Uso inapropriado da rede de anúncios

Queremos que os anúncios em toda a Rede do Google sejam úteis, variados, relevantes e seguros para os usuários. Não permitimos anúncios, conteúdos ou destinos que sejam maliciosos ou tentem enganar ou burlar nossos processos de revisão de anúncios. Levamos esse assunto muito a sério. Por isso, seja honesto.

Veja a seguir alguns exemplos daquilo que deve ser evitado nos seus anúncios. Saiba o que acontece quando nossas políticas são violadas.

Software nocivo ou indesejado

Estes requisitos se aplicam aos seus anúncios e a qualquer software hospedado ou vinculado ao seu site ou aplicativo, independentemente de tal software ser ou não promovido pela rede de publicidade do Google. Não é permitido:

Software malicioso ou "malware" que pode causar danos ou conseguir acesso não autorizado a um computador, dispositivo ou rede

Exemplos: vírus de computador, ransomware, worms, cavalos de Troia, rootkits, keyloggers, discadores, spyware, software de segurança invasor e outros programas ou aplicativos nocivos

Anúncios ou páginas de destino que violam a política de software indesejado do Google

Exemplos: falha em manter a transparência sobre a funcionalidade que o software oferece ou sobre todas as implicações da instalação dele; não incluir os Termos de Serviço ou o Contrato de licença de usuário final; agrupar softwares ou aplicativos sem o conhecimento do usuário; fazer alterações no sistema sem o consentimento do usuário; dificultar a desativação ou a desinstalação do software pelo usuário; não usar de maneira adequada as APIs públicas do Google ao interagir com serviços ou produtos do Google

Solucionador de problemas: software nocivo ou indesejado
  1. Verifique o status do seu site no Google Search Console. Se você nunca usou o Search Console, insira o URL do seu website e clique em "Adicionar uma propriedade" para ver o status dele. Poderá ser necessário confirmar que você é o proprietário do site.

    Mesmo que o Search Console não encontre problemas, é possível que seu site ainda tenha problemas de segurança que foram detectados pelo Google AdWords. Fale com o seu webmaster ou provedor de hospedagem na Web e use ferramentas como o Stop Badware para fazer uma investigação mais detalhada. Saiba mais sobre como identificamos software nocivo ou indesejado.

  2. Remova todos os softwares nocivos ou indesejados. O Google fornece recursos e instruções para ajudar você a corrigir seu site no artigo Ajuda a sites invadidos. Se não for possível corrigir o destino, atualize o anúncio com um novo destino que esteja em conformidade com a política.
  3. Edite o anúncio. Essa ação reenviará o anúncio e o destino para revisão.

    A maior parte dos anúncios é revisada em até um dia útil. No entanto, esse processo poderá demorar mais se for necessária uma revisão mais complexa.

Vantagem injusta

Não é permitido:

Usar a Rede do Google para obter uma vantagem injusta no tráfego em relação a outros participantes no leilão

Exemplos: afiliados que anunciam no Google AdWords contra as regras aplicáveis do programa de afiliados, que promovem conteúdo igual ou similar de várias contas em consultas iguais ou semelhantes, que tentam exibir mais de um anúncio por vez para promover seu negócio, aplicativo ou site.

Observação: as palavras-chave precisam ser adequadas à intenção provável do público-alvo ao fazer pesquisas, e cada site ou aplicativo que você promove precisa proporcionar um valor diferente aos usuários. Por exemplo, evite promover produtos e preços similares em destinos relacionados.

Burlar sistemas

Não é permitido:

Não permitido Envolver-se em práticas que procuram burlar ou interferir nos processos e sistemas de publicidade do Google

Exemplos: usar técnicas de cloaking; usar DNS dinâmico para alternar páginas ou conteúdo de anúncios; manipular o conteúdo do site ou restringir acesso a um grande número de páginas de destino a ponto de dificultar uma revisão significativa do seu anúncio, site ou conta

Não permitido Manipular o texto do anúncio para burlar nossas verificações automáticas de sistema

Exemplos: inserir palavras ou frases proibidas com erros ortográficos para evitar a reprovação do anúncio; manipular termos de marca registrada no texto do anúncio para evitar restrições associadas ao uso dessa marca registrada

Solucionador de problemas: burlar sistemas

Levamos as violações desta política muito a sério. As contas que tentarem burlar nossos sistemas poderão ser suspensas e não terão permissão para voltar a anunciar conosco.

Se isso foi um erro, e você acredita que não violou nossa política, envie uma contestação e explique o motivo. Nós só restabelecemos contas em circunstâncias convincentes. Dessa forma, é importante que você seja criterioso, preciso e honesto.

É possível que um anúncio seja reprovado devido à violação desta política sem que ocorra a suspensão de toda a sua conta. Isso é mais comum quando uma palavra ou frase contida no anúncio é muito semelhante a uma palavra proibida ou a um termo de marca registrada que você não está autorizado a anunciar. Nesse caso, basta remover do seu anúncio a palavra ou a frase em questão. Depois de editar e salvar o anúncio, ele será automaticamente revisado e poderá ser aprovado para exibição se constatarmos que ele não viola mais esta política.

Diretrizes para webmasters

Não é permitido:

Envolvimento em práticas que violam as diretrizes para webmasters do Google

Exemplos: excesso de palavras-chave, técnicas de cloaking, redirecionamentos não autorizados, doorways, spamming de sites de redes sociais

Precisa de ajuda?

Em caso de dúvidas sobre esta política, entre em contato conosco:
Entre em contato com o suporte do Google AdWords
Este artigo foi útil para você?
Como podemos melhorá-lo?