Acerca dos anúncios em Campanhas de aplicações

As Campanhas de aplicações apresentam anúncios nas Redes de Pesquisa e de Display da Google, incluindo no Google Play, noutras aplicações e no YouTube. Estas campanhas geram os seus anúncios com base na ficha da sua aplicação na Google Play Store, em algumas linhas independentes de texto e num link de vídeo do YouTube opcional. O Google Ads pode combinar e conjugar estes recursos distintos para criar anúncios para a sua aplicação e otimizar o anúncio para instalações de aplicações. Saiba como criar uma Campanha de aplicações.

 
Pronto para publicitar a sua aplicação? Clique aqui para receber 75 $ quando gastar 25 $ em Campanhas de aplicações.

Como utilizar texto no seu anúncio

O aspeto mais importante a salientar acerca destes anúncios é o facto de ser necessário que cada linha de texto introduzida possa ser apresentada por qualquer ordem com o seu texto restante, isoladamente ou nem sequer ser apresentada. Estas linhas também têm de ter menos de 25 carateres de comprimento. Segue-se um exemplo:

Yes checkmark Ordem de texto independente Ordem de texto dependente
  • Ideia 1: comece a jogar hoje
  • Ideia 2: inscreva-se na nossa aplicação

OU

  • Ideia 1: inscreva-se na nossa aplicação
  • Ideia 2: comece a jogar hoje
  • Ideia 1: obtenha a versão mais recente
  • Ideia 2: do melhor jogo do mercado

OU

  • Ideia 1: do melhor jogo do mercado
  • Ideia 2: obtenha a versão mais recente

Onde podem ser apresentados os anúncios

As Campanhas de aplicações utilizam a segmentação automática, pelo que não é necessário selecionar palavras-chave ou posicionamentos para indicar onde pretende que os seus anúncios sejam apresentados. O Google Ads otimiza o número de instalações que recebe dos seus anúncios ao pesquisar os posicionamentos de maior potencial para os seus anúncios com base na ficha da sua aplicação na loja de aplicações.

Como são utilizados os recursos para criar anúncios

As Campanhas de aplicações apresentam anúncios em diferentes formatos e em diferentes redes. Estas campanhas fazem a personalização por si ao pegarem nos seus recursos individuais e combinando-os para criar um anúncio completo. O conteúdo que fornecer pode ser removido, recortado ou modificado durante o processo de publicação de anúncios. Se não adicionar o seu próprio vídeo, um vídeo poderá ser criado para si. Em alguns casos, poderá ser apresentada uma pré-visualização interativa ou uma experiência com a sua aplicação. Deste modo, garante que os utilizadores têm uma excelente experiência com o seu anúncio, independentemente do local e do momento em que o veem.

Definições de exclusão

Ao optar por promover a sua aplicação com a Google, compreende que a sua aplicação pode ser apresentada em qualquer destes formatos de anúncio e em qualquer destas redes. As Campanhas de aplicações respeitam as definições da sua conta relativamente às exclusões que definiu para páginas Web e aplicações. Saiba como pode excluir páginas Web e aplicações.

Aspetos a ter em conta

  • Os seus anúncios não serão traduzidos. Certifique-se de que a sua segmentação por idioma corresponde ao idioma utilizado nos seus anúncios.
  • Uma vez que todos os anúncios numa Campanha de aplicações são gerados pelo Google Ads, não poderá acompanhar o desempenho individual de cada anúncio. As métricas e o desempenho dos seus anúncios serão apresentados na tabela da página "Campanhas".
  • Não precisa de criar grupos de anúncios porque toda a sua campanha é considerada um grupo de anúncios.
  • Certifique-se de que cria Campanhas de aplicações separadas para cada aplicação que estiver a promover.

 

A informação foi útil?
Como podemos melhorá-la?

Precisa de mais ajuda?

Inicie sessão para obter opções de apoio técnico adicionais e resolver rapidamente o seu problema.