Resolver problemas de relatórios de visibilidade

Como resolver problemas e melhorar a visibilidade do Active View

Os relatórios do Active View no Google Ad Manager rastreiam a visibilidade dos anúncios veiculados pelas Tags do editor do Google (GPT, na sigla em inglês). Veja abaixo dicas para melhorar o desempenho da visibilidade do seu inventário e um guia para comparar os relatórios de visibilidade de terceiros com os do Ad Manager.  

Melhorar o desempenho do Active View

Veja algumas dicas para otimizar as métricas do Active View e resolver problemas que reduzem a qualificação, a mensurabilidade ou a visibilidade nesses relatórios. Saiba como o Active View mede a visibilidade.

Melhorar a qualificação

  • As solicitações não podem ser de tags de URL simples da GPT, que não estão ativadas para o Active View.
  • Use as Ferramentas para Desenvolvedores do Chrome para ler os pingbacks do Active View e verifique o parâmetro &oid=. A ausência desse parâmetro indica que a implementação da GPT provavelmente foi modificada de uma maneira incompatível.
  • As solicitações de anúncios com mais de 8.192 caracteres são truncadas. Se os parâmetros &adk= e &adks= forem perdidos, a solicitação/impressão não estará qualificada para o Active View.

Melhorar a mensurabilidade

  • Verifique se há iframes de vários domínios, criativos fora dos limites do iframe ou pixels de rastreamento em veiculação. O parâmetro &bs= do pingback do Active View no cenário será um número negativo.
  • Verifique se o DOM especifica tamanhos para objetos de criativos que podem ser medidos. No caso de recursos ocultos no carregamento da página e em alguns intersticiais, o DOM pode informar que o tamanho do criativo é 0 x 0, 0 x ? ou ? x 0. Esses tamanhos não são mensuráveis, já que não há pixels para medir. Veja o parâmetro &p= do pingback do Active View para saber como o DOM mede o criativo.
    Mesmo que você veja um criativo na tela, talvez o DOM informe um tamanho de zero pixels por causa de criativos rich media ou de engajamento. Trabalhe com suas equipes de desenvolvimento para resolver esse problema.
  • Muitas vezes, não é possível medir os criativos de expansão, de plano de fundo ou outras implementações personalizadas por causa da exibição deles no DOM de JavaScript. Use o parâmetro &p= para determinar o tamanho desses criativos.
  • Os estilos de CSS (como display:none;) podem fazer com que o DOM informe um tamanho não mensurável no carregamento de página. Para ocultar uma página que se abre durante o carregamento, renderize-a fora da janela de visualização para depois inseri-la na janela no momento desejado.

Melhorar a visibilidade

  • Renderize todos os itens de linha solicitados quando usar a arquitetura de solicitação única (SRA, na sigla em inglês) da GPT.
  • Divida o relatório pela segmentação de posição. Se você tiver locais de 728 x 90 nas partes superior e inferior da página, o local do anúncio da parte inferior poderá diminuir a média geral.
  • Leve em conta o canal do criativo e os hábitos do usuário. Normalmente, a visibilidade dos criativos na parte superior das páginas é menor que a daqueles logo acima da dobra. Os usuários costumam rolar a tela para baixo assim que a página é carregada, fazendo com que os locais da parte superior da página sejam visíveis por menos de um segundo.
  • Exiba a "Porcentagem de impressões visíveis do Active View". Não compare as "Impressões visíveis" com o "Total de impressões".
  • A lentidão no carregamento pode afetar a visibilidade. Procure carregar os locais da GPT o quanto antes para que a medição da visibilidade esteja pronta quando o local do anúncio entrar na janela de visualização do usuário. Muitas vezes, os usuários rolam o conteúdo das páginas com rapidez. Se o local só for carregado quando entrar em exibição, provavelmente será tarde demais.
  • Os elementos flutuantes na página com CSS (por exemplo, float:) podem interromper a medição de visibilidade, pois é possível que o DOM do JavaScript não reflita o posicionamento visto por você.
  • Uma função de atualização automática na página poderá causar um acúmulo de impressões "mensuráveis, mas não visíveis" se o usuário deixar sua página aberta em uma guia do navegador por muito tempo.

Comparar relatórios de visibilidade de terceiros

Veja abaixo os motivos mais comuns de diferenças entre os relatórios do Ad Manager e os de terceiros.

Muitas discrepâncias são específicas a um tamanho ou uma posição do anúncio
Ao comparar os relatórios, verifique se os dois estão divididos por tamanho do criativo. A segmentação por posição também é muito útil, se possível.
  • Diferentes valores de impressões mensuráveis totais usados para calcular a porcentagem de métricas visíveis
    O Active View é criado diretamente no servidor de anúncios. Sendo assim, ele geralmente mede um número maior de impressões em comparação com outras soluções de visibilidade não nativas. Sempre compare os totais de impressões brutas medidas de terceiros com o total de impressões mensuráveis do Active View, e não com os números percentuais.
  • Latência de processamento de criativos de terceiros
    O Active View começa a medição assim que o local do anúncio é carregado e um criativo é retornado do Ad Manager. A maioria dos terceiros começa a medição após a renderização final do material do criativo, o que pode acontecer bastante depois. Por isso, talvez o total de impressões mensuráveis do Active View seja maior do que o de um relatório de terceiros se os usuários saírem da página entre o carregamento do local do anúncio e a renderização do criativo final.
  • Nuances de estilo do CSS
    O Active View determina a mensurabilidade no momento do carregamento de página. Ocultar elementos com CSS no carregamento de página pode bloquear a medição do Active View e reduzir artificialmente o total de impressões mensuráveis do Active View.
  • Solicitações de anúncios e renderização de criativos
    • Com a arquitetura de solicitação única (SRA) da GPT, é possível solicitar anúncios mesmo que você nunca os exiba na página. Os anúncios solicitados por meio do SRA do GPT, mas nunca processados, aparecem como qualificados e mensuráveis, mas não visíveis. Isso pode aumentar as impressões mensuráveis do Active View e diminuir a porcentagem de impressões visíveis do Active View artificialmente.
    • As peças criativas fora da página exigem que a macro de impressões visualizadas (por exemplo, %%VIEW_URL_ESC%%) registre uma impressão atrasada. A implementação incorreta reduz os totais de impressões qualificadas e mensuráveis do Active View.
  • Flexibilidade do Media Rating Council (MRC) para a medição de criativos grandes
    No caso dos criativos de exibição grandes (de tamanho igual ou superior a 970 x 250, como os formatos "estrela em ascensão" da IAB), o MRC proporcionou opções mais flexíveis aos fornecedores de visibilidade, desde que eles divulguem aos clientes de maneira transparente, no documento de metodologia, a definição usada. É aceitável marcar a impressão de um criativo de exibição grande como visível se 50% dos pixels do criativo ou 30% dele estão visíveis.

    Atualmente, o Active View mede as impressões a partir de 50% de visibilidade, ou 30%, no caso dos criativos de 242.500 pixels (970 x 250) ou mais. Se os terceiros medirem a impressão de criativos grandes com 30% de visibilidade, os totais de "Impressões visíveis" desses tamanhos poderão ser mais baixos nos relatórios do Active View do que nos de terceiros. Consulte os terceiros para ver se eles medem criativos grandes de maneira diferente.

Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?