Migrar do Cloud Print

O Google Cloud Print foi suspenso em janeiro de 2021 e não é mais compatível.

Os dispositivos em todos os sistemas operacionais não poderão imprimir usando o Google Cloud Print. Recomendamos que você encontre uma solução alternativa e migre seus serviços de impressão.

Opções de impressão recomendadas

  • Impressão (CUPS) para dispositivos com o Chrome OS.
  • Para outros dispositivos ou ambientes com vários SOs, recomendamos a infraestrutura de impressão da plataforma em uso ou uma parceria com um provedor de soluções de impressão.
Impressão (CUPS) para dispositivos Chrome

Nos dispositivos Chrome, você pode usar o Admin Console para configurar o CUPS em impressoras locais e de rede. Consulte Gerenciar impressoras locais e de rede.

Como no Cloud Print, também é possível gerenciar as impressoras para os usuários. Isso inclui:

  • definir a impressão em frente e verso e em cores como padrão para os usuários;
  • exibir a conta de usuário e o nome de arquivo no cabeçalho de IPP do trabalho de impressão em uma conexão IPPS segura (essa opção ativa recursos de impressão de terceiros, como a impressão segura e o rastreamento do uso de impressoras);
  • configurar atributos de impressão avançados (como grampeamento, bandejas de papel e impressão com código PIN); 
  • gerenciar impressões com um código PIN (os usuários digitam um código PIN quando enviam o arquivo e novamente no teclado da impressora para liberar a impressão);
  • usar APIs de extensão para permitir que terceiros enviem trabalhos de impressão e acessem os metadados associados.

Veja detalhes sobre como configurar políticas de impressão em Definir políticas do Chrome para usuários ou navegadores.

Próximos recursos de impressão (CUPS)

Disponíveis antes da suspensão de uso do Google Cloud Print

  • Compatibilidade com servidores de impressão CUPS externos (inclusive autenticação)
  • Política para configurar conexões com servidores de impressão CUPS externos 
  • APIs para o uso de recursos de gerenciamento de impressoras
Parceiros de impressão

Além da impressão, você pode usar os serviços de um parceiro. Acesse os links abaixo para saber mais sobre nossos parceiros de impressão.

Leia o artigo Configurar serviço de impressão de um parceiro para saber como fazer isso no Admin Console.

Salvar no Google Drive usando a visualização de impressão

Depois de dezembro de 2020, a opção "Salvar no Google Drive" não estará mais disponível nos dispositivos Windows, MacOS e Linux. É possível salvar arquivos no Google Drive usando a visualização de impressão.

Para salvar usando a visualização de impressão:

Importante: confirme que a extensão Salvar no Google Drive está instalada.

  1. No computador, abra o Chrome.
  2. Abra a página, a imagem ou o arquivo que você quer imprimir.
  3. Selecione ArquivoeImprimir. Você também pode usar um atalho do teclado:
    • Windows e Linux: Ctrl + P
    • Mac: ⌘ + P
  4. Na lista Destino na caixa, selecione Salvar no Google Drive.
    Se a opção Salvar no Google Drive não aparecer, clique em Ver mais... e selecione-a.
  5. Selecione Salvar.

Para salvar com o Backup e sincronização ou com o Drive File Stream, siga estas etapas:

Importante: para salvar no Google Drive usando a visualização de impressão, confira se o Backup e sincronização ou o Drive File Stream estão instalados.

  1. Clique em Salvar como PDF.
  2. Faça upload do PDF para o Drive pelo Backup e sincronização ou pelo Drive File Stream.

Para fazer upload para o Drive pela versão na Web:

  1. Clique em Salvar como PDF.
  2. Acesse drive.google.com.
  3. Clique em + e selecione Upload de arquivo.
  4. Selecione uma pasta.

Próximas etapas

Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?