Práticas recomendadas para recolher dados da campanha com URLs personalizados

1. Etiquete apenas o que for necessário.

Se a sua conta do Analytics estiver associada a uma conta do Google Ads ativa e tiver a etiquetagem automática ativada, não precisa de etiquetar os seus URLs de destino no Google Ads. O Analytics acompanha automaticamente todas as suas campanhas do Google Ads. No entanto, se apresentar campanhas de pesquisa paga em motores de pesquisa que não o Google, terá de etiquetar os URLs de destino desses anúncios.

Os sites de referência são detetados automaticamente e apresentados nos seus relatórios. Contudo, se pretender associar um nome da campanha ou um tipo de anúncio (como "banner_ad") ao tráfego de referência, deve etiquetar links em sites de referência.

Existem determinados links que não precisa de etiquetar e os quais, muitas das vezes, não será possível etiquetar. Não deve tentar etiquetar links de palavras-chave orgânicas (não pagas) de motores de pesquisa. Os nomes dos motores de pesquisa são detetados automaticamente e apresentados nos seus relatórios. Mais uma vez, não é necessário etiquetar URLs do Google Ads, desde que esteja a utilizar a etiquetagem automática.

2. Crie links com o Construtor de URLs.

Os links de campanha são constituídos por um endereço de URL seguido de um ponto de interrogação (?) e depois pelas variáveis da campanha separadas por um "E" comercial (&), por exemplo: http://www.example.com/?utm_source=adsite&utm_campaign=adcampaign.

No entanto, não precisa de se preocupar com a sintaxe dos links se utilizar o Construtor de URLs para gerar os URLs. Em seguida, copie e cole os links no seu anúncio. Se estiver a pensar que campos deve preencher, está a postos para o passo 3 abaixo.

3. Utilize apenas as variáveis de campanha necessárias.

O Construtor de URLs tem seis campos mas, normalmente, só precisa de utilizar Origem da campanha, Meio da campanha e Nome da campanha. O Termo da campanha permite-lhe especificar a palavra-chave de pesquisa paga. Pode utilizar o Conteúdo da campanha para indicar o anúncios, o botão ou o link específico que foi clicado. A tabela abaixo mostra como poderá etiquetar os dois tipos de campanha online: campanhas por email e palavras-chave pagas.

 
  Campanha por email Campanha de pesquisa Paga
Origem da campanha newsletter1 yahoo
Meio da campanha email CPC
Termo da campanha   o termo de pesquisa associado a este tráfego
Conteúdo da campanha call_to_action_2  
Nome da campanha produtoxyz produtoxyz

4. Não envie informações de identificação pessoal.

Tenha em atenção que os Termos de Utilização do Analytics, que todos os clientes do Analytics devem aceitar, proíbem o envio de informações de identificação pessoal (PII) ao Analytics, tais como nomes, números da segurança social, endereços de email e outros dados semelhantes. Saiba mais sobre os princípios de privacidade do Analytics.

A informação foi útil?
Como podemos melhorá-la?