Notificação

Receba dicas personalizadas de otimização, entenda a integridade da sua conta e conclua a configuração dela na Minha página da AdMob, que está ainda melhor.

Sobre o mapeamento de conteúdo para aplicativos

Com o mapeamento de conteúdo para aplicativos, você pode veicular anúncios contextualmente relevantes para seus usuários e garantir que a publicidade apareça perto do conteúdo adequado para os anunciantes. Assim, mais anunciantes podem dar lances no seu inventário com segurança, o que pode ajudar a maximizar sua receita.

Como funciona o mapeamento de conteúdo

Com o mapeamento de conteúdo, você pode transmitir um ou mais URLs (até quatro) que correspondem ao que está sendo mostrado no app. O Google rastreia os URLs correspondentes e usa esses dados para entender melhor o conteúdo do app.

1. Você transmite URLs que representam o conteúdo do seu app.

Transmita URLs que correspondam de forma completa e precisa ao conteúdo do seu app. Se você ainda não tiver uma página da Web correspondente, crie facilmente URLs para representar seu conteúdo. Contanto que o URL esteja no formato html e seja rastreável pelo Google, você pode transmitir imagens, vídeos e até capturas de tela do seu aplicativo. Ele não precisa ser esteticamente agradável, e você não precisa de uma presença ativa e voltada ao público na Web.

2. O Google rastreia os URLs que você transmite.

Os URLs usados no mapeamento de conteúdo não precisam estar disponíveis externamente para os usuários. No entanto, eles precisam ser acessíveis para o rastreador do Google Ads na AdMob ou no Ad Manager.  Somente os URLs enviados ao rastreador serão rastreados.

Além disso, é possível proteger seus URLs de conteúdo com senha para garantir que apenas você e o rastreador do Google tenham acesso ao conteúdo transmitido. Confira nossas práticas recomendadas para rastreadores da AdMob ou do Ad Manager.

3. O Google veicula um anúncio contextualmente relevante e seguro para a marca.

Depois de rastrear os URLs transmitidos, o Google veicula um anúncio de anunciantes que consideram o conteúdo do app adequado, e o anúncio é contextualmente relevante para os usuários, de acordo com nossas políticas de publicidade personalizada.

Tipos de mapeamento de conteúdo

Existem dois tipos de mapeamento de conteúdo:

  1. URL de conteúdo: usado quando um único URL representa todo o conteúdo de uma tela no app ao redor de um anúncio.
  2. URL com conteúdo variado: usado quando vários URLs representam o conteúdo em uma tela no app ao redor de um anúncio.

1. URL de conteúdo

O URL de conteúdo é usado quando um único URL representa todo o conteúdo em uma tela no app ao redor de um anúncio. Nesse caso, use a função setContentUrl(). O URL de conteúdo é a melhor opção para páginas estáticas, em que o material não muda, independentemente de quem o visualiza (por exemplo, uma notícia ou uma página de fórum).

Como mapear o URL de conteúdo

A imagem de exemplo abaixo mostra como mapear um único URL. O conteúdo ao redor do anúncio é representado com precisão no URL.

Exemplo de um único URL no mapeamento de conteúdo.

Exemplo

O Editor A tem um app e um site de notícias e publicou recentemente um artigo sobre as últimas tendências em calçados. O artigo é um conteúdo estático disponível no app e no site e tem três blocos de anúncios.

O Editor A precisa usar setContentUrl() na solicitação para cada um dos três blocos representados na página estática.

Saiba como implementar um URL de conteúdo para:

2. URL de conteúdo variado (Beta)

Observação: no momento, o URL de conteúdo variado está na versão Beta.

Vários URLs representam o conteúdo em uma tela no app ao redor de um posicionamento do anúncio. Implemente o mapeamento de URL de conteúdo variado com setNeighboringContentUrls() e inclua até quatro URLs.

O URL de conteúdo variado é a melhor opção para feeds de conteúdo dinâmico, em que o feed é personalizado para cada usuário. O conteúdo dinâmico poderá mudar depois de um tempo ou quando o usuário atualizar a página.

Como mapear o URL de conteúdo variado

A imagem de exemplo abaixo mostra como mapear dois tipos de conteúdo para dois URLs correspondentes.

Ilustração de vários URLs no mapeamento de conteúdo.

Exemplo

O app de notícias do Editor A tem um feed da página inicial dinâmico personalizado que exibe artigos com base nos interesses de cada usuário. No feed da página inicial, há três blocos de anúncios. O Editor A usa setNeighboringContentUrls() para cada um dos blocos representados na página inicial do feed.

Para isso, o Editor A inclui os URLs dos artigos relevantes em cada bloco de anúncios, mesmo que apenas o título e a imagem no feed sejam exibidos ao usuário na página inicial. Se o primeiro bloco de anúncios tiver um artigo acima para "O melhor sanduíche em Nova York" e abaixo para "Filmes que você precisa assistir", os URLs para esses artigos específicos são enviados a setNeighboringContentUrls().

Saiba como implementar um URL de conteúdo variado para:

A seguir: Começar a utilizar o mapeamento de conteúdo

Isso foi útil?

Como podemos melhorá-lo?
true
Show your support to promote DEI in Gaming by turning intentions into action!

Check out the newly launched Diversity in Gaming website, where you can find video stories and written pledges from global gaming developers. This campaign centers on 3 pillars: diverse teams, diverse games and diverse audiences showing how diversity is not just good for gamers, but for business as well. Show your support by taking the pledge to promote DEI in Gaming and share it on social!

Learn More

Pesquisa
Limpar pesquisa
Fechar pesquisa
Google Apps
Menu principal
6339794276466065544
true
Pesquisar na Central de Ajuda
true
true
true
true
true
73175