Bem-vindo à Central de Ajuda do Search Ads 360, uma plataforma de gerenciamento de campanhas de marketing de busca.  Embora a Central de Ajuda esteja disponível para o público, o acesso ao produto Search Ads 360 está disponível apenas para clientes inscritos e que estão conectados à plataforma. Para se inscrever ou saber mais, entre em contato com nossa equipe de vendas.

Usar seus dados da empresa para gerenciar campanhas

Sobre os dados da empresa baseados em feeds

Este recurso só estará disponível quando você usar o gerenciamento de inventário atualizado

Os dados da empresa baseados em feeds combinam as informações sobre produtos e serviços de contas de inventário do Google Merchant Center com os dados da empresa adicionados ao Search Ads 360. Você pode aplicar os dados combinados a campanhas da rede de pesquisa para ver insights de relatórios e automatizar o gerenciamento de campanhas. Quando você atualiza o feed de inventário, o Search Ads 360 automaticamente faz o mesmo com os dados aplicados às suas campanhas.

Por exemplo, use os dados da empresa baseados em feeds para:

Exemplo 1: ajustar lances e pausar a publicidade

  1. Um anunciante de hotéis usa um feed de inventário para fornecer dados sobre quartos de hotel, incluindo preços e disponibilidade.
  2. Esse anunciante também usa dados da empresa para associar grupos de anúncios a hotéis, tipos de quartos e locais específicos. 
    Por exemplo, um grupo de anúncios contém anúncios e palavras-chave para quartos de luxo em hotéis de Boston. Por isso, ele está associado à linha "Deluxe – Boston" de uma tabela de dados da empresa. Outro grupo de anúncios faz o mesmo para os quartos padrão de hotéis em Boston e está associado à linha de dados da empresa "Standard – Boston".
     
  3. O anunciante quer aumentar os lances quando a disponibilidade de quartos for superior a 50% e pausar a publicidade quando essa disponibilidade for reduzida a 10%.
     
  4. Para começar, o anunciante atualiza a tabela de dados da empresa com uma nova coluna chamada Availability % (porcentagem de disponibilidade).
    Em seguida, em vez de adicionar manualmente as informações de disponibilidade à nova coluna, o anunciante aplica uma fórmula a esses dados do feed de inventário para exibir valores na coluna. Cada vez que o feed é atualizado, a coluna Availability % na tabela de dados da empresa também é atualizada automaticamente.
    Business data column populated by a column in an inventory feed.
  5. Por último, o anunciante configura regras que ajustam lances ou pausam a publicidade do grupo de anúncios associado com base no valor da coluna Availability % nos dados da empresa.

    Além disso, esse anunciante também pode criar um relatório filtrado para mostrar locais com valores de Availability % superiores a 50%.

Exemplo 2: atualizar parâmetros de texto em anúncios

  1. Um anunciante de varejo usa parâmetros de texto para alterar dinamicamente os preços dos produtos no texto do anúncio.

  2. Os preços mudam com frequência e já estão descritos em um feed de inventário.

  3. O anunciante cria uma tabela de dados da empresa com as colunas "Produto" e "Preço". Em seguida, em vez de adicionar manualmente as informações de preço às linhas da tabela, o anunciante usa um feed de inventário para exibir valores na coluna "Preço". Cada vez que o feed é atualizado, a coluna "Preço" da tabela de dados da empresa também é atualizada automaticamente.

  4. O anunciante aplica os dados da empresa às palavras-chave.

  5. Ele também configura parâmetros de texto e, com base na coluna "Preço", usa esses dados da empresa para adicionar valores aos parâmetros.

Como funciona: combinar dados de inventário com dados da empresa

Esta é a visão geral do que é preciso configurar no Search Ads 360 para ativar os dados da empresa baseados em feeds:

Feed de inventário

Se ainda não tiver feito isso, você precisará configurar um feed de inventário no Google Merchant Center e vincular a conta do Google Merchant Center ao anunciante do Search Ads 360.

O feed envia regularmente os dados de inventário do Google Merchant Center para o Search Ads 360. Os dados do feed descrevem itens do inventário usando atributos padrão, como ID do produto, nome, marca e categoria, entre outros. 

Modelo de dados da empresa

Um modelo de dados da empresa seleciona dados de um feed de inventário e os copia para uma ou mais colunas em uma tabela de dados da empresa. Os modelos simples copiam os atributos de inventário diretamente do seu feed de inventário para uma coluna na tabela. Os modelos mais complexos usam fórmulas para combinar dados de vários atributos e podem modificar os dados antes de copiá-los para a tabela de dados da empresa.
 

Planos de inventário

Os modelos de dados da empresa fazem parte dos planos de inventário.

Um plano de inventário especifica um feed de inventário e, como opção, usa filtros para se concentrar em determinados tipos de itens no feed. Os planos podem ter modelos para gerar campanhas ou para copiar informações do inventário em uma tabela de dados da empresa. 

Cada plano de inventário com modelos de dados da empresa especifica uma única tabela para essas informações, que recebe os dados copiados pelos modelos. Para criar vários modelos de dados da empresa que precisam das mesmas informações filtradas e as copiam na mesma tabela, gere todos esses modelos no mesmo plano.

O plano de inventário faz análises periódicas dos modelos e atualiza automaticamente os dados da empresa com os resultados desses modelos.

Coluna "Dados da empresa"

No Search Ads 360, os dados da empresa são registrados em tabelas configuradas por você. Cada coluna da tabela representa um aspecto da sua empresa, como um nome de produto, um local ou um nome de departamento. Enquanto isso, as linhas contêm dados associados a campanhas ou a outros itens dessas campanhas. Por exemplo, cada linha descreve um departamento de varejo, e o anunciante associa esses departamentos a campanhas específicas.

Como os dados do feed de inventário podem mudar periodicamente, você terá que criar uma coluna separada na tabela de dados da empresa para os dados do feed de inventário. Verifique se o tipo de dados especificado para a coluna é o mesmo do feed. Por exemplo, se você usar um atributo do feed de inventário que contém números decimais, especifique o tipo de dados "Decimal" para a coluna de dados da empresa. Outra opção é usar uma função no modelo de dados da empresa para converter os dados do feed em outro tipo.

A coluna "Código" não pode conter dados de um feed de inventário. Todas as tabelas de dados da empresa precisam de uma coluna "Código". Essa coluna só pode ter dados estáticos, e o valor de cada linha precisa ser exclusivo. Portanto, não é possível usar dados da empresa baseados em feeds para gerenciar valores na coluna "Código".

Colunas manuais e baseadas em feeds

Além dos dois exemplos descritos na seção anterior, uma tabela de dados da empresa pode ter outras colunas mantidas de maneira manual ou por meio de um modelo de dados da empresa. Por exemplo, na tabela de dados da empresa "Hotels" (hotéis) abaixo, as colunas "ID" (código) e "Location" (local) são gerenciadas manualmente, ou seja, você adiciona, altera ou remove os dados delas. Já a coluna "Availability %" é gerenciada por um modelo de dados da empresa.

Se você alterar ou definir manualmente um valor em uma coluna baseada em feeds, o plano de inventário o substituirá pelo próprio valor na próxima vez que o Search Ads 360 analisar o feed de inventário.

Chave de correspondência

Um modelo de dados da empresa copia dados de um ou mais itens de um feed de inventário e os adiciona a uma linha e coluna específicas de uma tabela de dados da empresa. Para determinar qual linha receberá os dados copiados, é preciso que os itens do feed e a coluna "Código" da linha de dados da empresa tenham o mesmo valor. Esse valor correspondente é chamado de chave. Nos dados da empresa, apenas a coluna de ID pode ser usada como uma chave. Já no feed de inventário, qualquer atributo ou combinação de atributos de inventário pode ser usado.

No exemplo 1, a coluna "ID" da tabela de dados da empresa corresponde aos valores do atributo "Product ID" (ID do produto) no feed de inventário.

No exemplo abaixo, a chave é criada a partir de uma fórmula que combina dados dos atributos "Room type" (tipo de quarto) e "City" (cidade) do feed de inventário. O modelo poderá copiar dados para uma linha da tabela de dados da empresa desde que o resultado da fórmula corresponda exatamente à coluna "ID" dessa tabela.
Formulas combine data

Nenhuma chave de correspondência

Se nenhum item de inventário tiver chaves de correspondência com uma linha de uma tabela de dados da empresa, o Search Ads 360 removerá o valor que estiver na coluna baseada em feeds dessa linha. O Search Ads 360 não fará alterações nas colunas manuais da linha.

Exemplo avançado: calcular a maior disponibilidade de cada local

Em vez de alterar os lances com base na disponibilidade de tipos específicos de quartos, o anunciante de hotéis quer programar ações para quando a disponibilidade de qualquer tipo de quarto em uma cidade for igual ou superior a 50%. 

Para isso, o anunciante faz o seguinte:

  1. Ele divide a tabela de dados da empresa em duas: uma para produtos específicos dos hotéis e outra para locais. Em seguida, ele inclui a tabela de dados da empresa referente a locais na tabela original de hotéis.
  2. Agora a coluna "ID" de uma tabela de dados da empresa contém nomes de cidades. Assim, o anunciante usa o nome da cidade como uma chave de correspondência.

    Ao selecionar dados para copiar na tabela, o modelo de dados da empresa analisa todos os itens de inventário com a mesma chave de correspondência. Esse recurso de agrupamento permite que o anunciante use a função "max" para buscar o valor de disponibilidade mais alto referente a cada cidade.
    Copy maximum Availability % to a business data table
  3. Como a tabela de locais está incluída na de hotéis, a maior disponibilidade também será incluída em cada uma das linhas da tabela de hotéis. Quando os dados de disponibilidade do feed mudarem, o modelo de dados da empresa atualizará a porcentagem de disponibilidade na tabela de locais. Com isso, a porcentagem de disponibilidade também será atualizada na tabela de dados da empresa referente aos hotéis.

Pronto para começar?

  1. Crie um feed de inventário no Google Merchant Center e vincule a conta do Google Merchant Center ao anunciante do Search Ads 360.
  2. Crie uma tabela de dados da empresa e adicione uma coluna para os dados do feed de inventário. O tipo de dados da nova coluna precisa ser o mesmo que você pretende copiar do feed de inventário.
  3. Crie um plano de inventário e adicione um modelo de dados da empresa. O modelo seleciona dados do feed e os copia para sua tabela de dados da empresa.
  4. Aplique os dados da empresa a campanhas e a outros itens.
  5. Use os dados da empresa para gerar relatórios ou automatizar o gerenciamento de campanhas.
Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?
true
Pesquisa
Limpar pesquisa
Fechar pesquisa
Google Apps
Menu principal
Pesquisar na Central de Ajuda
true
263
false