Acerca do tráfego inválido

"Tráfego inválido" refere-se a cliques e impressões de anúncios que suspeitamos não resultarem de um interesse genuíno por parte dos utilizadores. São exemplos de tráfego inválido cliques e impressões gerados por ferramentas automáticas, assim como cliques acidentais (por exemplo, se alguém clicar duas vezes no seu anúncio). Não cobramos as impressões e os cliques inválidos, uma vez que consideramos que têm pouco ou nenhum valor.

Tipos de tráfego inválido

Seguem-se alguns tipos de cliques e impressões que consideramos inválidos:

  • Cliques acidentais que não fornecem qualquer valor, como o segundo clique de um duplo clique
  • Cliques manuais destinados a aumentar os custos com publicidade de alguém
  • Cliques manuais destinados a aumentar os lucros dos proprietários dos Websites que alojam os seus anúncios
  • Cliques e impressões gerados por ferramentas automatizadas, robôs ou outro software fraudulento
  • Impressões destinadas a reduzir artificialmente a taxa de cliques (CTR) de um anunciante

Como a Google o protege contra o tráfego inválido

Ajudamos a proteger os anunciantes contra o tráfego inválido ao trabalhar para isolar, filtrar e excluir as interações potencialmente inválidas antes de chegarem aos relatórios da sua conta. Todas as interações em anúncios são examinadas pelo nosso sistema. A Google examina vários pontos de dados relativamente a cada interação, incluindo o endereço IP, a hora da interação, quaisquer interações duplicadas e outros padrões relativos a interações. Em seguida, o nosso sistema analisa estes fatores para tentar isolar, filtrar e excluir as interações potencialmente inválidas antes de estas aparecerem na sua conta.

Mais acerca da proteção da Google contra o tráfego inválido.

Como a Google processa o tráfego inválido

Quando o nosso sistema deteta tráfego inválido nos seus anúncios, filtra-o e exclui-o automaticamente dos seus relatórios, para que não tenha de o pagar. No entanto, continua a ter a opção de ver dados de tráfego inválido, se o pretender. 

Se encontrarmos interações inválidas que eventualmente tenham escapado à nossa deteção automática nos dois últimos meses, iremos dar-lhe um crédito por estas interações. Para ver estes créditos por interações inválidas:

  1. Inicie sessão na sua conta do Google Ads
  2. Clique no ícone de ferramentas  no canto superior direito da conta. 
  3. Em "Configuração", selecione Faturação e pagamentos

Quaisquer créditos de interações inválidas recebidos são etiquetados como "Atividade inválida" na página de histórico de transações e serão creditados ao anunciante.

Se encontrarmos quaisquer impressões inválidas na sua conta, estes dados não afetarão a CTR utilizada para determinar o Índice de qualidade da sua palavra-chave.

O editor de relatórios

O editor de relatórios é uma ferramenta de análise que lhe permite interagir com os seus dados através de tabelas e gráficos multidimensionais.

  • Interface de arrastar e largar simples: permite-lhe criar e processar rapidamente tabelas e gráficos multidimensionais, o que reduz a necessidade de transferir os seus dados para os analisar de forma mais aprofundada. 
  • Análise de vários segmentos: permite-lhe processar os seus dados com um maior nível de detalhe nas tabelas e nos gráficos.
  • Gráficos personalizados: permitem-lhe visualizar rapidamente os padrões e as tendências nos seus dados.
  • Filtragem e ordenação avançadas: permitem-lhe filtrar métricas segmentadas (por exemplo, cliques provenientes de dispositivos móveis) e ordená-las por várias colunas.

Saiba como explorar os seus dados com o editor de relatórios.

Monitorizar tráfego inválido pessoalmente

Se estiver preocupado com as interações inválidas na sua conta, existem várias ações que pode efetuar para monitorizar a atividade da conta.

  • Acompanhar as interações inválidas nas estatísticas da sua conta: tal como descrito na secção acima, adicione as colunas de dados de interações inválidas à tabela das estatísticas da campanha para ver o número e a percentagem de interações inválidas na sua conta. Não se esqueça de que estas interações não são cobradas, pelo que não afetam as estatísticas da sua conta.
  • Otimizar a sua conta: a primeira medida que pode pôr em prática para se proteger contra a atividade inválida é otimizar a sua conta para que os seus anúncios recebam apenas os cliques e as impressões mais segmentados. Tenha em atenção que a taxa de conversão é um dos melhores indicadores de uma publicidade de sucesso. Identificar e corrigir áreas de conversão reduzida na sua conta também irá ajudar a identificar potenciais áreas de atividade inválida.
  • Monitorizar a sua conta com o Google Analytics: o Google Analytics é uma ferramenta gratuita que ajuda a monitorizar as várias vertentes da sua conta do Google Ads, incluindo a taxa de conversão, o comportamento dos visitantes e o desempenho da campanha. O Google Analytics fornece relatórios que pode utilizar para refinar o tráfego gerado para os seus anúncios. Pode também utilizar a etiquetagem automática para ajudar a acompanhar o desempenho das suas palavras-chave.
  • Monitorizar as taxas de conversão na Rede de Display: para campanhas com inclusão da Rede de Display, monitorize as taxas de conversão dos anúncios em sites da Rede de Display com o relatório de posicionamentos. Se verificar que os cliques da Rede de Display não estão a gerar conversões de forma tão satisfatória quanto os cliques provenientes do Google ou da Rede de Pesquisa, considere reduzir os seus lances para a Rede de Display. Se constatar que um determinado site da Rede de Display não está a gerar conversões de forma satisfatória, considere excluí-lo da sua campanha.
Taxas de conversão baixas

Uma taxa de conversão baixa nem sempre significa que está a obter interações inválidas. Há uma série de fatores diferentes que podem conduzir a elevados níveis de tráfego, mas relativamente poucas vendas. Seguem-se algumas causas e soluções habituais para taxas de conversão baixas:

  • As alterações das condições de mercado, do comportamento dos utilizadores e de conteúdo da Web podem afetar o desempenho da sua campanha. Alguns dos nossos anunciantes registam um retorno do investimento (ROI) mais baixo quando os seus setores enfrentam uma concorrência crescente no mercado de publicidade da Internet. Recomendamos que monitorize de perto o ROI relativo a cada uma das suas palavras-chave e dos seus anúncios e que ajuste os lances em conformidade dentro do orçamento adequado para a sua empresa. Saiba como licitar de forma estratégica pode maximizar o seu ROI.
  • Os sites de navegação difícil podem afastar potenciais clientes. Considere avaliar o design, o esquema e a funcionalidade global do seu site. Com o Google Analytics, pode ver se os visitantes abandonam habitualmente o seu Website num determinado ponto antes de efetuarem uma compra.
  • As suas palavras-chave e o texto do anúncio podem não ser suficientemente específicos. Se utilizar palavras-chave e um texto do anúncio genéricos, uma pessoa poderá chegar ao seu site com a expectativa de encontrar algo que não é oferecido pela sua empresa. A utilização de palavras-chave e de um texto do anúncio mais segmentados ajudará a garantir a apresentação dos anúncios apenas a clientes interessados no seu produto ou serviço.
  • A sua campanha pode não estar otimizada para a Rede de Display: se a sua campanha incluir a Rede de Display, mas não estiver otimizada, os anúncios poderão ser apresentados em sites da Rede de Display irrelevantes para os produtos ou serviços anunciados. É mais provável que os visitantes efetuem uma compra no seu Website se os anúncios estiverem relacionados com os sites em que estão a navegar. Para obter os melhores resultados, é importante que cada um dos seus grupos de anúncios contenha uma lista de palavras-chave curta e específica, direcionada para apenas um produto ou serviço. Saiba mais acerca da otimização para a Rede de Display.

Mais acerca de como compreender melhor o tráfego dos seus anúncios.

Vários cliques do mesmo endereço IP

Vários cliques do mesmo endereço IP não sugerem necessariamente atividade inválida. Há uma série de motivos possíveis para que isso aconteça:

  • Visitas de retorno: os utilizadores poderão clicar no anúncio mais do que uma vez, se estiverem a comparar preços ou se voltarem ao seu site para obter mais informações.
  • Endereços IP partilhados: vários cliques de uma única origem podem resultar da atribuição de endereços IP idênticos a vários utilizadores pelo fornecedor de serviços de Internet (ISP). Alguns ISPs distribuem um número relativamente pequeno de endereços IP partilhados e rotativos por um grande número de utilizadores. Por conseguinte, vários visitantes podem aceder ao seu site a partir de endereços IP idênticos, dando a impressão de que se trata de cliques repetidos de um único visitante.
  • Registos do servidor Web: os registos do servidor Web do seu site incluem dados de todos os visitantes do site e não apenas dos utilizadores que acederam ao mesmo após um clique num anúncio. Pode consultar os referenciadores "Google.com" dos visitantes que acederam ao site através dos resultados da Pesquisa Google e não do seu anúncio. Fique descansado que apenas cobraremos os cliques recebidos pelo seu anúncio.
  • Software de terceiros: descobrimos que algum software de geração de relatórios regista cliques entre páginas à medida que um visitante navega no Website. Por conseguinte, pode parecer que recebeu um grande número de cliques do mesmo visitante num curto período de tempo. Para obter uma forma mais exata de acompanhar apenas os cliques do Google Ads, recomendamos a utilização da etiquetagem automática.
Cliques do Google

Os cliques em anúncios efetuados a partir do Google não são cobrados na sua conta. Pode ver esta atividade nos registos do seu servidor Web, mas asseguramos que não irá ser cobrada. O mesmo se aplica aos robôs de rastreio da Web da Google.

Motivos comuns para um maior tráfego

O facto de ver um pico no número de cliques ou impressões na sua conta nem sempre significa que os anúncios são afetados por tráfego inválido. Na maioria dos casos, estes picos de tráfego têm outras causas.

Exemplos das causas de um aumento no tráfego:

  • Alterações no orçamento diário: se aumentar o orçamento diário das suas campanhas, tal permitirá que os anúncios obtenham mais impressões e, naturalmente, mais cliques.
  • Alterações no CPC máximo de palavras-chave: o aumento do CPC (custo por clique) máximo de uma ou mais das palavras-chave poderá permitir a apresentação mais frequente dos seus anúncios. Também poderá permitir a apresentação dos anúncios numa posição superior à que tinham anteriormente. Isto também se aplica aos anúncios apresentados na Rede de Display, um CPC mais elevado pode resultar numa posição superior e, consequentemente, em mais impressões e cliques.
  • Adicionar novas palavras-chave: o facto de adicionar novas palavras-chave à campanha, sobretudo se as mesmas forem bastante genéricas ou corresponderem a consultas de pesquisa populares, pode aumentar o número de impressões e cliques recebidos.
  • Os anúncios são apresentados em novos sites da Rede de Display: se a sua campanha de publicidade utilizar posicionamentos automáticos e tiver um orçamento diário suficiente, o tráfego dos anúncios pode aumentar significativamente se começarem a ser apresentados no site de um novo publicador.
  • Tendências sazonais ou eventos relacionados com notícias: por vezes, um aumento repentino do interesse num tópico específico pode causar um aumento no tráfego. Por exemplo, se for um feriado especial ou se uma celebridade escrever algo num blogue ou falar de um determinado tópico.

Mais acerca dos motivos válidos para aumentos no tráfego

Comunicar tráfego inválido

Existem muitos motivos comuns para o aumento de tráfego que não envolvem interações inválidas. No entanto, se suspeitar que a sua conta está de facto a ser afetada por atividade de interações inválidas, iremos investigá-la.

A nossa equipa de especialistas utiliza diversos sinais, incluindo informações de cliques e impressões, para identificar origens de atividade inválida. Como consequência do grande número de pontos de dados analisados, poderemos demorar vários dias úteis a concluir a investigação da sua conta. Quando solicitar uma investigação, partilhe o máximo de informações possível acerca do tráfego que o preocupa.

Mais acerca de como solicitar uma investigação de cliques

Links relacionados

 

 

A informação foi útil?
Como podemos melhorá-la?

Precisa de mais ajuda?

Inicie sessão para obter opções de apoio técnico adicionais e resolver rapidamente o seu problema.