Notificação

O Duo e o Meet foram combinados em um novo app Meet. Os usuários do Meet (original) podem fazer o download do novo app.

Melhorar sua experiência de vídeo e áudio

Você pode mudar as configurações de áudio e vídeo para melhorar seu som e sua imagem.

Dica: antes de participar de uma reunião, você pode verificar rapidamente quais dos seus dispositivos periféricos estão disponíveis e conectados. Saiba como verificar o áudio e o vídeo no Google Meet.

Mudar a câmera ou a qualidade do vídeo do seu computador

Também é possível reduzir a qualidade do vídeo quando há um dos seguintes problemas:

  • Atrasos de vídeo ou áudio
  • Conexão de rede ruim
  • Pouca bateria
  • Dados disponíveis limitados
  • Outros problemas de qualidade

Mudar a resolução da câmera ou do vídeo

  1. Em um navegador da Web, abra meet.google.com/.
  2. Clique em Configurações ConfiguraçõeseVídeo.
  3. Escolha a configuração que você quer mudar:
    • Câmera: selecione sua câmera. Se ela estiver funcionando, à direita de "Vídeo", você vai encontrar o feed de vídeo.
    • Resolução de saída: a qualidade da imagem do seu dispositivo que as outras pessoas visualizam.
    • Resolução de entrada: a qualidade da imagem dos outros participantes que você visualiza.
  4. Clique em Concluir.
Entenda as opções de configuração de resolução

Resolução de saída (máxima)

  • Alta definição total (1080p): só está disponível em computadores com câmera de 1080p e capacidade de computação suficiente. Essa é a opção que mais usa dados, mas sua câmera envia a imagem com a melhor qualidade.
  • Alta definição (720p): usa mais dados, mas sua câmera envia uma imagem de alta qualidade.
  • Definição padrão (360p): usa menos dados, mas sua câmera envia uma imagem com qualidade mais baixa.

Resolução de entrada (máxima)

  • Alta definição total (1080p): é a opção que mais usa dados, mas você recebe a imagem com a melhor qualidade.
  • Alta definição (720p): usa mais dados, mas você recebe uma imagem de alta qualidade.
  • Definição padrão (360p) com feed único: para economizar mais dados, as miniaturas dos outros participantes são desativadas.
  • Somente áudio: se você usar a menor quantidade de dados possível, nenhum vídeo vai aparecer na sua tela.
Saiba o que é necessário para enviar um vídeo em 1080p

Importante: o Firefox e o Safari não oferecem suporte a 1080p.

Qualquer pessoa com um dispositivo compatível com vídeos em 1080p tem acesso a imagens nessa definição, mas somente quem usa estas edições podem enviar vídeos nessa resolução:

  • Business Plus
  • Business Standard
  • Education Plus
  • Enterprise Essentials
  • Enterprise Plus
  • Enterprise Standard
  • Enterprise Starter
  • Assinantes do Google One com 2 TB ou mais de espaço de armazenamento
  • Google Workspace Individual
  • Teaching and Learning Upgrade

Ativar enquadramento de vídeo

O enquadramento de vídeo está disponível nestas edições do Google Workspace
  • Business Standard
  • Business Plus
  • Enterprise Starter
  • Enterprise Essentials
  • Enterprise Standard
  • Enterprise Plus
  • Education Plus
  • Contas do Teaching and Learning Upgrade
  • Workspace Individual
  • Assinantes do Google One com 2 TB ou mais de espaço de armazenamento
Saiba o que é necessário para enquadrar vídeos

Você precisa ter:

Ativar a aceleração de hardware

Ativar no Windows ou Mac:

  1. No canto superior direito de uma janela do Chrome, clique em Menu e Configurações .
  2. À esquerda, ao lado de "Avançadas", clique na seta para baixo Seta para baixo.
  3. Selecione Sistema Wrench.
  4. Se essa opção estiver disponível, ative Usar aceleração de hardware.
  5. Reinicie o Chrome.

Verificar a compatibilidade com a WebGL

Confira se o navegador é compatível com a WebGL em webglreport.com. Verifique se a opção "Major Performance Caveat" está marcada como "No".

Se o dispositivo estiver instável ou falhar, o navegador poderá desativar a WebGL. Nesse caso, não será possível aplicar a WebGL. Em alguns casos, pode ser útil atualizar os drivers da placa de vídeo ou reiniciar o navegador. Saiba mais sobre a compatibilidade com a WebGL.

Recomendação automática para enquadramento de iluminação e vídeos

A recomendação automática só está disponível para os participantes em um dispositivo com dois núcleos ou mais compatíveis com o Hyper-Threading.

Quando a chamada começar e o enquadramento estiver ativado, o Meet vai reenquadrar ou centralizar o vídeo, se você estiver:

  • muito longe da câmera;
  • não centralizado. Se a sua imagem não estiver centralizada, você pode fazer isso por conta própria.

Se o dispositivo oferecer suporte à recomendação automática:

  • o Meet vai solicitar que você ative esse recurso.
  • Se não quiser que o Meet ajuste o enquadramento, desative o recurso.

Para ativar o enquadramento de vídeo:

  1. no computador, abra o Google Meet.
  2. Selecione uma videochamada.
  3. Antes de participar ou durante a chamada, clique em Mais e Aplicar efeitos visuais .
  4. Clique em Aparência e e ative o Enquadramento .

Recentralizar o vídeo

Para reduzir as distrações, o Meet não recentraliza o usuário depois do enquadramento inicial. Para se recentralizar durante uma reunião, siga estas etapas:

No bloco de autovisualização

  1. Passe o cursor sobre seu bloco de autovisualização.
  2. Clique em Mais opções e Reenquadrar.

No menu "Mais opções"

  1. Clique em Mais opções e Aplicar efeitos visuais .
  2. Clique em Aparência eReenquadrar.

Ativar o ajuste automático de iluminação do vídeo

Importante: essa configuração está disponível apenas para usuários em computadores, iPhones e iPads. Se você tem acesso ao Gemini Enterprise, ao Gemini Business (links em inglês) ou ao plano IA Premium do Google One, ou se for um trusted tester no Workspace Labs, use a iluminação de estúdio.

Quando o ajuste de iluminação do vídeo está ativado, o Meet detecta se você tem pouca exposição e pode aumentar o brilho automaticamente para melhorar sua visibilidade. O Meet solicitará que você ative esse recurso se estiver com pouca exposição e seu dispositivo for compatível com a recomendação automática. Se você não quiser que o Meet faça isso, desative o ajuste de iluminação do vídeo.

Para os dispositivos executarem vídeos em tempo real com uma qualidade melhor, você pode processar ajustes de iluminação em segundo plano na nuvem. Esse recurso economiza energia da bateria e do processador e otimiza a qualidade da videochamada.

Saiba o que é necessário para aplicar efeitos visuais no computador.

Ativar a aceleração de hardware

Para ativar a aceleração de hardware no Windows ou no Mac, siga estas etapas:

  1. No canto superior direito de uma janela do Chrome, clique em Menu Mais e Configurações
  2. À esquerda, ao lado de "Avançado", clique na seta para baixo Seta para baixo.
  3. Clique em Sistema Wrench.
  4. Ative a opção Usar aceleração de hardware quando disponível.
  5. Reinicie o Chrome.

Verificar a compatibilidade com a WebGL

Verifique se seu navegador é compatível com a WebGL em webglreport.com e se a opção “Major Performance Caveat” está marcada como “No”. Talvez seu navegador desative essa API se o dispositivo estiver instável ou ela provocar falhas. Nesse caso, não será possível aplicar a WebGL. Em alguns casos, pode ser útil atualizar os drivers da placa de vídeo ou reiniciar o navegador. Saiba mais sobre a compatibilidade com a WebGL

O Meet se ajusta entre processadores baseados em nuvem e no dispositivo

Os ajustes entre os processadores de efeitos baseados no dispositivo e na nuvem são feitos automaticamente pelo Meet. Ele prioriza o processamento de efeitos baseados na nuvem para dispositivos:

  • Com uma CPU de 4 núcleos ou menos (abaixo de 8 núcleos lógicos).
  • Que usam a infraestrutura de área de trabalho virtual (VDI).

Dica: se você usar a VDI, mas nenhuma GPU estiver disponível, o processamento de efeitos baseados na nuvem será usado. Isso poderá resultar em uma disponibilidade limitada de recursos. Saiba como preparar sua rede para reuniões.

Recomendação automática para enquadramento de iluminação e vídeos

A recomendação automática só está disponível para os participantes em um dispositivo com dois núcleos ou mais compatíveis com o Hyper-Threading. 

Saiba do que você precisa para o processamento de efeitos baseados na nuvem

Os ajustes entre os processadores de efeitos baseados no dispositivo e na nuvem são feitos automaticamente pelo Meet. Ele prioriza o processamento de efeitos baseados na nuvem para dispositivos:

  • Com uma CPU de 4 núcleos ou menos (abaixo de 8 núcleos lógicos).
  • Que usam a infraestrutura de área de trabalho virtual (VDI).

No momento, esse recurso está disponível para computadores Windows, ChromeOS e Linux em conformidade com os requisitos de processamento baseado em dispositivo.

No momento, o processamento de efeitos baseados na nuvem está disponível para:

  • Imagens estáticas de plano de fundo selecionadas (não disponíveis com a VDI).
  • Desfoque
  • Ajuste de iluminação

Importante: os efeitos visuais que usam o acelerador de nuvem estão disponíveis para os usuários do Google Workspace Business Standard, Business Plus, Enterprise Standard, Enterprise Plus e Workspace Individual nas regiões qualificadas:

  • Ásia Central
  • Europa
  • Norte da África
  • América do Norte
  • Sudeste da Ásia

Estamos adicionando esse suporte a outras regiões.

  1. No computador, acesse meet.google.com.
  2. Participe de uma videochamada.
  3. Antes de participar ou durante a reunião, clique em Mais  e Configurações .
  4. À esquerda, clique em Vídeo e Ajustar iluminação do vídeo 

A ativação do ajuste de luz pode deixar o dispositivo mais lento. Desative esse recurso para acelerar os outros apps no seu computador.

Ativar o recurso "Retoque de aparência"

É possível fazer pequenos ajustes na sua aparência antes ou durante uma reunião. Você tem as seguintes opções:

  • Sutil: suavização da pele, clareamento de bolsas dos olhos e clareamento de olhos em menor grau.
  • Suave: suavização da pele, clareamento de olheiras, clareamento dos olhos em um grau mais óbvio.
  1. Antes de participar de uma reunião, na parte de baixo da sua autovisualização, clique em Aplicar efeitos visuais .
    • Durante uma reunião, passe o cursor sobre sua autovisualização. No centro, clique em Aplicar efeitos visuais .
  2. Clique em Aparência e e ative "Retoque de aparência"
  3. Selecione uma opção no menu suspenso.
    • Sutil
    • Suave
Saiba quais edições oferecem suporte para o recurso "Retoque de aparência"
  • Google One
  • Google Workspace individual
  • Enterprise Essentials
  • Business Standard
  • Business Plus
  • Enterprise Starter
  • Enterprise Standard
  • Enterprise/ESKU (Legado)
  • Enterprise Plus
  • ESKU do G Suite
  • Teaching and Learning Upgrade
  • Education Plus
Saiba o que é necessário para aplicar efeitos visuais no computador.

Ativar a aceleração de hardware

Para ativar a aceleração de hardware no Windows ou no Mac, siga estas etapas:

  1. No canto superior direito de uma janela do Chrome, clique em Menu Mais e Configurações
  2. À esquerda, ao lado de "Avançado", clique na seta para baixo Seta para baixo.
  3. Clique em Sistema Wrench.
  4. Ative a opção Usar aceleração de hardware quando disponível.
  5. Reinicie o Chrome.

Verificar a compatibilidade com a WebGL

Verifique se seu navegador é compatível com a WebGL em webglreport.com e se a opção “Major Performance Caveat” está marcada como “No”. Talvez seu navegador desative essa API se o dispositivo estiver instável ou ela provocar falhas. Nesse caso, não será possível aplicar a WebGL. Em alguns casos, pode ser útil atualizar os drivers da placa de vídeo ou reiniciar o navegador. Saiba mais sobre a compatibilidade com a WebGL

true
Instale o novo app Meet para Android

O Google Meet é um app único para fazer videochamadas e reuniões em todos os dispositivos. Use recursos de videochamada, como filtros e efeitos divertidos, ou programe um horário para conversar quando todos puderem participar.

Pesquisa
Limpar pesquisa
Fechar pesquisa
Google Apps
Menu principal