Relatório de estatísticas de rastreamento (websites)

O relatório de estatísticas de rastreamento (somente para sites) fornece informações sobre a atividade do Googlebot no seu website durante os últimos 90 dias. Essas estatísticas levam em consideração todos os tipos de conteúdo dos quais fazemos o download (como arquivos CSS, JavaScript, Flash e PDF e imagens).

Abra o relatório de estatísticas de rastreamento

As estatísticas de rastreamento estão disponíveis apenas para sites verificados.

Como interpretar os dados

Não existe um número "bom" para o rastreamento, mas você deve ver um gráfico relativamente uniforme com um aumento ao longo do tempo, à medida que você expande seu site. Se você tiver detectado uma queda ou um pico súbito, continue a leitura.

Por que minha taxa de rastreamento caiu?

Em geral, sua taxa de rastreamento do Google deve aparecer relativamente estável durante o período de uma ou duas semanas. Se você detectar uma queda súbita, pode ser por um dos seguintes motivos:

  • Você adicionou uma nova regra robots.txt (ou uma regra muito ampla). Certifique-se de que você só está bloqueando os recursos necessários. Se o Google precisar de recursos específicos, como CSS ou JavaScript, para compreender o conteúdo, não proíba o acesso do Googlebot a esses recursos.
  • HTML quebrado ou conteúdo sem suporte nas páginas: se o Googlebot não consegue analisar o conteúdo da página, talvez porque ela use um tipo de mídia não compatível ou seja composta apenas por imagens, o Google não conseguirá rastreá-la. Use Fetch as Google para conferir como o Googlebot visualiza sua página.
  • Se seu site estiver respondendo às solicitações lentamente, o Googlebot desacelerará as solicitações para não sobrecarregar seu servidor. Verifique o relatório de estatísticas de rastreamento para ver se o site tem levado muito tempo para responder às solicitações.
  • Caso sua taxa de erros do servidor tenha aumentado, o Googlebot acabará desacelerando as solicitações para não sobrecarregar seu servidor. Confira se o relatório de erros de rastreamento apresenta um aumento nos erros de conexão do servidor.
  • Certifique-se de que você não reduziu sua taxa de rastreamento máximo preferido.
  • Se um site contém informações que mudam com menos frequência ou não é de alta qualidade, ele pode não ser rastreado com tanta frequência.  Analise bem seu site, solicite comentários neutros de pessoas não associadas a ele e pense de que maneira ou em que partes o site poderia passar por melhorias.

Por que minha taxa de rastreamento sofreu um aumento repentino?

Se você adicionou novas informações ao site ou se o site contém alguma informação muito útil, o número de rastreamentos registrado poderá ultrapassar um pouco o desejado. Veja algumas dicas para gerenciar a taxa de rastreamento do Googlebot em seu site para quando sentir que o servidor está sendo sobrecarregado:

  • Confirme que o Googlebot está acessando seu site, e não o de outro solicitante, analisando o relatório de estatísticas de rastreamento e verificando o user agent em seus registros.
  • Se você precisar bloquear com urgência o rastreamento do Googlebot, retorne códigos de resultado 503 HTTP às solicitações.
  • Ajuste o arquivo robots.txt de modo a bloquear páginas que não devem ser chamadas.
  • É possível definir sua taxa de rastreamento máximo preferido no Search Console como uma solução de curto prazo. Esse método não é recomendado a longo prazo, pois não permite que você nos informe especificamente quais páginas ou recursos deseja rastrear.
  • Certifique-se de que bloqueou o rastreamento de páginas com resultados "infinitos", como uma agenda infinita ou uma página de pesquisa infinita. Bloqueie-os com tags robots.txt ou nofollow.
  • Se alguns URLs deixarem de existir ou forem movidos, não se esqueça de retornar os seguintes códigos de resposta corretos: 404 ou 410 para URLs que já não existem ou que são inválidos, redirecionamentos 301 para URLs que foram substituídos por outros de forma permanente (302 se a substituição não for permanente) e o código 503 em caso de inatividade temporária planejada. Além disso, certifique-se de que o servidor retorna um erro 500 quando encontra problemas com os quais não consegue lidar.

 

Este artigo foi útil para você?
Como podemos melhorá-lo?