Ferramenta de remoção

Bloquear temporariamente os resultados da pesquisa do seu site ou gerenciar filtros do SafeSearch

A Ferramenta de remoção permite bloquear temporariamente a exibição de páginas nos resultados da Pesquisa Google em sites da sua propriedade. No caso de sites que não pertencem a você, use este solucionador de problemas.

Com essa ferramenta, você também pode ver os URLs no seu site que foram denunciados como tendo conteúdo adulto.

Seções:

Bloquear URLs temporariamente

Siga este procedimento para bloquear temporariamente a exibição de um URL nos resultados da Pesquisa Google.

Quando usar esta ferramenta

  • Você tem um URL em uma das suas propriedades do Search Console e precisa retirá-lo da Pesquisa Google rapidamente. É necessário seguir etapas adicionais para remover o URL de maneira permanente. O URL a ser removido pode ser uma página da Web ou imagem.
  • Você excluiu conteúdo sensível de uma página e quer que o Google remova esse conteúdo dos resultados da Pesquisa sem retirar a página da Pesquisa.

Quando não usar esta ferramenta

  • Bloquear páginas em propriedades que não sejam suas. Consulte Eu não controlo a página da Web.
  • Remover um URL da Pesquisa de maneira permanente. Essa é uma etapa intermediária na remoção permanente, não uma primeira etapa. Para remover um URL permanentemente, siga estas instruções.
  • Remover conteúdo da Internet. Esta ferramenta remove conteúdo somente da Pesquisa Google.
  • Remover resultados de outros mecanismos de pesquisa. Esta ferramenta remove conteúdo somente da Pesquisa Google.

Observações muito importantes:

  • As solicitações atendidas só têm efeito por cerca de seis meses. Após esse período, as informações poderão aparecer nos resultados da Pesquisa Google. Consulte a seção Remover URLs permanentemente.
  • Bloquear o URL não impede que o Google rastreie sua página, somente que ela seja exibida nos resultados da Pesquisa. Quando você solicitar o bloqueio temporário de um URL, o Google continuará a rastreá-lo. Isso acontecerá caso ele exista e não esteja bloqueado por meio de outro método, como uma tag noindex. Por isso, é possível que sua página seja rastreada e armazenada em cache outra vez antes que você a remova ou proteja com senha e volte a aparecer nos resultados da pesquisa quando o bloqueio temporário expirar.
  • Se o Google não tiver mais acesso ao seu URL, ele entenderá que a página foi removida, e a solicitação de bloqueio será encerrada. O conteúdo encontrado nesse URL posteriormente será considerado uma nova página e poderá aparecer nos resultados da Pesquisa Google.

 

Usar a ferramenta de remoção

Para bloquear temporariamente um URL da Pesquisa Google ou atualizar a visualização do Google quando a página for alterada:

  1. O URL precisa estar em uma das suas propriedades do Search Console.Caso contrário, siga estas instruções.
  2. Abra a Ferramenta de remoção.
  3. Selecione a guia Remoções temporárias.
  4. Clique em Nova solicitação.
  5. Selecione Remover URL temporariamente ou Limpar URL em cache:
    1. Remover URL temporariamente

      O que isso faz?

      Bloqueia o URL dos resultados da Pesquisa Google por cerca de seis meses. Após esse período, a página poderá retornar aos resultados da Pesquisa. A página precisará ser rastreada mais uma vez para aparecer novamente nos resultados da Pesquisa.

      Essa opção também limpa a cópia em cache da página e o snippet correspondente.

      Use esse recurso como a primeira etapa para bloquear uma página de maneira permanente dos resultados da Pesquisa Google.

      É possível bloquear um URL específico ou todos os URLs que começam com um prefixo específico.

      Bloquear um URL específico

      • Selecione Remover somente este URL.
      • Essa opção bloqueia dos resultados da Pesquisa somente o URL que corresponde exatamente, incluindo a extensão da página (por exemplo, .html).
      • Use o URL exatamente como ele aparece nos resultados da Pesquisa Google.
      • As âncoras nunca são correspondidas e precisam ser omitidas do URL (mypage#anchor).
      • Veja as observações adicionais abaixo.

       

      Bloquear URLs que começam com um prefixo

      • Selecione Remover todos os URLs com este prefixo.
      • Essa opção bloqueia todos os URLs que começam com o prefixo especificado, quer ele tenha www ou não. Por exemplo, se a propriedade for example.com e você especificar "foods/", os dois URLs a seguir terão correspondência:
        • example.com/foods/pizza https://www.example.com/foods/bread?type=whole_wheat
        • www.example.com/foods/pasta/spaghetti/bologonese.html
      • Para bloquear um site inteiro, deixe o caminho vazio.
      • Veja as observações adicionais abaixo.

       

      Observações adicionais:

      • O Google poderá rastrear novamente a página e atualizar o cache e o snippet dela durante o período de bloqueio, mas não os exibirá até que o bloqueio expire (a menos que você faça uma remoção permanente).
      • Todas as variações de http e https com e sem www são correspondentes. Então, se você especificar example.com/mypage
        • https://example.com/mypage será correspondente;
        • http://example.com/mypage será correspondente;
        • https://www.example.com/mypage será correspondente;
        • http://www.example.com/mypage será correspondente;
        • outros subdomínios (como m. ou amp.) não serão correspondentes. Portanto, http://m.example.com/mypage não será correspondente.
    2. Limpar URL em cache

      O que isso faz?

      Apaga o snippet de descrição da página nos resultados da Pesquisa até que a página seja rastreada novamente, quando o snippet for gerado a partir do novo conteúdo. Até o próximo rastreamento, a descrição da página exibirá uma mensagem semelhante a "Nenhuma descrição de página disponível".

      Use este recurso se você quiser remover informações confidenciais de uma página e atualizar o snippet de resultado na Pesquisa Google. A página ainda poderá aparecer nos resultados da pesquisa referentes às informações removidas até que ela seja rastreada novamente. No entanto, essas informações não serão exibidas no snippet nem na versão em cache.

      Observações:

      • Use o URL exatamente como ele aparece nos resultados da Pesquisa GoogleO URL precisa ser uma correspondência exata, incluindo a extensão da página (por exemplo, .html). Assim, se você especificar path/mypage, os seguintes URLs NÃO serão correspondentes:
        • path/MyPage, path/mypage?1234
        • path/mypage.html
      • As âncoras nunca são correspondidas e precisam ser omitidas do URL (mypage#anchor).
  6. Selecione Próxima para concluir o processo. A solicitação geralmente leva até um dia para ser processada, e não é garantido que ela seja aceita. Acesse a página novamente para consultar o status da solicitação. Caso ela seja negada, clique em Saiba mais para ver o motivo.
  7. Será necessário enviar outras solicitações para todos os URLs que direcionam à mesma página, assim como para variações de maiúsculas e minúsculas do URL que sejam processadas pelo servidor. Por exemplo, talvez todos os URLs a seguir levem à mesma página:
    • example.com/mypage
    • example.com/MyPage
    • example.com/page?1234
  8. Para remover um URL de maneira permanente, leia a próxima seção.

Remover um URL de maneira permanente

A Ferramenta de remoção tem um efeito temporário de aproximadamente seis meses. Para remover um URL ou conteúdo da Pesquisa Google de maneira permanente:

  1. Execute uma das seguintes ações para remover a página permanentemente:
    • Remova ou atualize o conteúdo do seu site (imagens, páginas e diretórios) e verifique se o servidor da Web retorna um código de status HTTP 404 (Not Found) ou 410 (Gone). Arquivos que não são HTML (como PDFs) devem ser removidos completamente do seu servidor. Saiba mais sobre códigos de status HTTP.
    • Bloqueie o acesso ao conteúdo exigindo uma senha, por exemplo.
    • Indique que a página não deve ser indexada com uma metatag noindex. Esse método é menos seguro que os outros.
    • Não use o robots.txt como um mecanismo de bloqueio.
  2. Se você bloqueou a página antes de remover seu conteúdo permanentemente (etapa 1), desbloqueie-a e, em seguida, bloqueie-a novamente. Isso limpará a página da indexação se ela tiver sido rastreada novamente após o bloqueio.

Visualizar seu histórico de solicitações de remoção temporárias

Você pode ver um histórico de todas as solicitações de remoção deste site arquivadas com esta ferramenta nos últimos seis meses.

A tabela de histórico inclui as seguintes informações:

URL
É o URL solicitado. Todas as variações com ou sem www e http ou https do URL mostrado também são incluídas na solicitação.
Tipo
É o tipo de problema das solicitações:
Status
É o status da solicitação:
  • Solicitação em processamento: a solicitação está em andamento.
  • Solicitação negada: a solicitação foi negada, geralmente porque existe outra idêntica aberta. Veja outros possíveis motivos de negação de uma solicitação.
  • Solicitação cancelada: você cancelou a solicitação.
  • Removido temporariamente: o URL foi removido temporariamente dos resultados da Pesquisa Google. Faça a remoção permanente ou a página será exibida novamente após cerca de seis meses.
  • Remoção expirada: a solicitação de remoção de URL expirou, e a página está qualificada para aparecer nos resultados da Pesquisa novamente, a menos que você envie outra solicitação de remoção.
  • Limpo: a solicitação de limpeza do cache foi concluída.

Cancelar uma solicitação de remoção

Para cancelar o bloqueio temporário dos resultados da pesquisa:

  1. Abra a Ferramenta de remoção.
  2. Localize sua solicitação na tabela de histórico.
  3. Clique no botão de menu in-line More ao lado da solicitação e selecione Cancelar solicitação.

Uso indevido da Ferramenta de remoção

A Ferramenta de remoção de URLs foi desenvolvida como um primeiro passo para o bloqueio urgente de conteúdo que, por exemplo, apresenta dados confidenciais expostos por acidente. Usar a ferramenta para outros fins, como os indicados a seguir, pode causar problemas para o site:

  • Não use a ferramenta para limpar itens indesejados como páginas antigas que resultam em um erro 404. Se você tiver feito alterações recentes no site e agora houver alguns URLs desatualizados no índice, os rastreadores do Google verão isso ao rastrear seus URLs novamente, e essas páginas sairão de nossos resultados de pesquisa de forma natural. Não é necessário solicitar uma atualização urgente.
  • Não use a ferramenta para corrigir erros de rastreamento de sua conta do Search Console. A ferramenta de bloqueio remove URLs dos resultados da pesquisa do Google e não de sua conta do Search Console. Você não precisa remover manualmente os URLs desse relatório, já que eles serão descartados de forma natural ao longo do tempo.
  • Não use a ferramenta para "começar do zero" com o site. Caso esteja preocupado com a possibilidade de o site ter uma ação manual ou queira começar do zero após comprar um domínio de outra pessoa, recomendamos que você preencha um pedido de reconsideração, informando sobre sua preocupação e o que foi alterado.
  • Não use a ferramenta para tirar o site do ar após ele ter sido invadido. Caso seu site tenha sido invadido e você queira retirar os URLs nocivos que foram indexados, use a ferramenta de bloqueio de URL para impedir a exibição das páginas criadas pelo hacker (por exemplo, http://www.example.com/buy-cheap-cialis-skq3w598.html). Não é recomendável bloquear todo o seu site ou URLs que você poderá querer indexar. Em vez disso, limpe o que foi invadido e permita um novo rastreamento do site. Mais informações sobre como lidar com um site invadido.
  • Não use a ferramenta para indexar a "versão" correta do site. Muitos sites disponibilizam os mesmos arquivos ou conteúdo HTML por meio de diferentes URLs. Se você fizer isso e não quiser que cópias apareçam nos resultados da pesquisa, consulte os métodos recomendados de canonização. Não use a ferramenta para bloquear os URLs que você não quer incluir nos resultados da pesquisa. Fazer isso não exibirá sua versão preferida das páginas. Em vez disso, talvez todas as versões (http/https e www/sem www) dos URLs sejam removidas.

Ver solicitações de remoção de conteúdo desatualizadas

Você pode ver um histórico de todas as solicitações para atualizar ou remover resultados desatualizados da Pesquisa Google para seu site que foram feitas usando a ferramenta Remover conteúdo desatualizado nos últimos seis meses.A ferramenta Remover conteúdo desatualizado é usada por não proprietários de sites para atualizar os resultados da Pesquisa Google quando são exibidas informações que não estão mais no site. Solicitações bem-sucedidas atualizarão o resultado no Google: se a página não estiver mais presente, o resultado será removido do índice e não será mais exibido. Se o conteúdo da página for removido, a Pesquisa Google não acionará mais nem mostrará o conteúdo removido.

Para ver o histórico de solicitações, faça o seguinte:

  1. Abra a Ferramenta de remoção.
  2. Selecione a guia Conteúdo desatualizado. A tabela de histórico inclui as seguintes informações:
URL
É o URL solicitado. Todas as variações com ou sem www e http ou https do URL mostrado também são incluídas na solicitação.
Tipo
É o tipo de solicitação, que pode ser um dos seguintes:
  • Remoção de cache desatualizado: a página ainda existe, mas parte do conteúdo foi removida. Limpa o snippet da página no resultado até o próximo rastreamento. As pesquisas do Google pelo conteúdo removido não exibirão mais esta página.
  • Remoção de página desatualizada: a página não existe mais e foi removida do índice do Google e dos resultados da pesquisa.
Solicitado
É a data em que a solicitação foi registrada, no horário do Pacífico.
Status
É o status da solicitação de remoção de conteúdo desatualizado. Será um dos seguintes valores:
  • Aprovada. A solicitação foi aprovada e deverá ser aplicada em breve.
  • Negada: o conteúdo ainda está na página. O conteúdo sinalizado como removido pelo solicitante ainda está presente na página. O conteúdo precisa ser removido da página para que o índice do Google seja atualizado.
  • Negada: o conteúdo desatualizado não está no índice. O conteúdo sinalizado como desatualizado pelo solicitante não está na versão indexada da página feita pelo Google. O conteúdo foi removido e o Google revisitou a página antes de receber essa solicitação ou o usuário especificou um conteúdo incorreto que nunca esteve na página.
  • Negada: a página não foi indexada. O URL enviado não está em nosso índice.
  • Negado: solicitação duplicada. Uma solicitação semelhante ainda está pendente.
  • Negada: a página não foi removida. Uma página sinalizada como removida pelo solicitante ainda existe.
  • Negada: o motivo não foi especificado. Não foi possível atender à solicitação por outro motivo não especificado.

Ver os URLs do seu site denunciados como conteúdo adulto

Os usuários do Google podem denunciar URLs específicos como sendo somente para adultos usando a ferramenta de sugestões do SafeSearch. Os URLs enviados por meio dessa ferramenta são revisados. Se o Google considerar que o conteúdo precisa ser filtrado dos resultados do SafeSearch, esses URLs serão marcados como conteúdo adulto.

Para ver uma lista de URLs no seu site que foram denunciados como conteúdo adulto, faça o seguinte:

  1. Abra a Ferramenta de remoção.
  2. Selecione a guia Filtragem do SafeSearch .

A tabela de histórico exibe a lista de solicitações para rotular seu conteúdo como material adulto. Se você acreditar que uma página do seu site foi marcada incorretamente, informe o problema no Fórum de webmasters.

As solicitações de filtro do SafeSearch podem ter os seguintes valores de status:

  • Solicitação em processamento: as solicitações podem levar alguns dias para serem processadas após o recebimento.
  • Solicitação cancelada: o usuário que fez a solicitação a cancelou.
  • Solicitação negada: a solicitação foi negada por um destes motivos.
  • Filtrada: a solicitação foi concedida, e o URL não será exibido nos resultados da Pesquisa Google para usuários com o SafeSearch ativado.
Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?