Novos recursos e comunicados

  1. 1
    Novo fluxo de trabalho na criação de campanhas com base em metas
    8 de novembro de 2018
    Até o momento, os anunciantes criavam campanhas antes de especificar metas de negócios, como a geração de vendas ou leads. Agora, criamos um novo fluxo de trabalho que permite aos anunciantes definir a meta primeiro, o que revela sugestões pertinentes para a configuração do restante da campanha. Por exemplo, se você selecionou uma meta para aumentar as vendas, recomendamos os tipos de campanha mais eficazes para ajudar você a atingi-la. Nesse caso, campanhas das redes de pesquisa, de Display e do Shopping. Se você selecionou o alcance e o reconhecimento da marca como meta, verá campanhas da Rede de Display e de vídeo como sugestões. Também usaremos sua meta como base ao identificar opções relevantes para outras configurações da campanha, incluindo os seguintes itens: subtipos de campanha formatos de anúncio extensões de anúncio foco em lances Se você prefere um processo de criação de campanha mais simples que se alinhe à sua meta de negócios, use esse novo fluxo de trabalho. Postado por Jeannie Zhang, gerente de Produtos do Google Ads
    Mais informações
  2. 2
    Complemento do Google Ads nas atualizações do Planilhas Google
    7 de novembro de 2018
    Em julho, apresentamos o complemento do Google Ads para o Planilhas Google. Desde então, recebemos muitos comentários sobre esse recurso. Ficou claro que você gostaria que os dados das suas planilhas fossem atualizados automaticamente. Por isso, adicionamos a opção de agendar a atualização das planilhas. Com ela, você não precisará mais clicar na opção "Atualizar" sempre que verificar as planilhas. Agora é possível programar a geração dos relatórios por dia, semana ou mês.  Também ficou claro que você gostaria de acessar mais relatórios pelo complemento. Agora é possível acessar mais tipos de relatório, incluindo: Palavras-chave de anúncios em vídeo/da Rede de Display Dispositivos Páginas de destino Ajustes de lance avançados Ainda não tem o complemento? Use este link para instalá-lo Postado por Abhishek Kumar, gerente de produtos do Google Ads
    Mais informações
  3. 3
    Apresentação de quatro novas métricas de posição do anúncio da rede de pesquisa
    6 de novembro de 2018
    É importante entender onde os anúncios são exibidos na página de resultados de pesquisa. Por exemplo, saber se seu anúncio é exibido com mais (ou menos) frequência na parte superior dos resultados pode ajudar você a diagnosticar alterações significativas na taxa de cliques. Além disso, saber qual porcentagem de impressões qualificadas na parte superior está sendo capturada ajuda a determinar se você precisa fazer mais para aumentar seus lances e sua qualidade. Ao contrário do que geralmente se pensa, a posição média não descreve onde o anúncio é exibido na página. Ela reflete a ordem em que seu anúncio é exibido, em comparação com os outros anúncios no leilão. Por isso, a posição "1" de um anúncio significa que ele é exibido antes de todos os outros, mas isso não significa que o anúncio estava na parte superior da página. Em algumas ocasiões, nenhum anúncio é exibido acima dos resultados da pesquisa orgânica. Assim, o anúncio com a posição "1" é exibido na parte inferior da página. Portanto, lançaremos nas próximas semanas quatro novas métricas que, ao contrário da posição média, proporcionam insights claros sobre onde seus anúncios são exibidos na página de resultados de pesquisa: Porcentagem de impr. (primeira posição): porcentagem das impressões de anúncios exibidas como o primeiro anúncio acima dos resultados da pesquisa orgânica. Porcentagem de impr. (principal): porcentagem das impressões de anúncios exibidas em qualquer lugar acima dos resultados da pesquisa orgânica. IS da rede de pesquisa (primeira posição): as impressões recebidas na primeira posição (o primeiro anúncio acima dos resultados da pesquisa orgânica) divididas pelo número estimado de impressões que você estava qualificado para receber na primeira posição. IS da rede de pesquisa (principal): as impressões recebidas na posição principal (qualquer lugar acima dos resultados da pesquisa orgânica) divididas pelo número estimado de impressões que você estava qualificado para receber na posição principal. As duas primeiras métricas, "Porcentagem de impr. (primeira posição)" e "Porcentagem de impr. (principal)", são indicadores específicos de localização na página. Use essas métricas para determinar quando e onde suas impressões são exibidas acima dos resultados da pesquisa orgânica. As outras duas métricas, "Parcela de impressões absolutas na parte superior da rede de pesquisa" e "IS da rede de pesquisa (principal)", transmitem sua parcela das impressões qualificadas na parte superior. Elas são os melhores indicadores da oportunidade disponível para exibir seus anúncios em posições mais destacadas. Use essas métricas se sua meta é dar lances com base na localização da página. Estamos trabalhando para incorporar essas métricas às opções de lances automáticos no Google Ads.  Para resumir, se você usa a posição média para entender a localização dos seus anúncios na página, é melhor usar a Porcentagem de impr. (primeira posição) e a Porcentagem de impr. (principal). Se você usa a posição média para dar lances em uma localização da página, é melhor usar a "IS da rede de pesquisa (primeira posição)" e a "IS da rede de pesquisa (principal)". Postado por Julien Jacquet, gerente de produtos do Google Ads
    Mais informações
  4. 4
    A segmentação "Novos x recorrentes" de visitas à loja já está disponível
    29 de outubro de 2018
    Os anunciantes que avaliam as visitas à loja agora podem entender melhor quantas dessas visitas são de clientes novos ou recorrentes. Use essas informações para adaptar suas mensagens (por exemplo, promover ofertas específicas para novos clientes) ou ajustar a estratégia de marketing para alcançar o público-alvo mais valioso. Por exemplo, caso sua meta de negócios seja maximizar as vendas dos clientes atuais, identifique quais campanhas e grupos de anúncios alcançam mais clientes recorrentes e concentre seus orçamentos, aumentos de lance e ideias de palavras-chave nesses recursos. Postado por Victor Zhu, gerente de produtos de Avaliação On-line para Off-line
    Mais informações
  5. 5
    Dois novos recursos disponíveis na Ferramenta de diagnóstico e visualização de anúncios
    26 de outubro de 2018
    Com a Ferramenta de diagnóstico e visualização de anúncios, você pode ver quais anúncios estão sendo exibidos para sua palavra-chave. É possível inserir um termo de pesquisa e ver como a página de resultados de pesquisa do Google aparece para os usuários. É melhor usar essa ferramenta do que fazer uma pesquisa no Google.com.br, para não afetar suas métricas de anúncios. Caso os anúncios não estejam sendo exibidos, a ferramenta também diagnostica o motivo. Agora, dois novos recursos permitirão ter uma visão mais clara de quem está visualizando seus anúncios e tomar medidas imediatas para exibi-los. Ver quais anúncios estão sendo exibidos para um público-alvo específico Até agora, você podia usar a Ferramenta de diagnóstico e visualização de anúncios para visualizar anúncios por termo de pesquisa e filtrar por local, idioma e dispositivo. No entanto, não era possível filtrar por público-alvo. Agora, a ferramenta é compatível com públicos-alvo de pesquisa. Você pode clicar no widget "Público-alvo" para selecionar a lista de público-alvo desejada. Caso esteja usando a configuração "Segmentação" (que era chamada de "Segmentação e lance") nas campanhas, você poderá ver quais anúncios estão sendo exibidos para o público-alvo especificado. Se você estiver usando a configuração "Observação" (que era conhecida como "Somente lance"), verá como seu anúncio pode aparecer mais acima ou mais abaixo na página, de acordo com os lances para o público-alvo especificado. Tomar medidas imediatas para exibir seus anúncios Caso os anúncios não estejam sendo exibidos, a Ferramenta de diagnóstico e visualização de anúncios indicará o motivo. Anteriormente, depois de diagnosticar o problema, era necessário navegar pela conta para fazer as alterações necessárias e exibir os anúncios. Agora, você pode corrigir os problemas diretamente na própria ferramenta, começando com ajustes nos orçamentos das campanhas. Se o anúncio não estiver sendo exibido por causa do orçamento, basta clicar em "Editar orçamento" e alterá-lo diretamente na ferramenta. Essas duas atualizações na Ferramenta de diagnóstico e visualização de anúncios oferecem mais informações sobre quem está vendo os anúncios e economiza seu tempo com os fluxos de trabalho relacionados. Postado por Sylvanus Bent, gerente de Produtos do Google Ads
    Mais informações
  6. 6
    Maneiras mais fáceis de gerenciar suas mensagens
    25 de outubro de 2018
    Nas próximas semanas, lançaremos duas melhorias nos anúncios de clique para enviar mensagem: O encaminhamento de e-mail envia mensagens de texto para seu e-mail. Assim, não é preciso informar um número de telefone para usar extensões de mensagens. Quando você responder ao e-mail, uma mensagem de texto será enviada automaticamente ao cliente. A resposta automática envia uma mensagem predefinida aos clientes assim que eles entram em contato com você. Por exemplo, é possível responder automaticamente com: "Agradecemos sua mensagem. Entraremos em contato com você em até uma hora." Para ajudar a avaliar o sucesso dos seus anúncios de clique para enviar mensagem, vamos expandir o Relatório de mensagens para incluir as conversões de mensagens. Você poderá definir o número mínimo de trocas iniciadas pelo usuário para contabilizar uma conversão. Por exemplo, se normalmente são necessárias duas ou mais trocas de mensagens para que um cliente encomende um jantar de fim de ano no seu restaurante, você pode definir esse número como limite de conversão. Postado por Kishore Kanakamedala, diretor de Gerenciamento de Produtos
    Mais informações
  7. 7
    Usar o acompanhamento paralelo para agilizar os tempos de carregamento e proporcionar uma ótima experiência ao usuário
    22 de outubro de 2018
    A velocidade é importante. Pesquisas apontam que 53% dos usuários fecham um site para dispositivos móveis que leva mais de 3 segundos para ser carregado. Para aproveitar ao máximo o Google Ads, é essencial ter um site que carregue o mais rápido possível. O rastreamento de cliques tradicional pode causar lentidão no carregamento da página, deixando você vulnerável a interrupções do rastreador. Com o acompanhamento paralelo, os usuários são levados diretamente às suas páginas de destino, enquanto o acompanhamento ocorre em segundo plano. Desse modo, os tempos de carregamento são muito mais rápidos. Sites que usam o acompanhamento paralelo carregam até cinco segundos mais rápido.1 Isso também ajuda você a aproveitar ao máximo as páginas de destino AMP, possibilitando um carregamento quase em tempo real. A partir de 30 de outubro de 2018, o acompanhamento paralelo será obrigatório para todos os parceiros terceirizados do Google Ads. Se você usa serviços terceirizados para gerenciar a contabilização de cliques nos seus anúncios, entre em contato com eles para garantir que esteja tudo pronto para a atualização. Caso contrário, descubra o que precisa ser feito para preparar seu site. O acompanhamento paralelo foi desenvolvido para melhorar a experiência do usuário na sua página de destino e para que você registre ganhos de desempenho correspondentes. A Despegar é a maior agência de viagens on-line da América Latina. Ao gerar leads on-line, a velocidade e a experiência do usuário são fundamentais para o sucesso. A diminuição no tempo de carregamento, como o que ocorreu após a implementação do acompanhamento paralelo, é uma grande vitória.   "Diminuir os tempos de carregamento melhora muito a experiência do usuário. Isso é importante especialmente para usuários com conexões com a Internet mais lentas." -Daniel Altman, gerente de desenvolvimento de software da Despegar   Entre em contato com os representantes das suas ferramentas terceirizadas do Google Ads para falar sobre o assunto. A partir de 30 de outubro, o acompanhamento paralelo será obrigatório para todas as campanhas da rede de pesquisa e do Shopping. Postado por: Jon Diorio, gerente de Produtos de Grupo do Google Ads     1Dados internos do Google, setembro de 2018
    Mais informações
  8. 8
    Novos relatórios predefinidos da página de destino
    16 de outubro de 2018
    Dois novos relatórios predefinidos serão adicionados ao Editor de relatórios: os Relatórios de páginas de destino e de páginas de destino expandidas. Os dois relatórios estão disponíveis em "Páginas de destino". No entanto, em breve eles poderão ser manipulados e organizados facilmente no Editor de relatórios e adicionados aos seus painéis personalizados. O Relatório de páginas de destino é uma versão aprimorada do relatório de URL final, já que contém colunas adicionais: pontuação de velocidade em dispositivos móveis taxa de cliques em páginas otimizadas para dispositivos móveis taxa de cliques em páginas AMP válidas O Relatório de páginas de destino expandidas inclui todas as mesmas colunas do Relatório de páginas de destino, mas também mostra o URL que os usuários acessam após a realização de substituições contextuais e a inclusão de parâmetros personalizados. Você pode interagir facilmente com todos os seus dados de desempenho na página de destino por meio de gráficos e tabelas multidimensionais. Por exemplo, você pode criar um gráfico de pizza para conversões segmentadas por páginas de destino ou páginas de destino expandidas.
    Mais informações
  9. 9
    Lançamento da nova categoria de dispositivo "Telas de TV" para alcançar usuários do YouTube em smart TVs
    16 de outubro de 2018
    Em média, os usuários assistem a mais de 180 milhões de horas de YouTube nas TVs todos os dias.1 Sabemos que os profissionais de marketing querem essa mudança no comportamento de visualização. Por isso, nos esforçamos para criar uma experiência satisfatória no YouTube para conversores, consoles de jogos, dispositivos de streaming, como Chromecasts, e smart TVs de todos os tipos. Hoje, lançamos o tipo de dispositivo "Telas de TV" para encontrar mais facilmente usuários valiosos e interessados enquanto eles assistem ao YouTube no dispositivo criado especificamente ver vídeos: a TV. Esse recurso une computadores, smartphones e tablets no Google Ads (antigo Google AdWords) e no Display & Video 360 (antigo DBM), ou seja, você pode personalizar suas campanhas para smart TVs, por exemplo, usando um criativo diferente ou definindo um ajuste de lance por dispositivo específico. Também é possível ver relatórios de anúncios exibidos nas TVs para ajudar a determinar o impacto deles no plano geral. Já vimos que as pessoas reagem positivamente aos anúncios nas TVs. Com base no Ipsos Lab Experiments, os anúncios do YouTube exibidos na TV aumentaram bastante o recall e a intenção de compra, com um crescimento médio de 47% e 35%, respectivamente.2 Clientes como a Pixability aprovaram o recurso: "Os consumidores estão cancelando as assinaturas de TV a cabo, e essa é uma tremenda oportunidade para os anunciantes alcançarem os públicos-alvo nas TVs com vídeos digitais. Com o lançamento da avaliação e da segmentação por dispositivo "Telas de TV" no YouTube, nossos clientes entendem melhor como os usuários assistem TV. Dessa forma, fica mais fácil se conectar com essas pessoas enquanto elas veem o conteúdo." – David George, CEO da Pixability Comece hoje mesmo a alcançar usuários em dispositivos que transmitem conteúdo de TV, como smart TVs, consoles de jogos e dispositivos de streaming, como o Chromecast. Saiba mais sobre como fazer isso.   1Dados internos globais do Google, junho de 2018. Com base na média de 7 dias para o horário de exibição na TV. 2Google/Ipsos Lab Experiment, EUA, março de 2018 (32 anúncios, 800 residentes nos EUA, de 18 a 64 anos)
    Mais informações
  10. 10
    Melhoria na atribuição dos anúncios TrueView for Action
    12 de outubro de 2018
    Os usuários nem sempre realizam ações nos anúncios em vídeo no momento em que os visualizam. Frequentemente, eles convertem alguns dias depois da sessão de visualização. Por exemplo, digamos que você esteja pensando em tornar sua casa um pouco mais inteligente por uma questão de eficiência e economia nas contas de energia. Você vê um anúncio em vídeo no YouTube sobre o termostato inteligente Nest que desperta seu interesse. No entanto, você ainda não está pronto para comprá-lo e decide pesquisar um pouco mais. Então, alguns dias depois, você volta para concluir a compra on-line. Esse vídeo no YouTube não gerou o clique, mas plantou a semente. O vídeo on-line tem uma influência enorme na jornada atual do consumidor, desde a ideia até a tomada de decisão final.  Mais de 90% dos consumidores dizem ter descoberto novos produtos e marcas no YouTube, e o tempo de exibição dos vídeos relacionados a "qual produto comprar" dobrou a cada ano. Para entender como o vídeo funciona na jornada de compra, é importante ter uma atribuição precisa e, ao analisar a relação entre a exposição do anúncio em vídeo e as conversões, descobrimos que era preciso alterar a janela de atribuição padrão dos anúncios TrueView for Action. Para ajudar você a avaliar com mais precisão o impacto dos seus anúncios em vídeo, ajustamos essa janela de 30 segundos com janela de conversão de 30 dias para 10 segundos com janela de conversão padrão de 3 dias.  Veja o que muda:  Agora, nosso sistema registrará um "Engajamento" sempre que um usuário clicar ou assistir a 10 segundos ou mais do seu anúncio TrueView for Action usando a estratégia "Maximizar conversões" ou o lance de CPA desejado.  Por padrão, quando um usuário realizar uma ação no seu anúncio até três dias depois do "Engajamento", será registrada uma "Conversão". Você pode pedir à sua equipe do Google que personalize esse período, se preferir.   Para os usuários que clicarem no seu anúncio, ainda atribuiremos as conversões de acordo com a janela de conversão que você definiu (o padrão é 30 dias). Para implantar essas alterações, realizamos experimentos em grande escala para analisar o aumento no volume de conversões gerado pelos anúncios TrueView for Action em anunciantes de vários setores e em diversos tipos de conversão. Como resultado, os anunciantes podem esperar:  uma contagem de conversões mais precisa;  tempo menor para aplicação de melhorias às suas campanhas de CPA desejado;  relatórios mais atualizados graças à redução do tempo até a conversão. Os anunciantes não precisam realizar nenhuma ação para aproveitar essas melhorias. Saiba mais sobre a avaliação de anúncios em vídeo.   Postado por Nicky Rettke, gerente de Produtos de Grupo do YouTube  
    Mais informações
  11. 11
    Copie suas preferências de coluna para a nova experiência do Google Ads
    1º de outubro de 2018
    Recebemos comentários informando que você quer uma maneira fácil de copiar suas preferências de coluna da experiência anterior do Google Ads para a nova. Agora é possível fazer isso! Na nova experiência, basta acessar Ferramentas > Preferências > Preferências de colunas e clicar em Copiar colunas. Todas as colunas definidas das suas tabelas de estatísticas serão copiadas nas contas. Por exemplo, se a tabela de estatísticas "Campanhas" sempre mostrava "Cliques", "Impressões", "Custo", "Conversões" e "Custo/conv.", agora você pode copiar essas preferências de coluna para a nova experiência do Google Ads com um único clique. Isso funciona mesmo que você não tenha mais acesso à experiência anterior.  Copie suas preferências de coluna agora. Aguarde 24 horas até que elas sejam atualizadas na nova experiência do Google Ads. Postado por Abhishek Kumar, gerente de produtos do Google Ads
    Mais informações
  12. 12
    Melhorar a velocidade em sites para dispositivos móveis no período de fim de ano
    Atualização sobre o acompanhamento paralelo: suporte a campanhas de vídeo e da Rede de Display
    O período de festas de fim de ano está chegando. Por isso, é mais importante do que nunca garantir que os clientes tenham uma experiência agradável e rápida ao acessar seu site para dispositivos móveis. Com mais velocidade, os usuários terão experiências melhores, o que gera mais conversões e diminui o orçamento gasto em cliques rejeitados para os anunciantes. É por isso que lançamos o acompanhamento paralelo (blog | Central de Ajuda) para campanhas do Shopping e da rede de pesquisa para dispositivos móveis no início do ano. De acordo com os primeiros dados, os anunciantes que adotaram esse acompanhamento tiveram uma redução de até cinco segundos no tempo de carregamento da página.1   Esse é um lembrete de que o acompanhamento paralelo será obrigatório para todos os anunciantes do Shopping e da rede de pesquisa a partir de 30 de outubro de 2018. Estenderemos o acompanhamento paralelo a campanhas de vídeo e da Rede de Display para dispositivos móveis em março de 2019. Isso significa que os anunciantes dessas modalidades só precisarão fazer atualizações depois do período de festas de fim de ano. Se você for um anunciante de campanhas do Shopping ou da rede de pesquisa, continue trabalhando com seus provedores de avaliação de cliques para garantir que eles estejam prontos até 30 de outubro. Assim, você evitará interrupções no sistema de avaliação de cliques. Para saber mais sobre o acompanhamento paralelo, clique aqui.   1. Dados internos do Google, setembro de 2018 
    Mais informações
  13. 13
    Ampliar o impacto das campanhas de vídeo com o Google parceiros de vídeo
    26 de setembro de 2018
    Mais de 1,9 bilhão de usuários acessam o YouTube mensalmente para assistir a vídeos. Com o YouTube, as marcas têm uma exposição de alto impacto a públicos-alvo envolvidos, visibilidade líder do setor e resultados de negócios comprovados. Mas o YouTube não é o único lugar para assistir a vídeos, já que isso pode ser feito na Web, em jogos e em apps. Para ajudar você a encontrar mais clientes em potencial no momento em que eles interagem com conteúdo fora do YouTube, apresentamos o Google parceiros de vídeo. Ele é uma coleção de sites e apps para dispositivos móveis dos nossos editores parceiros que oferece conteúdo de vídeo de alta qualidade e adequado para a marca e um alcance de público-alvo maior, além do YouTube. Você pode acessar o inventário do Google parceiros de vídeo pelo Google Ads e Display & Video 360, e ele está integrado aos recursos de planejamento e avaliação que você já conhece do YouTube, incluindo o Planejador de alcance, o Unique Reach e o Active View. Para garantir que as campanhas do Google parceiros de vídeo estejam alinhadas aos seus objetivos, oferecemos diversos formatos de vídeo, incluindo TrueView In-stream, anúncios bumper de seis segundos e anúncios em vídeo out-stream. Com essas integrações, fica mais fácil avaliar o impacto dos seus anúncios em vídeo. Sabemos que a exibição de anúncios em sites de parceiros de vídeo é uma maneira eficaz de ampliar o alcance da campanha, mas e quanto ao impacto? Para responder a essa pergunta, estudamos os resultados de Brand Lift das campanhas TrueView In-stream no YouTube e no Google parceiros de vídeo. Nesses dois locais, coletamos centenas de milhares de respostas da pesquisa em 41 estudos do Brand Lift feitos em vários dispositivos, e depois computamos cada origem de inventário separadamente. Observamos que as impressões de anúncio no Google parceiros de vídeo resultaram em um aumento do recall do anúncio tão expressivo quanto as impressões no YouTube, além de uma economia semelhante. Essa pesquisa mostra que o Google parceiros de vídeo desempenha um papel importante na maximização do alcance e do impacto das suas campanhas de vídeo. Os usuários estão consumindo conteúdo on-line de maneiras cada vez mais diversas. Com o Google parceiros de vídeo, facilitamos o aumento do alcance e do impacto dos seus anúncios em vídeo, com acesso a editores de alta qualidade nos melhores lugares da Web e de apps. Para avaliar o alcance incremental e o Brand Lift que você pode ter ao adicionar o Google parceiros de vídeo às suas campanhas do YouTube, converse com o gerente da Conta do Google. Publicado por Armen Mkrtchyan, gerente de produtos dos anúncios em vídeo
    Mais informações
  14. 14
    Lances inteligentes a serem usados em parceiros de pesquisa
    25 de setembro de 2018
    Parceiros de pesquisa são sites que fazem parceria com o Google para exibir anúncios em páginas de resultados de pesquisa, do diretório do site ou em outras páginas relacionadas à pesquisa de um usuário. Historicamente, o sistema inteligente de preços impulsiona lances manuais para parceiros de pesquisa. A partir de agora, o recurso Lances inteligentes poderá ser usado em sites parceiros de pesquisa, se você tiver o acompanhamento de conversões. Esse recurso pode melhorar o desempenho com uma quantidade maior de sinais contextuais para otimizar os lances de todos os leilões. Eles também terão como objetivo maximizar as conversões em parceiros de pesquisa com um custo por conversão semelhante ao da Pesquisa Google. Por exemplo, se o custo por conversão na Pesquisa Google é de R$ 200,00, mas suas taxas de conversão são mais baixas em sites parceiros, o Lances inteligentes pode definir lances mais baixos para alcançar um custo por conversão de R$ 200,00. Como alternativa, se você conseguir uma taxa de conversão melhor em um site parceiro de pesquisa, o Lances inteligentes aumentará seu lance para ajudar a aumentar o tráfego e as conversões desse site pelo custo por conversão de R$ 200,00 recebido na Pesquisa Google. Postado por Josh Moser, gerente de produtos do Google Ads
    Mais informações
  15. 15
    Inspirar compradores indecisos usando anúncios gráficos com opção de compra
    14 de setembro de 2018
    Um terço dos compradores durante o período de festas disseram que procuraram imagens antes de acessarem a loja para fazer compras. O crescimento do "estilo de rua" e de influenciadores on-line mostra que observar imagens de estilo de vida é uma tendência para ter inspiração visual. Usando as imagens com opção de compra, você pode destacar seus anúncios do Shopping em conteúdo publicado e selecionado dos nossos parceiros editores. Para os editores, é uma oportunidade de as pessoas fazerem compras. Por exemplo, uma compradora visita o blog favorito dela, como o This Time Tomorrow, e vê diversas ofertas visualmente semelhantes depois de clicar no ícone de tag na imagem. Ano que vem, continuaremos implementando essa experiência para mais editores, além de lançar pilotos, como na Pesquisa de imagens Google, onde sabemos que os compradores também acessam para se inspirar. À esquerda: experiência do editor de imagens com opção de compra À direita: simulação de experiência na pesquisa de imagens Postado por Surojit Chatterjee, diretor de gerenciamento de produtos do Google Shopping
    Mais informações
  16. 16
    Ajudar os compradores a descobrir produtos e marcas com vídeos nos anúncios de demonstração no Shopping
    13 de setembro de 2018
    Quando se trata de encontrar novos produtos e restringir as escolhas, quase dois terços dos compradores dizem que tiveram ideias sobre suas próximas compras com vídeos on-line, e mais de 90% dessas pessoas dizem que descobriram novos produtos e marcas no YouTube. Os vídeos em anúncios de demonstração no Shopping ajudam os compradores a se envolver mais profundamente com seus produtos. Este é nosso primeiro bloco de anúncio da rede de pesquisa de varejo a apresentar vídeos. Ele foi criado para ajudar você a oferecer uma experiência contextual mais imersiva para os compradores. O vídeo em anúncios de demonstração no Shopping é a próxima adição aos anúncios que lançamos no ano passado. Com ele, é possível pode fazer o upload de várias imagens em um único anúncio e promover seus produtos por meio de lindas imagens, descrições, produtos e promoções relevantes. Desde o lançamento, vimos que o slot superior da demonstração gera uma CTR 3,6 vezes maior que a média, e a demonstração recebe um crédito 20% maior pela conversão com a atribuição de primeiro clique. Varejistas como a Venus Fashion estão tendo sucesso com a conquista de novos clientes: 68% dos compradores que interagem com os anúncios de demonstração da loja são novos. Esse formato está disponível para anunciantes que já exibem anúncios de demonstração no Shopping. Postado por Surojit Chatterjee, diretor de gerenciamento de produtos do Google Shopping
    Mais informações
  17. 17
    Os anúncios em vídeo verticais agora estão disponíveis para campanhas TrueView e universais para apps no YouTube
    12 de setembro de 2018
    Em todo o mundo, mais de 70% do tempo de exibição do YouTube é atribuído a dispositivos móveis 1. Para envolver esses espectadores com campanhas TrueView e universais para apps de forma eficiente, é importante se adaptar aos comportamentos de visualização deles e criar diferentes anúncios em vídeo, incluindo em formato quadrado e vertical. Estamos lançando os anúncios em vídeo verticais para oferecer uma experiência contínua aos espectadores que usam dispositivos móveis. Com os anúncios em vídeo verticais para as campanhas TrueView e universais para apps no YouTube, você pode fazer o upload de um vídeo vertical e, quando o espectador assistir ao anúncio em um dispositivo móvel, o player se expandirá com base nas dimensões do vídeo. Os anúncios em vídeo verticais são exibidos em uma tela grande e bonita para transmitir sua mensagem em dispositivos móveis e permitir a interação com os clientes de acordo com as preferências de visualização deles. Além disso, esses anúncios são uma ótima maneira de complementar os vídeos horizontais. Recomendamos adicionar recursos de vídeo nos formatos vertical e horizontal à mesma campanha para maximizar o impacto de Brand Lift. Recentemente, a Hyundai fez um teste com anúncios em vídeo verticais no YouTube. A empresa usou o novo recurso como complemento aos vídeos horizontais para apresentar ao mundo um modelo totalmente novo de SUV. O resultado? Um aumento de 33% no reconhecimento da marca e de quase 12% na consideração. Saiba mais sobre as especificações técnicas e as práticas recomendadas para anúncios em vídeo verticais. Postado por Ali Miller, gerente de Produtos de Grupo, anúncios em vídeo     1. Dados internos do YouTube, Global, abril de 2017 a março de 2018, tablets e smartphones incluídos na análise
    Mais informações
  18. 18
    Usar e testar a tecnologia AMP no Google Ads
    31 de agosto de 2018
    As páginas com tecnologia Accelerated Mobile Pages (AMP) são carregadas quase instantaneamente para usuários de dispositivos móveis. Até o momento, é possível testar o impacto das suas páginas AMP em relação a páginas da Web convencionais usando experiências de campanha ou variações do anúncio do Google Ads. Saiba mais sobre os prós e contras de cada abordagem para testar as páginas AMP. Para tornar seus testes de AMP ainda mais esclarecedores, desenvolvemos uma nova metodologia de testes para experiências de campanha conhecida como "divisões com base em cookies". Esse novo tipo de teste é semelhante à abordagem com base em cookies das variações do anúncio. Recomendamos usar essa metodologia para testar páginas AMP por meio das experiências de campanha. Por padrão, as experiências de campanha atribuem os usuários a um grupo de teste ou de controle toda vez que eles fazem uma pesquisa (essa abordagem também é conhecida como "divisões com base em pesquisa"). Isso significa que o mesmo usuário pode ver as experiências de teste e de controle ao longo do dia. As novas "divisões com base em cookies", por sua vez, atribuem o usuário ao grupo de teste ou de controle apenas uma vez. Como resultado, o mesmo usuário nunca verá ambas as experiências alternadamente: ele sempre verá a página AMP (se estiver no grupo de teste) ou a página convencional (se fizer parte do grupo de controle). Esperamos que isso ajude a testar melhor a eficiência de direcionar o tráfego dos seus anúncios da rede de pesquisa para as páginas AMP.
    Mais informações
  19. 19
    Veicular a melhor mensagem na Web com os Anúncios gráficos responsivos
    10 de setembro de 2018
    Os melhores anúncios gráficos são aqueles que ajudam os consumidores com o uso de imagens vivas e informações úteis. No entanto, exibir os anúncios mais relevantes e interessantes em milhões de sites e aplicativos não é uma tarefa simples. Por isso, estamos lançando os Anúncios gráficos responsivos (RDA, na sigla em inglês). Esse formato combina sua criatividade com a eficiência do aprendizado de máquina do Google para gerar anúncios relevantes e valiosos em grande escala para toda a Web. Basta disponibilizar alguns materiais simples sobre sua empresa: até 15 imagens e algumas opções de títulos, descrições e logotipos (5 de cada). O Google usa o aprendizado de máquina para testar combinações diferentes e exibir os anúncios que funcionam melhor. Em média, os anunciantes observam um aumento de 10% nas conversões com um CPA semelhante quando disponibilizam vários títulos, descrições e imagens para gerar os Anúncios gráficos responsivos (em comparação com um conjunto único de recursos).1 Prática recomendada: para ajudar a destacar sua marca, adicione um logotipo aos Anúncios gráficos responsivos. Além disso, inclua feeds dinâmicos nas campanhas. Isso ajuda você a exibir anúncios mais personalizados para pessoas que já visitaram seu site ou aplicativo. Quando os anúncios estiverem em exibição, verifique o desempenho de cada recurso. Com o relatório de recursos, você pode ver o desempenho dos seus títulos, descrições, imagens e logotipos de forma prática. Para acessar o relatório, basta clicar em Anúncios e extensões e, depois, em Ver detalhes do recurso. A coluna mostrará uma classificação com os status "Aprendizado", "Baixo", "Bom" ou "Excelente" com base no desempenho de um recurso. O relatório de recursos ajuda a identificar os criativos com o melhor desempenho em relação uns aos outros. Imagine que você tenha uma floricultura on-line e descubra que as descrições que incluem "Frete grátis" recebem a melhor classificação. É possível usar esse insight para dobrar o número dos recursos que têm melhor desempenho, como as promoções com frete grátis. Além disso, se você encontrar recursos com uma classificação insatisfatória, poderá substitui-los para melhorar os resultados no decorrer do tempo. A Rakuten Travel é a maior agência de turismo on-line do Japão. Usando Anúncios gráficos responsivos, a empresa triplicou as vendas em comparação com as campanhas que usam anúncios gráficos padrão. Versões diferentes de um Anúncio gráfico responsivo. Os Anúncios gráficos responsivos serão lançados nos próximos meses globalmente para todos os anunciantes. Para começar a usá-los, acesse a Central de Ajuda e confira nossas práticas recomendadas da Rede de Display.     1. Dados internos do Google, setembro de 2018.
    Mais informações
  20. 20
    Relacionar a intenção de uma pesquisa com variações aproximadas
    6 de setembro de 2018
    A maneira como as pessoas fazem pesquisas muda sempre: aproximadamente 15% das pesquisas que observamos todos os dias são novas.1 Com tantas consultas diferentes, são grandes as chances de os usuários procurarem seus produtos ou serviços com termos que você ainda não sabe quais são. Veja o caso do desodorante, por exemplo. No ano passado, os usuários fizeram mais de 150 mil pesquisas diferentes relacionadas a desodorante.2 São muitas maneiras de dizer a mesma coisa. Mas você não deveria ter que gerenciar uma lista imensa de palavras-chave para alcançar os consumidores interessados nesse assunto. É por isso que a correspondência exata de variações aproximadas passará a incluir essas alternativas que têm o mesmo significado que suas palavras-chave.3 Os primeiros testes mostraram que os anunciantes que usavam principalmente palavras-chave de correspondência exata tiveram, em média, 3% a mais de cliques e conversões, e a maioria veio de consultas em que os anunciantes não aparecem.4 Marcas como a Extra Space Storage já estão descobrindo novas oportunidades para alcançar mais clientes. Nas palavras de Steph Christensen, analista sênior de aquisição: "Ficamos muito satisfeitos com a qualidade das correspondências durante o piloto. Estamos sempre procurando maneiras de atrair mais usuários, e esse novo comportamento pode aumentar o alcance por meio de novas correspondências altamente relevantes." Alcançar mais pessoas com as mesmas palavras-chave Com base no aprendizado de máquina do Google, a correspondência exata agora relacionará a intenção de uma pesquisa, e não apenas os termos específicos. Assim, suas palavras-chave de correspondência exata poderão exibir anúncios em consultas que incluem palavras, paráfrases e outros termos implícitos com o mesmo significado. Digamos que você esteja promovendo uma agência de viagens. Caso use as palavras-chave de correspondência exata "acampamento yosemite", seus anúncios poderão ser exibidos com outros termos, como "área de camping em yosemite", "parques de camping em yosemite" ou "acampamento no parque nacional de yosemite". Em cada caso, a intenção da pesquisa ainda corresponde à palavra-chave original: ir acampar no Parque Nacional de Yosemite. No entanto, seu anúncio não será exibido em pesquisas por termos como "hotel em yosemite" ou "melhor acampamento em yosemite", porque, embora ambos se refiram a ficar no parque, a intenção é diferente. Esses termos são relacionados à versão de correspondência ampla dessa palavra-chave. Exemplos de novas consultas que podem corresponder a "acampamento em yosemite" Simplificar o gerenciamento de palavras-chave Prática recomendada: use o Lances inteligentes para ajudar a moldar seu tráfego. Confira nossas práticas recomendadas de palavras-chave e saiba mais sobre essa e outras estratégias que ajudam você a aproveitar ao máximo essa mudança. Se você já usa paráfrases e outros termos semelhantes na sua conta, a preferência do Google Ads ainda será usar palavras-chave idênticas à consulta de pesquisa. As palavras-chave do modificador de correspondência ampla e de frase não estão incluídas nessa atualização. Publicado por Miguel Villalobos, gerente de produtos das palavras-chave da rede de pesquisa     1. Dados internos do Google, abril de 2017 2. Dados do Google, de janeiro de 2016 a junho de 2017, EUA 3. Essa alteração será lançada para palavras-chave em inglês até outubro. Novos idiomas serão incluídos nos próximos meses 4. Dados internos do Google, agosto de 2018
    Mais informações
  21. 21
    Usar estatísticas no nível do URL para seus anúncios dinâmicos da rede de pesquisa
    5 de setembro de 2018
    Os dados da página de destino agora estão disponíveis no Relatório de termos de pesquisa, nas segmentações dinâmicas de anúncios. Com esse relatório, fica fácil encontrar suas páginas que apresentam melhor desempenho e segmentá-las de forma específica. Você também encontra páginas que gostaria de adicionar como segmentações negativas. Por exemplo, se seu grupo de anúncios que segmenta todas as páginas da Web estiver direcionando o tráfego para a página de um produto em falta, você poderá excluí-la. Postado por Walter Vulej, gerente de produtos do Google Ads
    Mais informações
  22. 22
    Gerar mais tráfego para as páginas de destino das suas campanhas padrão
    4 de setembro de 2018
    Os anúncios dinâmicos da rede de pesquisa (DSAs, na sigla em inglês) expandem sua publicidade em pesquisa para além das palavras-chave. Agora você pode exibir DSAs exclusivamente nas páginas de destino dos seus grupos de anúncios padrão com uma configuração simples. Basta selecionar "Páginas de destino dos seus grupos de anúncios padrão" na lista de categorias disponíveis. Isso segmentará todas as páginas de destino da conta em que você está usando anúncios de texto. Por exemplo, se você tiver campanhas padrão configuradas para diferentes tipos de calçado, é possível capturar todos os tipos mostrados nas suas páginas de destino, mesmo se um deles não estiver na lista de palavras-chave. Recomendamos que você comece com essa abordagem. Quando notar um desempenho positivo, aumente seu tráfego de DSAs com outros tipos de segmentação, como categorias específicas. Saiba mais sobre suas opções com anúncios dinâmicos da rede de pesquisa. Publicado por Walter Vulej, gerente de produtos do Google Ads
    Mais informações
  23. 23
    A nova versão do Editor inclui quatro novos recursos
    30 de agosto de 2018
    No início desta semana, lançamos o AdWords Editor 12.5, que inclui os novos recursos a seguir: Mais texto nos anúncios de texto expandidos. Nova linha de descrição nos anúncios dinâmicos da rede de pesquisa. Descrições mais longas nos anúncios só para chamadas. Nova regra personalizada: sitelinks sem descrições. Saiba mais sobre essas novidades do Editor.
    Mais informações
  24. 24
    Aproveitar ao máximo os anúncios de pesquisa responsivos com novos insights
    Os anúncios de pesquisa responsivos combinam sua criatividade com a eficiência do aprendizado de máquina do Google para ajudar você a exibir conteúdo relevante e valioso. Para auxiliar na criação de anúncios mais eficazes desse tipo, apresentamos três novas ferramentas de comentários e geração de relatórios: Visualize as combinações de anúncios à medida que eles são criados. Dessa forma, você terá mais confiança sobre a aparência dos seus anúncios, além de poder navegar por eles para verificar seu trabalho. Veja relatórios de títulos, descrições e principais combinações para facilitar a visualização do que está sendo exibido com mais frequência na página de resultados de pesquisa. Avalie a relevância, a quantidade e a diversidade do texto do anúncio com o recurso "Qualidade do anúncio". Postado por Anthony Chavez, diretor de gerenciamento de produtos, Google Ads
    Mais informações
  25. 25
    Workshops para scripts disponíveis
    23 de agosto de 2018
    Você recebeu um convite para um treinamento sobre scripts. Ofereceremos cursos de nível iniciante e avançado em seis cidades ao redor do mundo. O treinamento inclui: oradores principais; codelabs práticos; scripts de contas de administrador; solução de problemas básica para iniciantes; instruções para usuários avançados sobre como se conectar a dados e serviços externos. Saiba mais e inscreva-se para aproveitar essa oportunidade. Os workshops serão realizados nos seguintes locais: América do Norte Nova York (sessão para usuários avançados em 4 de setembro) São Francisco (sessão para usuários avançados em 7 de setembro) Europa Hamburgo (sessão para iniciantes em 27 de setembro e sessão para usuários avançados em 28 de setembro) Londres (sessão para iniciantes em 3 de outubro e sessão para usuários avançados em 4 de outubro) Ásia Tóquio (sessão para iniciantes em 28 de setembro) Cingapura (sessão para iniciantes em 15 de outubro)
    Mais informações
  26. 26
    Como modernizar a aparência de anúncios gráficos para melhorar o desempenho
    20 de agosto de 2018
    Atualizamos os recursos visuais dos anúncios gráficos do Google para ajudar a melhorar seu desempenho. Para começar, os anúncios de texto ficaram muito mais completos. Agora, eles podem apresentar um logotipo, se você adicionar a um criativo. Além de aumentar o potencial de branding, a fonte mudou, e eles ganharam um botão de call-to-action arredondado. Essas alterações foram realizadas para manter a conformidade com as práticas recomendadas de design atuais. À medida que essas alterações forem sendo implementadas, você também começará a ver uma opção para adicionar cores personalizadas (uma cor principal e uma de destaque). Assim, os anúncios poderão ficar o mais próximo possível das suas preferências de branding.     Em segundo lugar, os recursos para anúncios gráficos responsivos podem se encaixar mais facilmente. Usando o aprendizado de máquina, as cores são extraídas das imagens fornecidas ao Google Ads. Criamos um layout que se aproxima dos anúncios gráficos totalmente projetados. Todas as cores do texto e do botão do anúncio são personalizadas para criar um contraste atraente em todo o bloco. O resultado? Anúncios relacionados ao conteúdo e que correspondem ao estilo dos anúncios gráficos com melhor desempenho.     Para aproveitar ao máximo esses formatos, forneça diversos materiais do criativo para criar os melhores anúncios possíveis. Veja nossas dicas de como criar anúncios gráficos eficazes. Saiba mais sobre os anúncios gráficos responsivos.
    Mais informações
  27. 27
    Realize ações nos cartões da Página de visão geral
    17 de agosto de 2018
    A Página de visão geral apresenta uma visualização de nível superior da sua conta e do desempenho das campanhas. Ela informa quais alterações você precisa fazer na conta. Agora é possível implementar algumas dessas alterações diretamente na Página de visão geral. Essas ações incluem: pausar ou retomar campanhas, grupos de anúncios e palavras-chave; editar orçamentos de campanha; editar lances de palavras-chave e grupos de anúncios; editar o texto do anúncio; excluir termos de pesquisa irrelevantes adicionando palavras-chave negativas diretamente ao cartão "pesquisas". Por exemplo, imagine que você quer aumentar o tráfego de pesquisas com uma determinada palavra-chave. Clique para acessar esse termo e, depois, em "Editar palavra-chave". Edite o lance diretamente na Página de visão geral. Faça um teste na Página de visão geral.
    Mais informações
  28. 28
    Apresentação de inovações de marketing local para anunciantes
    Os consumidores estão recorrendo cada vez mais aos smartphones para pesquisar e explorar o mundo físico ao redor deles. Na verdade, o número de pesquisas do tipo "perto de mim" em dispositivos móveis triplicou nos últimos dois anos.1 E 3 a cada 4 pessoas que realizaram uma pesquisa local no smartphone visitaram uma empresa relacionada nas 24 horas seguintes.2 Para os profissionais de marketing, isso significa que é mais importante do que nunca desenvolver experiências que exibem as informações locais relevantes da maneira mais fácil possível e, depois, avaliar o impacto nos negócios. Durante o Google Marketing Live no mês passado, anunciamos as campanhas locais, um novo tipo de campanha dedicada para profissionais de marketing com metas off-line com foco em trazer mais clientes para as lojas físicas. Basta informar alguns dados simples, como o local da empresa, orçamento e criativo, e nós otimizaremos automaticamente seus anúncios nas propriedades e redes do Google para ajudar a aumentar as visitas à loja. Outras inovações serão lançadas em breve para ajudar você a gerenciar os anúncios locais e avaliar o desempenho off-line do seu conteúdo no Google e em outros canais de marketing. Encontrar uma conta do Google Meu Negócio e ativar facilmente os anúncios locais Para criar formatos de anúncios locais usando extensões de local, o primeiro passo é vincular a conta do Google Meu Negócio à conta do Google Ads. Com isso, podemos exibir informações relevantes aos consumidores a partir das suas informações comerciais, como endereço, número de telefone, horário de funcionamento e muito mais. Para simplificar o processo de localização da conta certa do Google Meu Negócio para vinculação, apresentamos uma ferramenta que exibe automaticamente as contas relevantes usando sinais de correspondência, como sua cobertura geográfica e domínio do site. Escolha a conta do Google Meu Negócio com o maior número de locais verificados ou com os locais que melhor correspondem à sua empresa e aos seus objetivos de campanha. Quando o proprietário da conta aprovar, você poderá adicionar extensões de local aos anúncios das redes de pesquisa, Display e do YouTube. Apresentação da avaliação das visitas à loja no Google Analytics Ao investir em soluções de marketing como o Google Ads, é essencial que você entenda o impacto do seu negócio para tomar decisões mais fundamentadas sobre orçamentos, criativos, estratégias de lances e muito mais. Há mais de três anos, lançamos as visitas à loja no Google Ads para ajudar os anunciantes a entender como as campanhas deles influenciam o tráfego na loja. Desde então, avaliamos mais de 10 bilhões de visitas em vários setores, como varejo, automotivo e restaurantes, entre outros. Há muito tempo, as visitas à loja no Google Ads focam em conectar cliques e impressões de anúncio com as visitas. Agora, apresentamos as visitas à loja no Google Analytics para que você possa avaliar os resultados off-line em mais esforços de marketing que levam clientes para o site e, depois, para a loja. Se você tem interesse em participar da versão Beta, converse com seu representante de conta. As visitas à loja no Google Ads e no Google Analytics são estimativas calculadas com os dados dos usuários que ativaram o Histórico de localização. Somente dados agregados e anônimos são informados aos anunciantes, e eles não podem ver as visitas à loja provenientes de cliques em anúncios, impressões visíveis, pessoas ou visitas ao site individuais. O Google segue as práticas recomendadas do setor para garantir a privacidade dos usuários individuais. Denny’s alcança uma nova geração de clientes com soluções de anúncio local O Denny’s, uma cadeia de restaurantes global, é um exemplo de anunciante que usou os produtos locais do Google para atrair mais pessoas para suas lanchonetes. Frequentemente, os clientes pesquisam termos como "panquecas perto de mim" ou "melhores hambúrgueres nas proximidades" em dispositivos móveis. Aqui, vemos como a mudança da mídia tradicional para o Google Ads ajudou o Denny’s a descobrir novos insights e conquistar mais clientes:   How Denny's is serving a new generation of diners with digital   "Você pode ter certeza de que está veiculando a mensagem ideal para o consumidor certo e também de que o marketing digital resultará em tráfego na loja. No final das contas, isso traz o cliente para nossa mesa." – Luis Martinez, marketing digital, de mídia e hispânico do Denny's   Esperamos ajudar você a criar ótimas experiências on-line e off-line para seus clientes.     1. Dados internos do Google, EUA, julho a dezembro de 2015 em comparação com julho a dezembro de 2017 2. Google/Purchased Digital Diary, "How Consumers Solve Their Needs in the Moment" (Como os consumidores conseguem suprir suas necessidades no momento), usuários de smartphone = 1.000, pesquisas locais = 634, compras = 1.140, maio de 2016.
    Mais informações
  29. 29
    Usar novos insights de conversões locais para otimizar sua publicidade local
    9 de agosto de 2018
    88% das pessoas que fazem uma pesquisa local no smartphone visitam uma loja relacionada em até uma semana1. Estamos expandindo os relatórios de extensões de local para incluir não só as ações na própria extensão, como também aquelas que ocorrem depois do clique no anúncio para acessar a página do lugar. Isso ajudará os anunciantes a entender melhor as atividades entre a publicidade on-line e as ações locais, mesmo que eles não estejam qualificados para os relatórios de visitas à loja. As novas métricas incluem: cliques para ligar rotas visitas ao site pedidos (específicos para a indústria) visualizações do menu (específicas para a indústria) outras formas de engajamento Como usar as novas ações de conversão local As métricas passarão a ser registradas depois que você vincular suas contas do Google Meu Negócio e do Google Ads. Essas métricas mostram como as ações on-line estão gerando engajamento com as lojas físicas da sua empresa (por exemplo, ver rotas ou ligar para sua empresa pelo Google Maps depois de clicar no anúncio).  Essas novas ações de conversão serão exibidas na coluna Todas as conversões. Elas não serão incluídas nas estratégias de Lances inteligentes, como CPA desejado ou Maximizar conversões, que usam a coluna "Conversões".  Você pode usar essas novas métricas de conversão para otimizar sua publicidade local de várias formas.  Suponha que você tenha campanhas com anúncios que incluem informações locais sobre suas lojas nas proximidades. Talvez você também tenha um texto de anúncio exclusivo para ofertas e promoções locais em uma loja específica. É possível usar esses insights para avaliar o impacto dos seus anúncios na promoção de resultados locais e fazer otimizações correspondentes. Saiba mais Registramos apenas dados agregados e anônimos e usamos as práticas recomendadas da indústria para garantir a privacidade de usuários individuais.  Como usar o relatório por loja O relatório por loja foi lançado junto com as novas métricas. Com ele, você pode ver visitas à loja e ações locais anônimas e agregadas por loja. Imagine que você tenha lojas de roupas em três locais: São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte. Os dados mostram que as lojas em São Paulo e no Rio de Janeiro geram mais ações locais e visitas à loja em comparação com a unidade em Belo Horizonte. Com base nessas informações, você pode decidir sobre a distribuição dos orçamentos off-line por loja e definir estratégias locais no Google Ads. Por exemplo, convém fazer mais promoções on-line em Belo Horizonte para aumentar as vendas. Saiba mais 1. Think with Google  
    Mais informações
  30. 30
    Aumentar a relevância com anúncios de pesquisa responsivos
    9 de agosto de 2018
    Durante o Google Marketing Live no mês passado, falamos sobre como os anúncios de pesquisa responsivos ajudam você a exibir o melhor anúncio para qualquer consulta de pesquisa com o poder do aprendizado de máquina do Google. A partir de setembro, os anúncios de pesquisa responsivos serão lançados para mais anunciantes em inglês, francês, alemão e espanhol (outros idiomas estarão disponíveis em breve). Uma das vantagens dos anúncios de pesquisa responsivos é que eles oferecem mais espaço para você transmitir sua mensagem. Apesar de trabalharmos para melhorar os anúncios de pesquisa responsivos em vários idiomas, é importante estender essa mesma vantagem aos seus anúncios de texto existentes. Por isso, a partir do final de agosto, você poderá adicionar um terceiro título e uma segunda descrição aos seus anúncios de texto. Além disso, suas descrições podem ter até 90 caracteres. Para começar, tente adicionar um terceiro título e uma segunda descrição aos seus anúncios de texto existentes. Por exemplo, se você for um varejista que usa dois títulos mostrando o nome da marca e o site oficial, é possível adicionar um terceiro com detalhes sobre frete ou ofertas especiais. Saiba mais sobre como criar anúncios de texto eficazes.
    Mais informações
  31. 31
    Exibir os produtos das suas lojas na Rede de Display com os anúncios de catálogo local
    8 de agosto de 2018
    Agora você pode criar anúncios gráficos com feeds de inventário local usando anúncios de catálogo local. Com esse formato, você cria a imagem principal e seleciona os produtos que gostaria de promover. Os detalhes e imagens do produto serão extraídos do seu feed de produtos para gerar anúncios gráficos que serão exibidos em diferentes sites, blogs e aplicativos. Isso inclui preços de produtos por loja e informações sobre o inventário. Por exemplo, imagine que uma loja de artigos esportivos tenha filiais em Fernando de Noronha e Atibaia. Cada loja tem um inventário exclusivo. O estoque da loja em Fernando de Noronha tem pranchas de surfe, enquanto a loja em Atibaia tem equipamentos para montanhismo. Os anúncios gráficos do anunciante agora podem apresentar produtos relevantes para a região, já que os anúncios de catálogo local extraem dados de inventário do nível da loja.
    Mais informações
  32. 32
    Tornar-se um especialista em estratégias criativas para campanhas de aplicativo
    7 de agosto de 2018
    As campanhas de aplicativo usam recursos para criar anúncios relevantes em grande escala e promover seu aplicativo para dispositivos móveis. Queremos ajudar você a criar recursos eficazes para a campanha. Portanto, lançamos um novo curso chamado Recursos de anúncio para campanhas de aplicativo, como parte do nosso crescente Programa Educacional. Neste curso mais recente, você encontrará aulas curtas e simples em vídeo e atividades interativas para aprender como as campanhas de aplicativo usam recursos de anúncios, quais são os melhores tipos de recurso a serem fornecidos e como utilizar os relatórios para conferir insights de criativos. Inscreva-se no curso e receba um certificado hoje mesmo.
    Mais informações
  33. 33
    Novas proteções de segurança para sua conta do Google Ads
    6 de agosto de 2018
    Quando você usa o Google Ads, está nos concedendo acesso a informações confidenciais. Por isso, sabemos que é importante tratá-las como tal e mantê-las protegidas. Hoje, estamos fazendo atualizações para colocar você no controle da segurança e garantir sua proteção. Adicionar uma camada opcional de segurança A verificação em duas etapas exige que os usuários do Google Ads façam login na respectiva conta com uma senha e uma etapa adicional, como um código via mensagem de texto ou uma chave de segurança. Essa camada adicional de segurança ajuda a manter milhões de usuários seguros ao usar os produtos do Google. Nas próximas semanas, vamos melhorar essa proteção, e você poderá solicitar a verificação em dois fatores para todos os usuários da sua conta do Google Ads. Mantenha sua conta segura com a verificação em duas etapas Clique no ícone de ferramenta  no canto superior direito na conta do Google Ads para atualizar as configurações de acesso. Se você acessa sua conta pela API Google AdWords ou API Google Ads, atualize também as configurações de acesso da API. Restringir o acesso às pessoas relevantes Nas próximas semanas, você também poderá controlar os convites de acesso à conta por domínio de e-mail. Isso significa que apenas usuários com e-mails registrados em um domínio específico (por exemplo, examplepetstore.com) podem ser convidados para acessar sua conta do Google Ads. Tomar medidas adicionais para proteger a conta Manter as informações seguras significa ter as configurações de segurança atualizadas. Ao aplicar essas recomendações à sua Conta do Google, você ajuda a manter a segurança dos dados de anúncios. Mantenha seu endereço de e-mail atualizado na conta do Google Ads para continuar recebendo mensagens importantes. Postado por Anthony Chavez, diretor de Gerenciamento de Produtos
    Mais informações
  34. 34
    Criar um gráfico com os dados de comparação de tempo no Editor de relatórios
    3 de agosto de 2018
    Os usuários do Editor de relatórios costumam informar como é importante conseguir montar gráficos comparando o desempenho de dois períodos distintos. É por isso que temos a satisfação de anunciar que os gráficos do Editor de relatórios agora oferecem suporte à comparação de períodos. Com isso, você consegue ver melhor seu desempenho. É possível, por exemplo, comparar os cliques da semana atual e da anterior. Você poderá ver gráficos de comparação de dados semana a semana, mês a mês ou de outro período nos seus relatórios personalizados do Editor de relatórios.
    Mais informações
  35. 35
    Usar a pontuação de otimização para guiar as melhorias na sua conta
    2 de agosto de 2018
    A pontuação de otimização, que fica na página "Recomendações", ajuda você a entender o potencial de melhoria da sua conta. Ela varia de 0% a 100%, em que o valor máximo indica que a conta pode operar no potencial máximo dela. Analisamos os principais aspectos das suas campanhas para avaliar se elas estão totalmente otimizadas e, em seguida, oferecemos ações recomendadas quando há oportunidades de melhoria. Se uma recomendação tem um impacto maior no seu desempenho, a importância dela é maior na pontuação de otimização. Essa pontuação engloba vários aspectos da campanha, entre eles: lances e orçamentos anúncios e extensões palavras-chave e segmentação ajustes A pontuação de otimização é calculada em tempo real e considera variáveis como estas: estatísticas, configurações e o status da sua conta e campanhas impacto relevante das recomendações disponíveis histórico das recomendações recentes tendências no ecossistema de anúncios Usar recomendações para melhorar sua pontuação Verifique a pontuação de otimização e implemente as recomendações que atendem às suas metas de negócios para melhorar sua conta. Exemplo: A Mango, uma varejista internacional, adotou as recomendações de Lances inteligentes e gerou um aumento de 59% nas conversões e de 22% no ROAS. A Koch Ford, uma grande concessionária de automóveis no Canadá, implementou as recomendações de lances de tCPA e conseguiu aumentar as conversões em 77%, além de reduzir o CPA em 34%. Observação: a pontuação de otimização é exibida apenas para as campanhas ativas da rede de pesquisa. Esse recurso não é compatível com o AdWords Express. Essa pontuação não considera os cálculos do Índice de qualidade nem da classificação do anúncio. Postado por Blake Reese, gerente sênior de produto, Otimizações
    Mais informações
  36. 36
    Usar o tagging em todo o site para aproveitar as conversões
    2 de agosto de 2018
    Nunca existiu momento melhor para ser um profissional de marketing digital. A hora certa para alcançar seus clientes vai desde o intervalo comercial de TV, quando eles usam um segundo dispositivo para se distrair, até o momento em que fazem uma pesquisa no smartphone ao esperar pelo ônibus. Mas toda essa variedade no uso dos dispositivos dificulta a avaliação. A complexidade na avaliação de conversões está aumentando, e o tagging do site precisa acompanhar esse processo. A melhor maneira de avaliar conversões on-line é usar ferramentas que definem cookies no mesmo domínio do seu site (conhecidos como cookies primários). As tags dessas ferramentas devem ser colocadas em todas as páginas do site, para avaliar e otimizar de forma eficaz seu investimento em marketing digital. Além disso, é recomendável usar uma biblioteca dinâmica, como gtag.js (também conhecida como tag global do site) para manter a flexibilidade conforme suas necessidades e o setor evoluem. Com a avaliação dos cookies primários, você descobre quais produtos de marketing e experiências funcionam melhor nos seus sites. É importante usar as soluções de tagging em todo o site, já que elas definem cookies primários para avaliar as conversões. Você pode fazer esse tipo de tagging com a tag global do site do Google (para o Google Ads, Display & Video 360, Search Ads 360, Campaign Manager e Google Analytics) ou com uma ferramenta como o Gerenciador de tags do Google (para todas as tags do Google e de outras empresas). Opções de tagging do Google O Google oferece duas opções de tagging de conversão: a tag global do site ou o Gerenciador de tags do Google. Com uma única implementação, cada uma delas funciona nos produtos de publicidade e análise do Google Ads, Display & Video 360, Search Ads 360, Campaign Manager e Google Analytics. Embora a implementação de cada uma dessas soluções seja um pouco diferente, ambas permitem fazer avaliações simples e consistentes. Seu webmaster deve levar menos de um dia para fazer essa atualização. Quando incluída em todas as páginas do seu site, a tag global do site ou a tag do Vinculador de conversões no Gerenciador de tags do Google definirá novos cookies primários no seu domínio, assim você poderá avaliar as ações em que tem interesse e descobrir quais cliques resultam em conversões. As opções de tagging são escolhidas para alcançar diferentes objetivos. Veja a seguir alguns deles: A tag global do site pode ser usada como uma opção mais simples para conseguir visibilidade nas conversões de mídia paga. Ela funciona com o Google Ads, produtos de publicidade do Google Marketing Platform e o Google Analytics. O Gerenciador de tags do Google pode ser usado como uma ferramenta mais abrangente para gerenciar suas tags de conversão por uma interface da Web. Ele funciona com todas as tags do Google e de outras empresas. Se você já estiver usando o Gerenciador de tags, não será necessário fazer alterações na sua página. Basta adicionar a tag do Vinculador de conversões na interface do Gerenciador de tags e configurá-la para disparar em todas as páginas. Caso precise de mais tempo para começar a usar uma dessas soluções de tagging em todo o site e já tiver implantado uma versão anterior da tag do Google Analytics no seu site, você poderá vincular suas contas do Google Ads e do Google Analytics para garantir a avaliação das conversões usando os cookies primários. Essa solução funciona apenas para o acompanhamento de conversões do Google Ads, não para as tags do Floodlight. Como interpretar seus dados Depois de codificar seu site, é importante entender e confirmar os dados. Compare suas conversões informadas com as vendas reais. Seus próprios números de vendas são a fonte mais confiável para sua empresa. Se os números on-line e off-line estiverem muito diferentes, analise seu tagging para garantir que tudo esteja configurado corretamente. Algumas discrepâncias são esperadas devido a diferenças nas metodologias e tecnologias de contagem. Entenda quanto tempo leva para um cliente comum realizar uma conversão. A métrica "Dias até a conversão" do Google Ads é uma forma de ver quanto tempo as pessoas dedicam à pesquisa antes de comprar. Quanto maior for o intervalo entre um clique e uma conversão, maior será a probabilidade de haver falhas na contagem de conversões no Google Ads. Atualize suas metas de desempenho conforme necessário. Se não conseguir atualizar suas tags, você começará a ver algumas conversões estimadas na sua conta apenas mais para o final do ano. Sem o tagging atualizado, o Google Ads e o Search Ads 360 calcularão estimativas para conversões de cliques no mesmo dispositivo. Dessa forma, você ainda terá uma ideia do seu desempenho geral. Para ver avaliações mais precisas, especialmente nas áreas mais granulares da conta, como palavras-chave, você precisará atualizar suas tags. Recomendamos que você atualize suas tags o mais rápido possível para preservar os insights. À medida que a avaliação por meio de cookies de terceiros se tornar menos precisa ao longo do tempo, você poderá notar uma diminuição nas conversões gerais, nas taxas de conversão e nos valores de conversão. Isso não significa que o volume real de conversões esteja diminuindo, indica apenas que você está perdendo visibilidade. Quanto mais rápido você agir, mais insights poderá preservar. Conclusão O tagging primário em todo o site é vital para entender seu desempenho on-line. Tente priorizar essa mudança no seu tagging. Quanto mais você esperar, mais perderá insights. Ao fazer essas atualizações, é necessário fornecer aos usuários informações claras e abrangentes sobre a coleta de dados e solicitar o consentimento deles para isso, conforme os requisitos legais. Se você tiver dúvidas, entre em contato com sua equipe de conta ou fale conosco a qualquer momento. Postagem de Russell Ketchum, gerente de Produtos do Grupo do Google Analytics
    Mais informações
  37. 37
    Aproveite os novos recursos do AdWords Editor 12.4
    24 de julho de 2018
    No início do mês de julho, lançamos o AdWords Editor 12.4. Agora, o AdWords Editor oferece suporte a mais estratégias de lances, anúncios gráficos responsivos, campanhas inteligentes da Rede de Display e muito mais. Saiba mais e faça o download da nova versão do AdWords Editor.
    Mais informações
  38. 38
    Atualizações do Lances inteligentes
    23° de julho de 2018
    Com o Lances inteligentes, você pode maximizar seu desempenho configurando o lance ideal para cada um dos leilões. Lançamos muitas novas atualizações para deixar o Lances inteligentes mais simples, intuitivo e transparente.   Usar o ROAS desejado atualizado para definir as conversões mais importantes Use o ROAS desejado para ajudar a aumentar as conversões ou a receita com base no valor do retorno do investimento em publicidade desejado. Ele tem um algoritmo atualizado que considera mais fatores ao prever os valores de conversão. Por exemplo, se seus clientes tendem a fazer compras de alto valor à noite e nos fins de semana, o ROAS desejado pode definir lances mais altos nos leilões que correspondem a esse período e, ao mesmo tempo, reduzir os gastos em outros para aumentar a eficiência. Aumentar as conversões de forma mais eficiente Para contas ou campanhas que estão começando a usar o Lances inteligentes, nossos modelos de lance agora podem ajudar a otimizar seu desempenho em poucos dias, mesmo que você não tenha acumulado muitos dados no histórico de conversões. Nosso algoritmo atualizado equilibra automaticamente o desempenho de toda sua estratégia de lances, ajudando até mesmo campanhas e grupos de anúncios de baixo volume a melhorar o desempenho. Por exemplo, se você notar que a maior parte das conversões é gerada por usuários de uma lista de remarketing, o CPA desejado poderá alocar um gasto maior para campanhas que tiverem muitos usuários dessa lista. Saiba mais sobre o Lances inteligentes. Alcançar as metas em menos etapas Para facilitar ainda mais a seleção da estratégia de lances da campanha certa, agora há um fluxo de trabalho dos lances guiados na nova experiência do Google Ads. Selecione uma estratégia de lances com base na métrica (cliques, conversões ou valor de conversão) em que você quer se concentrar e no modo como gostaria que o Google Ads a impulsionasse.  É possível editar, diretamente na guia "Campanhas" e em uma única etapa, a estratégia de lances em massa para selecionar e alterar facilmente uma estratégia usada em várias campanhas. Saiba quando analisar seu desempenho com as novas métricas de tempo até a conversão Para ter uma visão mais precisa do desempenho da sua estratégia de lances, analise apenas períodos em que houver dados de conversão completos. Use as novas métricas de tempo até a conversão do relatório de estratégia de lances para ver o tempo até a conversão, período entre o clique e a conversão dos seus clientes. Você saberá que seus dados estão prontos para revisão quando esse tempo estiver completo. Saiba mais sobre o tempo até a conversão.
    Mais informações
  39. 39
    Use as experiências com base em cookie para criar grupos de teste e controle de usuários dedicados
    19 de julho de 2018
    Por padrão, sempre que experiências de campanha são adicionadas a uma pesquisa, um usuário é atribuído a um grupo de teste ou controle. Esse processo é conhecido como "divisões com base em pesquisa".  Isso significa que, se alguém fizer três pesquisas, duas delas poderão ser submetidas aos grupos de teste e, a outra, ao grupo de controle.  Com as novas divisões com base em cookie, agora você pode atribuir pesquisadores a grupos dedicados de teste e controle. Assim, se alguém for mapeado para um grupo de teste e fizer três pesquisas, todas elas estarão sujeitas aos grupos de teste.    Você decide qual opção de divisão prefere usar. É importante entender essas opções e determinar o tipo de teste ideal para elas.    As divisões com base em cookie são mais adequadas nos seguintes casos: teste de públicos-alvo específicos configurar um teste da página de destino realizado de forma semelhante a outras ferramentas de testes de otimização da taxa de conversão   As divisões com base em pesquisa são mais adequadas nos seguintes casos: manter a consistência com os testes anteriores que usaram esse mesmo tipo de divisão campanhas de baixo volume   Digamos que você queira testar o impacto das Accelerated Mobile Pages (AMP), páginas que geralmente são carregadas em menos de um segundo. Se você configurar essa experiência usando divisões com base em pesquisa, um determinado usuário poderá ter experiências AMP e não AMP, já que a inclusão dele no teste ou no controle será reavaliada em cada pesquisa. Ativar as divisões com base em cookie mantém as experiências do usuário consistentes porque ele é atribuído ao grupo de controle ou de teste de maneira permanente. Saiba mais sobre as experiências
    Mais informações
  40. 40
    Novas opções de parâmetro da página de destino disponíveis no Google Ads
    18 de julho de 2018
    Lançamos duas alterações para facilitar a especificação dos parâmetros da página de destino. Agora o sufixo do URL final está disponível no Google Ads e o número de parâmetros personalizados disponíveis aumentou de três para oito. Essas alterações fornecem mais opções para especificar os parâmetros da página de destino. Isso é especialmente útil para contas que usam soluções de acompanhamento de terceiros. Com essas adições, o Google Ads agora oferece suporte a todos os recursos necessários para migrar suas contas para o acompanhamento paralelo. O prazo da migração é 30 de outubro. Recomendamos que você migre suas contas para o acompanhamento paralelo, caso ainda não o tenha feito, e aproveite seus benefícios. Alerta: verifique se você está usando o AdWords Editor 12.4 ou uma versão superior. O uso de uma versão mais antiga pode resultar na exclusão de algumas das suas alterações de acompanhamento paralelo e de URL anteriores. Verifique qual versão do AdWords Editor você está usando. Para evitar que as alterações de acompanhamento paralelo sejam excluídas, algumas edições feitas na experiência anterior do Google AdWords (incluindo campanhas, grupos de anúncios, palavras-chave, anúncios e extensões) poderão ser rejeitadas. Para concluir essas edições, mude para a nova experiência do AdWords. Verifique qual experiência do Google AdWords você está usando.
    Mais informações
  41. 41
    Use o Relatório de páginas de destino com anúncios dinâmicos da rede de pesquisa
    18 de julho de 2018
    O Relatório de páginas de destino no Google Ads mostra o desempenho das suas páginas de destino em campanhas tradicionais das redes de pesquisa e Display. Agora, esse relatório também inclui páginas de destino de campanhas de anúncios dinâmicos da rede de pesquisa (DSA, na sigla em inglês).  Use esses insights para avaliar e otimizar suas páginas de destino. Por exemplo, digamos que você tenha uma conta para vender equipamentos esportivos e que sua página de destino para bolas de futebol tenha um bom desempenho. Com base nesse insight, você pode criar um grupo de segmentação dedicado a essa página de destino e personalizar o texto do anúncio para que combine melhor com a página de destino e gere mais tráfego. Saiba mais sobre a guia "Páginas de destino". 
    Mais informações
  42. 42
    Melhore suas palavras-chave com o cartão de insights "Novas palavras"
    17 de julho de 2018
    Novos termos de pesquisa podem acionar seus anúncios ao longo do tempo, mesmo que você não altere as palavras-chave. Esses termos podem indicar novas oportunidades de palavras-chave. Antes, os anunciantes precisavam descobri-los manualmente no Relatório de termos de pesquisa. Agora, o cartão de insights "Novas palavras" faz esse trabalho por você. Ele monitora novos termos de pesquisa e envia alertas para que você os utilize no momento oportuno.  Imagine que você esteja exibindo anúncios de uma fabricante de calçados. Com a análise o cartão de insights, é possível notar que um novo termo de pesquisa, "treino", está acionando o anúncio. Você descobre que pesquisas com o termo "treino" estão gerando taxas de conversão mais altas. Lá, é possível adicionar novas palavras-chave vinculadas aos termos de pesquisa com "treino".  Você também pode usar o Planejador de palavras-chave para encontrar mais termos de pesquisa de alto valor que contenham a palavra "treino". Além disso, é possível usar esse cartão de insights para verificar se há novos termos de pesquisa que não são relevantes ou que apresentam desempenho insatisfatório. No exemplo de calçados abaixo, o cartão de insights ajuda a sinalizar um termo como "raquete de tênis", que você pode especificar como palavra-chave negativa.      Além do cartão de insights Novas palavras, analise todo o Relatório de termos de pesquisa periodicamente para ter uma visão mais completa dos termos de pesquisa associados aos seus anúncios.  Acesse a Central de Ajuda para ver detalhes sobre esse e outros cartões de insights na guia "Visão geral" da conta. 
    Mais informações
  43. 43
    Use os insights de mudança nos grupos de anúncios para realizar ajustes rápidos com base nas alterações das campanhas
    16 de julho de 2018
    O desempenho das campanhas pode ser afetado por mudanças repentinas nos gastos dos grupos de anúncios. Até a data atual, o processo usado para identificar quais grupos de anúncios sofreram alterações significativas no tráfego era altamente manual. Era necessário clicar para acessar as campanhas, selecionar o custo como métrica e definir diferentes períodos para identificar os grupos de anúncios impactados. Com os novos insights de mudanças nos grupos de anúncios, você recebe alertas automáticos quando ocorre uma alteração. Então, é possível avaliar como as alterações afetaram o desempenho e fazer os ajustes necessários.  Por exemplo, imagine que o Grupo de anúncios 1 costuma ter vendas com margem inferior à do Grupo 2 ou que os Grupos de anúncios 3 e 1 tenham representado uma parcela cada vez maior do orçamento da campanha recentemente. Nessa situação, convém separar o Grupo de anúncios 1 em uma campanha própria e, assim, definir orçamentos específicos para os grupos de anúncios com margem superior.  Se você não fizer isso, suas margens gerais diminuirão. Acesse a Central de Ajuda para ver detalhes sobre outros cartões de insights localizados na seção "Visão geral" da conta do Google AdWords. 
    Mais informações
  44. 44
    Economize tempo ao gerar relatórios. Use o novo complemento do Google Ads no Planilhas
    13 de julho de 2018
    Use o complemento do Google Ads no Planilhas para economizar tempo ao criar relatórios. Imagine que você é um anunciante e precisa fazer o download dos seus dados do Google Ads como um arquivo CSV e combiná-los aos seus dados reservados para criar um relatório. Para isso, é necessário fazer o download e a atualização dos dados com frequência, uma operação demorada, monótona e propensa a erros.  Com o complemento do Google Ads, o processo fica mais rápido e fácil: você só precisa criar seu relatório uma vez. Assim, é possível atualizar seus dados com facilidade diretamente no Planilhas com alguns cliques, e os relatórios vinculados são preenchidos de forma automática.   Isso elimina o processo tedioso, diário e semanal de fazer o download, copiar e colar os dados nas planilhas. É possível atualizar seus dados no Planilhas Google, então seu trabalho fica imediatamente disponível para colaboração e visualização (das pessoas com quem você quer compartilhá-lo). Por exemplo, você pode gerar relatórios diários para monitorar o desempenho em relação às suas metas de orçamento.  Veja um exemplo dos dados que podem ser extraídos por meio do complemento do Google Ads no Planilhas.      Em seguida, foram usados vlookups em outra guia para combiná-los com seus dados reservados de metas de gastos.   Então, as sumifs (ou funções de consulta) e a formatação condicional podem ser usadas para representar os dados de maneira mais visual em relatórios de gerenciamento e de clientes como este:      O uso do complemento do Google Ads com instruções sumifs ou funções de consulta também pode tornar a geração de relatórios mais automatizada. Veja alguns exemplos:  Gráficos de comparação de períodos. Você pode implementar o complemento em várias guias na mesma planilha. Imagine que você quer analisar os dados entre dois períodos, cada um com um intervalo de datas distinto.  É possível implementar o complemento em duas guias diferentes, cada uma representando um período. Então, você pode extrair as análises desses dois períodos em uma terceira guia para fins de relatórios.  Relatórios de visualização completa. Use importranges para extrair dados de cada relatório. Você pode criar relatórios de resumo que agrupam resultados de muitos relatórios menores.  Por fim, use o complemento para incorporar funções avançadas do Planilhas aos seus relatórios.  Por exemplo, você pode usar o complemento Open Solver para calcular o orçamento usando os dados de desempenho e a parcela de impressões.
    Mais informações
  45. 45
    A velocidade é importante ao oferecer experiências relevantes
    11 de julho de 2018
    Hoje em dia, gerar resultados melhores com anúncios on-line requer muito mais do que usar as palavras-chave certas ou definir os lances ideais. Você precisa criar as experiências úteis e simples que os consumidores esperam das marcas. Ontem, no Google Marketing Live, compartilhamos inovações em publicidade com o aprendizado de máquina do Google que ajudam você a fazer exatamente isso. No entanto, até mesmo os melhores anúncios terão dificuldades para gerar resultados se direcionarem as pessoas para páginas de destino lentas, especialmente em dispositivos móveis. No varejo, vimos que, a cada segundo de atraso no tempo de carregamento, as conversões podem cair em até 20%.¹ Por isso, estamos facilitando o diagnóstico e aumentando a velocidade do seu site para dispositivos móveis. Verificar se as páginas para dispositivos móveis estão lentas Considere que mais da metade de todo o tráfego da Web agora acontece em dispositivos móveis. No entanto, as páginas da Web nesses dispositivos levam, em média, 15 segundos para carregar.² Muitas marcas perdem oportunidades, já que mais da metade das visitas são abandonadas se uma página leva mais de três segundos para abrir.3 Onde seu negócio entra em tudo isso? Para que você entenda como a velocidade da página de destino afeta o desempenho do anúncio, apresentamos a nova pontuação de velocidade em dispositivos móveis. Essa pontuação é avaliada em uma escala de 10 pontos (1 é muito lenta, e 10 é extremamente rápida), e fica fácil saber quais páginas oferecem uma experiência rápida e quais precisam de atenção.   Veja sua pontuação de velocidade em dispositivos móveis em Páginas de destino no Google Ads   As pontuações de velocidade em dispositivos móveis têm como base uma série de fatores, incluindo a relação entre a velocidade da página e a taxa de conversão em potencial. Hoje, ela começa a ser lançada em todo o mundo para os anunciantes. Melhorar sua experiência em dispositivos móveis com a tecnologia AMP Agora que você já sabe sobre essa lentidão, como é possível aumentar a velocidade? A tecnologia Accelerated Mobile Pages (AMP) proporciona uma experiência mais rápida, suave e interessante em dispositivos móveis. Na verdade, as páginas AMP costumam carregar de forma 85% mais rápida do que as páginas padrão.⁴ Elas são tão rápidas que parecem carregar instantaneamente. Depois de otimizar seu site, você pode direcionar os cliques nos anúncios da rede de pesquisa para essas páginas AMP e criar as experiências agradáveis e ágeis que as pessoas esperam. Marcas como a Greenweez, uma varejista de produtos orgânicos francesa líder de mercado, estão usando as AMPs para melhorar a velocidade e o desempenho da página de destino do site para dispositivos móveis. A Greenweez aumentou a velocidade em cinco vezes, gerando 80% mais conversões em mobile. Criar seu caso para um site mais rápido Quando uma pessoa tem uma experiência negativa em dispositivos móveis, é muito menos provável que ela compre de você no futuro. Para ficar à frente, sua organização deve priorizar a velocidade. Criamos duas ferramentas gratuitas pensando nisso: o Comparador de velocidade, que mostra como a velocidade do seu site para dispositivos móveis se compara a dos concorrentes, e a Calculadora de impacto, que permite estimar a receita que você deixa de gerar por ter um site lento. Saiba mais sobre essas ferramentas e práticas recomendadas para acelerar seu site no Think with Google. Postado por: Jon Diorio, gerente de produto de grupo do Google Ads 1. Google/SOASTA, "The State of Online Retail Performance", abril de 2017 2. Pesquisa do Google, Webpagetest.org, análise de 11 milhões de domínios globais da Web para dispositivos móveis usando uma conexão 4G representativa da média global, janeiro de 2018 3. Dados do Google, informações agregadas e anônimas do Google Analytics de uma amostra de sites da Web para dispositivos móveis que ativaram o compartilhamento de dados de comparativo de mercado, n=3.700, março de 2016 4. Dados globais do Google, abril de 2017
    Mais informações
  46. 46
    Aprendizado de máquina para todos os anunciantes
    10 de julho de 2018
    O modo como as pessoas realizam tarefas muda constantemente, desde encontrar o café mais próximo até organizar as fotos de família. No início deste ano, falamos sobre como o aprendizado de máquina está sendo usado para melhorar nossos produtos de consumo e ajudar nas tarefas das pessoas. Em uma apresentação de apenas uma hora, mostraremos como estamos ajudando os profissionais de marketing a promover mais oportunidades para seus negócios com a maior implantação de aprendizado de máquina em publicidade que já fizemos. Veremos como essa tecnologia funciona nos nossos produtos e por que ela é fundamental para criar as experiências úteis e descomplicadas que os consumidores esperam das marcas. Participe da nossa transmissão ao vivo hoje às 13h (horário de Brasília). Aumente sua relevância com anúncios de pesquisa responsivos Os consumidores de hoje estão mais curiosos, exigentes e esperam mais rapidez na conclusão de tarefas em função dos dispositivos móveis. Assim, eles querem que seus anúncios sejam úteis e personalizados. Atender a essa expectativa não é fácil, especialmente em grande escala. Por isso, estamos lançando os anúncios de pesquisa responsivos. Esses anúncios combinam sua criatividade com a eficiência do aprendizado de máquina do Google para ajudar você a exibir anúncios relevantes e valiosos. Você só precisa criar até 15 títulos e 4 linhas de descrição, e o Google cuida do restante. Ao testar diferentes combinações, o Google aprende qual criativo apresenta melhor desempenho para qualquer consulta de pesquisa. Então, mesmo que as pessoas pesquisem o mesmo termo, poderão ver anúncios diferentes com base no contexto. É possível comprovar os resultados desse tipo de otimização: os anunciantes que usam o aprendizado de máquina do Google para testar vários criativos notam, em média, um aumento de até 15% nos cliques.1 Os anúncios de pesquisa responsivos começarão a ser lançados para os anunciantes nos próximos meses. Aumente seu desempenho e relevância no YouTube As pessoas assistem a mais de um bilhão de horas de vídeo no YouTube diariamente. Além disso, cada vez mais, elas buscam inspiração e informações para fazer compras grandes ou pequenas. Por exemplo, quase um em cada dois compradores de carros diz recorrer ao YouTube para buscar informações antes de fazer uma compra.2 E quase uma em cada duas pessoas da geração Y assiste a vídeos para ver dicas de como preparar alimentos antes de decidir quais ingredientes comprar.3 Isso significa que exibir seus anúncios em vídeo no momento certo e para o público-alvo certo é fundamental. O aprendizado de máquina nos ajuda a transformar esses comportamentos em resultados no YouTube. No passado, já ajudamos você a otimizar campanhas para conseguir mais visualizações e impressões. Ainda este ano, lançaremos a estratégia Maximizar aumento para que você alcance as pessoas com mais probabilidade de considerar sua marca depois de assistirem a um anúncio em vídeo. A nova estratégia de Lances inteligentes também usa a tecnologia de aprendizado de máquina. Ela ajusta os lances automaticamente no momento do leilão para aumentar o impacto dos seus anúncios em vídeo sobre a percepção da marca durante toda a jornada de compra do consumidor. A estratégia "Maximizar aumento" já está disponível na versão Beta e será lançada para os anunciantes em todo o mundo ainda este ano. Gere mais tráfego de pessoas nas lojas físicas com campanhas locais Mesmo começando as pesquisas no YouTube ou no Google, as pessoas ainda fazem a maior parte das compras em lojas físicas. Aliás, as pesquisas do termo "perto de mim" em dispositivos móveis aumentaram mais de três vezes nos últimos dois anos,4 e quase 80% dos compradores visitam lojas físicas quando têm pressa de comprar um item.5 Por isso, para muitos de vocês, direcionar as pessoas às lojas físicas é essencial, especialmente nas épocas mais importantes do ano, como durante eventos ou promoções na loja. Hoje estamos apresentando as campanhas locais, um novo tipo de campanha criado exclusivamente para gerar visitas à loja. Você só precisa fornecer elementos simples, dados sobre os locais da empresa e um criativo para que o Google otimize seus anúncios automaticamente em propriedades diferentes e direcione mais clientes à sua loja. Mostrar os locais da sua empresa nos Serviços e redes do Google   As campanhas locais serão lançadas para os anunciantes em todo o mundo nos próximos meses. Aproveite ao máximo suas campanhas do Shopping Há alguns meses, lançamos um novo tipo de campanha do Shopping que otimiza o desempenho com base nas suas metas. As campanhas do Shopping inteligentes ajudam você a atingir suas metas de receita sem precisar gerenciar e definir lances manualmente para produtos ou palavras-chave individuais. Nos próximos meses, faremos algumas melhorias para que elas otimizem o desempenho com base em várias metas de negócios. Além de maximizar o valor da conversão, você também poderá escolher visitas à loja ou novos clientes como metas. O aprendizado de máquina considera a probabilidade de um clique gerar qualquer um desses resultados e ajusta os lances conforme necessário. O aprendizado de máquina também é usado para otimizar o canal em que seus anúncios do Shopping aparecem (no Google.com.br, na Pesquisa de imagem, no YouTube e em milhões de sites e aplicativos em toda a Web) e os produtos escolhidos para exibição. Ele considera uma grande variedade de sinais, como os preços e a demanda sazonais. Marcas como a GittiGidiyor, uma empresa do eBay, estão usando as campanhas do Shopping inteligentes para simplificar a maneira como gerenciam os anúncios e melhoram os resultados. A GittiGidiyor conseguiu aumentar o retorno do investimento em publicidade em 28% e as vendas em 4%, e ainda reduziu o tempo de gerenciamento das campanhas. Também estamos incluindo suporte às maiores plataformas de comércio eletrônico para ajudar a simplificar o gerenciamento de campanhas. Nas próximas semanas, você poderá configurar e gerenciar as campanhas do Shopping inteligentes pelo Shopify e pelo Google Ads. Participe da transmissão ao vivo para mais informações Este é um momento importante para os profissionais de marketing e estamos ansiosos para embarcar nessa jornada com você. Participe da transmissão ao vivo hoje às 13h (horário de Brasília) e veja todos os detalhes no Google Marketing Live. Fique por dentro das novidades: siga o novo blog do Google Ads. Postado por Jerry Dischler, vice-presidente de Gerenciamento de Produtos   1. Dados internos do Google 2. Google/Kantar TNS, "Auto CB Gearshift Study", US, 2017. n=312 compradores de carros novos que assistiram a um vídeo on-line 3. Google/Ipsos, EUA, novembro de 2017 4. Dados internos do Google, EUA, julho a dezembro de 2015 em comparação com julho a dezembro de 2017 5. Google/Ipsos, EUA, "Shopping Tracker", pesquisa on-line, n=3.613 americanos com acesso à Internet e mais de 13 anos que fizeram compras nos últimos 2 dias, de outubro a dezembro de 2017
    Mais informações
  47. 47
    Use o recurso de notas para compartilhar detalhes sobre o desempenho da conta com qualquer pessoa na sua empresa
    9 de julho de 2018
    Agora você pode comentar diretamente nos gráficos de desempenho do Google Ads ou em um painel de notas na sua conta do Google Ads. Assim, é possível sinalizar e compartilhar detalhes pertinentes da sua conta com outras pessoas. Isso pode ser útil em diversos contextos.  Se você gerencia uma conta com outras pessoas, pode usar as notas para informar sobre alterações em tempo hábil (como o fato de você ter lançado um novo grupo de anúncios). Isso pode melhorar a produtividade e a colaboração da sua equipe. Por exemplo, digamos que o desempenho tenha aumentado e você já tenha identificado o que aconteceu. É possível deixar um comentário de referência para outros membros da equipe, assim eles não precisarão fazer a análise novamente. Caso tenha ajustado significativamente o orçamento de uma campanha, você poderá adicionar uma nota sinalizando essa alteração e quando ela foi feita. Assim, seus colegas de trabalho entenderão imediatamente por que o desempenho mudou nos últimos dias. Você pode usar as notas para sinalizar outras alterações importantes na sua conta, como início de uma nova promoção, alteração nas estratégias de lances ou pausa de palavras-chave. As notas não são úteis apenas para sinalizar ajustes na conta. Você pode destacar insights externos, como fatores periódicos exclusivos, que podem afetar o desempenho da conta. Por exemplo, se tiver anúncios em exibição em outro país, você poderá criar notas para os diferentes períodos de feriado que podem afetar o volume de pesquisas que ocorrem nele.  O Notas é uma poderosa ferramenta de colaboração que permite informar outras pessoas sobre alterações ou eventos importantes que podem afetar o desempenho da sua conta. Saiba mais
    Mais informações
  48. 48
    Experiências de anúncio mais rápidas, melhores e mais seguras para os consumidores
    17 de maio de 2018
    Os consumidores esperam ter experiências digitais mais rápidas, melhores e mais seguras. Portanto, é mais importante do que nunca que as marcas atendam a essas altas expectativas. No Google, estamos criando inovações para ajudar os anunciantes do Google Ads a desenvolver as melhores experiências na Web para seus clientes. Velocidade: melhorias na avaliação de cliques   A velocidade é um fator importante. Na verdade, um atraso de um segundo no carregamento da página para dispositivos móveis pode diminuir as conversões em até 20%.1 Por isso, anunciamos o suporte à tecnologia Accelerated Mobile Pages (AMP) para as páginas de destino do Google Ads e desenvolvemos novas ferramentas, como o Comparador de velocidade em dispositivos móveis e a Calculadora de impacto. Com apenas alguns dados, essa ferramenta estima como o aumento da velocidade do seu site para dispositivos móveis pode afetar sua receita.   Também estamos aumentando a velocidade dos sites para dispositivos móveis por meio do acompanhamento paralelo (blog, em inglês | Central de Ajuda), que foi apresentado no início deste ano para os anunciantes que usam sistemas de avaliação de cliques. Como ele aumenta a velocidade? Depois de um clique no anúncio, os navegadores da Web processam as solicitações de avaliação de cliques em segundo plano, ajudando as pessoas a acessar seu site mais rapidamente, ganhando alguns segundos.2 Isso cria experiências melhores para o usuário, o que gera mais conversões e diminui o orçamento gasto em cliques rejeitados.   A partir de 30 de outubro de 2018, o acompanhamento paralelo será obrigatório para todas as contas do Google Ads.Para começar com o pé direito, você pode ativá-lo nas suas campanhas da rede de pesquisa e do Shopping. De qualquer forma, mesmo que você não queira ativar esse recurso neste momento, é recomendável começar a consultar seus provedores de avaliação de cliques para garantir que eles estejam prontos para essa mudança. Assim, seu sistema não sofrerá interrupções. Se você confirmou que seu sistema de avaliação de cliques já é compatível, pode ativar o novo recurso na página "Configurações" no nível da conta, na seção "Acompanhamento". Saiba mais Segurança: foco em HTTPS   É importante que os clientes tenham uma experiência segura sempre que interagirem com seu site. Entretanto, muitas marcas ainda usam o protocolo HTTP sem criptografia para enviar usuários às respectivas páginas de destino. Por isso, o Google considera bastante recomendável que os sites adotem a criptografia HTTPS, padrão do setor para garantir a segurança e a integridade dos dados transmitidos entre o navegador e o site.   No último ano, o Chrome marcou um número cada vez maior de páginas HTTP como não seguras. A partir de julho de 2018, com o lançamento do Chrome 68, todas as páginas HTTP serão marcadas como não seguras.     Para garantir que seus usuários continuem a ter a melhor experiência possível na página de destino, tomamos algumas precauções adicionais:   Os cliques em anúncios de pesquisas HTTP serão redirecionados automaticamente para HTTPS quando soubermos que seu site prefere HTTPS (esse recurso começará a ser lançado na semana de 11 de junho). Lançamos o Histórico de versões do anúncio para permitir que os anunciantes atualizem os URLs das páginas de destino de HTTP para HTTPS sem perder todas as estatísticas de desempenho. Nas próximas semanas, começaremos a alertar os anunciantes no Google Ads quando você usar endereços HTTP menos seguros para páginas de destino.   Esperamos que essas inovações ajudem as pessoas a navegar com mais rapidez, confiança e segurança.   Postado por: Jon Diorio, gerente de Produtos de Grupo do Google Ads   1. "State of Online Retail Performance", Akamai, abril de 2017 2. Dados internos do Google, Japão/Índia/EUA. Dados anônimos agregados a partir de uma amostra de usuários que clicaram em um anúncio do Google AdWords com acompanhamento de URL, agosto de 2017  
    Mais informações