Roteamento e entrega de e-mails

Como administrador do G Suite, você pode controlar a forma de roteamento e armazenamento de e-mails na sua organização, e é possível personalizar o roteamento e a entrega de acordo com as necessidades.

Por exemplo, talvez você queira que:

  • o Gmail verifique os e-mails recebidos para identificar spam e garantir compliance, mas os e-mails sejam armazenados em um servidor de e-mail externo;

  • alguns usuários recebam e-mails nas Caixas de entrada do Gmail e outros acessem o e-mail no seu servidor local;

  • todos os usuários utilizem apenas o Gmail, mas encaminhem mensagens de usuários desconhecidos para uma caixa de correio especial ou um servidor externo;

  • as mensagens para um usuário específico incluam outro destinatário na cópia.

Para definir as opções de entrega das mensagens recebidas, enviadas e internas, como a entrega dupla e a dividida, você deve usar a configuração "Roteamento".

Se tiver uma necessidade mais específica, como rotear determinadas mensagens com base no conteúdo, use as configurações de compliance, incluindo Compliance do conteúdoCompliance para anexosConteúdo censurável ou Compliance com TLS.

A configuração "Caixa de correio que não é do Gmail" filtra spam e redireciona todas as mensagens que não são spam para seu servidor de e-mail externo. Para fazer essa configuração, também é possível usar a regra "Roteamento", mas a configuração "Caixa de correio que não é do Gmail" tem recursos adicionais. Os usuários podem fazer login em uma Central de mensagens ou receber atualizações que listem as mensagens com spam e decidir quais delas são seguras e devem ser roteadas para a caixa de correio que não é do Gmail. Com essa configuração, eles só acessam os e-mails seguros na caixa de correio local e não têm acesso a uma caixa de correio do Gmail.

Todas essas configurações podem ser personalizadas de acordo com as necessidades das pessoas e das equipes que usam as unidades organizacionais.

Antes de começar

Antes de definir configurações de roteamento e entrega, crie uma lista de hosts de e-mail, que também são chamados de caminhos. Em seguida, adicione esses caminhos no Google Admin console.

Rotear e-mails recebidos

Você pode usar diferentes métodos de entrega para rotear as mensagens recebidas.

Se sua organização usa apenas o Gmail, você pode usar a entrega direta, que é a configuração padrão. As mensagens recebidas endereçadas aos usuários do G Suite são entregues na Caixa de entrada do Gmail do destinatário. Se uma mensagem for endereçada a um usuário que não utiliza o G Suite, o servidor de e-mail descartará a mensagem, a menos que um endereço "pega-tudo" tenha sido configurado para receber mensagens endereçadas de forma incorreta.

Se sua organização usa um servidor de e-mail externo para o armazenamento e a entrega de mensagens, como um servidor Microsoft® Exchange, as mensagens recebidas são processadas primeiro pelo servidor do Gmail, por exemplo, para filtrar spam, e depois roteadas para o servidor externo. A entrega dividida é usada para rotear as mensagens para um servidor do Gmail ou um servidor externo. A entrega dupla roteia as mensagens para o servidor do Gmail e para um servidor externo

.

Também é possível rotear as mensagens recebidas para um endereço "pega-tudo", destinatários adicionais e uma caixa de correio que não seja do Gmail. 

Rotear mensagens usando a entrega dividida

Na entrega dividida, uma mensagem recebida é entregue em uma Caixa de entrada do Gmail ou em uma Caixa de entrada do sistema herdado, dependendo do destinatário. 

Esse método funciona bem se você tiver usuários que utilizam o Gmail e usuários que utilizam outro sistema de e-mail. Por exemplo, talvez seja necessário implementar um controle especial para determinados tipos de e-mail, como mensagens para o departamento jurídico.

Esse método também é uma boa opção se você estiver migrando de um servidor de e-mail legado para o Gmail e quiser fazer um teste com um subconjunto de usuários. Durante o teste, os registros MX do seu domínio apontarão para o Gmail, e os usuários adicionados no Admin console receberão mensagens nas Caixas de entrada do Gmail. Para que os usuários não registrados continuem recebendo mensagens no servidor de e-mail legado, você pode configurar uma regra de roteamento "pega-tudo". 

O procedimento a seguir descreve as etapas básicas para configurar a entrega dividida usando a configuração "Roteamento". Veja mais detalhes sobre todos os controles da configuração "Roteamento" em Configurar o roteamento em um domínio ou uma organização.

Para configurar a entrega dividida:

  1. Adicione o caminho do servidor externo (se ainda não tiver feito isso).

  2. Siga as etapas iniciais para fazer login, selecione a organização (se necessário), abra a configuração "Roteamento" e digite uma descrição para a nova configuração.

  3. Para definir as mensagens de e-mail que serão afetadas, selecione Entrada, Interno - recebendo ou essas duas opções.

  4. Configure um filtro de envelope se você quiser que a regra afete apenas remetentes e destinatários de envelopes específicos. Para especificar destinatários, digite o endereço de e-mail de cada usuário. Também é possível especificar grupos.

  5. Em Para os tipos de mensagens acima, selecione Modificar mensagem e defina as configurações apropriadas.

  6. Selecione Alterar caminho, escolha o servidor externo na lista, role para baixo e clique em Salvar.

  7. Selecione Mostrar opções e altere a configuração Tipos de contas afetadas para Não reconhecida/pega-tudo.

  8. Salve a configuração.

Rotear mensagens usando a entrega dupla

Configure a entrega dupla quando precisar entregar mensagens de e-mail em duas ou mais Caixas de entrada. Por exemplo, os usuários podem receber mensagens em uma Caixa de entrada do Gmail ou externa, como uma Caixa de entrada do Microsoft Exchange ou um servidor de arquivamento.

Saiba mais sobre como configurar a entrega dupla de e-mail.

Configurar um endereço "pega-tudo"

Você pode criar um endereço "pega-tudo" para garantir que as mensagens endereçadas acidentalmente para o endereço de e-mail incorreto de um domínio possam ser recebidas.

O procedimento a seguir descreve as etapas básicas para configurar um endereço "pega-tudo" usando a configuração "Roteamento". Veja mais detalhes sobre todos os controles da configuração "Roteamento" em Configurar o roteamento em um domínio ou uma organização.

Para configurar um endereço "pega-tudo":

  1. Siga as etapas iniciais para fazer login, selecione a organização (se necessário), abra a configuração "Roteamento" e digite uma descrição para a nova configuração.

  2. Para definir as mensagens de e-mail que serão afetadas, selecione "Entrada", "Interno - recebendo" ou essas duas opções.

  3. Configure um filtro de envelope se você quiser que a regra afete apenas remetentes e destinatários de envelopes específicos. Para especificar destinatários, digite o endereço de e-mail de cada usuário. Também é possível especificar grupos.

  4. Em Para os tipos de mensagens acima, selecione Modificar mensagem.

  5. Em "Destinatários do envelope", selecione Alterar destinatário do envelope.

  6. Selecione Insira um novo nome de usuário.

  7. Digite um endereço "pega-tudo" no campo vazio ao lado de @dominio-existente. Por exemplo, jsilva.

  8. Clique em Mostrar opções.

  9. Em Tipos de contas afetadas, marque a caixa Não reconhecida/pega-tudo. Desmarque Usuários e Grupos.

  10. Clique em Adicionar configuração.

  11. Salve a configuração.

Rotear mensagens para destinatários adicionais

Você pode definir várias configurações de roteamento para encaminhar mensagens para destinatários adicionais e depois criar políticas separadas para cada usuário.

O procedimento a seguir descreve as etapas básicas para rotear mensagens para destinatários adicionais usando a configuração "Roteamento". Veja mais detalhes sobre todos os controles da configuração "Roteamento" em Configurar o roteamento em um domínio ou uma organização.

Para rotear mensagens para destinatários adicionais:

  1. Siga as etapas iniciais para fazer login, selecione a organização (se necessário), abra a configuração "Roteamento" e digite uma descrição para a nova configuração.

  2. Para definir as mensagens de e-mail que serão afetadas, selecione Entrada, Interno-recebendo ou essas duas opções.

  3. Configure um filtro de envelope se você quiser que a regra afete apenas remetentes e destinatários de envelopes específicos. Para especificar destinatários, digite o endereço de e-mail de cada usuário. Também é possível especificar grupos.

  4. Em Para os tipos de mensagens acima, selecione Modificar mensagem.

  5. Em Entregar também a, marque a caixa Adicionar mais destinatários.

  6. Clique em Adicionar.

  7. Em Destinatários, a opção Básico deve estar selecionada na lista. 

  8. Digite o endereço de e-mail do destinatário e clique em Salvar.

  9. Clique em Adicionar configuração ou Salvar. As novas configurações serão adicionadas à página "Configurações avançadas".

  10. Salve a configuração.

Configurar a entrega para Caixas de entrada que não sejam do Gmail

Se sua organização usa um servidor de e-mail externo, você pode usar a configuração "Caixa de correio que não é do Gmail" para rotear mensagens que não são spam para um servidor externo e reter spam em uma central de mensagens ou em um relatório de quarentena. Os usuários poderão decidir se as mensagens não são spam e devem ser roteadas para o servidor externo.

Rotear e-mails enviados

Enviar todos os e-mails por meio de um servidor de gateway

Você pode configurar um servidor de gateway de saída para rotear mensagens enviadas. Geralmente, o servidor de gateway processa as mensagens enviadas de alguma forma antes de entregá-las.  Para detalhes, consulte Configurar um gateway de saída.

Configurar o serviço de redirecionamento SMTP para rotear e-mails por meio de um servidor do Gmail

Se sua organização usa um software de servidor de e-mail que não seja o Gmail, como o Microsoft® Exchange ou outro serviço SMTP não fornecido pelo Google, você pode usar a configuração do serviço de redirecionamento SMTP para rotear e-mails de saída por meio do servidor do Gmail. A configuração do serviço de redirecionamento SMTP filtra spam e vírus nas mensagens antes que elas sejam entregues aos contatos externos. Essa configuração também permite que você aplique as configurações de segurança de e-mail do G Suite às mensagens enviadas. Saiba mais sobre a configuração do serviço de redirecionamento SMTP.

Roteamento de compliance

Compliance de conteúdo e conteúdo censurável

Você pode usar o roteamento de compliance de conteúdo para implementar controles especiais para determinados tipos de e-mail, por exemplo, direcionar mensagens com um conteúdo específico para o departamento jurídico. Para fazer isso, defina um novo destino principal (por padrão, o servidor do Gmail) ou crie destinos adicionais que correspondam a determinados padrões ou strings de texto. Por exemplo, você pode configurar correspondências de conteúdo por palavras, como "confidencial", e alterar o destino principal para um servidor compatível com criptografia.

Saiba mais sobre compliance de conteúdo e conteúdo censurável.

Compliance de anexos

Você pode definir um novo destino principal (por padrão, o servidor do Gmail) ou adicionar outros destinos para mensagens que correspondam a um tipo de anexo específico usando a configuração "Compliance para anexos". Por exemplo, você pode configurar um destino secundário que entregue qualquer mensagem com imagens anexadas para a equipe de Recursos Humanos.

Saiba mais sobre compliance para anexos.

Exigir uma conexão segura antes de rotear e-mails

Você pode exigir que os e-mails sejam transmitidos por uma conexão segura (usando o padrão TLS) quando os usuários corresponderem a domínios ou endereços de e-mail específicos. É possível definir a configuração "Compliance com os transportes seguros (TLS)" por unidade organizacional para e-mails recebidos e enviados. Se o TLS não estiver disponível no domínio que você especificar, os e-mails recebidos serão rejeitados, e os enviados não serão transmitidos.

Observação: se você configurar um servidor de gateway de saída que use o TLS, as mensagens na lista TLS enviadas para domínios não compatíveis com o TLS não serão rejeitadas.

Saiba mais sobre compliance com os transportes seguros.

Resolver problemas

Quando há um conflito nos caminhos

Você pode definir uma política de roteamento em todo o domínio para mensagens recebidas. Também é possível definir caminhos de entrega com base no conteúdo ou nos anexos da mensagem. Saiba qual configuração de roteamento tem precedência.

Se houver um conflito nos controles de roteamento legados, todas as configurações de roteamento descritas aqui modificarão as configurações legadas. Saiba mais sobre os controles de roteamento legados.

Se o roteamento ou a entrega de mensagens falhar

Se uma mensagem for roteada de um servidor do Gmail ou do G Suite para o servidor de um destinatário externo e a conexão não puder ser estabelecida devido a problemas como tempo limite de conexão esgotado, conexão recusada ou um erro da série 400, a mensagem será retida, e será feita uma nova tentativa de roteamento. Essa nova tentativa de roteamento é feita em intervalos de alguns minutos.

Se você atualizar suas configurações com um novo host durante uma nova tentativa de roteamento de uma mensagem, ela será roteada para o servidor original, e não para o servidor atualizado.

As mensagens são retidas, e uma nova tentativa de roteamento é feita em até sete dias antes de as mensagens serem devolvidas para o remetente. Se houver uma falha permanente (erro da série 500), a mensagem será rejeitada imediatamente.

Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?