) em vez de usar o relatório como uma avaliação exata e em tempo real de um URL específico.

Dados do gráfico ou do URL ausentes

Para aparecer no relatório de experiência na página, o URL precisa ter dados no relatório de Principais métricas da Web. Exceção: um URL sem dados nas Principais métricas da Web pode aparecer na experiência da página se o grupo de URLs dele aparecer nas Principais métricas da Web.

Se a mensagem Não há dados suficientes coletados for exibida em vez de um gráfico, isso significa que você não tem dados suficientes dos URLs no site para o relatório de Principais métricas da Web.

Critérios de status

O relatório de experiência na página verifica um subconjunto de critérios de experiência na página que são aplicados a um URL nos resultados da Pesquisa Google. Portanto, alguns URLs marcados como "Bons" nesse relatório provavelmente não serão considerados adequados pela Pesquisa Google. Veja um resumo das diferenças:

  Relatório de experiência na página Pesquisa Google
Principais métricas da Web Critério verificado (um pouco de atraso nos resultados) Critério verificado (sem atraso nos resultados)
Usabilidade em dispositivos móveis Critério verificado Critério verificado
Problemas de segurança Critério verificado Critério verificado
Uso de HTTPS Critério verificado no nível do site, não no nível do URL (se o site tem uma porcentagem mínima de URLs HTTPS) Critério verificado por URL
Experiência do anúncio Critério não verificado Critério verificado

 

Estes são os critérios para que um URL seja avaliado como uma boa experiência na página na Pesquisa Google:

Bom Reprovado

Todos os itens a seguir são verdadeiros:

  • O URL tem um status Bom no relatório de Principais métricas da Web.
  • O URL não apresenta problemas no relatório de usabilidade em dispositivos móveis.
  • O site não tem problemas de segurança.
  • O URL é exibido por HTTPS.
  • O site não tem problemas de experiência do anúncio ou essa questão não foi avaliada.

Um status "Bom" será usado como indicador de classificação para o URL nos resultados da Pesquisa Google em dispositivos móveis.

Pelo menos um dos itens a seguir é verdadeiro:

  • O URL tem um status Ruim ou Melhorias necessárias ou não aparece no relatório de Principais métricas da Web.
  • O URL apresenta um ou mais problemas de usabilidade em dispositivos móveis ou não aparece no relatório correspondente, mas aparece no relatório de experiência na página.
  • O site foi afetado por um ou mais problemas de segurança.
  • O URL é exibido por HTTP, não HTTPS.
  • O site tem um ou mais problemas de experiência do anúncio.

Como encontrar suas páginas HTTP

Se precisar descobrir quais URLs no site são HTTP em vez de HTTPS, veja estes dois métodos:

Se você tiver uma versão HTTPS equivalente para um URL HTTP que aparece na Pesquisa, inspecione o URL HTTPS no índice do Google para ver se ele é exibido na Pesquisa. Em caso negativo, o motivo será explicado.

Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?