O que é uma reivindicação manual?

Se receber uma reivindicação manual, significa que um proprietário de direitos de autor identificou que o respetivo conteúdo protegido por direitos de autor foi utilizado sem autorização e utilizou a ferramenta de reivindicação manual para reivindicar o seu vídeo. A reivindicação manual difere da reivindicação de Content ID automatizada, que é criada quando um vídeo carregado para o YouTube é comparado com uma base de dados de ficheiros que os proprietários de conteúdo nos enviaram e o sistema encontra uma correspondência entre os ficheiros de referência visual ou sonora e o vídeo. 

Através da ferramenta de reivindicação manual, os proprietários de direitos de autor selecionados que demonstraram um conhecimento profissional avançado do sistema de correspondência Content ID do YouTube podem reivindicar manualmente o respetivo conteúdo em vídeos carregados quando a correspondência não é identificada pelo Content ID. Os proprietários de direitos de autor não podem utilizar as reivindicações manuais para outras finalidades. A reivindicação incorreta de conteúdo que não lhes pertence pode resultar em penalizações, inclusive a atribuição de responsabilidade legal e a rescisão da parceria.

É importante que os criadores disponham sempre de conhecimentos detalhados acerca de quem está a reivindicar o conteúdo dos seus vídeos, onde aparece, e o que podem fazer para resolver a reivindicação. É por este motivo que, em todas as novas reivindicações manuais, os proprietários de direitos de autor terão de apresentar informações de data/hora para indicar exatamente onde o conteúdo protegido por direitos de autor aparece nos vídeos que estão a reivindicar, e atualizámos as ferramentas de edição para facilitar a retirada automática de uma reivindicação.

Onde posso ver se recebi uma reivindicação manual?

Para ver informações detalhadas relativamente a uma reivindicação manual no seu vídeo, visite a página de informações sobre direitos de autor do vídeo do YouTube Studio. Também lhe enviamos um email quando recebe uma reivindicação.

  1. Inicie sessão no YouTube Studio.
  2. No menu do lado esquerdo, selecione Vídeos.
  3. Clique em Notificação de violação de propriedade intelectual junto ao respetivo vídeo na coluna Rentabilização, se disponível. Caso contrário, vê esta opção na coluna Visibilidade.
  4. Clique em Ver detalhes da notificação de violação de propriedade intelectual para aceder à página de informações sobre direitos de autor do vídeo que disponibiliza informações sobre o que estão a reivindicar no seu vídeo e quem o reivindicou.
  5. Clique na seta para baixo para expandir a linha dos detalhes da reivindicação, onde verá Vídeo reivindicado manualmente pelo proprietário dos direitos de autor sob o leitor de vídeo se for uma reivindicação manual.
  6. Utilize o leitor de vídeo para identificar e reproduzir o segmento alvo de reivindicação manual no seu vídeo.
    • Brevemente… As informações de data/hora fornecidas pelo requerente vão aparecer abaixo da política do proprietário dos direitos de autor.

Instruções para o Creator Studio clássico

  1. Inicie sessão no YouTube.
  2. Na parte superior direita, clique na imagem do seu perfil.
  3. Clique em Creator Studio e, em seguida, Gestor de vídeos e, em seguida, Avisos de Direitos de Autor.
  4. Clique no símbolo de direitos de autor  junto ao vídeo. É redirecionado para as informações acerca do conteúdo reivindicado no vídeo e de quem o reivindicou.
  5. Verá Detetado manualmente sob o tipo de reivindicação nos respetivos detalhes se for uma reivindicação manual.
  6. As informações de data/hora que vê são as fornecidas pelo requerente.
Nota: podemos revogar o acesso à reivindicação manual ou, em alguns casos, rescindir a parceria com os requerentes que fornecerem informações de data/hora imprecisas de forma recorrente. Se considerar que as reivindicações identificadas com informações de data/hora no seu vídeo são imprecisas, pode contactar o apoio técnico com detalhes acerca da reivindicação. 

 O que posso fazer se receber uma reivindicação manual?

Se receber uma reivindicação manual, pode tomar diversas medidas, dependendo da situação:

  • Não fazer nada: se concordar com a reivindicação, não precisa de fazer mais nada. Pode sempre mudar de ideias mais tarde se discordar da reivindicação.
  • Partilhar a receita: se for um membro do Programa de parceiros do YouTube e tiver incluído uma composição musical no seu vídeo, pode ser possível partilhar a receita com a editora discográfica. Saiba mais.
  • Contestar a reivindicação: se considerar que a reivindicação no seu vídeo é errada, pode contestá-la. Saiba mais sobre a contestação de uma reivindicação de Content ID e a rentabilização durante contestações de Content ID.

Também pode optar por remover ou substituir o conteúdo alvo da reivindicação manual (sem ter de carregar um novo vídeo), o que retira automaticamente a reivindicação associada:

  • Desativar o som quando a música tocar: se receber uma reivindicação sobre uma música no seu vídeo, pode desativar o som da totalidade do segmento identificado com informações de data/hora. Saiba mais.
  • Desativar apenas o som da música: em algumas reivindicações manuais realizadas antes da implementação do requisito de informações de data/hora onde existirem informações de correspondência disponíveis, pode ter a opção de desativar apenas o som da música reivindicada e manter intacto o áudio em segundo plano. Saiba mais.
  • Substituir a música: se não quiser desativar o som por completo, pode trocar a faixa de áudio por uma das canções de utilização gratuita existentes na Biblioteca de áudio do YouTube. Saiba mais.
  • Cortar o conteúdo: também pode cortar o segmento identificado com informações de data/hora através do Editor do YouTube. Saiba mais.
    • Brevemente… A opção de cortar com um clique estará disponível na página de informações sobre direitos de autor do vídeo.
A informação foi útil?
Como podemos melhorá-la?