Comportamento enganador

 
Não permitimos apps que tentem enganar os utilizadores ou permitam comportamentos desonestos, incluindo, entre outras, apps consideradas funcionalmente impossíveis. As apps devem fornecer uma divulgação, uma descrição e imagens/vídeos precisos da respetiva funcionalidade em todas as partes dos metadados. Não devem tentar imitar a funcionalidade ou os avisos do sistema operativo ou de outras apps. Quaisquer alterações às definições do dispositivo devem ser efetuadas com conhecimento e consentimento do utilizador, bem como ser reversíveis pelo mesmo.

 

REDUZIR TUDO EXPANDIR TUDO

Declarações enganadoras

Não permitimos apps que incluam reivindicações ou informações falsas ou que induzam em erro, incluindo na descrição, no título, no ícone e nas capturas de ecrã.
Exemplos de violações comuns
  • Apps que deturpam ou não descrevem com precisão e claramente as respetivas funcionalidades:
    • Uma app que reivindica ser um jogo de corridas na descrição e nas capturas de ecrã, mas que, na realidade, é um puzzle em blocos com a imagem de um carro.
    • Uma app que reivindica ser uma app de antivírus, mas que contém apenas um guia de texto a explicar como remover vírus.
  • Apps que apresentam conteúdo ou funcionalidades médicas ou relacionadas com a saúde que sejam enganadoras ou potencialmente prejudiciais.
  • Apps que reivindicam funcionalidades que não é possível implementar, como apps repelentes de insetos, mesmo que sejam representadas como uma partida, uma falsidade, uma anedota, etc.
  • Apps categorizadas incorretamente, incluindo, entre outras, a classificação ou a categoria da app.
  • Conteúdo comprovadamente enganador ou falso que pode interferir com os processos de voto.
  • Apps que falsamente reivindicam uma afiliação a uma entidade governamental ou que fornecem ou facilitam serviços governamentais para os quais não estão devidamente autorizadas.
  • Apps que reivindicam falsamente ser a app oficial de uma entidade estabelecida. Títulos como "Justin Bieber Oficial" não são permitidos sem as autorizações ou os direitos necessários.

(1) Esta app apresenta declarações médicas ou relacionadas com a saúde (Cure o cancro) que são enganadoras
(2) Estas apps apresentam declarações sobre funcionalidades que não é possível implementar (utilizar o telemóvel como um alcoolímetro)


 

Alterações enganadoras de definições do dispositivo

Não permitimos apps que efetuem alterações às definições do dispositivo do utilizador ou a funcionalidades fora da app sem conhecimento e consentimento do utilizador. As definições e as funcionalidades do dispositivo incluem definições do navegador e sistema, marcadores, atalhos, ícones, widgets e a apresentação de apps no ecrã principal.

Adicionalmente, não são permitidas:

  • Apps que modifiquem as definições ou as funcionalidades do dispositivo com autorização do utilizador, mas que o façam de forma que não seja facilmente reversível.
  • Apps ou anúncios que modifiquem as definições ou as funcionalidades do dispositivo como um serviço para terceiros ou fins publicitários.
  • Apps que enganam os utilizadores para que removam ou desativem apps de terceiros, ou para que modifiquem as definições ou as funcionalidades do dispositivo.
  • Apps que incentivam os utilizadores a remover ou desativar apps de terceiros, ou modifiquem definições ou funcionalidades, exceto se tal fizer parte de um serviço de segurança verificável.

 

Permissão de comportamentos desonestos

Não permitimos apps que ajudem os utilizadores a enganar outras pessoas ou sejam de qualquer forma funcionalmente enganadoras, incluindo, entre outras, apps que geram ou facilitam a geração de cartões de identificação, números da segurança social, passaportes, diplomas, cartões de crédito e cartas de condução. As apps devem fornecer divulgações, títulos, descrições e imagens/vídeos precisos relativamente ao respetivo conteúdo e/ou funcionalidade e devem funcionar da forma razoável e precisa esperada pelo utilizador.

Apenas podem ser transferidos recursos de apps adicionais (por exemplo, recursos de jogos) se forem necessários para os utilizadores utilizarem a app. Os recursos transferidos têm de estar em conformidade com todas as Políticas do Google Play e, antes de iniciar a transferência, a app deve avisar os utilizadores e divulgar claramente o tamanho da transferência.

Mesmo que uma app seja, alegadamente, uma "brincadeira", "apenas para fins de entretenimento" (ou outra designação equivalente), não está isenta da aplicação das nossas políticas.

Exemplos de violações comuns
  • Apps que imitam outras apps ou Websites para enganar os utilizadores ao levá-los a divulgar informações pessoais ou de autenticação.
  • Apps que contêm ou apresentam números de telefone, contactos, endereços ou informações de identificação pessoal reais ou não validados de pessoas ou entidades sem consentimento das mesmas.
  • Apps com funcionalidades essenciais diferentes com base na geografia de um utilizador, em parâmetros do dispositivo ou noutros dados dependentes do utilizador nas quais essas diferenças não sejam anunciadas de forma proeminente ao utilizador na Ficha da loja.  
  • Apps que mudam significativamente entre versões sem alertar o utilizador (por exemplo, secção "novidades") nem atualizar a Ficha da loja.
  • Apps que tentam modificar ou ocultar o comportamento durante a revisão.
  • Apps com transferências facilitadas por uma rede de fornecimento de conteúdo (RFC), que não avisam o utilizador nem divulgam o tamanho da transferência antes da mesma.

 

Conteúdos multimédia manipulados

Não permitimos apps que promovam ou ajudem a criar reivindicações ou informações falsas ou enganadoras através de imagens, vídeos e/ou texto. Não permitimos apps determinadas a promover ou perpetuar imagens, vídeos e/ou texto comprovadamente enganadores que possam causar danos relacionados com um acontecimento sensível, política, questões sociais ou outros assuntos de interesse público.

As apps que manipulam ou alteram conteúdos multimédia, além dos ajustes convencionais e editorialmente aceitáveis para fins de clareza ou qualidade, têm de divulgar de forma proeminente ou adicionar uma marca de água aos conteúdos multimédia alterados quando possa não ser claro para o público que os mesmos foram alterados. Podem ser concedidas exceções em casos de interesse público ou sátira/paródia óbvias.

Exemplos de violações comuns
  • Apps que adicionam uma figura pública a um protesto durante um acontecimento politicamente sensível.
  • Apps que utilizam figuras públicas ou conteúdos multimédia de um acontecimento sensível para publicitar a capacidade de alteração de conteúdos multimédia na respetiva Ficha da loja.
  • Apps que alteram clipes de conteúdos multimédia para imitar uma transmissão de notícias.

    (1) Esta app disponibiliza funcionalidades para alterar clipes de conteúdos multimédia de forma a imitar uma transmissão de notícias e adicionar figuras públicas ou famosas ao clipe sem uma marca de água.

A informação foi útil?
Como podemos melhorá-la?

Precisa de mais ajuda?

Inicie sessão para obter opções de apoio técnico adicionais e resolver rapidamente o seu problema.

Pesquisa
Limpar pesquisa
Fechar pesquisa
Google Apps
Menu principal
Pesquisar no Centro de ajuda
true
92637
false