Sobre as configurações de pagamento no Google Ads

 

De acordo com as regulamentações do Banco da Reserva da Índia (RBI, na sigla em inglês), os pagamentos automáticos ficarão temporariamente indisponíveis para novas contas do Google Ads até segunda ordem.

Saiba mais sobre as mudanças temporárias nos pagamentos automáticos na Índia.

As configurações de pagamento definem quando você paga pelos anúncios. O Google Ads oferece três configurações principais de pagamentos no seu país: pagamentos automáticos, pagamentos manuais e faturamento mensal.

  • Pagamentos automáticos: depois que os anúncios são exibidos, o Google Ads faz a cobrança automaticamente na sua forma de pagamento.

  • Pagamentos manuais: você faz um pagamento antes da exibição dos anúncios. Então, à medida que eles forem exibidos e os custos acumularem, o crédito adicionado diminuirá. Quando o valor do pagamento acabar, a exibição deles será interrompida.

  • Faturamento mensal: o Google disponibiliza uma linha de crédito para seus custos de publicidade. Você acumula custos e recebe uma fatura mensal.

A configuração de pagamento disponível para sua conta depende do país e da moeda definidos. Há casos em que algumas configurações de pagamento ficam temporariamente indisponíveis enquanto o Google Ads verifica se a conta pode usá-las.

Este artigo explica essas configurações de pagamento e mostra como elas funcionam. Para saber mais sobre as formas de pagamento, leia Adicionar uma nova forma de pagamento.

Pagamentos automáticos
A configuração de pagamentos automáticos não está disponível para contas da China ou da Rússia. Se você não conseguir localizar essa opção na sua conta, selecione os pagamentos manuais.

Pagamentos automáticos é uma configuração disponível no Google Ads. Com ela, você acumula custos de publicidade que são cobrados depois, automaticamente, na sua forma de pagamento principal.

Para começar, você fornece suas informações de faturamento uma vez e os pagamentos são processados automaticamente. Assim, não é preciso se preocupar com a interrupção da exibição dos seus anúncios caso você se esqueça de efetuar um pagamento.

Quando a cobrança é feita?

Com a opção de pagamentos automáticos, você receberá a fatura dos seus custos de publicidade mensalmente no primeiro dia de cada mês ou sempre que a conta alcançar um valor predefinido conhecido como limite mínimo de pagamento.

 

Limites gerais e de pagamento no primeiro mês

Como o limite mínimo de pagamento funciona

Seu limite mínimo de pagamento é definido inicialmente com um determinado valor. Cada vez que sua conta atinge esse valor antes do fim do mês, o limite aumenta. Os limites variam de acordo com a conta, o país e a moeda, então verifique o valor atual na sua conta. O montante faturado poderá exceder um pouco o limite se a conta acumular custos rapidamente.

Exemplo

Suponha que você esteja começando a usar sua conta do Google Ads no dia 31 de agosto com um limite inicial de US$ 50. Se acumular US$ 49 em custos até 30 de setembro, você receberá uma cobrança nessa data, e seu limite continuará sendo US$ 50 no próximo ciclo de faturamento mensal.

Payment at day 30

No entanto, veja a seguir o que acontecerá se você acumular US$ 50,00 em custos antes do fim do mês:

  • A cobrança será efetuada imediatamente.
  • Seu limite aumentará para o próximo valor de limite, por exemplo, US$ 200.

Payment at Threshold

Exemplo

Digamos que Alan, um anunciante, abra uma conta do Google Ads com um limite de US$ 50,00 e comece a acumular custos em 1º de outubro. Veja como será a cobrança e como o limite mudará:

  • Em 5 de outubro, Alan atinge seu limite mínimo de pagamento inicial de US$ 50,00. Nesse momento, realizamos a cobrança dos custos, que poderá exceder um pouco esse limite, se ele tiver acumulado custos rapidamente. O limite mínimo de pagamento do Alan aumentará para US$ 200.
  • Em 23 de outubro, ele atinge o novo limite mínimo de pagamento de US$ 200, acionando a cobrança do Google Ads dos custos acumulados. Em seguida, o Google aumentará novamente o limite mínimo para US$ 350, e Alan continuará acumulando custos.
  • Em 1º de novembro, o Google cobra Alan pelos custos acumulados desde o último aumento do limite mínimo de pagamento, em 23 de outubro.
  • Em 20 de novembro, Alan acumula mais de US$ 350 em custos. O Google faz a cobrança e aumenta o limite mínimo de pagamento dele para US$ 500,00.
  • A próxima cobrança do Alan começará em 1º de de dezembro.

Encontrar seu limite mínimo de pagamento

Para descobrir qual é seu limite mínimo de pagamento, siga estas etapas:

  1. Faça login na sua conta do Google Ads em https://ads.google.com.
  2. Clique no ícone de ferramentas Google Ads | ferramentas [Icon] e, em "Faturamento", escolha Resumo.
  3. O limite mínimo de pagamento fica na seção "Seu saldo", na barra de progresso.

Você não receberá nenhum e-mail ou notificação quando o limite mínimo de pagamento aumentar, por isso, lembre-se de consultá-lo sempre.

Se você quiser reduzir a frequência com que recebe as cobranças ou preferir acumular valores maiores, veja como alterar a frequência das cobranças.

Dicas

  • Você pode usar pagamentos manuais mesmo que esteja usando a configuração de pagamentos automáticos. O valor será usado para cliques futuros e antecipará ou atrasará a próxima cobrança automática.
  • Se você quiser reduzir o valor cobrado na sua forma de pagamento principal, faça um pagamento manual usando outro método.
  • Para evitar que a exibição dos seus anúncios seja interrompida por causa de um pagamento recusado, recomendamos que configure uma forma de pagamento alternativa. Se sua forma de pagamento principal não funcionar por algum motivo, faremos a cobrança no seu cartão de crédito alternativo para garantir que os anúncios continuem em exibição.
Pagamentos manuais
A configuração de pagamentos manuais não está disponível para novas contas nos países e territórios listados. Se você não encontrar essa opção ao se inscrever, escolha os pagamentos automáticos para concluir a criação da sua conta. Não é possível fazer a migração para pagamentos manuais nesses países e territórios.

Países e territórios
Américas África Europa Oriente Médio Ásia/Pacífico
  • Anguila
  • Antígua e Barbuda
  • Aruba
  • Bahamas
  • Barbados
  • Belize
  • Bermudas
  • Canadá
  • Ilhas Cayman
  • Chile
  • Costa Rica
  • Dominica
  • Guiana Francesa
  • Granada
  • Guadalupe
  • Guatemala
  • Guiana
  • Haiti
  • Montserrat
  • Nicarágua
  • Paraguai
  • Santa Lúcia
  • Saint-Pierre e Miquelon
  • Suriname
  • Trinidad e Tobago
  • Estados Unidos
  • Ilhas Menores Distantes dos Estados Unidos
  • Uruguai
  • Ilhas Virgens Britânicas
  • Ilhas Virgens (EUA)

 

 

 

*Antártida

  • Angola
  • Burquina Faso
  • Burundi
  • Cabo Verde
  • República Centro-Africana
  • Comores
  • Congo
  • República Democrática do Congo
  • Guiné Equatorial
  • Eritreia
  • Etiópia
  • Gabão
  • Gâmbia
  • Guiné-Bissau
  • Lesoto
  • Libéria
  • Líbia
  • Madagascar
  • Malauí
  • Mali
  • Mauritânia
  • Maurício
  • Mayotte
  • Moçambique
  • Namíbia
  • Niger
  • Reunião
  • Ruanda
  • São Tomé e Príncipe
  • Senegal
  • Seichelles
  • Serra Leoa
  • Somália
  • África do Sul
  • Suazilândia
  • Togo
  • Saara Ocidental
  • Zâmbia
  • Albânia
  • Andorra
  • Áustria
  • Bélgica
  • Bósnia e Herzegovina
  • República Tcheca
  • Dinamarca
  • Estônia
  • Ilhas Faroé
  • Finlândia
  • França
  • Geórgia
  • Alemanha
  • Gibraltar
  • Grécia
  • Groenlândia
  • Hungria
  • Islândia
  • Irlanda
  • Itália
  • Liechtenstein
  • Lituânia
  • Luxemburgo
  • Macedônia
  • Malta
  • Moldávia
  • Mônaco
  • Países Baixos
  • Noruega
  • Polônia
  • Portugal
  • San Marino
  • Sérvia
  • Eslovênia
  • Espanha
  • Ilhas Svalbard e Jan Mayen
  • Suécia
  • Suíça
  • Reino Unido
  • Armênia
  • Barein
  • Israel
  • Líbano
  • Arábia Saudita
  • Tajiquistão
  • Turcomenistão
  • Emirados Árabes Unidos
  • Samoa Americana
  • Austrália
  • Butão
  • Brunei Darussalam
  • Timor Leste
  • Fiji
  • Polinésia Francesa
  • Territórios Franceses do Sul
  • Guam
  • Hong Kong
  • Japão
  • República Democrática Popular do Laos
  • Malásia
  • Micronésia
  • Mongólia
  • Mianmar
  • Nauru
  • Nova Caledônia
  • Nova Zelândia
  • Niue
  • Ilha Norfolk
  • Ilhas Marianas do Norte
  • Palau
  • Papua Nova Guiné
  • Samoa
  • Singapura
  • Ilhas Salomão
  • Geórgia do Sul e Ilhas Sandwich do Sul
  • Toquelau
  • Tonga
  • Vanuatu
  • Ilhas Wallis e Futuna

Pagamentos manuais é uma configuração do Google Ads que permite efetuar pagamentos antes da exibição dos anúncios. Veja como funciona:

  1. Efetue um pagamento para o Google Ads.
  2. Seus anúncios são exibidos pouco tempo depois do recebimento do pagamento.
  3. Você acumula custos, que são deduzidos do seu pagamento.

Se você tiver dinheiro na sua conta para pagar pelos anúncios, eles serão exibidos. Não se esqueça de adicionar fundos à sua conta. Para ajudar, enviaremos um e-mail quando o valor atual da sua conta estiver baixo (com orçamento suficiente para cerca de uma semana) e quando ele acabar.

Faturamento mensal

Uma configuração de pagamento em que o Google fornece uma linha de crédito para seus custos de publicidade. Você pode pagar usando cheque, transferência bancária ou outra forma de pagamento, dependendo da sua localização.

Você estará qualificado para usar o faturamento mensal se sua empresa atender a determinados requisitos. Veja alguns deles a seguir:

  • Ser uma empresa registrada há, no mínimo, um ano

  • Ter uma conta ativa do Google Ads em situação regular por, no mínimo, um ano

  • Gastar no mínimo US$ 5.000 por mês (esse valor varia de acordo com o país) em 3 dos últimos 12 meses

Se você atende a esses requisitos iniciais e quer se inscrever no faturamento mensal, fale conosco.

As configurações de pagamento definem quando você paga pelos anúncios. O Google Ads oferece duas configurações de pagamento no seu país: pagamentos manuais e faturamento mensal.

  • Pagamentos manuais: você faz um pagamento antes da exibição dos anúncios. Então, à medida que eles forem exibidos e os custos acumularem, o crédito adicionado diminuirá. Quando o valor do pagamento acabar, a exibição deles será interrompida.

  • Faturamento mensal: o Google disponibiliza uma linha de crédito para seus custos de publicidade. Você acumula custos e recebe uma fatura mensal.

A configuração de pagamento disponível para sua conta depende do país e da moeda definidos. Há casos em que algumas configurações de pagamento ficam temporariamente indisponíveis enquanto o Google Ads verifica se a conta pode usá-las.

Este artigo explica essas configurações de pagamento e mostra como elas funcionam. Para saber mais sobre as formas de pagamento, leia Adicionar uma nova forma de pagamento.

Pagamentos manuais
A configuração de pagamentos manuais não está disponível para novas contas nos países e territórios listados. Se você não encontrar essa opção ao se inscrever, escolha os pagamentos automáticos para concluir a criação da sua conta. Não é possível fazer a migração para pagamentos manuais nesses países e territórios.

Países e territórios
Américas África Europa Oriente Médio Ásia/Pacífico
  • Anguila
  • Antígua e Barbuda
  • Aruba
  • Bahamas
  • Barbados
  • Belize
  • Bermudas
  • Canadá
  • Ilhas Cayman
  • Chile
  • Costa Rica
  • Dominica
  • Guiana Francesa
  • Granada
  • Guadalupe
  • Guatemala
  • Guiana
  • Haiti
  • Montserrat
  • Nicarágua
  • Paraguai
  • Santa Lúcia
  • Saint-Pierre e Miquelon
  • Suriname
  • Trinidad e Tobago
  • Estados Unidos
  • Ilhas Menores Distantes dos Estados Unidos
  • Uruguai
  • Ilhas Virgens Britânicas
  • Ilhas Virgens (EUA)

 

 

 

*Antártida

  • Angola
  • Burquina Faso
  • Burundi
  • Cabo Verde
  • República Centro-Africana
  • Comores
  • Congo
  • República Democrática do Congo
  • Guiné Equatorial
  • Eritreia
  • Etiópia
  • Gabão
  • Gâmbia
  • Guiné-Bissau
  • Lesoto
  • Libéria
  • Líbia
  • Madagascar
  • Malauí
  • Mali
  • Mauritânia
  • Maurício
  • Mayotte
  • Moçambique
  • Namíbia
  • Niger
  • Reunião
  • Ruanda
  • São Tomé e Príncipe
  • Senegal
  • Seichelles
  • Serra Leoa
  • Somália
  • África do Sul
  • Suazilândia
  • Togo
  • Saara Ocidental
  • Zâmbia
  • Albânia
  • Andorra
  • Áustria
  • Bélgica
  • Bósnia e Herzegovina
  • República Tcheca
  • Dinamarca
  • Estônia
  • Ilhas Faroé
  • Finlândia
  • França
  • Geórgia
  • Alemanha
  • Gibraltar
  • Grécia
  • Groenlândia
  • Hungria
  • Islândia
  • Irlanda
  • Itália
  • Liechtenstein
  • Lituânia
  • Luxemburgo
  • Macedônia
  • Malta
  • Moldávia
  • Mônaco
  • Países Baixos
  • Noruega
  • Polônia
  • Portugal
  • San Marino
  • Sérvia
  • Eslovênia
  • Espanha
  • Ilhas Svalbard e Jan Mayen
  • Suécia
  • Suíça
  • Reino Unido
  • Armênia
  • Barein
  • Israel
  • Líbano
  • Arábia Saudita
  • Tajiquistão
  • Turcomenistão
  • Emirados Árabes Unidos
  • Samoa Americana
  • Austrália
  • Butão
  • Brunei Darussalam
  • Timor Leste
  • Fiji
  • Polinésia Francesa
  • Territórios Franceses do Sul
  • Guam
  • Hong Kong
  • Japão
  • República Democrática Popular do Laos
  • Malásia
  • Micronésia
  • Mongólia
  • Mianmar
  • Nauru
  • Nova Caledônia
  • Nova Zelândia
  • Niue
  • Ilha Norfolk
  • Ilhas Marianas do Norte
  • Palau
  • Papua Nova Guiné
  • Samoa
  • Singapura
  • Ilhas Salomão
  • Geórgia do Sul e Ilhas Sandwich do Sul
  • Toquelau
  • Tonga
  • Vanuatu
  • Ilhas Wallis e Futuna

Pagamentos manuais é uma configuração do Google Ads que permite efetuar pagamentos antes da exibição dos anúncios. Veja como funciona:

  1. Efetue um pagamento para o Google Ads.
  2. Seus anúncios são exibidos pouco tempo depois do recebimento do pagamento.
  3. Você acumula custos, que são deduzidos do seu pagamento.

Se você tiver dinheiro na sua conta para pagar pelos anúncios, eles serão exibidos. Não se esqueça de adicionar fundos à sua conta. Para ajudar, enviaremos um e-mail quando o valor atual da sua conta estiver baixo (com orçamento suficiente para cerca de uma semana) e quando ele acabar.

Faturamento mensal

Uma configuração de pagamento em que o Google fornece uma linha de crédito para seus custos de publicidade. Você pode pagar usando cheque, transferência bancária ou outra forma de pagamento, dependendo da sua localização.

Você estará qualificado para usar o faturamento mensal se sua empresa atender a determinados requisitos. Veja alguns deles a seguir:

  • Ser uma empresa registrada há, no mínimo, um ano

  • Ter uma conta ativa do Google Ads em situação regular por, no mínimo, um ano

  • Gastar no mínimo US$ 5.000 por mês (esse valor varia de acordo com o país) em 3 dos últimos 12 meses

Se você atende a esses requisitos iniciais e quer se inscrever no faturamento mensal, fale conosco.

As configurações de pagamento definem quando você paga pelos anúncios. O Google Ads oferece duas configurações de pagamentos no seu país: pagamentos automáticos e faturamento mensal.

  • Pagamentos automáticos: depois que os anúncios são exibidos, o Google Ads faz a cobrança automaticamente na sua forma de pagamento.

  • Faturamento mensal: o Google disponibiliza uma linha de crédito para seus custos de publicidade. Você acumula custos e recebe uma fatura mensal.

A configuração de pagamento disponível para sua conta depende do país e da moeda definidos. Há casos em que algumas configurações de pagamento ficam temporariamente indisponíveis enquanto o Google Ads verifica se a conta pode usá-las.

Este artigo explica essas configurações de pagamento e mostra como elas funcionam. Para saber mais sobre as formas de pagamento, leia Adicionar uma nova forma de pagamento.

Pagamentos automáticos
A configuração de pagamentos automáticos não está disponível para contas da China ou da Rússia. Se você não conseguir localizar essa opção na sua conta, selecione os pagamentos manuais.

Pagamentos automáticos é uma configuração disponível no Google Ads. Com ela, você acumula custos de publicidade que são cobrados depois, automaticamente, na sua forma de pagamento principal.

Para começar, você fornece suas informações de faturamento uma vez e os pagamentos são processados automaticamente. Assim, não é preciso se preocupar com a interrupção da exibição dos seus anúncios caso você se esqueça de efetuar um pagamento.

Quando a cobrança é feita?

Com a opção de pagamentos automáticos, você receberá a fatura dos seus custos de publicidade mensalmente no primeiro dia de cada mês ou sempre que a conta alcançar um valor predefinido conhecido como limite mínimo de pagamento.

Limites gerais e de pagamento no primeiro mês

Como o limite mínimo de pagamento funciona

Seu limite mínimo de pagamento é definido inicialmente com um determinado valor. Cada vez que sua conta atinge esse valor antes do fim do mês, o limite aumenta. Os limites variam de acordo com a conta, o país e a moeda, então verifique o valor atual na sua conta. O montante faturado poderá exceder um pouco o limite se a conta acumular custos rapidamente.

Exemplo

Suponha que você esteja começando a usar sua conta do Google Ads no dia 31 de agosto com um limite inicial de US$ 50. Se acumular US$ 49 em custos até 30 de setembro, você receberá uma cobrança nessa data, e seu limite continuará sendo US$ 50 no próximo ciclo de faturamento mensal.

Payment at day 30

No entanto, veja a seguir o que acontecerá se você acumular US$ 50,00 em custos antes do fim do mês:

  • A cobrança será efetuada imediatamente.
  • Seu limite aumentará para o próximo valor de limite, por exemplo, US$ 200.

Payment at Threshold

Exemplo

Digamos que Alan, um anunciante, abra uma conta do Google Ads com um limite de US$ 50,00 e comece a acumular custos em 1º de outubro. Veja como será a cobrança e como o limite mudará:

  • Em 5 de outubro, Alan atinge seu limite mínimo de pagamento inicial de US$ 50,00. Nesse momento, realizamos a cobrança dos custos, que poderá exceder um pouco esse limite, se ele tiver acumulado custos rapidamente. O limite mínimo de pagamento do Alan aumentará para US$ 200.
  • Em 23 de outubro, ele atinge o novo limite mínimo de pagamento de US$ 200, acionando a cobrança do Google Ads dos custos acumulados. Em seguida, o Google aumentará novamente o limite mínimo para US$ 350, e Alan continuará acumulando custos.
  • Em 1º de novembro, o Google cobra Alan pelos custos acumulados desde o último aumento do limite mínimo de pagamento, em 23 de outubro.
  • Em 20 de novembro, Alan acumula mais de US$ 350 em custos. O Google faz a cobrança e aumenta o limite mínimo de pagamento dele para US$ 500,00.
  • A próxima cobrança do Alan começará em 1º de de dezembro.

Encontrar seu limite mínimo de pagamento

Para descobrir qual é seu limite mínimo de pagamento, siga estas etapas:

  1. Faça login na sua conta do Google Ads em https://ads.google.com.
  2. Clique no ícone de ferramentas Google Ads | ferramentas [Icon] e, em "Faturamento", escolha Resumo.
  3. O limite mínimo de pagamento fica na seção "Seu saldo", na barra de progresso.

Você não receberá nenhum e-mail ou notificação quando o limite mínimo de pagamento aumentar, por isso, lembre-se de consultá-lo sempre.

Se você quiser reduzir a frequência com que recebe as cobranças ou preferir acumular valores maiores, veja como alterar a frequência das cobranças.

Dicas

  • Você pode usar pagamentos manuais mesmo que esteja usando a configuração de pagamentos automáticos. O valor será usado para cliques futuros e antecipará ou atrasará a próxima cobrança automática.
  • Se você quiser reduzir o valor cobrado na sua forma de pagamento principal, faça um pagamento manual usando outro método.
  • Para evitar que a exibição dos seus anúncios seja interrompida por causa de um pagamento recusado, recomendamos que configure uma forma de pagamento alternativa. Se sua forma de pagamento principal não funcionar por algum motivo, faremos a cobrança no seu cartão de crédito alternativo para garantir que os anúncios continuem em exibição.
Faturamento mensal

Uma configuração de pagamento em que o Google fornece uma linha de crédito para seus custos de publicidade. Você pode pagar usando cheque, transferência bancária ou outra forma de pagamento, dependendo da sua localização.

Você estará qualificado para usar o faturamento mensal se sua empresa atender a determinados requisitos. Veja alguns deles a seguir:

  • Ser uma empresa registrada há, no mínimo, um ano

  • Ter uma conta ativa do Google Ads em situação regular por, no mínimo, um ano

  • Gastar no mínimo US$ 5.000 por mês (esse valor varia de acordo com o país) em 3 dos últimos 12 meses

Se você atende a esses requisitos iniciais e quer se inscrever no faturamento mensal, fale conosco.

As configurações de pagamento definem quando você paga pelos anúncios. O Google Ads oferece duas configurações de pagamentos no seu país: pagamentos automáticos e manuais.

  • Pagamentos automáticos: depois que os anúncios são exibidos, o Google Ads faz a cobrança automaticamente na sua forma de pagamento.

  • Pagamentos manuais: você faz um pagamento antes da exibição dos anúncios. Então, à medida que eles forem exibidos e os custos acumularem, o crédito adicionado diminuirá. Quando o valor do pagamento acabar, a exibição deles será interrompida.

A configuração de pagamento disponível para sua conta depende do país e da moeda definidos. Há casos em que algumas configurações de pagamento ficam temporariamente indisponíveis enquanto o Google Ads verifica se a conta pode usá-las.

Este artigo explica essas configurações de pagamento e mostra como elas funcionam. Para saber mais sobre as formas de pagamento, leia Adicionar uma nova forma de pagamento.

Você pode alternar entre pagamentos automáticos e manuais nas configurações de faturamento da conta. A opção de mudar de pagamentos automáticos para manuais só está disponível nos países onde é possível usar pagamentos manuais. Se você estiver usando pagamentos manuais, e essa opção não estiver mais disponível no seu país, só será possível mudar para pagamentos automáticos. Saiba mais sobre a disponibilidade de pagamentos manuais neste link.

Para mudar a configuração de pagamento:

  1. Faça login na sua conta do Google Ads.
  2. Na barra de pesquisa na parte de cima da página inicial, digite Configurações e selecione Configurações > Faturamento.
    • Você também pode usar o atalho G B no teclado para acessar a página "Faturamento".
  3. Na seção "Conta para pagamentos", clique no ícone de edição Editar configuração, ícone de lápis ao lado de "Como você fará o pagamento".
  4. Selecione a configuração de pagamento no menu suspenso.
  5. Siga as etapas mostradas na janela pop-up para confirmar a mudança.

Observação: somente usuários com acesso de administrador ou de edição no perfil para pagamentos podem fazer essa mudança. Para conferir seu tipo de acesso, na parte de cima da página inicial, digite Configurações para selecionar Configurações > Faturamento e role até a seção "Usuários para pagamentos".

Se você tem mais de uma conta do Google Ads, talvez esse recurso não esteja disponível em todas elas.

Pagamentos automáticos
A configuração de pagamentos automáticos não está disponível para contas da China ou da Rússia. Se você não conseguir localizar essa opção na sua conta, selecione os pagamentos manuais.

Pagamentos automáticos é uma configuração disponível no Google Ads. Com ela, você acumula custos de publicidade que são cobrados depois, automaticamente, na sua forma de pagamento principal.

Para começar, você fornece suas informações de faturamento uma vez e os pagamentos são processados automaticamente. Assim, não é preciso se preocupar com a interrupção da exibição dos seus anúncios caso você se esqueça de efetuar um pagamento.

Quando a cobrança é feita?

Com a opção de pagamentos automáticos, você receberá a fatura dos seus custos de publicidade mensalmente no primeiro dia de cada mês ou sempre que a conta alcançar um valor predefinido conhecido como limite mínimo de pagamento.

Limites gerais e de pagamento no primeiro mês

Como o limite mínimo de pagamento funciona

Seu limite mínimo de pagamento é definido inicialmente com um determinado valor. Cada vez que sua conta atinge esse valor antes do fim do mês, o limite aumenta. Os limites variam de acordo com a conta, o país e a moeda, então verifique o valor atual na sua conta. O montante faturado poderá exceder um pouco o limite se a conta acumular custos rapidamente.

Exemplo

Suponha que você esteja começando a usar sua conta do Google Ads no dia 31 de agosto com um limite inicial de US$ 50. Se acumular US$ 49 em custos até 30 de setembro, você receberá uma cobrança nessa data, e seu limite continuará sendo US$ 50 no próximo ciclo de faturamento mensal.

Payment at day 30

No entanto, veja a seguir o que acontecerá se você acumular US$ 50,00 em custos antes do fim do mês:

  • A cobrança será efetuada imediatamente.
  • Seu limite aumentará para o próximo valor de limite, por exemplo, US$ 200.

Payment at Threshold

Exemplo

Digamos que Alan, um anunciante, abra uma conta do Google Ads com um limite de US$ 50,00 e comece a acumular custos em 1º de outubro. Veja como será a cobrança e como o limite mudará:

  • Em 5 de outubro, Alan atinge seu limite mínimo de pagamento inicial de US$ 50,00. Nesse momento, realizamos a cobrança dos custos, que poderá exceder um pouco esse limite, se ele tiver acumulado custos rapidamente. O limite mínimo de pagamento do Alan aumentará para US$ 200.
  • Em 23 de outubro, ele atinge o novo limite mínimo de pagamento de US$ 200, acionando a cobrança do Google Ads dos custos acumulados. Em seguida, o Google aumentará novamente o limite mínimo para US$ 350, e Alan continuará acumulando custos.
  • Em 1º de novembro, o Google cobra Alan pelos custos acumulados desde o último aumento do limite mínimo de pagamento, em 23 de outubro.
  • Em 20 de novembro, Alan acumula mais de US$ 350 em custos. O Google faz a cobrança e aumenta o limite mínimo de pagamento dele para US$ 500,00.
  • A próxima cobrança do Alan vai começar em 1º de dezembro.

Encontrar seu limite mínimo de pagamento

Para descobrir qual é seu limite mínimo de pagamento, siga estas etapas:

  1. Faça login na sua conta do Google Ads em https://ads.google.com.
  2. Clique no ícone de ferramentas Google Ads | ferramentas [Icon] e, em "Faturamento", escolha Resumo.
  3. O limite mínimo de pagamento fica na seção "Seu saldo", na barra de progresso.

Você não receberá nenhum e-mail ou notificação quando o limite mínimo de pagamento aumentar, por isso, lembre-se de consultá-lo sempre.

Se você quiser reduzir a frequência com que recebe as cobranças ou preferir acumular valores maiores, veja como alterar a frequência das cobranças.

Dicas

  • Você pode usar pagamentos manuais mesmo que esteja usando a configuração de pagamentos automáticos. O valor será usado para cliques futuros e antecipará ou atrasará a próxima cobrança automática.
  • Se você quiser reduzir o valor cobrado na sua forma de pagamento principal, faça um pagamento manual usando outro método.
  • Para evitar que a exibição dos seus anúncios seja interrompida por causa de um pagamento recusado, recomendamos que configure uma forma de pagamento alternativa. Se a sua forma de pagamento principal não funcionar por algum motivo, vamos fazer a cobrança no seu cartão de crédito alternativo para garantir que os anúncios continuem sendo veiculados.
Pagamentos manuais
A configuração de pagamentos manuais não está disponível para novas contas nos países e territórios listados. Se você não encontrar essa opção ao se inscrever, escolha os pagamentos automáticos para concluir a criação da sua conta. Não é possível fazer a migração para pagamentos manuais nesses países e territórios.

Países e territórios
Américas África Europa Oriente Médio Ásia/Pacífico
  • Anguila
  • Antígua e Barbuda
  • Aruba
  • Bahamas
  • Barbados
  • Belize
  • Bermudas
  • Canadá
  • Ilhas Cayman
  • Chile
  • Costa Rica
  • Dominica
  • Guiana Francesa
  • Granada
  • Guadalupe
  • Guatemala
  • Guiana
  • Haiti
  • Montserrat
  • Nicarágua
  • Paraguai
  • Santa Lúcia
  • Saint-Pierre e Miquelon
  • Suriname
  • Trinidad e Tobago
  • Estados Unidos
  • Ilhas Menores Distantes dos Estados Unidos
  • Uruguai
  • Ilhas Virgens Britânicas
  • Ilhas Virgens (EUA)

 

 

 

*Antártida

  • Angola
  • Burquina Faso
  • Burundi
  • Cabo Verde
  • República Centro-Africana
  • Comores
  • Congo
  • República Democrática do Congo
  • Guiné Equatorial
  • Eritreia
  • Etiópia
  • Gabão
  • Gâmbia
  • Guiné-Bissau
  • Lesoto
  • Libéria
  • Líbia
  • Madagascar
  • Malauí
  • Mali
  • Mauritânia
  • Maurício
  • Mayotte
  • Moçambique
  • Namíbia
  • Niger
  • Reunião
  • Ruanda
  • São Tomé e Príncipe
  • Senegal
  • Seichelles
  • Serra Leoa
  • Somália
  • África do Sul
  • Suazilândia
  • Togo
  • Saara Ocidental
  • Zâmbia
  • Albânia
  • Andorra
  • Áustria
  • Bélgica
  • Bósnia e Herzegovina
  • República Tcheca
  • Dinamarca
  • Estônia
  • Ilhas Faroé
  • Finlândia
  • França
  • Geórgia
  • Alemanha
  • Gibraltar
  • Grécia
  • Groenlândia
  • Hungria
  • Islândia
  • Irlanda
  • Itália
  • Liechtenstein
  • Lituânia
  • Luxemburgo
  • Macedônia
  • Malta
  • Moldávia
  • Mônaco
  • Países Baixos
  • Noruega
  • Polônia
  • Portugal
  • San Marino
  • Sérvia
  • Eslovênia
  • Espanha
  • Ilhas Svalbard e Jan Mayen
  • Suécia
  • Suíça
  • Reino Unido
  • Armênia
  • Barein
  • Israel
  • Líbano
  • Arábia Saudita
  • Tajiquistão
  • Turcomenistão
  • Emirados Árabes Unidos
  • Samoa Americana
  • Austrália
  • Butão
  • Brunei Darussalam
  • Timor Leste
  • Fiji
  • Polinésia Francesa
  • Territórios Franceses do Sul
  • Guam
  • Hong Kong
  • Japão
  • República Democrática Popular do Laos
  • Malásia
  • Micronésia
  • Mongólia
  • Mianmar
  • Nauru
  • Nova Caledônia
  • Nova Zelândia
  • Niue
  • Ilha Norfolk
  • Ilhas Marianas do Norte
  • Palau
  • Papua Nova Guiné
  • Samoa
  • Singapura
  • Ilhas Salomão
  • Geórgia do Sul e Ilhas Sandwich do Sul
  • Toquelau
  • Tonga
  • Vanuatu
  • Ilhas Wallis e Futuna

Pagamentos manuais é uma configuração do Google Ads que permite fazer pagamentos antes da veiculação dos anúncios. Veja como funciona:

  1. Efetue um pagamento para o Google Ads.
  2. Seus anúncios são exibidos pouco tempo depois do recebimento do pagamento.
  3. Você acumula custos, que são deduzidos do seu pagamento.

Se você tiver dinheiro na sua conta para pagar pelos anúncios, eles serão exibidos. Não se esqueça de adicionar fundos à sua conta. Para ajudar, enviaremos um e-mail quando o valor atual da sua conta estiver baixo (com orçamento suficiente para cerca de uma semana) e quando ele acabar.

Com o Google Ads, a cobrança é efetuada automaticamente após a exibição dos seus anúncios (pagamentos automáticos), ou você pode fazer pagamentos antes da exibição deles (pagamentos manuais). Faça sua escolha ao criar a conta, porque não é possível alterar essa opção posteriormente.

Pagamentos automáticos

Pagamentos automáticos é uma configuração disponível no Google Ads. Com ela, você acumula custos de publicidade que são cobrados depois, automaticamente, na sua forma de pagamento principal.

Para começar, você fornece suas informações de faturamento uma vez e os pagamentos são processados automaticamente. Assim, não é preciso se preocupar com a interrupção da exibição dos seus anúncios caso você se esqueça de efetuar um pagamento.

Quando a cobrança é feita?

Com a opção de pagamentos automáticos, você receberá a fatura dos seus custos de publicidade mensalmente no primeiro dia de cada mês ou sempre que a conta alcançar um valor predefinido conhecido como limite mínimo de pagamento.

Limites gerais e de pagamento no primeiro mês

Como o limite mínimo de pagamento funciona

Seu limite mínimo de pagamento é definido inicialmente com um determinado valor. Cada vez que sua conta atinge esse valor antes do fim do mês, o limite aumenta. Os limites variam de acordo com a conta, o país e a moeda, então verifique o valor atual na sua conta. O montante faturado poderá exceder um pouco o limite se a conta acumular custos rapidamente.

Exemplo

Suponha que você esteja começando a usar sua conta do Google Ads no dia 31 de agosto com um limite inicial de US$ 50. Se acumular US$ 49 em custos até 30 de setembro, você receberá uma cobrança nessa data, e seu limite continuará sendo US$ 50 no próximo ciclo de faturamento mensal.

Payment at day 30

No entanto, veja a seguir o que acontecerá se você acumular US$ 50,00 em custos antes do fim do mês:

  • A cobrança será efetuada imediatamente.
  • Seu limite aumentará para o próximo valor de limite, por exemplo, US$ 200.

Payment at Threshold

Exemplo

Digamos que Alan, um anunciante, abra uma conta do Google Ads com um limite de US$ 50,00 e comece a acumular custos em 1º de outubro. Veja como será a cobrança e como o limite mudará:

  • Em 5 de outubro, Alan atinge seu limite mínimo de pagamento inicial de US$ 50,00. Nesse momento, realizamos a cobrança dos custos, que poderá exceder um pouco esse limite, se ele tiver acumulado custos rapidamente. O limite mínimo de pagamento do Alan aumentará para US$ 200.
  • Em 23 de outubro, ele atinge o novo limite mínimo de pagamento de US$ 200, acionando a cobrança do Google Ads dos custos acumulados. Em seguida, o Google aumentará novamente o limite mínimo para US$ 350, e Alan continuará acumulando custos.
  • Em 1º de novembro, o Google cobra Alan pelos custos acumulados desde o último aumento do limite mínimo de pagamento, em 23 de outubro.
  • Em 20 de novembro, Alan acumula mais de US$ 350 em custos. O Google faz a cobrança e aumenta o limite mínimo de pagamento dele para US$ 500,00.
  • A próxima cobrança do Alan começará em 1º de de dezembro.

Encontrar seu limite mínimo de pagamento

Para descobrir qual é seu limite mínimo de pagamento, siga estas etapas:

  1. Faça login na sua conta do Google Ads.
  2. Clique no ícone de ferramentas Google Ads | ferramentas [Icon] e, em "Faturamento", escolha Resumo.
  3. O limite mínimo de pagamento fica na seção "Seu saldo", na barra de progresso.

Não avisaremos você por e-mail nem enviaremos notificações quando o limite aumentar. Sendo assim, lembre-se sempre de verificar qual é seu limite.

Se você quiser reduzir a frequência com que recebe as cobranças ou preferir acumular valores maiores, veja como alterar a frequência das cobranças.

Dicas

  • Você pode usar pagamentos manuais mesmo que esteja usando a configuração de pagamentos automáticos. O valor será usado para cliques futuros e antecipará ou atrasará a próxima cobrança automática.
  • Se você quiser reduzir o valor cobrado na sua forma de pagamento principal, faça um pagamento manual usando outro método.
  • Para evitar que a exibição dos seus anúncios seja interrompida por causa de um pagamento recusado, recomendamos que configure uma forma de pagamento alternativa. Se sua forma de pagamento principal não funcionar por algum motivo, faremos a cobrança no seu cartão de crédito alternativo para garantir que os anúncios continuem em exibição.
Pagamentos manuais

Pagamentos manuais é uma configuração do Google Ads que permite efetuar pagamentos antes da exibição dos anúncios. Veja como funciona:

  1. Efetue um pagamento para o Google Ads.
  2. Seus anúncios são exibidos pouco tempo depois do recebimento do pagamento.
  3. Você acumula custos, que são deduzidos do seu pagamento.

Se você tiver dinheiro na sua conta para pagar pelos anúncios, eles serão exibidos. Não se esqueça de adicionar fundos à sua conta. Para ajudar, enviaremos um e-mail quando o valor atual da sua conta estiver baixo (com orçamento suficiente para cerca de uma semana) e quando ele acabar.

Faturamento mensal

Uma configuração de pagamento em que o Google fornece uma linha de crédito para seus custos de publicidade. Você pode pagar usando cheque, transferência bancária ou outra forma de pagamento, dependendo da sua localização.

Você estará qualificado para usar o faturamento mensal se sua empresa atender a determinados requisitos. Veja alguns deles a seguir:

  • Ser uma empresa registrada há, no mínimo, um ano

  • Ter uma conta ativa do Google Ads em situação regular por, no mínimo, um ano

  • Gastar no mínimo US$ 5.000 por mês (esse valor varia de acordo com o país) em 3 dos últimos 12 meses

Se você atende a esses requisitos iniciais e quer se inscrever no faturamento mensal, fale conosco.

Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?

Precisa de mais ajuda?

Faça login e veja mais opções de suporte para resolver o problema rapidamente.

Pesquisa
Limpar pesquisa
Fechar pesquisa
Google Apps
Menu principal
Pesquisar na Central de Ajuda
true
73067
false
false
false