Sobre a segmentação de locais geográficos

Segmente seus anúncios para as pessoas que estejam localizadas em áreas onde sua empresa atua ou que demonstrem interesse nesses locais. É possível escolher entre exibir o anúncio na localização física do usuário, nos lugares de interesse dele ou em ambos. A segmentação por local ajuda a garantir que os anúncios sejam relevantes para as pessoas que os visualizam. Dessa forma, você pode otimizar o valor da sua campanha.

Onde seus usuários estão ou costumam estar (localização física)

O sistema do Google Ads utiliza uma série de fatores para determinar a localização física de uma pessoa e se seu anúncio será exibido. Quando possível, determinamos o lugar com base na localização do dispositivo móvel ou computador do usuário, entre outros métodos.

  • Endereço IP:

    Normalmente, a localização se baseia no endereço IP, que é um número exclusivo atribuído por Provedores de acesso à Internet a cada computador conectado à Internet.

    Se um dispositivo está conectado a uma rede Wi-Fi, podemos detectar o endereço IP dessa rede para determinar a localização física. Se um dispositivo móvel está conectado ao servidor proxy de uma operadora de celular, podemos usar o IP dessa operadora para determinar a localização do dispositivo.

  • Localização do dispositivo:

    Dependendo das configurações de localização de um usuário, podemos usar uma localização precisa para publicidade com base em uma das seguintes origens de dados de localização:

    • GPS: a precisão varia de acordo com a conexão e o sinal do GPS.
    • Wi-Fi: A precisão deve ser semelhante ao alcance de acesso de um roteador Wi-Fi típico.
    • Bluetooth: caso o Bluetooth e/ou a verificação Bluetooth estejam ativados no dispositivo, um sinal de transmissão pública pode indicar a localização de maneira precisa.
    • Banco de dados de localização por ID de celular (torre de celular) do Google: usado quando não houver Wi-Fi ou GPS. A precisão depende da quantidade de torres na região e dos dados disponíveis. Alguns dispositivos não são compatíveis com a localização por ID.
Locais em que seus usuários demonstraram interesse (local de interesse)

Se o sistema do Google Ads detectar áreas geográficas em que alguém demonstrou interesse, poderemos exibir anúncios apropriados segmentados para elas ou regiões ao redor ("local de interesse").

Estas são algumas das maneiras usadas para detectar um local de interesse:

  • Termos usados em pesquisas que indicam um local.
  • Pesquisas anteriores que indicaram um local de interesse.
  • As localizações físicas anteriores de um usuário.
  • O conteúdo e o contexto de um site no qual um anúncio é exibido. Lembre-se de que a menção de um local em uma página nem sempre indica um interesse nesse local.
  • Pesquisas no Google Maps para computadores ou dispositivos móveis.
  • Se alguém define um local personalizado para os resultados de pesquisa do Google.

Na Rede de Display do Google, nós deduzimos um local associado a uma página ou a um site quando acreditamos que ele será útil para a segmentação dos seus anúncios. Um local mencionado em determinada página nem sempre indica o interesse nesse local. Por exemplo, um usuário que lê notícias sobre São Francisco não está necessariamente interessado em anúncios de floristas em São Francisco. De maneira semelhante, podemos deduzir que existe interesse em um local, mesmo que ele não seja mencionado especificamente em uma página, se o contexto do site inteiro indicar um interesse nesse local.

O local de interesse não é restrito ao país de um usuário ou ao domínio da Pesquisa Google onde ele faz buscas. Por exemplo, se alguém em Paris, na França, pesquisar táxi em Los Angeles em google.fr (França), continuaremos considerando Los Angeles um local de interesse.

Opções de local avançadas

O padrão para a opção de local avançada no Google Ads usa o local físico (onde o usuário está ou costuma frequentar) e / ou de interesse para determinar onde os anúncios podem ser exibidos. Você pode atualizar suas opções a qualquer momento.

Áreas relacionadas

Quando você segmenta uma área, seu anúncio também aparece para clientes que estão em áreas próximas e estreitamente relacionadas, que normalmente não seriam segmentadas devido à baixa população, aos dados insuficientes sobre a região ou à indisponibilidade do nível de segmentação em questão. Por exemplo, se você segmentar a cidade de São Paulo, também poderemos exibir os anúncios para pessoas em municípios da Grande São Paulo.

Lembrete
A segmentação por local se baseia em diversos indicadores, incluindo as configurações, os dispositivos e o comportamento do usuário na nossa plataforma. Ela é a melhor maneira de veicular anúncios aos usuários do Google que atendem às suas configurações de localização. Como esses indicadores variam, não é possível garantir 100% de precisão em todas as situações.

Como sempre, você deve verificar suas métricas de desempenho gerais para que as configurações atendam às metas de publicidade e deve alterá-las conforme necessário.

Isso foi útil?

Como podemos melhorá-lo?
Pesquisa
Limpar pesquisa
Fechar pesquisa
Google Apps
Menu principal