Sobre os segmentos

Isole e analise subconjuntos dos seus dados.
Neste artigo:

 

Introdução

Um segmento é um subconjunto de dados do Google Analytics. Por exemplo, de todo o conjunto de usuários, um segmento pode ser composto por usuários de um determinado país ou cidade. Outro segmento pode ser composto por usuários que compram determinada linha de produtos ou que visitam uma parte específica do seu site.

Com os segmentos, você pode isolar e analisar esses subconjuntos de dados para avaliar e responder às tendências específicas na sua empresa. Por exemplo, se você descobrir que os usuários de determinada região geográfica não estão mais comprando uma linha de produtos com o mesmo volume de costume, pode verificar se uma empresa concorrente oferece os mesmos tipos de produto a preços menores. Se for esse o caso, você poderá responder oferecendo um desconto por fidelidade aos usuários que resulte em um preço menor que aqueles da concorrência.

Você também pode usar os segmentos como a base para os públicos. Por exemplo, você pode criar um segmento de usuários que acessam suas páginas de moda masculina e segmentar apenas esses usuários (seu público) com uma campanha de remarketing voltada para os novos itens adicionados a essas páginas. Saiba mais

 

Tipos de segmento

Um segmento consiste em um ou mais filtros não destrutivos (que não alteram os dados subjacentes). Esses filtros isolam subconjuntos de usuários, sessões e hits:

  • Subconjuntos de usuários: Por exemplo, usuários que compraram anteriormente e usuários que adicionaram itens ao carrinho, mas não finalizaram a compra.
  • Subconjuntos de sessões: Por exemplo, todas as sessões originadas da Campanha A e todas as sessões que aconteceram quando ocorreu uma compra.
  • Subconjuntos de hits: Por exemplo, todos os hits com receita maior que US$ 10,00.

Você pode incluir filtros para usuários, sessões e hits no mesmo segmento.

O modelo de usuários do Google Analytics ilustra como os segmentos mapeiam a hierarquia dos dados do Google Analytics:

  • Usuários: Pessoas interagem com sua propriedade (por exemplo, seu website ou aplicativo).
  • Sessões: Interações de um único usuário são agrupadas em sessões.
  • Hits: Interações durante uma sessão são chamadas de hits. Os hits incluem interações como exibições de página, eventos e transações.

Um único usuário pode ter várias sessões, e cada sessão pode ter vários hits, conforme ilustrado abaixo:

USUÁRIO
sessão sessão sessão
hit hit hit hit hit hit hit hit hit

 

Como usar segmentos

Quando você aplica um segmento e navega pelos seus relatórios, o segmento permanece ativo até você removê-lo. É possível aplicar até quatro segmentos por vez e comparar os dados lado a lado nos seus relatórios.

Além de analisar os dados com segmentos, você pode usá-los para criar públicos.

O Google Analytics inclui segmentos predefinidos (segmentos do sistema) que podem ser usados assim como são fornecidos. Se preferir, você também pode copiá-los e editá-los para criar novos segmentos personalizados. Além disso, você pode criar seus próprios segmentos do zero. Você também pode importar segmentos da Galeria de soluções do Google Analytics, um mercado gratuito em que os usuários compartilham segmentos e outras soluções que desenvolveram.

 

Definição e escopo do segmento

Seus segmentos de base nas dimensões e métricas nos relatórios do Google Analytics. Por exemplo:

  • Tipo de usuário corresponde exatamente a "Usuário recorrente"
  • País/território corresponde exatamente a "Estados Unidos"
  • Taxa de conversão de comércio eletrônico > "0,2%"

Além de identificar as dimensões e métricas para filtros individuais em um segmento, você também pode definir o escopo dos dados de um filtro. Há três escopos diferentes que você pode usar:

  • Hit: comportamento limitado a uma única ação, por exemplo, visualizar uma página ou iniciar um vídeo.
  • Sessão: comportamento em uma única sessão, por exemplo, as metas que os usuários concluíram ou o valor da receita que eles geraram durante uma sessão.
  • Usuário: comportamento em todas as sessões durante o período que você tiver determinado, até 90 dias, por exemplo, todas as metas que os usuários concluíram ou toda a receita que eles geraram (em todas as sessões) durante o período.

Você usa o Criador de segmentos para definir os filtros de componentes de um segmento.

 

Limites de segmentos

Os segmentos que você cria ou importa estão sujeitos aos limites abaixo:

Total de segmentos

  • 1.000 por usuário em segmentos que podem ser aplicados/editados em qualquer Vista. Disponibilidade do segmento: posso aplicá-lo/editá-lo em qualquer Vista.
  • 100 por usuário, por Vista, em segmentos que podem ser aplicados/editados somente pelo usuário que está nessa Vista. Disponibilidade do segmento: posso aplicá-lo/editá-lo nessa Vista).
  • 100 por Vista em segmentos que podem ser aplicados/editados por todos os usuários que estão nessa Vista. Disponibilidade do segmento: os colaboradores e eu podemos aplicá-lo/editá-lo nessa Vista.

Por exemplo:

Um usuário pode ter:

  • 1.000 segmentos que podem ser aplicados/editados em qualquer vista, além de
  • 100 segmentos que podem ser aplicados/editados apenas por esse usuário que está somente na Vista A, além de
  • 100 segmentos que podem ser aplicados/editados apenas por esse usuário que está somente na Vista B

Uma Vista pode ter:

  • 100 segmentos que podem ser aplicados/editados apenas por esse usuário que está somente na Vista
  • 100 segmentos que podem ser aplicados/editados por qualquer usuário que esteja somente nessa Vista.

Não é possível criar ou importar segmentos adicionais depois que você atinge esses limites.

Esses limites não se aplicam aos segmentos do sistema.

Segmentos aplicados aos relatórios

É possível ter até quatro segmentos aplicados aos seus relatórios de uma vez.

Períodos

Com os segmentos com base no usuário, você pode aplicar um período máximo de 90 dias aos seus relatórios. Se o período já estiver configurado para mais de 90 dias e você, então, criar um segmento com base no usuário, o Google Analytics redefinirá o período para 90 dias a partir da data de início.

Os segmentos com base na opção Data da primeira sessão são limitados a períodos de no máximo 31 dias.

Limites de dados em segmentos com base no usuário

Como mencionado acima, os segmentos com base no usuário têm um período máximo de 90 dias. Para esses 90 dias, o Google Analytics inclui somente as primeiras 1.000 sessões para cada usuário nos relatórios. Contagens de sessões acima de 1.000 em um período de 90 dias geralmente indicam uma tráfego não proveniente de pessoas.

Funis multicanal

Não use segmentos com Relatórios de funil multicanal. Use Segmentos de conversão.

Dados de custo do Google Ads

Os dados de custo do Google Ads não são compatíveis com segmentos. Se você aplicar um segmento a um relatório do Google Ads que inclua dados de custo, esses dados terão valores iguais a zero.

 

Próximas etapas

Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?