Criar seu feed de dados

Paradas e estações

É possível adicionar diferentes tipos de paradas e estações para várias opções de transporte público local que aparecem no Google Maps.

Uma parada representa um local onde um veículo para. Veja alguns exemplos:

  • Ponto para ônibus
  • Parada de bonde
  • Estação de metrô
  • Estação de trem
  • Plataforma específica

O ideal é que uma parada real seja representada por apenas uma parada no Feed GTFS.

Saiba mais sobre os avisos de validação Parada muito próxima e Estação muito próxima.

Definir paradas e estações

Defina as paradas e estações no arquivo stops.txt. Este exemplo mostra um arquivo stops.txt simples:

stop_id,stop_name,stop_desc,stop_lat,stop_lon,stop_url,location_type,parent_station

S1,Mission St. & Silver Ave.,,37.728631,-122.431282,,,

S5,Mission St. & 18th St.,,37.761829,-122.419382,,,

S6,Mission St. & 15th St.,,37.766629,-122.419782,,,

S7,24th St. Mission Station,,37.752240,-122.418450,,,S8

Analisar os requisitos de precisão do local da parada

Importante: o local de uma parada pode ter mudado desde a última atualização do Street View ou sobreposição de satélite.

Para que seu Feed GTFS seja aprovado, você precisa enviar os dados de local precisos das paradas. A imprecisão dessas informações pode atrasar o processo. Para garantir a exatidão dos seus dados, faça o seguinte:

  • Verifique se a parada está no lado certo da via que fica perto de cruzamentos.
  • Confirme se a parada está na melhor posição em relação a edifícios e vias usando a sobreposição de satélite no Google Maps.
  • Verifique no Street View do Google Maps se o local fica perto de uma parada que já existe.

Paradas em áreas populosas

Em áreas regionais urbanas e populosas, o local da sua parada deve ter a precisão de alguns metros de distância. Talvez haja outras paradas ou interdições nessas áreas. Queremos garantir que esses mapas facilitem a identificação do local em que a parada realmente se encontra.

Usar hierarquias de parada e estação

Dependendo do nível de detalhamento dos seus dados, é recomendável usar hierarquias de parada e estação. Com elas, você pode agrupar paradas específicas que pertençam a uma estrutura maior, como um terminal rodoviário ou uma estação ferroviária.
Recomendamos o uso de hierarquias nos seguintes casos:

  • Estações de trem, metrô e bonde
  • Grandes terminais rodoviários cobertos que incluem várias paradas

Dica: dois pontos de ônibus, um em cada lado da via, não são considerados uma estação.

Atribuir valores de tipo de local

Atribua os valores a seguir ao campo location_type:

  • 0 ou em branco: parada. Um local em que os passageiros embarcam ou desembarcam de um veículo de transporte público.

  • 1: estação. Uma estrutura ou área física que contém uma ou mais paradas.

Usar nomes de parada reconhecíveis

Veja abaixo o que fazer para ajudar os passageiros a identificar estações ou plataformas com facilidade.

  • O campo stop_name precisa seguir estes requisitos:
    • Identifique a parada de maneira clara e concisa.
    • O campo precisa conter as mesmas informações que as programações e sinalizações da sua empresa.
  • As palavras "parada" e "estação" ou traduções locais delas não devem ser adicionadas a todos os campos stop_name.
  • Não inclua códigos de paradas no campo stop_name.

Atribuir códigos de parada

O campo stop_code contém um texto curto ou um número que permite aos passageiros identificar a parada. Assim como acontece com stop_names, os usuários devem reconhecer com facilidade o campo stop_codes ao ver suas sinalizações e programações. Caso contrário, o campo stop_codes deve ficar em branco.

Mostrar uma parada que atende a várias rotas

Caso um passageiro esteja em uma parada física, seja qual for a rota, faça o seguinte:

  • Mostre uma única parada.
  • No arquivo stop_times.txt, faça o veículo parar no mesmo local, independentemente da rota.

Se um passageiro estiver em uma parada física ou do outro lado da rua, dependendo da rota da viagem, siga estas instruções:

  • Mostre duas paradas, uma para cada lugar em que o passageiro pode aguardar.
  • No arquivo stop_times.txt, faça cada veículo parar no ponto específico relativo à rota da viagem.

Dica: para mostrar mais informações aos passageiros, crie um alerta manual.

Outros campos

A lista a seguir descreve outros campos no arquivo stops.txt.

Campo Descrição
stop_url Se houver uma página da Web com dados adicionais sobre essa parada específica, você precisará fornecer um stop_url.
stop_desc Crie uma descrição mais detalhada da parada em stop_desc.
wheelchair_boarding

O campo wheelchair_boarding identifica se os passageiros podem embarcar na parada ou estação específica usando cadeiras de rodas. Recomendamos que você insira essas informações no seu feed caso essa opção esteja disponível.

Dica: você também pode mostrar informações sobre a acessibilidade para pessoas com cadeiras de rodas no campo wheelchair_accessible em trips.txt. Um ícone de acessibilidade mostra quando há detalhes como esses na parada ou viagem.

stop_timezone O campo stop_timezone contém o fuso horário de onde a parada ou estação está localizada. Se um feed inclui vários fusos horários, você precisa definir um valor para esse campo.
zone_id Use o campo zone_id para a modelagem de tarifas. Se o sistema de tarifas tem como base zonas ou estações de origem e destino, você precisa definir esse campo.
Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?

Precisa de mais ajuda?

Siga as próximas etapas:

Is there something we can help you with?

Chat with a member of Transit team

Pesquisa
Limpar pesquisa
Fechar pesquisa
Google Apps
Menu principal
Pesquisar na Central de Ajuda
true
82656
false
false