Modificação da codificação automática do Campaign Manager/Display & Video 360

Use valores UTM personalizados para dados de clique.
Esse recurso está disponível apenas no Google Analytics 360, que faz parte da Google Marketing Platform.
Saiba mais sobre essa plataforma.

Esse recurso está disponível para usuários que aproveitaram a integração do Campaign Manager e/ou a integração de relatórios do Display & Video 360 com o Google Analytics.

Por padrão, os dados de entrada do Campaign Manager e do Display & Video 360 são marcados da seguinte forma:

  • Campaign Manager:
    • origem = dfa (parâmetro utm_source)
    • mídia = cpm (exceto tráfego do Search Ads 360 do Campaign Manager) (parâmetro utm_medium)
    • campanha = nome da campanha do CM (parâmetro utm_campaign)
  • Display & Video 360:
    • origem = dbm (parâmetro utm_source)
    • mídia = cpm (parâmetro utm_medium)

Você pode usar o recurso de substituição da codificação automática para definir manualmente origem, mídia e campanha usando valores personalizados. Por exemplo, a origem/mídia pode mudar de dfa/cpm para example.com/boletiminformativo.

Se você ativar o recurso de substituição de codificação automática, mas não especificar um valor personalizado, o Google Analytics aplicará o valor padrão. Por exemplo, se você usar um valor personalizado para utm_source, mas não para utm_medium, o Google Analytics aplicará o valor padrão para utm_medium.

Se você alterar os valores de origem/mídia para os dados do Campaign Manager/Display & Video 360, esses dados não serão automaticamente classificados como Exibição no seu agrupamento de canais padrão. Nesse caso, você teria que editar seu agrupamento de canais para verificar se os dados aparecem no canal desejado.

Você também pode usar os valores personalizados de origem, mídia e campanha para classificar o tráfego de cliques como pertencente a canais específicos do seu agrupamento de canais padrão e do agrupamento de canais do MCF.

Observações:
  • Esse recurso de modificação só se aplica a dados de clique, e não a dados de impressão.
  • Os relatórios de Aquisição > Google Marketing Platform (que incluem os relatórios do Campaign Manager e do Display & Video 360) não são afetados por esse recurso de modificação. Eles usam os valores da codificação automática.  

 

Para ativar a modificação da codificação automática:

Você precisa ter permissão para edição das configurações de propriedade.

  1. Faça login no Google Analytics..
    Observação: também é possível abrir o Google Analytics rapidamente na sua conta do Google Ads. Clique na guia Ferramentas, selecione Google Analytics e depois siga o restante destas instruções.
  2. Clique em Administrador e navegue até a propriedade cujas configurações você quer editar.
  3. Na coluna PROPRIEDADE, clique em Configurações da propriedade.
  4. Expanda Configurações avançadas.
  5. Selecione Permitir que a codificação manual (valores UTM) se sobreponha à codificação automática (valores DCLID).
  6. Clique em Salvar.
Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?