Pesquisa
Limpar pesquisa
Fechar pesquisa
Google Apps
Menu principal
true

Processo de divulgação

Criar um Feed GTFS em tempo real

Com um Feed GTFS (especificação de feed de transporte público geral) em tempo real, você pode fornecer informações atualizadas sobre sua frota de transporte público para desenvolvedores de aplicativos, como o Google. A GTFS em tempo real foi criada para fácil implementação, interoperabilidade com o trajeto e informações da programação no seu Feed GTFS, além de fornecer as informações mais precisas e úteis aos passageiros.

O formato de troca de dados de GTFS em tempo real se baseia em buffers de protocolo, um formato binário compacto e fácil de validar. Isso permite atualizações de feed muito mais rápidos e eficientes. Saiba mais sobre como trabalhar com buffers de protocolo.

Os Feeds GTFS em tempo real são buscados periodicamente pelo Google (em geral a cada 30 segundos) ou de forma programática por meio de um push de uma agência de transporte público quando houver alguma alteração.

Tipos de dados de GTFS em tempo real

Com a GTFS em tempo real, você pode fornecer três tipos de atualização em feeds atualizados continuamente:

  1. Atualizações de viagem: atrasos, cancelamentos e alterações de trajetos

  2. Alertas de serviço: estação transferida, eventos não planejados que afetam a estação, o trajeto ou a rede inteira

  3. Posições do veículo: informações sobre os veículos, incluindo localização e nível de congestionamento

Atualmente, o Google não exibe as posições do veículo no Google Maps. Entretanto, recomendamos que você compartilhe esses dados, já que pretendemos adicionar esse recurso no futuro.

Recursos para criar seu Feed GTFS em tempo real

O site para desenvolvedores do Google fornece dicas de código e de programação para todos os recursos de transporte público em tempo real, além de amostras de código em várias linguagens comuns de programação.

Para entradas da comunidade sobre problemas desafiadores, acesse nosso fórum de GTFS em tempo real.

Mesmo que seu feed seja vazio e não contenha dados reais, é possível manter o processo de integração em andamento, contanto que você tenha a estrutura do feed. Sendo assim, recomendamos que você configure uma estrutura de feed sintaticamente válida e prossiga para a próxima etapa de configuração da forma de envio do seu feed.

Este artigo foi útil para você?
Como podemos melhorá-lo?