Atualizações na política do Google Ads sobre a doença causada pelo novo coronavírus (COVID-19)

Última atualização: 22 de setembro de 2021

O impacto da doença causada pelo coronavírus (COVID-19) aumenta a cada dia, e estamos trabalhando para manter um ecossistema de publicidade seguro para usuários, anunciantes e editores. Nesta página, há detalhes e atualizações importantes sobre as medidas que adotamos para evitar abusos relacionados a essa doença. Os anunciantes precisam seguir as políticas do Google Ads ao veicular conteúdo relacionado à COVID-19, principalmente nossa política de eventos sensíveis, que proíbe qualquer conteúdo focado em lucrar com a pandemia ou que não tenha sensibilidade ao tratar dessa crise global de saúde.

Continuaremos avaliando a situação para remover novos produtos/serviços que estão explorando os usuários e reativar determinados produtos/serviços quando tudo se estabilizar.

Atualizaremos esta página à medida que houver mudanças. Volte a consultá-la para atualizações sobre como o Google Ads está gerenciando a situação para garantir uma experiência segura e positiva aos usuários.

Atualizações mais recentes

 

[22 de setembro de 2021] Mais produtos relacionados à COVID-19 permitidos no Shopping

A partir de setembro, vamos relaxar as restrições quanto a certos produtos relacionados ao coronavírus (COVID-19) nos anúncios do Shopping e nas listagens gratuitas. Itens como roupas, kits de teste, artigos domésticos, entre outros, que foram reprovados anteriormente por conta do evento sensível da COVID-19 agora podem ser veiculados nos anúncios do Shopping e nas listagens gratuitas.

Devido a essa mudança, os kits de teste de COVID-19 para uso doméstico agora podem ser exibidos nos anúncios do Shopping e nas listagens gratuitas. Serão permitidos apenas os kits de teste autorizados pelo FDA ou pelo órgão governamental local. Aceitaremos kits de teste em que a amostra é coletada e analisada em casa ou é coletada em casa e enviada a um laboratório para análise. De acordo com nossa política de dispositivos médicos, todos os produtos também precisam cumprir os requisitos legais específicos dos países em que são oferecidos.

[31 de agosto de 2021] Atualização sobre os tipos de máscara que podem ser exibidos nos anúncios do Shopping e nas listagens gratuitas

O Google permitirá que comerciantes e fornecedores aprovados exibam determinadas máscaras faciais respiratórias nas nossas plataformas de compras. As máscaras N95 serão aprovadas para exibição apenas nos EUA. As máscaras derivadas da N95 (KN95, FFP2 e KF94) serão aprovadas para exibição no mundo todo. Para impedir que máscaras falsificadas sejam vendidas, os comerciantes e fornecedores precisarão ser aprovados para exibir ofertas. Nesse processo, seja nos EUA ou em outros países, os comerciantes e fornecedores precisarão enviar para revisão informações da empresa e dos produtos. Para receber a aprovação do Project N95 que permite anunciar máscaras desse tipo, inscreva-se aqui. Já no caso da aprovação pela LegitScript para máscaras derivadas da N95, inscreva-se aqui (links em inglês).

[28 de julho de 2021] Expansão do acesso à publicidade personalizada

Em abril de 2021, concedemos permissão para que um número limitado de organizações governamentais promovessem conteúdo relacionado à COVID-19 que estivesse em conformidade com nossa política de publicidade personalizada. Isso incluía informações da vacina contra a COVID-19, atualizações sobre protocolos de segurança e dados mais amplos e essenciais das empresas para os clientes.

Agora estamos expandindo esse acesso para organizações governamentais, incluindo ministérios, departamentos, agências ou órgãos oficiais e reconhecidos do governo. Essas entidades e organizações agora estão qualificadas para exibir anúncios personalizados relacionados à COVID-19 que estiverem em conformidade com nossas políticas.

Nos próximos meses, continuaremos revisando nossa política e os processos de aplicação dela para incluir gradualmente mais anunciantes nesse grupo.

[29 de abril de 2021] Como ativar o conteúdo permitido de anúncios personalizados

Para garantir que nossos usuários tenham acesso a informações sobre a prevenção da COVID-19, algumas entidades poderão exibir anúncios personalizados para conteúdo relacionado à COVID-19 que obedecer à nossa política de publicidade personalizada. Isso inclui informações da vacina contra a COVID-19, atualizações sobre protocolos de segurança e dados mais amplos e essenciais das empresas para os clientes.

Todo o conteúdo sobre a COVID-19 nos anúncios personalizados foram bloqueados de acordo com nossa política de eventos sensíveis. Conteúdo de saúde normalmente preventivo, incluindo informações sobre vacinas, em geral é permitido pela política de anúncios personalizados. Com essa atualização, agora os anúncios personalizados podem ser usados por um grupo de entidades para promover conteúdo sobre a COVID-19 que obedecer à política. Continuaremos proibindo a personalização com base em conteúdo de saúde pessoal, o que inclui materiais associados a status ou informações pessoais de saúde. Isso sempre será proibido pela política padrão de publicidade personalizada do Google.

Inicialmente, vamos permitir a exibição de anúncios personalizados de um número limitado de organizações governamentais que quiserem divulgar informações relevantes para o público. Continuaremos avaliando nossos processos de aplicação da política e, nos próximos meses, adicionaremos mais anunciantes gradualmente a esse grupo, incluindo prestadores de cuidados de saúde, organizações não governamentais e intergovernamentais, anunciantes verificados de publicidade eleitoral e contas gerenciadas pelo setor privado com um bom histórico de conformidade com a política.

[4 de março de 2021] Atualização da nossa política de restrições relacionadas a máscaras

Agora os anunciantes podem promover máscaras cirúrgicas e outros modelos diferentes do N95 (e equivalentes). Ainda proibimos anúncios voltados à venda de máscaras N95, KN95, FFP2, FFP3, PFF2, PFF3 e KF94 devido à escassez global de EPIs para profissionais de saúde.

[15 de junho de 2020] Restrição à venda de máscaras que podem ser vitais para profissionais de saúde durante o surto da doença causada pelo coronavírus (COVID-19):

Estamos aplicando uma restrição temporária à promoção de máscaras que podem ser vitais para os profissionais de saúde durante a resposta à COVID-19 a fim de impedir a veiculação de publicidade que possa lucrar com a pandemia. Essa decisão é para evitar a escassez global no fornecimento de produtos essenciais ao enfrentamento da COVID-19, com base na nossa"política de eventos sensíveis", que faz parte da política de conteúdo inadequado.

Permitiremos anúncios que promovam máscaras feitas exclusivamente de tecido. Máscaras com outros recursos ou dispositivos não serão permitidas.

Estamos tomando medidas adicionais para evitar o aumento artificial de preços que limitem ou impeçam o acesso a outros itens essenciais na Rede do Google.

[30 de março de 2020] Atualização da nossa política de eventos sensíveis

Em março de 2020, esclarecemos que qualquer "emergência de saúde pública" será tratada como um evento sensível. Para mais informações, consulte apolítica em questão, que faz parte da Política de conteúdo inadequado.

Qualificação do anunciante para veicular anúncios relacionados à COVID-19

Para garantir que nossos usuários tenham acesso a informações essenciais sobre a COVID-19, algumas entidades agora podem exibir anúncios relacionados a essa doença. 

No momento, permitimos anúncios de provedores de cuidados de saúde; organizações governamentais, internacionais e não governamentais; anunciantes verificados de publicidade eleitoral; e contas gerenciadas do setor privado com um bom histórico de conformidade com as políticas que gostariam de divulgar informações relevantes à população. Continuamos avaliando nossa política e os processos de restrição à medida que a situação evolui para incluir mais anunciantes nas próximas semanas. 

Garantia da privacidade dos nossos usuários:

Para garantir a privacidade e a segurança dos usuários, continuaremos proibindo a segmentação por público-alvo em conteúdo relacionado à COVID-19, com base na política de anúncios personalizados

Proteção dos nossos colaboradores terceirizados e da comunidade:

Estamos tomando medidas para priorizar o bem-estar dos nossos funcionários, dos colaboradores terceirizados e das comunidades onde eles vivem, incluindo a redução do número de equipes que trabalham em certos locais. Isso pode gerar atrasos no suporte para os usuários, anunciantes e editores. 

Perguntas frequentes

Onde encontro mais informações sobre a COVID-19?

A Organização Mundial da Saúde tem informações e orientações atualizadas sobre o surto da COVID-19.

Como o Google Ads continuará a me informar sobre futuras mudanças na plataforma relacionadas à COVID-19?

A pandemia da COVID-19 evolui a cada dia, e nosso compromisso é dar atualizações sobre esse assunto, incluindo qualquer mudança que possa afetar nossos processos e sistemas de suporte. 

Para ficar a par dos possíveis impactos, volte a consultar este artigo. Ele será atualizado regularmente.

Como o Google Ads está combatendo as informações falsas sobre a COVID-19?

Estamos trabalhando para remover com rapidez os anúncios que violam nossas políticas, incluindo aqueles que incentivam as pessoas a não buscar tratamento médico ou que afirmam que substâncias nocivas fazem bem à saúde.

Se você encontrar um anúncio que viole essa política, denuncie-o. Para saber como denunciar violações, acesse este link.

Como os anunciantes podem garantir que os anúncios obedecem à política?
Verifique se você está em conformidade com nossas políticas, incluindo as do Google Ads. Se o conteúdo do anúncio tiver alguma violação, ele será removido. Por exemplo, afirmar que substâncias ou tratamentos nocivos podem trazer benefícios à saúde ou violar nossas Políticas de conteúdo inadequado.
Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?

Precisa de mais ajuda?

Faça login e veja mais opções de suporte para resolver o problema rapidamente.

Pesquisa
Limpar pesquisa
Fechar pesquisa
Google Apps
Menu principal
Pesquisar na Central de Ajuda
true
73067
false