Conteúdo gerado automaticamente

O conteúdo gerado automaticamente é criado de maneira programática.  Quando isso é feito para manipular as classificações de pesquisa, e não para ajudar os usuários, o Google pode realizar ações a respeito desse conteúdo. Veja alguns exemplos de materiais que podem causar ações do Google:

  • texto que não faz sentido para o leitor, mas pode conter palavras-chave de pesquisa
  • texto traduzido por uma ferramenta automática sem revisão humana antes da publicação
  • texto gerado por meio de processos automatizados, como cadeias de Markov
  • texto criado com geração automática de sinônimos ou técnicas de ofuscação
  • texto gerado a partir de cópias de feeds Atom/RSS ou resultados da pesquisa
  • agrupamentos ou combinações de conteúdo de diversas páginas da Web sem adição significativa de valor
Este artigo foi útil para você?
Como podemos melhorá-lo?