Publique uma aplicação com publicação agendada

Pode utilizar a publicação agendada para efetuar alterações à sua aplicação, as quais serão revistas e processadas sem serem publicadas imediatamente. Após a aprovação das alterações, pode controlar quando são publicadas no Google Play.

A publicação agendada pode ser particularmente útil para aplicações sujeitas a tempos de revisão alargados, como aplicações enviadas por novas contas de programador ou por programadores que participam no programa Concebido para Famílias (CPF). Também permite publicar atualizações das aplicações numa hora específica. Isto pode ser útil ao coordenar uma campanha de anúncios, um evento de lançamento ou o lançamento de um APK novo com alterações à Ficha da loja ou à distribuição da aplicação.

Notas importantes acerca da publicação agendada

  • A publicação agendada apenas está disponível para atualizações e não para a publicação de aplicações pela primeira vez. Para poder utilizar a publicação agendada, a aplicação já tem de estar disponível.
  • Se pretender utilizar a publicação agendada para o lançamento de produção, recomendamos vivamente que publique primeiro a sua aplicação numa faixa de testes fechados.
  • Quando seleciona a publicação agendada, é necessário processar a sua atualização antes de a poder publicar. O processamento pode demorar algumas horas ou até sete dias ou mais em casos excecionais, uma vez que depende do tempo de revisão a que a sua aplicação está sujeita.
    • Sugestão: recomendamos que ajuste o planeamento para incluir um período de tolerância de, pelo menos, uma semana entre o envio da aplicação e a publicação da mesma.
  • Não pode reverter as alterações efetuadas no modo de publicação agendada, mas eventuais alterações novas que efetuar substituirão as alterações pendentes.
  • Todas as outras atualizações, incluindo atualizações enviadas através da API do programador do Google Play, alterações à página da Ficha da loja, distribuição para um novo país/região e lançamentos binários, serão publicadas apenas depois de clicar em Publicar.
  • Não pode ativar ou desativar a publicação agendada durante o processamento da sua aplicação.
  • A publicação agendada não está disponível se já tiver um envio com revisão pendente.
  • A maior parte das alterações que efetuar permanecerá atrás da parede de publicação agendada, mas existem algumas excepções, que incluem, entre outras:
    • Alterações à página "Produtos na aplicação" da aplicação
    • Atualizações de preços
    • Adição de notas de lançamento à secção "Novidades desta versão" da aplicação
    • Alterações às regras de exclusão de dispositivos
    • Gestão de testadores
    • Anulação da publicação da aplicação

Publique uma atualização da aplicação com publicação agendada

Passo 1: ative a publicação agendada

  1. Inicie sessão na Play Console.
  2. Selecione uma aplicação.
  3. No menu do lado esquerdo, selecione Presença na Google Play Store.
    • Nota: pode ativar a publicação agendada de várias páginas nesta secção, incluindo a Ficha da loja e Preços e distribuição.
  4. Na parte inferior do ecrã, ative a publicação agendada ao clicar no interruptor Publicação agendada. Quando a publicação agendada estiver ativa, o interruptor fica azul.
  5. Reveja os detalhes na caixa de diálogo "Publicação agendada" e clique em Ativar.

Passo 2: atualize a aplicação

  1. Após efetuar as atualizações, desloque-se para a parte inferior direita do ecrã e clique em Enviar atualização.

    • Nota: o processamento da atualização pode demorar algumas horas ou até sete dias ou mais em casos excecionais, uma vez que depende do tempo de revisão a que a sua aplicação está sujeita.

  2. Para rever as atualizações, clique em Ver registo de alterações.

Passo 3: publique as atualizações da aplicação

  1. Assim que a atualização tiver sido processada e estiver pronto para a publicar, procure o cabeçalho "Publicação agendada" na parte superior de qualquer página. A opção Publicar, no lado direito do cabeçalho, não estará ativada enquanto a aplicação não for revista e aprovada.

  2. Depois de a aplicação ser aprovada, reveja o registo de alterações e selecione Publicar. A sua atualização é publicada no Google Play dentro de poucos minutos.

Perguntas frequentes

Algumas ações não estão a ser apresentadas no registo de alterações. A publicação agendada irá funcionar corretamente?

Algumas ações são abrangidas pela publicação agendada, mas não aparecem no registo de alterações. Para verificar se um lançamento foi ou não abrangido pela publicação agendada, compare a data e a hora da implementação (visível ao gerir a aplicação na página de lançamento da aplicação) com a data e a hora de publicação agendada (visível no registo de alterações da publicação agendada).

O envio de alterações adicionais à minha aplicação leva a tempos de revisão mais longos?

O SLA para o tempo de revisão é contabilizado a partir da última alteração enviada para uma aplicação, o que significa que, se enviar uma alteração depois de ativar a opção Publicar, a sua aplicação pode ser enviada para o final da fila de revisão de aplicações. Se isto acontecer, a opção Publicar será desativada até a revisão da aplicação estar concluída.

Como funciona a publicação agendada com testes internos? A atualização será abrangida pela publicação agendada?

As faixas de testes internos não são abrangidas pela publicação agendada. Na maioria dos casos, se carregar um APK para uma faixa de testes internos, as alterações ficam disponíveis imediatamente. As atualizações das aplicações em faixas de testes internos não estão sujeitas a revisão, mas podem ser sujeitas a revisões retroativas depois de serem publicadas na Play Store.

Existem duas advertências a ter em conta relativamente às revisões e às faixas de testes internos:

  • Se a primeira implementação do lançamento da aplicação estiver numa faixa de testes internos, o envio tem de ser revisto antes de a aplicação poder ser publicada. As revisões podem demorar algumas horas ou até sete dias ou mais em casos excecionais, uma vez que dependem do tempo de revisão a que a sua aplicação está sujeita.
  • Se o envio anterior tiver sido rejeitado, o envio seguinte tem de ser revisto antes de a aplicação poder ser publicada. Neste caso, se carregar um APK para uma faixa de testes internos, as alterações só estarão disponíveis quando a revisão estiver concluída e aprovada.
A informação foi útil?
Como podemos melhorá-la?