Preparar os Chromebooks para o ensino a distância em casa

Para administradores que gerenciam dispositivos Chrome em escolas.

O fechamento das escolas devido a tempestades, desastres naturais, crises de saúde ou outras emergências nas comunidades pode ser um grande desafio para os administradores. Com a tecnologia de hoje, os alunos podem participar das aulas e acompanhar as tarefas escolares de casa. E os professores também podem trabalhar remotamente.

Os Chromebooks são ótimas ferramentas para o ensino a distância em casa. Com a ajuda dos administradores de TI mais experientes do Google for Education, criamos uma lista de verificação com perguntas, ferramentas e configurações do Google Admin Console para você preparar os Chromebooks para os alunos usarem em casa.

Observação: pode haver requisitos e restrições específicos por região para o ensino a distância. Consulte os órgãos governamentais pertinentes para confirmar se você está cumprindo essas diretrizes.

Quem pode usar os dispositivos em casa e quando?

Definir políticas de acesso à conta para equilibrar o uso pessoal e escolar

Muitas escolas limitam o login no Chromebook às contas do domínio para impedir o uso pessoal durante o horário escolar. Ao enviar os Chromebooks para o ensino a distância em casa, cogite permitir que os alunos usem as contas pessoais no tempo livre. Para isso, você pode usar o recurso "Horário sem restrições de login do dispositivo", para os usuários fazerem login na conta após a aula ou nos fins de semana, ou remover as restrições de login por completo.

Veja detalhes nas configurações Horário sem restrições de login do dispositivo e Restrição de login.

Permitir ou bloquear o modo visitante

Ao definir as restrições de conta, avalie se você quer permitir a navegação como visitante nos dispositivos Chrome gerenciados. Com o modo visitante, qualquer pessoa usa o Chromebook sem uma conta. No fim da sessão do modo visitante, os dados são excluídos automaticamente.

Veja mais detalhes em Modo visitante.

Manter os dados dos usuários locais

Muitas escolas que usam os Chromebooks como dispositivos compartilhados apagam os dados dos usuários locais após a desconexão para maximizar o espaço em disco. Se os alunos forem levar os dispositivos para casa, você não precisa apagar os dados locais. Assim, quem usa um dispositivo exclusivamente tem uma experiência melhor.

Veja detalhes em Dados do usuário.

Como posso ativar a conectividade de rede e garantir o uso responsável?

Remover as restrições de rede para os alunos se conectarem em casa

Muitos dispositivos escolares são restritos apenas às redes escolares. Remova as restrições para que os alunos possam se conectar à rede doméstica quando estiverem em casa.

Veja mais detalhes em Restringir redes e interfaces de rede.

Permitir ou bloquear o acesso a sites

Muitas escolas impõem restrições de conteúdo nas redes. Você não tem esse mesmo controle sobre as redes domésticas dos alunos. É possível usar listas de bloqueio para impedir que os usuários acessem o mesmo conteúdo nos Chromebooks em casa e na escola. Essas listas são políticas do usuário que podem ser definidas para as organizações. Você pode criar listas de bloqueio diferentes para professores e alunos ou para alunos em escolas e níveis diferentes.

Por exemplo, o Hangouts Meet é uma ferramenta excelente para o ensino a distância. Para usá-lo, as escolas precisam ativar o serviço do Hangouts, que também inclui o Hangouts Chat, uma função que as escolas podem desativar para os alunos. Se você adicionar as páginas https://hangouts.google.com e https://chat.google.com à lista de bloqueio das unidades organizacionais dos alunos e bloquear o app do Chrome na Chrome Web Store e o app Android no Google Play, poderá desativar o recurso de chat para os alunos e mantê-lo disponível para os professores. Você também poderá ativar o Hangouts Meet para todos os usuários.

Veja mais detalhes em Bloqueio de URL.

Remover as restrições da impressora para os alunos imprimirem em casa

Muitos dispositivos escolares são restritos às impressoras escolares. Se os alunos forem levar os dispositivos para casa, remova as restrições da impressora para eles poderem se conectar à impressora doméstica.

Veja detalhes em Gerenciamento de impressoras nativas.

Quais apps e conteúdo nossa escola pode provisionar como recursos extras para casa?

Criar favoritos para o conteúdo principal

Use o Admin Console para definir remotamente os favoritos, facilitando o acesso dos alunos aos sites da escola, ao currículo digital, aos apps da Web e outros recursos on-line.

Veja detalhes em Favoritos gerenciados.

Carregar ferramentas ou serviços importantes como páginas de inicialização

Além dos favoritos, você pode pré-carregar páginas de inicialização no navegador. Desse modo, o conteúdo de alta prioridade, como a página da turma ou a página inicial do sistema de gestão de aprendizagem (SGA), aparecem primeiro quando os usuários fazem login.

Veja detalhes em Páginas a serem carregadas na inicialização.

Implantar apps da Web e para Android nos dispositivos

Em casa, talvez os alunos não tenham acesso a muitos recursos e ferramentas disponíveis na sala de aula. Você pode suprir essas lacunas com apps como calculadoras gráficas, notebooks digitais, ferramentas de desenho e edição.

O Chromebook App Hub é um ótimo local para os professores encontrarem apps de sala de aula de alta qualidade e recursos suplementares otimizados para os Chromebooks escolares. É possível provisionar todos eles para os dispositivos dos alunos pelo Admin Console. Alguns usam o novo sistema de licenciamento de apps do Google para facilitar a compra e a implantação de licenças.

Veja detalhes em Instalar apps e extensões automaticamente.

Se você quiser ativar apps Android nos dispositivos, consulte Diretrizes para implantar apps Android em Chromebooks.

Como as escolas podem impedir que os alunos burlem as políticas escolares?

Ativar novo registro forçado

Para burlar as restrições escolares, os alunos geralmente aplicam a função Powerwash nos dispositivos e fazem login com a conta pessoal, principalmente quando estão fora da escola, sem supervisão direta. Você pode impedir isso facilmente ativando o novo registro forçado. Assim, os dispositivos serão registrados novamente no seu domínio e adotarão as configurações definidas por você se os alunos aplicarem a função Powerwash em casa.

Veja detalhes em Forçar a reinscrição de dispositivos apagados.

O que preciso informar aos alunos, pais e professores?

Compartilhar informações sobre os Chromebooks com as famílias

Alguns pais talvez não conheçam os Chromebooks nem saibam como eles são diferentes dos outros computadores. Envie um e-mail para explicar aos pais como esses dispositivos funcionam e como eles podem ajudar os alunos em casa.

Mostrar o código de conduta da escola nos computadores

Muitas escolas postam um código de conduta digital nas salas de aula como um lembrete permanente para os alunos sobre as regras e expectativas de uso do dispositivo. Durante o ensino a distância, você pode definir um plano de fundo personalizado para as contas dos alunos que mostre o código de conduta como um lembrete permanente em casa.

Veja detalhes em Imagem do plano de fundo do dispositivo.

Informar os pais sobre as Contas do Google gerenciadas pelo Family Link

Para o gerenciamento do conteúdo em casa, o Google oferece aos pais muitas das ferramentas que os administradores usam na escola. Ao criar uma conta do Family Link para crianças, os pais podem estabelecer restrições sobre o conteúdo da Web, aprovar apps e extensões e fixar limites de tempo para os dispositivos da criança. Tudo isso no app Family Link pelo smartphone. Eles podem até mesmo adicionar uma conta escolar para um usuário do Family Link em um Chromebook. Assim os alunos podem acessar as tarefas escolares usando apps e sites como o Google Sala de Aula, que exigem login na escola, enquanto os pais acompanham o que está acontecendo com as crianças on-line.

Adicionar uma conta escolar para um usuário do Family Link não muda as informações da conta do Google Workspace do aluno, nem dá aos pais acesso às informações escolares. Ela apenas permite que os alunos façam login em apps, sites e extensões com a conta escolar enquanto estudam sob supervisão dos pais em casa. Como as extensões e os apps são instalados na conta do Family Link da criança (não na conta escolar), os pais têm controle total da experiência da criança em casa, e a conta escolar não é afetada.

Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?